sábado, 21 de dezembro de 2013

aquelas centenas de estatuas da ilha de pascoa? quem vc acha que as moveu até la no passado, ou construiu sla?‎ 07

Os habitantes da ilha, ora. O povo Rapa Nui.

Qual sua opinião sobre se usar a antimatéria para criar energia limpa e mais "barata" levando em conta a capacidade de super-aceleradores como o LHC?‎ Cobain e__e

Absolutamente não é mais barata. Pelo contrário. É muito mais cara. Aceleradores como o LHC, que custam bilhões de dólares, produzem miligramas de anti-matéria. Ela não é disponível na natureza. O processo de produzi-la é muito mais custoso do que o valor da energia que sua aniquilação com a matéria produziria. Além disso, essa aniquilação produz fótons de raios gama, muito penetrantes que escapam para o espaço antes que se use a sua energia. Seria preciso um absorvedor imenso para captar essa energia. Não vejo como algum dispositivo viável de se obter energia de antimatéria pudesse ser feito.

http://ask.fm/wolfedler/answer/68037597469 por quais motivos o senhor se tornaria vegetariano? Você acredita que o consumo de carne é responsável pelo massacre de animais? Ou apenas por questões de saúde?‎ Sr. CDF

O que está pendendo a respeito do vegetarianismo não é a questão da saúde. Isso se pode contornar abstendo-se de gordura animal, gordura trans e de carne vermelha em maior quantidade. Mas se pode comer carne magra e branca sem comprometer a saúde. E o ser humano é onívoro. O problema é ético mesmo. Seria admissível matar seres sencientes para comer? Isso é que eu tenho que concluir

Defina essência segundo sua concepção de mundo e me diga se ele é necessária para a existência do ser ou se é o ser necessário para a existência da essência.‎ Daniel Alves Rodrigues

Fiquei um pouco confuso em relação a definição de ser e essência definida pelos filósofos existencialistas, são conceitos diferentes.
O que te respondi anteriormente já responde estas perguntas:
http://ask.fm/wolfedler/answer/68643331101
Ente é algo concebível como possível de existir objetivamente, mesmo que não exista. Ser é o ente que, de fato, existe, objetivamente, isto é, independentemente de mentes que o concebam. Essência é a propriedade de um ente ou ser que diz o que o caracteriza como tal, isto é, sem a qual ele não é o que é. Essência não está categorizado como algo passível de existência independente. Como uma propriedade, digamos, volume, não existe por si mesmo. Só existe o volume de algo. Não existe "volume" sozinho. Como não existe "energia" que não seja energia de algo. Da mesma forma não existe "essência" que não seja essência de algo. Todo ente e todo ser só é o que é em função de sua essência. Mas o ser, só é ser, se tiver existência. Não há ser que não exista. Por isso digo que Deus é uma entidade e não um ser, uma vez que não existe. Existir, no caso, está significando existência objetiva e não, meramente, conceitual.

O senhor acha que com uma nova moeda resolveria a inflação "escondida em baixo dos panos" no Brasil? Qual a opinião do senhor sobre essas transições?‎ tia andri

Na atual conjuntura, não vejo necessidade de medida tão drástica, pois a inflação não está exagerada, apenas alta. É possível contê-la com medidas econômicas ortodoxas, de política cambial, fiscal e monetária. Mas não sou economista.

Professor, na minha escola eles tem ensino religioso sim, porém só apresentam ideias e concepções cristãs e católicas, eu não acho correto, porém se eu for questionar eles me suspendem por criar caso‎ Finn

Isso é inconstitucional. Ensino Religioso só pode ser confessional se a escola for particular e ligada a alguma religião. Nesse caso, quem não quiser, mude de escola. Nas escolas públicas, têm que versar sobre todas as religiões mais importantes, especialmente, no Brasil, para sobre as afro-brasileiras. Tem que apresentar e discutir o islamismo, o budismo, o hinduísmo, o zoroastrismo, o espiritismo, o ortodoxismo, o sufismo, o protestantismo, o jainismo, o catolicismo, o xintoísmo, o paganismo, o kemetismo, o judaísmo, a umbanda, o candomblé, o satanismo, a wicca e outras. Mostrando suas doutrinas, suas práticas, suas concepções, suas filosofias, seus prós e seus contras, sem proselitismo nem preferência por nenhuma. Inclusive sobre o ateísmo e o agnosticismo, que não são religiões.

Qual é seu posicionamento sobre o feminismo?‎ Wesley Rodrigues

Considero a única posição sustentável a respeito do assunto. Mas sou totalmente contra o femismo, que é o reverso do machismo. Feminismo e Masculinismo são concepções que advogam a total igualdade de direitos e deveres para ambos os gêneros, sem a menor exceção. Concordo totalmente com isso. Machismo e femismo advogam privilégios para os respectivos gêneros, o que é abominável. Todo dever do homem tem que ser da mulher, todo direito da mulher tem que ser do homem, todo dever da mulher tem que ser do homem, todo direito do homem tem que ser da mulher. Sem exceções. Tudo que um homem puder fazer a mulher poderá e tudo que uma mulher puder fazer o homem poderá, exceto gestar, parir e aleitar. Da mesma forma tudo que um homem tiver que fazer a mulher também terá e tudo que uma mulher tiver que fazer o homem também terá. Todas as atividades humanas devem ser feitas, em média, metade por homens, metade por mulheres. TODAS! Sou um feminista e masculinista radical.

O que acha do presidente Juscelino Kubitschek? Quem foi melhor, Vargas ou JK?‎ Jordines Ros

Acho que foi o melhor que o Brasil já teve, mesmo com ressalvas. Getúlio Vargas fez várias coisas boas, mas o fato de ter governado ditatorialmente, para mim, invalida tudo. Não admito ditaduras de modo nenhum. Seja qual for a sua posição ideológica.

O que o senhor acha da área de física médica?‎ Vitor Barbosa

Muito interessante. Uma das mais úteis aplicações dos conhecimentos da física de partículas, do eletromagnetismo, da física nuclear, da eletrônica, da ótica e de outras áreas da física mais avançada, bem como da computação. É uma profissão extremamente fascinante e desafiadora. Não sei se bem remunerada, mas um físico responsável por equipamentos hospitalares deve ganhar como um médico.

Qual sua opinião acerca dos Protocolos dos Sábios de Sião?‎ Guilherme Aranha

Já o li há quase cinquenta anos, mas posso dizer que considero uma ficção. Uma invenção anti-sionista. Não há nada daquilo. É um delírio. Uma paranoia.

Lembrando que a consciência vem da matéria e campo, como posso provar que um objeto inanimado não tem consciência?‎ Leinadv

A consciência emerge do substrato material e de campo apenas quando ele apresente um nível suficiente de complexidade para gerá-la. Isto só acontece, na natureza, em animais providos de um sistema nervoso a partir de um certo grau mínimo de complexidade. E não basta a complexidade estrutural. Há que se ter, também, a complexidade funcional. Os objetos inanimados são estupidamente simples para exibir consciência, até o momento, mesmo que seja um computador super avançado. Mas não será impossível, um dia, gerar consciência artificialmente em um dispositivo computacional. Mas ainda falta muito para se chegar lá. A presença de consciência pode ser verificada por meio de testes. Para começar o sistema tem que estar vivo. Uma pessoa que acabou de morrer, mesmo ainda estando com suas estruturas biológicas ainda intactas, não tem mais consciência. Além disso, verifica-se se esse sistema, que será um animal, exibe certas reações, como reconhecer-se a si mesmo diante de um espelho, e outras padronizadas pela neurologia. Nenhuma pedra reconhece-se a si mesma no espelho. Nem a maioria dos seres vivos, como os vegetais e, nem mesmo, a maioria dos animais, até mesmo mais evoluídos do que lesmas, como coelhos, por exemplo.

Tem algum desdouro em ser funcionário público?‎ Leinadv

Claro que não. O funcionalismo público é uma necessidade da nação. São as pessoas que prestam os serviços do estado para a população. Desdouro é ser um funcionário corrupto, negligente, incompetente, desinteressado, aproveitador, folgado, como vários o são. Esses têm que ser demitidos por justo causa. Meus pais foram funcionários públicos exemplares e extremamente dedicados. Eu fui professor em escolas e universidades públicas por 30 anos e sempre dei o máximo de mim para a causa da educação nacional. O que eu não concordo é com a estabilidade total do funcionalismo. Além de improbidade, incompetência e negligência teriam que ser motivo de demissão por justa causa.

Pavio curto. Nome dado para a pessoa que reage fortemente quando tem seus interesses contrariados. E você, é pavio curto ou é uma pessoa mais tolerante? O que consegue te irritar em 5 minutos?‎ Difusão Mental

Sou muito fleumático e dificilmente me irrito, fico impaciente ou incomodado. As pessoas até se irritam por eu não me chatear com quase nada. Sou extremamente calmo. Mas não tolero injustiças, por exemplo. Só que minha reação não é tempestuosa, mesmo quando firme e resoluta. Tenho a força da mansidão. Todavia, tenho limites. Quando a provocação extrapola meu limite (que é 49 no sentido hebraico do número) então perco as estribeiras e vocifero com furor. Isso já me aconteceu raríssimas vezes na vida. Cinco minutos é muito pouco tempo para conseguir me irritar.

E possível existir uma essência na ausência de um ser.‎ Daniel Alves Rodrigues

Essência não é algo que exista. O ser sim. Mas um ente que não exista tem uma essência. Sua essência é a propriedade (ou propriedades) que lhe fazer ser o que se considere que seja, sem a qual (ou as quais) ele seria outro ente. O mesmo vale para um ser. Essência é uma qualidade, um atributo. Só que não é acidental, isto é, algo que o ser (ente que existe) ou o ente que não existe necessariamente tem que possuir para ser o que é. Note que existência não é uma propriedade ou atributo. É um estado, uma condição de estar presente no mundo objetivo e não apenas ser um conceito nas mentes que o concebam.

Qual a maior bobagem "física" que você ouve com maior frequência? Ex.: um sujeito que afirme que a Terra é plana.

Ainda não ouvi isso de ninguém, mas já ouvi, de Olavo de Carvalho, que o Sol é que gira e torno da Terra. O mais comum é supor que se requeira uma força constante para uma velocidade constante. É muito comum se confundir gravidade com magnetismo, litros com quilogramas, temperatura com calor.

Conhece o distributismo, como o de Chesterton?‎ Edson Macedo

Sim. Ele era a favor do capitalismo "distribuído", ou "pulverizado", como digo. Condenava o capitalismo, mas não o capital. Isto é, condenava o acúmulo do capital em poucas mãos e defendia sua distribuição por toda a sociedade. Concordo com ele e vejo que a transformação de todas as pessoas em capitalistas é o melhor meio de se chegar ao anarquismo comunista. Ninguém seria empregado e todos seriam patrões, sócios das empresas em que trabalhassem. Só não concordo com seu catolicismo.

Acha que é possível amar duas pessoas ao mesmo tempo e da mesma forma?

Certamente que sim. Não exatamente da mesma forma, mas com toda a intensidade, profundidade, sinceridade, dedicação, admiração, desejo, cuidado, carinho, exatamente como se amasse a uma só. Até mais de duas, mas não muitas. Isso, tanto da parte de homens quanto de mulheres, para com pessoas do sexo oposto ou do mesmo. Normalmente as pessoas reprimem um ou mais amores e escolhem um deles por causa da inaceitação social dessa situação. Isso costuma ser motivo de grande sofrimento pelos envolvidos. Mas, se fosse algo tido como perfeitamente normal, conhecido e consentido pelos envolvidos e pela sociedade, não haveria problema nenhum e a felicidade global do mundo seria muito maior.

"Remember that death is not the end, but only a transition." - Como você interpreta essa frase? Pode divagar tanto pelo âmbito "espiritual" quanto filosófico.‎ Diego

A morte é o fim do funcionamento do organismo, das memórias, dos sentimentos, da consciência e de tudo que seja uma função orgânica. Não existe alma imortal nem espírito. Mas a pessoa pode permanecer na lembrança dos outros que ainda estão vivos. Se ela tiver sido famosa, poderá constar das enciclopédias, ter estátuas erigidas e livros escritos sobre ela milhares de anos depois que morreu.

Mas a independência financeira não anula a necessidade do casamento como contrato. Por exemplo a morte de cônjuges. Quem iria ser responsável pelo corpo do falecido?‎ Bruno da Silva

Se nenhuma pessoa assumir espontaneamente a responsabilidade, sem precisar de contrato, o estado assume. Mas penso que há muita gente que possa fazer isso sem contrato. O atual companheiro ou companheira, os anteriores, os filhos, os irmãos, os amigos. Dificilmente alguém é totalmente desamparado. Mesmo com contrato, a pessoa pode ser viúva, sem filhos, sem irmãos, sem pais. Quem assume?

Um banhista observou que uma pessoa estava se afogando na parte mais funda da praia. Sem nenhum pudor, ROUBOU um jet-ski para salvar a pessoa.Já voltando ele bate o jet-ski numa pedra e o amassa consideravelmente. O dono fica revoltado. Vc é jurado. Condenaria ou absorveria o banhista por roubo?‎ animadruga1

Absolveria.

Acha possível o ser humano desenvolver alguma tecnologia (um meio de transporte) que alcance a velocidade da luz?‎ Diego

Não. Porque isso requereria um consumo infinito de energia, o que é impossível.

O que acontece quando se atinge uma velocidade superior a 300mil km/s?

Não se atinge. Nada consegue. Exceto a luz. Mas ela não atinge. Ela só existe a essa velocidade, nunca menos. Em um meio material a velocidade "liquida" da luz é menor. Mas essa é um conceito macroscópico advindo do tempo perdido em absorções e reemissões pelos átomos. Entre um átomo e o outro só há vácuo e a luz se move a 300.000 km/s

Faço essa media de livros também, atualmente estou lendo O Poder dos Quietos. Você incentiva seus alunos a lerem um gênero especifico ou a leitura por si só ja é suficiente? Acompanho o Sr. a um tempo e sempre gostei de suas respostas.‎ Ari

Atualmente não estou lecionando, mas sempre recomendei a leitura de livros de divulgação científica. Além, é claro, de boa literatura. Gosto muito de ficção científica.

Você não respondeu a pergunta do casamento. Vi que você é contra o casamento, mas a questão, é que o casamento não serve para "obrigar" um casal ficar ao outro. Mas sim como uma ferramenta para comprovação que uma pessoa está ligada a outra. Para o estado é um contrato.‎ Bruno da Silva

Não vejo necessidade nenhuma de qualquer comprovação legal de uma ligação conjugal. Considerando que cada um seja economicamente independente, não há o que um pretenderia ter do outro. Acho que, legalmente, todas as pessoas deveria ser sempre solteiras. Suas uniões conjugais ficariam à margem da lei. Aliás, quando mais fatos ficarem à margem da lei, melhor. Para que contrato conjugal? O que vale é a dedicação, o afeto, o amor, a amizade, a curtição. Nenhum contrato garante isso. Então é bobagem. Quanto aos filhos, a responsabilidade é equitativamente do pai e da mãe, enquanto for menor. E pai e mãe nunca se deixa de ser. Mesmo que um casal não mais esteja convivendo, continuam pai e mãe de seus filhos e não precisam se desentender.

teoricamente seria possível mover um planeta (tira-lo de sua orbita) com um poder de impulsão muito grande?‎ Danilo

Sim. Mas, para se ter uma ideia, ter-se-ia que fazer sobre a Terra (como exemplo) uma força maior do que a que o Sol faz, que é de 36 sextilhões de newtons. Isso requereria a bagatela de um quatrilhão de foguetes Saturno V. É impraticável, por enquanto.

Pq a maioria das pessoas gostam de ter desafios na vida? Eu não gosto, me sinto a parte. E sempre que existe um desafio, eu desisto daquilo ou ignoro. O q fazer? Exemplo é universidade, só o fato de ter q fazer prova pra entrar me desmotiva, invés de entrar direto com em outros países.‎ William Mëine

Porque os desafios são estimulantes e dão um sabor e significado especial à vida. Vencê-los propicia uma sensação de satisfação e ufanismo, por se reconhecer capaz e vitorioso sobre suas próprias limitações. É o prêmio de um esforço dedicado que gratifica quem nele se empenha. É muito gostoso. Passar uma vida sem desafios é completamente insosso. Além do mais, por exemplo, passar de ano escolar e entrar para uma universidade sem ter que provar que se é capaz é nocivo ao bem comum, pois permitirá que pessoas incapazes e incompetentes sejam diplomadas em uma série de profissões para as quais não têm condições de exercício. Você se submeteria a uma cirurgia por um médico que nunca conseguiu ser aprovado nas matérias que fez, mas foi promovido assim mesmo?

Professor o que você acha sobre a cura gay, seguiindo aquui‎ Miih

Não existe cura para a homossexualidade, uma vez que não é uma doença e sim uma orientação orgânica natural da pessoa, de nascença. Tentar reprimir a orientação natural é que é uma mutilação. Em alguns caso o comportamento homossexual pode não ser uma orientação natural, mas uma opção consciente, a despeito da falta de orientação. Nesse caso pode haver reversão, mas não se trata de uma cura e sim, de uma reopção, também livre. Tentar reverter a homossexualidade natural é análogo a tentar mudar uma pessoa canhota para destra. Não há o menor significado em se fazer isso. Nos casos em que a pessoa se sente incomodada com sua homossexualidade, em razão, muitas vezes, da condenação social ou familiar, o remédio é mudar o comportamento da família ou do grupo social em que ela se insere. Ou fazer um tratamento psicológico para que a pessoa aceite sua condição com tranquilidade, como sendo perfeitamente normal e não se constituindo em nenhuma aberração, já que a natureza mesma admite essa possibilidade. Quem não admite por razões religiosas, que deixe a religião.

Professor, como funciona a gravidade?‎ Finn

Há duas explicações. Na primeira, o conteúdo de massa e energia de um sistema (subconjunto do Universo) emana de si um "campo gravitacional" semelhante ao campo elétrico, só que não provocado pelas cargas, mas pela massa e energia da matéria, da radiação e de campos. Esse campo gravitacional atua sobre tudo que possua massa ou energia e provoca uma ação, descrita pela "força de gravidade". Essa descrição está de acordo com a maioria dos fenômenos observados, inclusive os movimentos orbitais de satélites e, até, de galáxias, bem como os fenômenos de engenharia. No entanto leva a incorreções, se a intensidade desse campo, dada pela razão da força de gravidade pelo conteúdo de massa e energia que a sofre, for muito grande. Então é preciso considerar a descrição da Relatividade Geral, que considera que não há "campo gravitacional" mas que a gravidade seja um efeito inercial em um espaço-tempo com curvatura. Assim, o conteúdo de massa-energia provoca uma curvatura no espaço-tempo que o circunda. Então, algum sistema não sujeito a outras interações, nesse espaço tempo, percorrerá as trajetórias geodésicas (de menor extensão em termos de intervalo de espaço-tempo). Essas trajetórias correspondem às órbitas espaciais, na descrição de campo, bem como, em um referencial plano tangente ao espaço-tempo curvo no ponto, se expressam como "força de gravidade". Na Relatividade Geral, contudo, a gravidade não é uma interação, mas sim um efeito da curvatura do espaço-tempo.

vc acha que esse negocio de cotas para os pretos é um meio de racismo contra os brancos?‎ Camila

Sim. Todo sistema de cotas, não interessa a que respeito seja, é discriminatório, anti-democrático e inconstitucional. O que é preciso é que sejam dadas condições para que todos concorram com igualdade de oportunidades. Ou seja, a educação pública tem que ser de excelente qualidade em todas as escolas. Aliás, nem deveria haver ensino particular. E o superior, mesmo público, tinha que ser pago, mas financiado pelo governo para todos que não pudessem pagar. Para tal seria preciso que o governo, realmente, priorizasse a educação, alocando verbas vultosas, pagando excelentes salários (mas exigindo competência superlativa) aos professores. Assim o magistério seria a carreira procurada pelos mais capazes, porque pagaria melhor. E todas as escolas teriam que ser ótimas, como todo o tipo de recurso e em horário integral. Se não se chegar a essa conclusão logo, estaremos condenados, em poucas décadas, a nos tornar um país servil, de burros, ignorantes e incompetentes. O sistema de cotas, para beneficiar certas categorias, acaba acobertando a incompetência. É preciso que o mesmo nível de exigência seja aplicado a todos os candidatos. Acho um absurdo o sistema de cotas.

O que você acha do ENEM?‎ Césa

Acho que deveria ser a única e exclusiva forma de acesso ao nível superior, além de instrumento de avaliação das escolas, para que o Ministério da Educação tome providências em relação às ruins. Todavia ele precisa ser bem aperfeiçoado. A primeira versão era melhor. Depois que separam por área de conhecimento piorou. Tinha que ser um exame com todas as questões multidisciplinares, sem especificação de área e completamente embaralhadas, valendo apenas o escore global. Porque o importante para entrar no nível superior é estar bem preparado, em termos de conhecimentos e habilidades, em todo o espectro do nível médio, independentemente do curso que se vá fazer. Outro problema é que ele está muito frouxo. Precisa ser mais exigente, não só para não deixar incompetentes fazerem curso superior, mas para forçar a Educação Básica a ter mais qualidade e também ser mais exigente. Senão vamos nos tornar um país de ignorantes em poucas décadas. E de burros também, porque a falta de desafios e exigências cognitivas é o maior fator de emburrecimento de que tenha alguma inteligência.

Vou te fazer uma pergunta totalmente o inverso de sua praia,você acha possível uma garota pobre conseguir fazer Medicina? "essa garota sou eu"‎ Myn♔

Claro que sim. As universidades públicas são gratuitas e você pode estudar nos livros da biblioteca. O difícil é só entrar. Isso vai depender de como você está preparada. Se você sempre foi uma boa aluna ao longo de sua vida estudantil, você tem boas possibilidades de entrar, pois as estatísticas mostram que quem entra não é quem faz cursinho, mas quem sempre foi bom aluno, desde o fundamental.

Uma mulher pode ser pedofila? Se sim, porque isso não aparece na mídia?‎ Lucas Limeira S

Pode sim. Não aparece porque é bem raro. Mas se acontecer e for descoberto, certamente aparecerá.

Por que quando uma mulher é estuprada, ela vai a delegacia, detesta enquanto um homem adoraria ser estuprado por um mulher, aproveitaria e tiraria a virgindade caso o fosse e obteria prazer com a relação. Por as mulheres não veem o "lindo estupro" como algo bom?‎ Lucas Limeira S

Porque estupro significa uma relação sexual sem consentimento de uma das partes e executada à força pela outra. Homens também podem ser estuprados por mulheres. Se a pessoa consente, não é estupro, e ela não vai denunciar. Não estou falando de um consentimento por pressão, para evitar alguma agressão. Não considero que estupro seja bom e nem "lindo" de modo nenhum, inclusive para o estuprador ou estupradora. O prazer de um ato sexual não é apenas genital, mas envolve todo um conjunto de sentimentos, carícias, murmúrios e outros comportamentos relacionados. Isso não acontece em um estupro.

Com relação a resposta de usar o cérebro. Nem todo cérebro é usado, pois ninguém consegue desenvolver todas as ligações neurais em sua vida. Em algumas pesquisas realizadas, o cérebro em estado alpha, é ocupado 15%. Já em estado de alerta 35%. Isto simultaneamente. Ao todo, deve chegar perto do 100%‎ Bruno da Silva

As informações que tenho do que já vi sobre neurociências dizem o contrário do que você está dizendo. Por favor, me passe as referências. Quando digo que a pessoa usa o cérebro todo, não estou dizendo que está havendo atividade continuada nele todo, mas sim que não há nenhuma parte que nunca é usada. Dependendo do que se esteja fazendo, umas ou outras são ativadas num dado momento. As outras ficam em "standby".

É verdade que na decada de 60 era difícil de entrar na faculdade? Muitas pessoas antigas me dizem isso, pessoas que nasceram na decada de 50. Ou isso é uma desculpa?‎ Hill Merdiska

Não havia provas de múltipla escolha e o vestibular era diferente para cada curso, inclusive as datas e as matérias que caiam. Então isso variava com a faculdade e o curso. Alguns eram bem mais difíceis mesmo. Outros, nem tanto. Os vestibulares unificados começaram depois da reforma universitária, pela lei 5540, de 1968.

"Em verdade não sou a favor de casamento nenhum." Por que é casado então?‎ Daniel

já fui casado e me separei. Agora vivo com minha segunda mulher sem ser casado. Digo que o sou, pois é como se o fora. Tenho uma filha, um filho, três enteadas e um enteado que são como filhos.

Por que não é a favor do casamento?‎ Daniel Freitas

Porque eu acho que a vida em comum sem um compromisso formalizado tem mais valor, já que o que mantém a união das pessoas é o desejo de compartilhar a companhia, o prazer recíproco, a curtição de interesses comuns, o compartilhamento das responsabilidades pelas lidas da vida, sem nenhuma obrigação. Claro que há a responsabilidade pelos filhos, mas ela também não é uma obrigação, mas o resultado do amor por eles, que faz com que os pais continuem a criá-los em conjunto, mesmo se separados. Isso é muito mais honesto e mais bonito do que os casos de pessoas que mantêm o casamento em função do prestígio, da riqueza, do bom nome na sociedade ou outra razão não afetiva. Para tal é preciso que nenhuma pessoa dependa de nenhuma outra, exceto crianças e velhos, isto é, que todo adulto possa prover-se a si mesmo. Então as uniões serão só por gosto.

É possível aumentar as sinapses?‎ Daniel Freitas

Sim, existem exercícios para isso, chamados "neuróbicos". Há livros a respeito. Veja isto:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Neur%C3%B3bica

Professor, percebo que você se orgulha muito de ser ateu e também de ser nerd. Gosto muito de sua visão de mundo, como já havia escrito aqui. Pergunto: você tem interesse em dar palestras sobre astronomia, pois gostaria muito de poder assisti-lo em suas apresentações.‎ Jamilton Soares

Já fiz palestras sobre cosmologia e sobre inteligência em colégios.

Buda realmente existiu?‎ Leinadv

Ao que me parece, sim. Não me consta haver alguma contestação de sua existência. Refiro-me ao príncipe Sidarta Gautama, conhecido como Buda. Mas houve outros Budas.

Utilizava* alguma dica para estimular a inteligência ?‎ Django

Sim. A principal, no meu caso, foi sempre me envolver com múltiplas atividades que me estimulavam vários aspectos mentais. Desde a infância eu estudava piano, compunha músicas, escrevia poesias, desenhava muito, pintava quadros, jogava xadrez, lia à bessa, montava puzzles, brincava com laboratório de química, montava brinquedos de mecânica, construía móveis, consertava relógios, consertava tudo em casa (instalações elétricas, hidráulicas). Só não praticava esportes, mas isso também é bom para a inteligência. Além do mais eu adorava estudar, especialmente o que não era assunto de aula, como história da china, astronomia, física atômica e nuclear, religião (todas). Meu pai tinha muitos livros e me dava muitos de divulgação científica. Naquela época não existia computador, mas eu era um tipo de Nerd da época. Em suma, eu me divertia muito com aprender o máximo que podia de tudo, sem achar que era obrigação. As matérias da escola eu não estudava muito. Mesmo assim era o primeiro aluno da sala e só tirava notas boas. Porque eu prestava atenção e, já na aula, aprendia tudo. Daí não precisava estudar mais. Mas eu perguntava demais aos professores. Era bem chato. E não tinha a menor preguiça. Não estou me gabando. É que eu era assim mesmo.

albert einstein utiliza 100 por cento do cérebro ?‎ Django

Todo mundo usa o cérebro todo que tem. Só que uns têm mais conexões entre seus neurônios e outros menos, o que faz a diferença de inteligências.

Qual a sua opinião pessoal sobre a Física aristotélica ?‎ Felipe Fernandes

Na maior parte, completamente errônea. Todavia não se pode imputar-lhe incapacidade, pois ele se valia dos métodos de sua época. O problema é que sua fama lhe granjeou uma autoridade inconteste na Idade Média, que atrasou a ciência por séculos, até Roger Bacon, Francis Bacon e Galileu.

Você acredita que Jesus realmente existiu ?‎ Bruno Henrique

Não é uma questão de acreditar. Há controvérsias a respeito de sua existência com defensores de que de fato existiu uma pessoa que lhe corresponde e que não, mesmo fora do círculo dos cristãos, isto é, dentre os historiadores céticos. Eu ainda não me aprofundei na análise dos argumentos pró e contra, de modo que não posso dizer qual é a maior possibilidade. Por enquanto suponho que tenha existido, mesmo sabendo que não era nenhum Deus.

Acha possível fazer uma pessoa preconceituosa deixar de ser preconceituosa (por exemplo: fazer um homofóbico respeitar as diferenças)?‎ Raphael Vinote

Sim. É como converter um crente de uma religião para outra, ou para o ateísmo. Acontece, se a pessoa for bem convencida de seu erro.

O senhor é a favor do casamento gay?‎ Sofia Svalinn Søt

Em verdade não sou a favor de casamento nenhum. Mas, quem quiser, pode casar, tenha o casal sexos diferentes ou iguais. Desde que se amem e tenham a intenção de fazer uma vida em conjunto, é perfeitamente válido. Admito, até, o casamento de mais de duas pessoas, quantas sejam de qualquer sexo.

Acredito na lenda sobre Newton e a maçã?‎ Thiago Garrot

Não. Mas, certamente ele concluiu que a força que faz a Lua orbitar a Terra é a mesma que faz os corpos caírem na Terra. Essa foi a sua grande sacada, que, talvez, ele mesmo tenha exemplificado com a queda de uma maçã. Newton estendeu a Terra aos céus.e mostrou que o mundo todo, tanto o terrestre quanto o celeste, são parte de uma mesma natureza.

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

entao se zero e uma ordem numeral, nada nao existe chega de bla bla bla entao significa que nos estamos presos dentro de deus e deus dentro de nos e nos somos deus e deus e nos e tudo o que facamos e por ordem de deus e deus e o que nos faz, entao deus e tudo o universo verso e o inverso e que cons‎ Waldo Damha Junior

Não sei por que raciocínio sua conclusão de que Deus seja tudo decorra das premissas de que zero seja um número e nada não exista. Por favor, explicite.

Professor, já pensou em cursar filosofia? Apesar de ser dá área de exatas, o senhor entende muito de Filosofia, e como já é aposentado, não seria interessante fazer por gosto?‎ Rodolf O)))

Cheguei até a começar um curso à distância de Filosofia pela Universidade de Franca, que é um curso sério. Mas interrompi, pois meu trabalho me consome umas dez horas por dia e Filosofia consome muitas horas de leituras, de que eu não dispunha. Talvez quando eu me aposentar de fato, mas isso ainda demora, pois ainda tenho dívidas para pagar e não posso deixar de trabalhar, mesmo com minha aposentadoria da UFV.

Os impostos dos quais as instituições religiosas são isentas deveriam voltar para a sociedade de alguma forma, concorda?‎ Numinoso

O que acho é que não deveria haver isenção de impostos para instituição religiosa nenhuma. Elas só não pagariam se também não arrecadassem nada, isto é, se fizessem tudo de graça, como acho que deveria ser, tratando-se de religiões. Os padres, pastores, rabinos, imans, brahmanes e outros religiosos deveriam ter suas ocupações para ganhar dinheiro e exercer o sacerdócio de graça.

A Coreia do Norte segue as idéias de Marx?‎ Diego Renato Santos

Em princípio, sim. Lá é uma "Ditadura do Proletariado", formalmente falando. Comunista por não haver propriedade privada dos meios de produção. Mas quem manda não é o proletariado e sim a dinastia Kim, que segue a ideologia Juche, uma espécie de Marxismo-Leninismo-Stalinismo particular de lá.

Por que o senhor que é um cara atarefado e com muitas coisas pra fazer decidiu criar um ask.fm?Não estou dizendo que o senhor deveria sair,pois eu gosto muitp de suas respostas e tenho admiração por você!‎ Memé

Este Ask é consequência do anunciado fechamento do Formspring, em que eu respondia perguntas há quatro anos. Nele eu entrei como um meio de estender meu trabalho em meu blog e nas comunidades do orkut, em que discutia temas filosóficos, científicos, artísticos, culturais, religiosos e educativos em geral. Isso eu comecei há uns oito anos, como complementação de meu trabalho de magistério, depois que me aposentei da Universidade Federal de Viçosa e parai de lecionar, ficando só na administração de um Colégio.

Já assistiu o documentário "Quem somos nós" ? O que pensa sobre?‎ Numinoso

Sim. Trata-se de um amontoado de baboseiras. Veja isto:
http://dragaodagaragem.blogspot.com.br/2006/11/o-guia-ctico-para-assistir-what-bleep.html
http://dragaodagaragem.blogspot.com.br/2006/12/o-guia-ctico-para-assistir-what-bleep.html
http://dragaodagaragem.blogspot.com.br/2007/05/o-guia-ctico-para-assistir-what-bleep.html

O infinito existe ou é só uma abstração? E como se prova que o universo é infinito?‎ Leinadv

Infinito é uma abstração. Significa que algo seja maior do que qualquer valor de contagem ou de medida que se possa imaginar. Não é um número. Todavia há infinitos maiores e menores. O infinito real é maior do que o infinito inteiro. Veja este artigo: http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=114. A prova da infinitude do Universo reside no cálculo de seu volume a partir de expressões dadas pelos modelos da Relatividade Geral. Todos eles admitem três possibilidade, dependendo do parâmetro de comparação entre a densidade de massa-energia e a aceleração da expansão do espaço. Se a densidade prevalece, o Universo é fechado, finito e de curvatura positiva. Se a aceleração prevalece, o Universo é aberto, infinito e de curvatura negativa. Se se igualam o universo é aberto, infinito e de curvatura nula. As melhores medidas atuais desses parâmetros indicam a validade do terceiro caso. Ao se calcular a integral do elemento de volume da métrica ao longo de toda a extensão dos valores das coordenadas se obtém, nos dois últimos modelos, um resultado divergente e, no primeiro, um resultado definido. Posso passar essas fórmulas depois, mas tenho que consultá-las e elas não me estão disponíveis aqui, agora.

Na sua concepção pode-se submeter pessoas a determinadas experiências (sem saber o que se esperar) pelo bem da humanidade?‎ Numinoso

Não. De modo nenhum. Isso é completamente antiético. Só pode ser admitido, com o consentimento da pessoa, no caso, por exemplo, de se tentar um novo tratamento em um paciente terminal desenganado por todos os recursos médicos disponíveis.

Como explicar didaticamente que as retas paralelas se encontram no infinito?‎ Leinadv

Acontece que não se encontram e que infinito não é um lugar. Esta é uma expressão equivocada. Retas paralelas são retas distintas de um mesmo plano que não se interceptam em lugar nenhum, nem no infinito. Além do mais, não existe esse lugar. Infinito é só uma palavra designativa de um valor maior do que qualquer número que se possa imaginar ou de um afastamento maior do que qualquer um que se possa imaginar. Não é um número nem uma distância. Apesar disso, há infinitos maiores do que outros. O infinito dos números reais é maior do que o infinito dos números naturais. Veja este artigo:
http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=114

Para você o bem e o mal são subjetivos?‎ Numinoso

De modo nenhum. Tanto o bem quanto o mal são noções advindas de qualidades que se podem atribuir às ações com respeito a seus efeitos no sentido de provocar prazer, satisfação, lucro, alegria, felicidade, no caso do bem e dor, sofrimento, tristeza, prejuízo e infelicidade no caso do mal. Isso pode ser objetivamente constatado. Todavia é possível se conceber um bem ou um mal imediatos que se revelem um mal ou um bem mediatos. O aspecto mediático é mais importante do que o imediático. De qualquer modo tal caráter (bom ou mau) não se liga ao que o sujeito da ação pense que seja, mas ao que o objeto da ação sofra em função dela.

o que voce acha do zero, vacuo, nada, e tudo ao mesmo tempo‎ Waldo Damha Junior

Zero é um conceito matemático enquanto vácuo e vazio são conceitos físicos e nada é um conceito filosófico. Se não há nada, não há nem vácuo nem vazio, pois estas entidades possuem algum conteúdo. O vácuo é um espaço sem matéria, mas com radiação e campos e o vazio é um espaço sem matéria nem radiação nem campos, mas com espaço. Nada não tem nem espaço, mesmo vazio. E zero é só uma contagem de elementos de um conjunto que não os possua. Por exemplo, no vácuo há zero partículas materiais e no vazio há zero de conteúdo de qualquer espécie. Mas nem o vácuo nem o vazio possuem volume zero. A propósito, não existe vazio no Universo (nem fora dele, pois não há lado de fora do Universo). Mas pode haver vácuo. Quanto a "nada", isso não existe. Ou seja, nada é a palavra que designa a inexistência de qualquer coisa. Logo não existe e nunca existiu "o nada". O que pode é não ter existido nada, antes que existisse algo. Mas, então, nem "antes" existia, pois "antes" são momentos anteriores a um dado momento, o que requer que exista tempo. E não existindo nada, nem tempo existe

Armas de brinquedo. A fabricação, distribuição e comercialização de armas de brinquedo estão proibidas em todo o Distrito Federal, com o intuito de diminuir a violência nas ruas ( cont.. perfil)‎ Difusão Mental

Acho muito válido. Não acho graça nenhuma em brincadeiras belicosas. Isso deve ser fortemente desestimulado nas crianças. Pelo contrário, devem ser estimuladas brincadeiras de colaboração. E esportes não devem ser dos que têm vencedores e perdedores, mas em que todos têm que vencer dificuldades, uns ajudando aos outros. Isso é que promove uma formação civilizada às pessoas. Aliás, tais brinquedos nem deveriam ser fabricados em lugar nenhum do mundo. Sem falar das armas de verdade. Já pensou se todos os meninos e meninas palestinos e de israel começassem a brincar uns com os outros de brincadeiras de construir, em vez de destruir?

Se o universo não está se expandindo, então de fato, como ele está? como surgiu?‎ Ana Clara Rodrigues

Mas ele está se expandindo, inclusive de modo acelerado, ou seja, com uma taxa crescente de variação da separação entre seus pontos. Seu surgimento ainda é objeto de estudo. O que se sabe é que seu espaço começou a expandir em um dado momento, denominado Big Bang. Mas o aparecimento do conteúdo que o preenche ainda não se sabe como se deu. Pode ser que já existia, antes do Big Bang, que foi quando o tempo começou a passar. Mas penso que antes não havia conteúdo nenhum, nem espaço vazio, tendo ambos surgido exatamente quando começou a expansão. Todavia isso é, meramente, uma opinião.

Você acredita que a sua vida seja controlada pelo destino? Você acredita que a sua história de vida já está escrita e que lhe basta seguir o "script"?‎ Camila Lobo

Claro que não! De forma nenhuma. Destino é uma impossibilidade total. A sucessão de eventos no Universo acontece, em parte em razão das influências dos eventos precedentes, mas, em grande parte, por razões totalmente fortuitas e imprevisíveis. Mesmo as influências não são determinadas, ou seja, o efeito delas se situa em um leque de possibilidades aleatórias. Isso é o não determinismo e a não causalidade que vigem nos eventos naturais. Portanto não há como haver destino.

"Deus deixou seu único filho morrer pendurado em uma cruz. Imagine o que ele fará com você?" Considerando algo na frase, em que conclusão podemos chegar?‎ Wan

Que Deus, caso exista, é extremamente cruel e pérfido. Como pode ilo ser capaz de exigir o sacrifício expiatório de seu próprio filho em sofrimentos atrozes para poder perdoar a humanidade do pecado de Adão? Porque apenas não perdoou? Porque teve que castigar a humanidade toda pelo pecado de Adão, se o resto não pecou?

Como aprendeu a ler em francês e italiano? sozinho ou fez algum curso ?‎ Filipe Ronzani

Estudei quatro anos de francês quando fiz meu curso ginasial em escola pública. Foi o suficiente. Quanto ao italiano, Como gosto de ópera, fui aprendendo sozinho, com o dicionário, para entender os libretos e acabei sabendo bastante. Também estudei quatro anos de latim no ginásio, além de sete anos de inglês, no ginásio e no científico. É tudo o que estudei e deu para aprende muito. E a escola era pública, mas na década de 1960. Terminei o científico em 1967 (hoje ensino médio).

Já várias vezes não me pergunte o porque imaginei o senhor ao piano, estou muito fora da realidade? hehe‎ Gabriel Fernandes

De fato, estudei piano na juventude e cheguei a tocar alguma coisa. Mas há anos que não tenho piano em casa, de modo que perdi o treino. Tocava o romance Op. 28 nº 2 e a Traumerei de Schumann. A Pour Elise de Beethoven. A valsa Op 39 nº 15 de Brahms. A Marcha Turca de Mozart, Alguns prelúdios de Bach e outras peças. Teria que treinar de novo para executá-las.

Você pode me explicar como o núcleo do buraco negro emite radiação? E como é na prática a singularidade? Você acredita que podemos ser "hologramas" de nós mesmos caso o nosso universo esteja no núcleo do buraco negro e nós estejamos no horizonte de eventos?‎ Ingrid

O núcleo do Buraco Negro não emite radiação. Quando ela é emitida, provém do horizonte de eventos, se, por acaso, houver uma aniquilação de par partícula-antipartícula nele e os dois fótons resultantes forem lançados, uma para dentro, um para fora do Buraco Negro. Essa é a "Radiação de Hawking" que deve ter sido abundante nos primórdios do Universo, quando tais aniquilações eram abundantes e quando muitos mini-buracos-negros devem ter sido formados. Pode ser que estejamos, mesmo, no interior de um Buraco Negro que seja o Universo todo. Se se calcular o Raio de Schwarzschild para a massa do Universo Observável, pela fórmula 2GM/c², tomando a massa de 10^54 kg, obtém-se 1,48E27 m. O raio do Universo Observável é de 4,6E26 m, isto significa que tudo o que ele contém está dentro de seu raio de Schwarzschild, e, portanto, dentro de um buraco negro.
http://www.cosmobrain.com.br/especial/massadouniversoemkg.html
http://pt.wikipedia.org/wiki/Universo_observ%C3%A1vel
Quanto a sermos hologramas, não vejo plausibilidade.

Não é algo ludico ver alguém sofrendo?‎ wfefwefwe

Não acho graça nenhuma. Acho uma perversidade. Um grave defeito de caráter se comprazer com o sofrimento dos outros. Repugnante. Abjeto.

Qual a diferença entre ética e moral?‎ Marcos Farias

Qual a diferença entre ética e moral?‎  Marcos Farias http://www.ruckert.pro.br/blog/index.php?s=%22%C3%A9tica+e+moral%22
http://wolfedler.blogspot.com.br/2008/07/tica-e-atesmo.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2013/04/o-que-significa-moral-o-que-e-valores.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2010/10/qual-diferenca-entre-etica-e-moral.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2011/12/poderia-me-dar-um-exemplo-bem-simples.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2012/10/a-moral-e-objetiva-se-e-podemos.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2012/08/qual-e-diferenca-entre-etica-e-moral.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2012/08/para-voce-o-que-e-ser-etico-qual-sua.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2011/10/nao-sei-se-ja-lhe-fizeram-lhe-uma.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2011/09/alguem-que-tenha-sido-negligenciado.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/2012/10/li-uma-vez-uma-resposta-sua-quanto.html
http://wolfedler.blogspot.com.br/search?q=%22%C3%A9tica+e+moral%22

Qual sua opinião sobre pessoas que não sentem atração por homem ou mulher? Elas devem ser tratadas? É doença? Pode ser alguma queda hormonal? Ou elas nascem assim?‎ Lucas Limeira S

Não é doença nenhuma. É uma orientação nata, genética. Perfeitamente normal, mas rara. Como albinismo, digamos. Não é problema nenhum. Não é queda hormonal. Veja isto:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Assexualidade
http://en.wikipedia.org/wiki/Asexuality

Penso eu que é bom o ser humano acreditar em algo, até porque isso dá um proposito na vida dele, mas é claro, com tanto que ele não deixe de separar a realidade de certos fatos, sou a favor da crença mas não da religião, porem não creio em nada, só acho que cada um faz o seu proposito... Concorda?

Não acho que seja bom acreditar em algo implausível só para dar sentido à vida. O sentido pode ser dado sem essa crença, pela dedicação a um projeto de promover o bem, de consertar o mundo ou algo assim. Além do que, se essa crença for falsa, trata-se de um engôdo, de uma ilusão. Isso não é bom, de modo nenhum. É melhor encarar a realidade de frente e agir para superá-la, dando à própria vida um sentido valioso, não tirado de nada fora dela. Quem quiser crer que creia, mas eu lamento por essa pessoa.

Ernesto, eu preciso sair de casa o quanto antes pq minha vida é um inferno em casa, por isso pretendo fazer o Vest da USP, dai preciso juntar uma grana pra ficar um tempo lá, o problema é q nunca fiz uma prova de um nível tão alto e tenho medo de quebrar a cara e ter de voltar p/ casa, Oq acha ?‎ Skywriter

Se você não é um aluno brilhante, de ótimas notas, pode quebrar a cara sim. Porque o resultado do vestibular, como o do ENEM, depende mais é de toda a história acadêmica do estudante e não só de seu esforço no último ano. Quem foi um aluno só razoável tem boas chances de não passar em um vestibular muito concorrido. Mas vale a pena tentar. Desde que se prepare para encarar a possibilidade de não passar.

O senhor é comunista né?‎ Lucas Santana

Sim, mas é preciso que se entenda que não admito o comunismo totalitário. Sou economicamente comunista, mas politicamente anarquista. Enquanto não se tem isso, sou um democrata. Comunismo para mim é a participação de todos na propriedade dos meios de produção e não a sua posse exclusiva pelo estado, do qual todos seriam empregados. No verdadeiro comunismo não existem empregados, só patrões.

Claro que não. Porque vivemos em sociedade e tudo o que seja prejudicial à sociedade e aos outros não é permitido. A sociedade é que tem que vigiar isso. A ética prevalece, independentemente da existência ou não de Deus. Aliás, não tem nada a ver. É ético o que promova a maximização da felicidade para o maior número de seres, o que possa ser erigido como norma geral, para ser cumprido por todos e o que seja o que desejemos que nos façam a nós mesmos. O que cause dor, prejuízo, dano, tristeza, ou algo de ruim não é ético, exceto se visar um bem maior. E a felicidade pessoal não pode ser obtida às custas da infelicidade de muitos.

A primeira lei de Newton assevera que existem referenciais para os quais um corpo livre de interações ou sujeito a interações que se cancelem não possui aceleração, ou seja, nesse referencial sua velocidade é constante em módulo, direção e sentido, podendo ser nula. Note-se que um corpo como velocidade nula pode não estar sem aceleração, se esse valor for só por um instante. Tais referenciais são ditos inerciais e esse é um critério para identificá-los. Isso é importante pois a segunda lei, que é a de maior aplicação, só vale em referenciais inerciais. A terceira lei diz que toda força provém de uma interação entre corpos, de tal forma que ambos se aplicam forças, de mesma intensidade, de sentidos opostos, ao longo da mesma reta e de mesmos instantes inicial e final. Mas sua resultante não é nula, pois são forças aplicadas a corpos diferentes e a resultante só tem significado quando for de forças aplicadas ao mesmo corpo. Isso não depende do referencial em que se façam as medidas, desde que ambas feitas no mesmo referencial.

Se Deus não existe, então tudo é permitido?‎ Felipe Fernandes

Claro que não. Porque vivemos em sociedade e tudo o que seja prejudicial à sociedade e aos outros não é permitido. A sociedade é que tem que vigiar isso. A ética prevalece, independentemente da existência ou não de Deus. Aliás, não tem nada a ver. É ético o que promova a maximização da felicidade para o maior número de seres, o que possa ser erigido como norma geral, para ser cumprido por todos e o que seja o que desejemos que nos façam a nós mesmos. O que cause dor, prejuízo, dano, tristeza, ou algo de ruim não é ético, exceto se visar um bem maior. E a felicidade pessoal não pode ser obtida às custas da infelicidade de muitos.

ENTAO ME RESPONDE , DEPOIS QUE AS PESSOAS MORREM OQUE VAO ACONTEÇER COM ELAS ?‎ julio almeida

Depende. Se forem enterradas, virarão esterco. Se forem cremadas, virarão cinzas, se forem comidas, virarão fezes, se forem explodidas, virarão cacos.

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Por quê o homem em geral é ruim e perverso?‎ GERALDO CÉLIO DA COSTA

Não é. Pelo contrário. Existem pessoas ruins e perversas, mas são minoria. O ser humano é capaz tanto de bondade quanto de maldade. Mas, para a maioria, a bondade supera a maldade. Se a maioria fosse má mesmo, a humanidade estaria perdida. É claro que os bons podem fazer alguma maldade, como os maus podem fazer alguma bondade. Nada é preto no braco, mas nos diversos tons de cinza.

A ICAR é a única igreja perfeita no mundo?‎ Felipe Fernandes

Não existe nenhuma igreja perfeita. Nem igreja nem outras religiões. Todas se baseiam em um grande equívoco, que é a suposição da existência de uma realidade sobrenatural, com deuses e espíritos. Logo são enganações e, portanto, imperfeitas, por princípio.

O que achas de Portugal ? E dos portugueses ? :)‎ Adriana Figueiredo

Tenho uma avó portuguesa e vários tios e tias portugueses. Meu bisavô foi adido comercial de Portugal no Consulado de Belo Horizonte. Tenho, pois, um bom contato com a cultura portuguesa, que aprecio muito, mesmo sem ter ido lá. Vejo, por exemplo, que os artigos da Wikipedia em português, elaborados em Portugal, são muito melhores e mais completos que os elaborados no Brasil. Simpatizo muito com Portugal.

Minha opinião sobre quem tenta "pregar e converter" os outros é que isso é tão inadequado (pra ser educado) quanto um ateu tentando mostrar que a sua verdade é absoluta. Sou agnóstico mas não concordo nem com uma nem com outra ação. O que o senhor acha?‎ AmarildoJúnior

Discordo de você. Acho que o agnosticismo é insustentável. Ele supõe que não se pode saber se deuses existem ou não. Mas se pode. Só que não se sabe. Todavia os indícios são muito fortes no sentido de que não existam. Especialmente no caso do modelo judaico-cristão do deus tri-personal, cuja segunda pessoa teria se encarnado no homem Jesus. Então acho que é meu dever alertar as pessoas para que não creiam no que não é plausível e não dispendam tempo, esforço, dedicação e dinheiro com isso. Se eu não fizer isso terei uma crise de consciência. Tenho todo o direito de tentar convencer as pessoas da inexistência de Deus, do mesmo modo que considero que os religiosos têm todo o direito de tentarem convencer as pessoas da existência de seu modelo de deus. Mas não proponho minha concepção como verdade absoluta, pois jamais se tem acesso a ela. O que proponho é a minha profunda convicção. Não acho que seja inadequado o proselitismo religioso de nenhuma religião. Nem do ateísmo e nem do agnosticismo. Como cada um pode e deve tentar convencer os outros de suas convicções políticas e econômicas. Para isso, inclusive, existe o horário eleitoral gratuito. O mesmo vale para crenças religiosas.

Não consigo enxergar algum motivo para discutir a existência de um Deus ou não. Acho que tem mais coisas importantes nessa vida a se pensar, do que debater sobre. Sou ignorante por pensar assim?‎ Rodolf O)))

Você está equivocado. A existência ou não de Deus é um assunto muito importante porque existem as religiões e elas se baseiam, quase todas, na existência de Deus para justificarem-se. E as religiões consomem muito tempo, dedicação, esforço e dinheiro das pessoas, que poderiam ser aplicados em atividades mais proveitosas para a humanidade. Daí ser importante que as pessoas vejam que não há nada que suporte a suposição da existência de deuses, e deixem de se afiliarem a religiões, para que elas acabem e, com isso, a humanidade se liberte. Tudo o que as religiões fazem de bom, e o fazem, pode ser feito sem elas. Mas elas enganam as pessoas com promessas que não serão cumpridas. Por outro lado, o controle que as religiões promovem para conter a criminalidade, também pode ser feito pela sociedade, substituindo o medo do inferno pelo medo de uma condenação prisional rigorosa.

Admiro muito sua sabedoria, mas de que adianta o homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? (Mateus 16.26)‎ Nícolas Santos

Nenhum homem perde a sua alma, porque, simplesmente, não a possui.

Já teve algum tipo de experiência com o Diabo , ou algo do tipo ?‎ Camila Barros

Claro que não. Não existe esse tipo de experiência, pois o diabo não existe. O que pode acontecer é alguma pessoa "pensar" que está tendo alguma comunicação com o diabo. Mas é tudo imaginação dela.

Eu acho que são poucos os países com problemas tão graves na saúde, na educação e na política como no Brasil...isso não mostra que o problema não está no modo capitalista de economia e sim, de algum jeito, nos países com esses tais problemas?‎ Rafael Freitas

Não são poucos não. Há vários, principalmente na África, bem como na América Latina e na Ásia. De fato, não é uma questão de ser capitalista ou socialista, mas de uma cultura de "levar vantagem", de considerar que quem não se aproveita das verbas do governo em benefício próprio é um trouxa, de "passar a perna", "dar o tombo" e outras práticas desonestas. Isso advém, inclusive, da frouxidão da justiça, do fato de que, nesses países, o crime compensa. Mudar isso não é só uma questão de mudar o regime. Quando se é assim, a corrupção também campeará no socialismo. A mudança tem que ser de cosmovisão, de concepção de mundo e de vida. Isso só se conquista com séculos de civilização, por meio da educação. As pessoas têm que se convencer que não devem levar vantagens indevidas, mesmo quando vêem essa possibilidade. Isto é, têm que ser honestas de fato, mesmo que ninguém fique sabendo. Têm que se abster de lucros extorsivos, de tapear os outros e assim por diante. Não porque podem ser presas, mas porque consideram que seja errado. Têm que ter dedicação pública, não ter preguiça, colocar o bem geral acima do particular. Mas, também é preciso que a inobservância de ética, da honestidade, da lisura e tudo isso, seja punida de modo exemplar e com muito rigor, de modo a causar um grande prejuízo para a pessoa, para o resto de sua vida. Que quem seja pego em delito de corrupção sinta tanta vergonha que se suicide. Aí esses problemas serão resolvidos, não importa se o sistema econômico seja socialista ou capitalista.

Por que a direita brasileira carece tanto de intelectuais? O problema está nas pessoas de direita ou nas suas ideias?‎ Felipe Fernandes

Nas suas ideias, é claro. Todo mundo que pensa não vai ser de direita. Pelo menos essa direita que existe no Brasil. Assim , quem fica na direita é quem quer se locupletar das manipulações político-econômicas e não o bem do povo. Examine esse quadro e veja se há como alguém do bem ser de direita:
https://lh6.googleusercontent.com/-94tDr08prGo/UJml0CbMFQI/AAAAAAAAFPE/0hISwRV1ack/w908-h642-no/infografico_esquerda-direita%255B1%255D.jpg

Se fosses presidente da câmara, que mudarias na tua cidade?

Presidente da Câmara não tem tanto poder assim. Nem o prefeito. São os vereadores que fazem as leis e o presidente só dá o voto de Minerva. Mas, como vereador, para começar eu implantaria um programa de transparência total das ações do executivo e do legislativo. Tudo divulgado para o povo. Depois um grande mutirão de faxina da corrupção, processando todo mundo encontrado em deslise. Uma cobrança judicial de todas as dívidas. A implantação de um conselho municipal consultivo da câmara, mais amplo. O fim das verbas para políticos fazerem favores. O fim de todos os cargos não concursados na prefeitura e na câmara. Extinção do salário dos vereadores (acho que isso não pode, por ser constitucional, mas, pelo menos, uma redução drástica), A definição das prioridades de obras sem observar critérios eleitoreiros. Uma reforma radical do processo de ensino nas escolas municipais, tendo como modelo a "Escola da Ponte". Ia caçar muita sarna para me coçar e dar muito murro em ponta de faca, até mudar toda essa concepção política de governar por meio de favores. Moralizar pra valer.

Professor, pude ver que o senhor é anarquista... Mas o foco da minha pergunta é: Qual seria a melhor solução para escoação da nossa produção agrícola exportável?

Não sei te dizer. Dois assuntos que não acompanho são agricultura e economia. Economia eu gosto de estudar de um ponto de vista filosófico. Mas não acompanho nada prático a respeito. Especialmente a parte financeira. O mesmo acontece com política. Gosto de politica filosoficamente falando. Mas a prática política da atualidade, no Brasil, eu não me interesso. Aliás, não me interesso por quase nada que seja prático. Sou um teórico, isto é, não tenho os pés no chão e vivo no mundo da lua.

"A probabilidade astronomicamente pequena torna a evolução matematicamente impossível. Hoyle calculou que a probabilidade da produção ocasional apenas das enzimas básicas para a produção da vida são de 1 sobre 1 seguido de 40.000 zeros." O que tem a dizer a respeito?‎ Eros ➶

"A probabilidade astronomicamente pequena torna a evolução matematicamente impossível. Hoyle calculou que a probabilidade da produção ocasional apenas das enzimas básicas para a produção da vida são de 1 sobre 1 seguido de 40.000 zeros." O que tem a dizer a respeito?‎  Eros ➶

O que acha do consumismo? Que tipo de consumidor você é? Quais são seus "supérfluos" essenciais?‎ Helysa.

Se você não se escraviza a ele, não tem problema. Como Sêneca. O que eu mais compro são livros, revistas, discos, vídeos, equipamentos de informática, computadores, calculadoras, celulares, filmadoras. Não ligo para roupas nem para carros. Mas gosto de vinhos, doces (que não posso comer) e comida gostosa. Também gosto de canetas tinteiro, relógios, material de papelaria, de pintura. Em suma, sou consumista. Mas não ligo se não puder comprar.

SE NÃO FOSSE POR DEUS NINGUEM EXISTIRIA‎ julio almeida

Por que? Claro que existiria, como existe. Não é preciso invocar Deus para explicar a existência de nada. Tudo surgiu por acaso, sem causa, sem propósito e sem ter do que provir.

não acredita em Deus ok mais e os boatos de que teriam encontrado a arca de noé?‎ VitorHugo

Pode até ser mesmo uma arca, como a descrita na Bíblia. E pode mesmo ter havido uma grande inundação na Mesopotâmia. Daí concluir que houve um dilúvio "mundial" e que todos os animais (exceto peixes) morreram, ficando só os que estavam na arca vai uma enorme distância. Como é que Noé poderia ter colocado na arca "TODOS" os animais. Primeiro porque não caberiam na arca do tamanho que a Bíblia diz, segundo que há inúmeros animais inexistentes em sua região, por exemplo, só nas Américas ou na Austrália. Como ele os teria levado para lá? Isso incluiria todos os insetos, larvas, bactérias??? E os vegetais? Além do mais não há como uma chuva elevar o nível dos oceanos até cobrir a Terra toda, pois a água da chuva provém da evaporação dos oceanos. Quer dizer que a água que caiu saiu do oceano e só foi reposta. Isso não pode ser levado a sério. Tem dó!

País rico é país sem pobreza?

Deveria ser. No entanto o critério é o Produto Interno Bruto, quando deveria ser tanto o PIB per capita quanto o seu desvio padrão. Ele precisa ser relativamente grande, para que todos sejam proporcionalmente ricos. Porque há países de algo PIB per capita, mas concentrado em poucas mãos, como alguns emirados árabes. Além do mais, a riqueza também deveria considerar o Índice de Desenvovimento Humano. Então se construiria um novo índice, combinando isso tudo. É preciso considerar, além do Produto Interno Bruto, o Patrimônio Interno Bruto, que é um fator histórico.

O que é arte? Qual a diferença entre arte e cultura?‎ Leinadv

Cultura é um conceito muito mais amplo. Envolve todas as atividades humanas, tanto saberes, quanto fazeres e modos de ser. Cultura é tudo que não é feito pela própria natureza, mas pela atividade humana (ou de outro ser com tal capacidade). Arte é uma parte da cultura, ao lado da ciência, da tecnologia, das práticas, dos costumes etc. Arte é a atividade de construção de formas espaciais, temporais, linguísticas ou cinestésicas que expressem algo que se deseja comunicar para provocar um tipo de prazer na contemplação, denominado estético. Mesmo que certa arte tenha outro objetivo paralelo, ela só é arte enquanto descompromissada com o caráter utilitário e, até, ético, que pode estar presente, mas não é o que define tal produção como arte.

"Existência real", além de me parecer um termo bastante falho e solto, não é algo que se atribui a divindades. Existência, apenas, já seria o suficiente. Inverossimilhante que o conceito de realidade seja tão duro e aplicável a divindades. Eles dela não necessitam.‎ João Vicente Torres

Existência real é, realmente, um eufemismo. Mas é usado para significar que não é uma existência apenas no mundo dos conceitos, isto é, que existe independentemente de mentes que concebam tal coisa. Na realidade objetiva. Não necessariamente natural, como seria o caso das entidades sobrenaturais como deuses, espíritos e similares. Se uma divindade não possuir existência real ela poderia possuir existência conceitual, ou como uma abstração. Para que existam, de fato, sua existência não pode apenas como uma abstração. Divindades, se existirem mesmo, serão reais, nesse sentido.

Concordo que o Anarquismo ou a auto-gestão social seriam as saída, mas pra que sejam possíveis é necessário uma conscientização geral da população. No meu ponto de vista, quando chega nessa parte, se torna utópico, pois essa conscientização é muito difícil. Concorda?‎ Daniel Freitas

Muito difícil não é impossível. Sem dúvida o é. Mas não é uma utopia. Tal conscientização pode ser alcançada e eu prevejo que o seja, pois é a direção para a qual evolui a sociedade humana nos últimos milênios. Dentro de mais alguns, chegaremos lá. O que eu penso é que esse tempo possa ser abreviado para só alguns séculos, no máximo uns dez, se se fizer um esforço educacional consciente para tal, bem como político. Apesar do anarquismo não admitir governo, talvez seja o caso de se fundar um "partido anarquista" e haver uma "Internacional Anarquista", como a "Internacional Socialista", para congregar todos os partidos anarquistas. Mas sem picuinhas internas e com gestão anárquica, seja lá o que isso for. Esses partidos proporão leis para promover a pulverização do capital, os esforços comunitaristas, o compartilhamento de bens, a erradicação da pobreza, pela maior distribuição de renda, a extinção de ignorância, a abertura cada vez maior das fronteiras, a fragmentação máxima dos estados, a diluição da soberania, pela formação de organismos supra-nacionais, como a zona do euro e assim por diante. Essas são condições para atingir a sociedade ácrata, que não pode, jamais, ser imposta, mas sim, surgir espontaneamente, uma vez estabelecidas suas condições. A extinção do dinheiro e da propriedade, por exemplo, tem que acontecer quando, absolutamente, eles não fizerem mais falta nenhuma

Senhor, poderia me explicar a teoria do Buraco de Minhoca (wormhole)?‎ Sofia Svalinn Søt

Seria uma ligação entre um buraco negro e um buraco branco, que seria o inverso de um buraco negro. Essa possibilidade aparece nas soluções das equações da Relatividade Geral para os Buracos Negros. É preciso entender que é só uma possibilidade matemática, não confirmada experimentalmente. Ao colapsar até formar o Buraco Negro, o conteúdo de uma estrela, ao invés de ficar concentrado em uma minúscula região, dita "singularidade", apareceria em outro lugar do Universo como um "Buraco Branco", isto é, um lugar de onde matéria e radiação jorrariam para o Universo. O que entrasse pelo Buraco Negro, sairia no Buraco Branco, passando pela "ponte de Einstein-Rosen" que é o "túnel de minhoca", ou "buraco de verme". Se isso ocorresse, não viabilizaria um meio de transporte, pois o que caísse lá seria totalmente esmagado em uma pasta de partículas elementares que sairia do outro lado totalmente desorganizada, devido à grandíssima intensidade do campo gravitacional no buraco. Todavia não há comprovação de que isso exista, de verdade. Veja o item 10 deste meu artigo (página 50): http://pt.scribd.com/doc/144079482/Buracos-Negros

Quais assuntos você ainda não tem uma opinião formada?‎ Anônimo

Ainda não resolvi se me torno vegetariano e se admito a legalização da maconha. Estou pensando no assunto. Por enquanto não sou vegetariano e não sou a favor da legalização da maconha. Mas posso mudar de pensamento. É o que me ocorre, no momento.

O que acha da homossexualidade?‎ Spotted Madre Iva

Não acho nada. Para mim é um comportamento normal, seja por orientação nata, seja por opção pessoal, mesmo sem a orientação nata. Bem como a bissexualidade, a heterossexualidade e a assexualidade. Muitos confundem a assexualidade com a homossexualidade, pois a pessoa não tem atração pelo sexo oposto. Mas nem pelo mesmo. Isto é, não sente atração sexual por ninguém. Isso acontece em dois a três por cento da humanidade.

O senhor já foi mentor de alguém que quis fazer mestrado?‎ Jessica Mapo

Sim, fui orientador de iniciação científica e encaminhei vários estudantes do curso de física da UFV para o mestrado, na área de cosmologia. Para a USP e para o CBPF.

O que acha desses esoterismos/religiões que se apossam da física quântica pra embasar suas conclusões? Por exemplo: http://ovnihoje.com/2013/09/22/a-morte-existe-nova-teoria-diz-que-nao/#axzz2fdPSRFyK‎ Kalil Fagundes

Que não entendem nada de Física Quântica. Ela, absolutamente, não dá suporte a tais especulações.
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=3924
http://wolfedler.blogspot.com.br/2009/01/esoterismo-quntico.html
http://stoa.usp.br/ateismo/weblog/54165.html
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=3937
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=3868
http://dragaodagaragem.blogspot.com.br/2006/11/o-guia-ctico-para-assistir-what-bleep.html
http://dragaodagaragem.blogspot.com.br/2006/12/o-guia-ctico-para-assistir-what-bleep.html
http://dragaodagaragem.blogspot.com.br/2007/05/o-guia-ctico-para-assistir-what-bleep.html

E essa: você pode afirmar com certeza que pelo menos o deus cristão não existe no contexto de que ele possua bondade e sabedoria infinitas? Aquela questão de hipótese nula só funciona para deuses no conceito metafísico não é mesmo?‎ Leinadv

Sim. A haver deus, pode-se provar, pelas considerações de Epicuro, que ele não poderia ser bom. Isto é, um deus simultaneamente bom, onipotente e onisciente é uma impossibilidade fática, em razão da existência real do mal. Mas esse argumento não prova que não exista nenhum deus, pois poderia existir um deus malvado ou indiferente a respeito do assunto.

qual sua opinião do apocalipse ? poderia mesmo acontecer ?‎ aé Maah

Claro que não! Trata-se do primeiro livro de ficção científica escrito no mundo. Um disparate, se se pensar que possa ser realidade. Uma história fantástica que nem Tolkien seria capaz de escrever.

Qual a melhor maneira de lidar com o ciúme excessivo?‎ Bruno Ribeiro

Ciúme é péssimo, mesmo que seja pouco. O único modo de evitá-lo é refletir sobre o assunto. Pensar muito, analisar as razões para se ter ou não. Principalmente, considerar que amor é algo gratuito que não exige nada em troca. Tampouco exclusividade. Não se pode pretender que a pessoa a quem amamos nos ame e, se nos ama, que ame só a nós. Todo mundo é capaz de amar a mais de uma outra pessoa (estou falando do amor romântico-erótico) e isso não é problema nenhum. Compartilhar a pessoa amada com outras, bem como ela considerar que você possa ter outros amores é a atitude sensata e reveladora de um amor sereno, maduro, intenso e abrangente. Há que se querer o bem da pessoa amada, cuidar dela, apreciar a sua companhia, ter desejo por ela e curtir o sexo com ela, compartilhar os fatos da vida, as responsabilidades. Mas em nada disso está embutido a exigência de exclusividade amorosa. O ciúme é um sinal de egoísmo e egoísmo é um sério defeito de caráter. É a fonte de todo o mal. Uma pessoa egoísta não é uma pessoa de bem. Do mesmo modo que uma pessoa ciumenta. Pense bem nisso e conclua que você não pode ter o mínimo ciúme de sua amada, nem exigir nada dela. Só pode desejar que ela o ame, mesmo que não só a você.

Jesus foi humilde em algumas passagens sim: “Depois disso, derramou água numa bacia e começou a lavar os pés dos seus discípulos, enxugando-os com a toalha que estava em sua cintura.” João 13:3-5. Mas em outras com orgulho e prepotência como amaldiçoar uma figueira por que não lhe deu o fruto.‎ Leinadv

Donde se conclui que Jesus não era a pessoa imaculadamente santa que se diz que foi. Se bem que lavar os pés não é falta de santidade, mas é uma humilhação, que ele pode ter feito uso para pretender passar a mensagem de que o trabalho dos apóstolos não seria um trabalho do tipo dos ministros dos reis, que gozavam de privilégios, mas sim um serviço ao povo. Todavia uma atitude humilhante e uma atitude orgulhosa não fazem uma pessoa humilde nem orgulhosa. Ela será uma ou outra se suas atitudes, costumeiramente, forem assim.

A bíblia diz(não gosto quando menciona essa frase, parece q toda a verdade esteja contida nesse livro):“Escravos, obedeçam em tudo a seus senhores terrenos, não somente para agradá-los quando eles estão observando, mas com sinceridade de coração, pelo fato de vocês temerem o Senhor.”Col3:22.Oqachas?‎ Leinadv

Um absurdo! Escravidão é uma prática hedionda. A Bíblia, se fosse mesmo a palavra de Deus, tinha é que concitar os escrevos para insurgirem-se contra seus senhores e se abolir a escravidão. Isso deveria, inclusive, constar dos mandamentos: "Não escravizarás!". Outro absurdo é esse "temor de Deus". Não consigo entender esse tipo de atitude, se se diz que Deus é o sumo bem. Por que se deveria temê-lo?

Você pode até não acreditar mas você só está vivo pela misericórdia de Deus , e ele te ama mesmo assim #João 14 / 6 Respondeu Jesus: "Eu sou o caminho, a VERDADE e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim. Você se diz em busca da verdade , mas foge dela =x‎ Camila Barros

Pelo contrário. Eu a busco. Mas não a achei em Jesus. Não me convenci de que ele seja Deus. Além do mais essa história de redenção, mesmo que haja deus, é muito esquisita. Todavia não vejo que exista deus nenhum. O fato de se dizer que Jesus disse que é a verdade não garante que seja.

Professor, o senhor poderia dar uma explicação a leigos da teoria das cordas??‎ Sr. CDF

Uma concepção de que as partículas elementares não são concentrações pontuais de campo quantizado, mas sim na forma de laços de corda, cujas vibrações determinam as características todas delas, como a massa, a carga, o spin e outras. Assim todas teriam a mesma natureza, quer sejam quarks, léptons, neutrinos ou os bósons intermediários das interações, como os glúons, W, Z, e fótons. Só que esses laços não são cordas filiformes, mas como umas mangueiras ocas. E isso em um espaço de dez dimensões e não só as três que conhecemos. Não é uma teoria nada simples e ainda não está confirmada.

Qual sua opinião sobre a masturbação?‎ Nícolas Santos

Uma válvula de escape aceitável mas completamente insossa. Falta-lhe o conjunto de tudo que faz o sexo ser a experiência maravilhosa que é, isto é, o contato da pele, as carícias, os beijos, os roçares, as pegadas, os murmúrios, os perfumes e outros odores. Em suma, é uma pobreza.

Então se pode trocar tranquilamente a palavra humildade por assertividade? Pra você o Cristo era assertivo ou humilde, pois nasceu em uma manjedoura segundo a tradição Cristã, ele poderia ter nascido em um palácio, veja: “A primeira lição que cristo nos deu foi a humildade”.‎ Leinadv

Não vejo que Jesus Cristo tenha sido uma pessoa humilde. Pelo que dele se diz nos evangelhos, ele sempre se afirmou como filho de deus e disse claramente a que veio. Nunca se rebaixou. Ser pobre não é ser humilde. Pobreza e humildade são conceitos totalmente distintos. Podem haver pobres soberbos e ricos humildes, que têm vergonha de serem ricos. Para mim, tanto os humildes quanto os soberbos estão errados. Jesus não era nem um nem outro.

Professor, o que é o espaço-tempo?‎ Sr. CDF

É onde tudo acontece no Universo. Porque o Universo se constitui de eventos, que são ocorrências que se dão com os sistemas, isto, é, seus subconjuntos. E esses eventos se dão em algum lugar e em algum momento. O conjunto de todos eles vai acontecendo dentro de uma entidade que os envolve à medida que tudo acontece. Essa entidade não é um espaço estático, só com lugares. É uma entidade que envolve os lugares e os momentos. Isso é o espaço-tempo. Estamos mergulhados nele e ele existe porque tudo existe e está em constante mudança. O tempo acontece porque há mudanças e o espaço porque há coisas para preenchê-lo. Não existe espaço vazio. Só vácuo, que não é vazio, mas tem radiação e campos. E se nada se alterar, o tempo não passa.

O Ensino Médio é muito mecanizado?‎ Anônimo

Sim. Extremamente. Porque só se preocupa com treinar o estudante para passar no vestibular e, agora, no ENEM. Mas não se vê que a escola é uma preparação para a vida em todos os sentidos. O vestibular é só um episódio. Então se verifica, mais tarde, que quase tudo o que se aprendeu foi em vão e o que precisava ter sido aprendido não o foi. Muitos dos conteúdos das matérias acadêmicas poderia ser omitido e se concentrar no essencial, que é o conhecimento do funcionamento do mundo natural e social. O treinamento de habilidades de pensamento, de decisão. Então se deixar mais tempo para a formação do caráter, para o desenvolvimento de habilidades para a vida, como administrar suas finanças, cozinhar, costurar, plantar, consertar tudo, escrever bem, educar os filhos. E a educação sexual? Não se aprende nada sobre isso, exceto a função biológica da reprodução. Mas o aspecto emocional? E o modo de dar prazer no sexo? E as responsabilidades de uma gestação ou da constituição de uma família? Também tinha que se aprender a dirigir, a usar computador mesmo, entendendo a fundo. Em suma, tinha que ser um curso com dedicação exclusiva, sem deixar nada para ser visto em casa. Manhã e tarde na escola. De preferência sem salas de aula nem lousas. Com professores em dedicação exclusiva, o tempo todo por conta. Uma imensa biblioteca, laboratórios de tudo, horta, pomar, oficinas de mecânica, marcenaria, eletricidade, eletrônica, hidráulica, alvenaria. Aulas de todas as artes: pintura, música, teatro, dança, escultura. Assim é que se forma uma pessoa humana integral.

Ainda não entendi o porquê de a humildade ser algo ruim veja: Humildade - Capacidade de reconhecer os próprios erros, defeitos ou limitações. = MODÉSTIA ≠ ALTIVEZ, ARROGÂNCIA, ORGULHO. Ausência de luxo ou sofisticação. = SIMPLICIDADE, SOBRIEDADE ≠ OSTENTAÇÃO.‎ Leinadv

Acontece que a humildade não é apenas o reconhecimento das falhas ou a falta de soberba e orgulho. É também uma negação das qualidades. Isso é que é errado. A pessoa humilde finge que é menos do que de fato é. Não pode. Tem que se afirmar, mostrar suas qualidades sem esconder seus defeitos. Isso é assertividade e não humildade. O oposto, isto é, esconder os defeitos e exagerar as qualidades, ou mesmo, gabar-se de qualidades que não se tem é, também, um grande vício. A modéstia, por outro lado, não é humilde nesse sentido de se diminuir. É apenas o reconhecimento do que se é, sem se gabar.

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Como vencer a preguiça? Como deixar de ser preguiçoso?‎ Husky Siberiano

Simples. Faça o que tiver ou resolver fazer com preguiça mesmo. E vai fazendo. Com isso você vai se acostumando e perdendo a preguiça. Tem só que ter a decisão e a atitude de fazer, mesmo estando com preguiça. Se não tiver essa atitude, nunca vai deixar de ser preguiçoso.

Qual é o menos ruim: Socialismo ou Capitalismo?‎ Lucas Santana

Nenhum dos dois é ruim, pelo contrário. Mas o comunismo é melhor, para mim. Porque, no comunismo, os meios de produção são de propriedade dos trabalhadores mesmos e no socialismo eles pertencem ao estado, do qual os trabalhadores são empregados. O que tem acontecido para que se considere que eles sejam ruins é que, em geral, esses sistemas econômicos são acompanhados por regimes políticos totalitários e ditatoriais. Mas não é preciso. Pode-se muito bem haver socialismo e comunismo em regimes democráticos, e, no caso do comunismo, até anarquistas. Em verdade, até hoje, não tivemos nenhuma nação comunista, mas apenas socialista. Houve experiências comunistas libertárias, como na Ucrânia, mas foi esmagada pelos bolchevistas russos. Os kibutizim de Israel são a mais longa experiência de comunismo, mas ele não se estendeu à nação toda.

Professor, como devemos realizar uma redação?‎ Brunna Delfrate

Eu não conheço técnicas de redação. Redijo por instinto. Para mim o segredo é ler muito, de modo a ter na mente muitos modelos. Mas isso leva anos para conseguir. Tem que ser um ávido leitor desde a tenra infância. Pode começar agora e, se ler umas duas horas por dia de semana e umas quatro por dia de fim de semana, eu acho que dá para dominar o metiê em uns dois anos. Enquanto isso vá escrevendo para treinar. Pelo menos uma redação por dia. Melhor mais de uma. Há manuais para isso, mas nunca os consultei. Tem professor de português que não concorda comigo, mas eu acho importante saber bem a gramática. Isso eu aprendi desdo o ginasial muito bem aprendido e sempre que tenho dúvida, consulto. Acho que uma gramática e um dicionário são ferramentas essenciais para quem escreve. Existe um dicionário ótimo para quem redige: o "Dicionário Analógico", do Francisco Azevedo. Vale a pena, também, consultar os "Manuais de Redação", da Folha de São Paulo, do Estadão e da Editora Abril. Mas se você ainda não redige bem e vai fazer o ENEM daqui a pouco mais de um mês, não sei se vai adiantar. Isso é um traquejo que se adquire em anos de treino.

professor, como o senhor define ignorância ?

Ora: falta de conhecimentos, de habilidades e, mesmo, de sabedoria. Não se pode confundir com burrice, que é uma incapacidade de aprender. Há ignorantes muito inteligentes. Só que dominam poucos conhecimentos e habilidades. Da mesma forma que podem haver burros que sabem bastante. Se bem que a burrice atrapalha o aprendizado. Tanto para a ignorância quanto para a burrice há remédio. Ele consiste na dedicação e no esforço para adquirir conhecimentos, habilidades e para desenvolver a inteligência. Desde que a pessoa não tenha preguiça nenhuma, porque dá trabalho e é bem custoso.

Acha que a religião é um grande mal da humanidade?‎ Lucas Gabriel

Sem dúvida. Mesmo que apresentem alguns pontos positivos, no cômputo geral, são nefastas. Para começar, porque apresentam propostas falsas a respeito do Universo, da vida e do homem, para serem aceitas como verdades inquestionáveis. Promovem o bloqueio à livre investigação e ao desenvolvimento científico e filosófico. Mesmo que tenha sido a Igreja que fundou as Universidades, elas só podiam estudar o que não contrariasse a doutrina cristã. Quem discordasse era banido, ou até, queimado. Além do mais promovem a inimizade entre umas e outras, o que tem provocado inúmeras guerras ao longo da história. Sem religião teriam havido muito menos guerras. Também consomem muitos recursos de tempo, trabalho e dinheiro que poderiam ser canalizados para atividades mais proveitosas para a sociedade. O que elas apresentam de positivo é o seu trabalho de caridade e a contenção da criminalidade pelo medo do inferno. A caridade pode, perfeitamente, ser feita sem associação com religião nenhuma, pela própria sociedade, como o fazem os "clubes de serviço". E a contenção do crime pode ser feita pela educação moral e pelo sistema jurídico penal, se ele for posto a funcionar pra valer. O mais importante, contudo, é que religiões são engôdos, são mentiras. E a verdade é um valor muito superior à fé.

Estou iniciando estudo de filosofía e quero que o senhor me indique um bom dicionário de filosofía para comprar.‎ GERALDO CÉLIO DA COSTA

Se você for comprar só um, recomendo o do Abbagnano, da Martins Fontes.
Há outros interessantes também, como os do Lalande, Ferrater Mora, Mario Bunge, Oxford, Jacqueline Russ, Japiassú e Comte-Sponville. Além desses dicionários de filosofia, eu recomendo muito os seguintes:
Enciclopédia de termos lógico-filosóficos - João Branquinho - Martins Fontes
Dicionário de Obras Filosóficas - Denis Huisman - Martins Fontes
Dicionário dos Filósofos - Denis Huisman - Martins Fontes

+E como vc se sente sabendo que nem tudo tem uma resposta? Porque tudo que vc diz aqui nesse site me parece muito fácil viver e lidar com as situações difíceis da vida, mas é muito difícil ser colocado isso em pratica. Por que o que é a vida? É fácil responder, mas como viver???‎ Barbara ▲

Se não se tem resposta, fica-se sem ela. A dificuldade de se colocar o que se pensa em prática reside, principalmente, porque se quer preservar certo conforto, segurança, estabilidade, consideração, fama. Se não se se importar com nada disso, faz-se tudo o que se quiser fazer e tiver condições de realizar, em termos de capacidade. Nesse caso não se importa de perder tudo. Se se importar, então não se faça e aceite-se as situações que não concorda para preservar a segurança, o conforto, a estabilidade etc. Viver é decidir entre o risco e a segurança. Mas... quem não arrisca não petisca. Para mim não se deve perguntar se se pode ou não fazer algo. Faça e aguente as consequências. Quem podem ser a pobreza, a prisão ou a morte.

Por que toleramos a eutanásia em animais, e nos humanos não? apesar que há paises que possam ser feitas essa pratica‎ Gustavo Felix

Porque ainda não se chegou à conclusão de que se trata de um ato de caridade e não um homicídio. Eu quero ser eutanasiado se as condições se apresentarem para mim.

"Somos poeira das estrelas". O que isso quer dizer?‎ Daniel Freitas

Que os átomos de que somos feitos foram produzidos no interior das estrelas e em suas explosões. No Big Bang apenas foram formados hidrogênio e hélio. Os demais se fundiram nos núcleos estelares. Quando as estrelas explodem, dispersam seu conteúdo no espaço, que é usado na formação de novas estrelas, que produzem elementos mais pesados, até o Ferro. Para fundir núcleos superiores ao do Ferro é preciso fornecer uma energia que só é disponível nas explosões de estrelas. Nosso Sol é uma estrela de segunda geração, isto é, foi formado por gases provenientes de explosões de estrelas anteriores. Assim a Terra, cujo conteúdo veio do Sol, possui todos os elementos pesados, até o Urânio. Desses elementos, especialmente Carbono, Oxigênio, Nitrogênio e Hidrogênio, alem de pequenas quantidades de outros, é que é feito o corpo dos seres vivos.

O que o senhor acha de pessoas extremamente capitalistas?‎ Victor Vaz

Que são extremamente egoístas, e, para mim, completamente desprezíveis. Para mim, nem são humanas. A humanidade está na generosidade, no compartilhamento, na solidariedade. O capitalista quer ser um vencedor, pela derrota dos concorrentes. O que eu almejo é o crescimento, o progresso e a prosperidade de todos. Esse espírito de colaboração, para que todos melhorem, não é típico do capitalismo, que estimula a competição e os vencedores. E para haver vencedor tem que haver perdedor. Isso é que eu não concordo. Outra coisa é que o capitalismo considera a existência de classes econômicas: a dos patrões capitalistas e a dos trabalhadores, empregados assalariados. Para mim não deveria haver empregado nenhum. Todos os trabalhadores teriam que ser seus próprios patrões e donos do capital da empresa em que trabalham. Sem distinção de classes, apenas de funções. Um capitalismo totalmente distribuído, sem grandes detentores de capital. Até que o capital deixe de ser financeiramente considerado, o dinheiro e a propriedade sejam abolidos, por falta de necessidade e a economia passe a ser a ciência da produção e da distribuição de bens, sem intermediação financeira.

O que é o nada, a inexistência para um ser que ainda existe e que clama pela eternidade? O que você sentiu quando presenciou a não mais existência de seus pais? Como você se sente pensando na inexistência do seu próprio ser e dos seus entes queridos?‎ Eduardo Oliveira

Constatar a inexistência definitiva de alguém a quem se amou é uma grande tristeza. Mas não diferente da tristeza que se sente com a morte dessa pessoa na suposição de que tenha uma alma que sobreviva à morte do corpo. De qualquer modo não há mais comunicação com essa pessoa. Pensar que não se vai existir mais, após a morte, também é um pensamento ruim, mas, uma vez que é inevitável, não há como se contornar. Aceite-se ou não, é o que vai acontecer. Isso, inclusive, incentiva a pessoa a deixar uma contribuição para o bem da humanidade, enquanto viva, pela qual se seja lembrado, após a morte.

o senhor é a favor ou contra a pena de morte?‎ Elliot Becker

Totalmente contra. Não admito em nenhuma situação. Primeiro porque, sendo a vida um bem sumamante precioso, não se pode tirá-la de ninguém, mormente de forma oficial. Segundo porque a pena de morte não permite a correção de erros judiciais. Terceiro porque não representa um castigo para o criminoso, uma vez que, morto, não sofre mais nada. Quarto porque não cumpre uma das finalidades da penalização criminal que é a recuperação do criminoso para a sociedade. Se ele se mostrar irrecuperável, que receba prisão perpétua com trabalhos.

Há valores em uma mente doutrinada? Justifique.‎ Luiz

Não. Quem se sujeita a aceitar qualquer doutrinação é uma pessoa sem o menor valor humano. Cada um precisa conhecer todas as propostas a respeito do que seja, examinar,refletir, questionar, validar, assumir ou contestar. Mas porque concluiu que seja o que é bom. Pode até ser que coincida com alguma proposta doutrinária, mas não foi aceito por doutrinação. Acatar o que seja imposto por quem quer que seja é sinal de falta de personalidade, de falta de independência de espírito. Eu diria, mesmo, de burrice.

Você se conforma com o que a sociedade impõe?‎ Agnes.

Absolutamente não! Pauto minha vida por minhas convicções e não importo nada com o que a sociedade pense ou ache de mim. Vou até para a cadeia por isso, se for o caso.

o ceu existe sim , Deus existe o capeta existe so nessa sua cabeça q nao existe‎ julio almeida

Na minha e na de quem quer que seja que se debruce sobre o assunto e examine as razões para se crer ou não na existência dessas entidades. Faça isso você também. Estude, com profundidade, as razões pelas quais você possa supor que deus, o capeta, o céu e o inferno possam existir e, então, conclua por si mesmo. Examine os argumentos contra e a favor com isenção. Acho que você concluirá, como eu, que os indícios todos são contra a suposição da existência deles.

qual a diferença entre uma pessoa com uma quantidade de q.i a mais do que outra, como o cerebro dela funciona?‎ Iago Carnevalli

A maior ou menor inteligência está relacionada com o maior ou menor número de conexões entre os neurônios. Há um fator genético nisso, mas isso também pode ser estimulado por exercícios neuróbicos, que consistem em promover essas conexões por meio de estímulos intersensoriais e desafios cognitivos. Em suma, complicando a vida. Por exemplo usando o relógio invertido, escrevendo e comendo com a mão não dominante, tomando banho e trocando de roupa de olhos fechados. Mudando sempre o trajeto de locomoção. Resolvendo enigmas e assim por diante. Quanto mais esforço mental se dispender, mais conexões são criadas e mais inteligente se fica.

O ser humano utiliza quantos por cento do cérebro ?‎ Django

O cérebro todo. Quando novas memória são formadas, surgem novas conexões. Não há partes do cérebro de reserva para virem a funcionar quando preciso. Tudo já está funcionando. O acúmulo de conhecimentos e o desenvolvimento de habilidades que se dão na vida não é porque partes inutilizadas passam a serem utilizadas, mas porque novas conexões são estabelecidas entre as partes já utilizadas.

Por que motivo você acha que existe a mínima possibilidade de sermos todos iguais na sociedade? Sempre vai ter alguém mais esperto ou alguém mais acomodado com a vidinha medíocre que leva, logo, os mais espertos sempre vão estar no poder. Me convença do contrario.‎ Rafael Freitas

A igualdade a que me refiro é uma igualdade de oportunidades, que hoje não se tem. Claro que o aproveitamento das oportunidades vai depender das condições de cada um. De fato, uns serão mais "espertos" e tirarão mais proveito. Mas o fato de serem mais "espertos", não significa que não sejam éticos e que se aproveitem dos menos capazes para se beneficiar indevidamente. Espertos podem ser honestos e bondosos. Para que assim o seja de modo amplo é que eu vinculo o atingimento da anarquia a um longo processo educativo, especialmente de conscientização ética. Assim, sendo os espertos do mal uma minoria, os espertos do bem impedirão que eles se aproveitem da sociedade em detrimento do bem comum. Esse "espertos do bem" é que precisam liderar a sociedade para manter a anarquia funcionando sem necessidade de governo. Mas é preciso haver coordenações de esforços para levar a cabo os projetos. Daí essas lideranças desinteressadas. A anarquia, de fato, é uma sociedade de pessoas virtuosas, em que o mal seja praticamente extinto por meio de um processo educativo. E um processo educativo, necessariamente, envolve um condicionamento pavloviano, isto é, o bem compensa e o mal não compensa. E quem aplica o prêmio e a punição não é governo nenhum, mas a própria sociedade.

Por que motivo você acha que existe a mínima possibilidade de sermos todos iguais na sociedade? Sempre vai ter alguém mais esperto ou alguém mais acomodado com a vidinha medíocre que leva, logo, os mais espertos sempre vão estar no poder. Me convença do contrario.‎ Rafael Freitas

A igualdade a que me refiro é uma igualdade de oportunidades, que hoje não se tem. Claro que o aproveitamento das oportunidades vai depender das condições de cada um. De fato, uns serão mais "espertos" e tirarão mais proveito. Mas o fato de serem mais "espertos", não significa que não sejam éticos e que se aproveitem dos menos capazes para se beneficiar indevidamente. Espertos podem ser honestos e bondosos. Para que assim o seja de modo amplo é que eu vinculo o atingimento da anarquia a um longo processo educativo, especialmente de conscientização ética. Assim, sendo os espertos do mal uma minoria, os espertos do bem impedirão que eles se aproveitem da sociedade em detrimento do bem comum. Esse "espertos do bem" é que precisam liderar a sociedade para manter a anarquia funcionando sem necessidade de governo. Mas é preciso haver coordenações de esforços para levar a cabo os projetos. Daí essas lideranças desinteressadas. A anarquia, de fato, é uma sociedade de pessoas virtuosas, em que o mal seja praticamente extinto por meio de um processo educativo. E um processo educativo, necessariamente, envolve um condicionamento pavloviano, isto é, o bem compensa e o mal não compensa. E quem aplica o prêmio e a punição não é governo nenhum, mas a própria sociedade.

Para você o que é espírito?‎ Leinadv

Espírito é o aspecto da mente vinculado à consideração dos temas mais elevados e abstratos, como valores do tipo da beleza, da bondade, da justiça, de verdade, do amor, da bravura. Tudo o que se pode chamar de "nobreza", isto é, que não seja meramente utilitário, ligado à sobrevivência, ao lucro, ao que seja "prático", é dito "espiritual". São considerações altruístas, filosóficas, transcendentais, no sentido, justamente, de irem além das necessidades comezinhas da vida. Isso inclui, também, o bom humor, a sagacidade, o brilho intelectual, o refinamento da percepção sensorial para a detecção do belo, do sublime, do enlevado, do poético. Ainda contempla a solidariedade, a compaixão, o desprendimento, a gentileza, a cortesia, a generosidade, em oposição à cobiça, à ganância, à avareza, à possessividade. Em suma, é a parte da mente que se ocupa da virtude em todas as suas formas. Mas isso não tem nada a ver com o conceito sobrenatural de "espírito", como sendo uma entidade incorpórea, a alma, pretensamente associada ao corpo de uma pessoa humana, enquanto viva. Trata-se de uma consideração puramente natural, advinda da mente, que nada mais é do que um cérebro "em funcionamento".

Existem mais conceitos que precisam crer, ou mesmo ter fé, de mesmo “calibre” que deus e o solipsismo? Pode ser tanto filosoficamente quanto cientificamente.‎ Leinadv

A validade da ética, com a consagração do bem e a execração do mal, para mim, também é uma crença, uma vez que, de um ponto de vista puramente utilitarista, se poderia conceber que o "vale-tudo" seria vantajoso para os vencedores. Que alguém, capaz de ser um vencedor, abdique disso para o bem comum é uma atitude advinda de sua crença no valor do bem sobre o mal. Nisso também se enquadra a valorização da verdade em relação à mentira. O arcabouço do Direito e da Justiça se fundamentam nesse tipo de crença. A suposição de que as leis da natureza descobertas aqui no Sistema Solar valham no resto do Universo também é uma crença. A superioridade do conhecimento em relação à ignorância é outra. A consideração da felicidade como o bem supremo. Há várias desse tipo.

O que pensa sobre as ideias de Karl Marx?‎ Pedro Costa

Concordo em parte, discordo em parte. Concordo que existe uma predação do capital sobre o trabalho, que beneficia o primeiro em detrimento do segundo. A solução está na fusão dos dois, isto é, que os capitalistas sejam os próprios trabalhadores. Mas discordo do processo para se chegar lá por meio da ditadura do proletariado. Para mim o comunismo tem que ser atingido por uma evolução e não por uma revolução. De modo completamente democrático. Também não aceito sua tese da evolução dialética da humanidade. Ela é polialética.

Professor, filosofia é essencial para desenvolver a inteligência do ser humano? No sentido de saber questionar a moral, a ética, os valores que lhes foram passados, etc.‎ No

Para desenvolver a inteligência não. Isso pode ser feito sem filosofia e depende mais de desafios de qualquer ordem. Mas, para estruturar bem a vida e construir a cosmovisão de cada um, a filosofia é sumamente necessária. Muito mais importante do que as aulas de catecismo. Acho que é a matéria mais importante da Educação Básica, seguida da matemática e, depois, do português. Sem filosofia não se aprende a examinar, a analisar, a questionar, a refletir , a sopesar, a julgar, a valorizar, a contestar. Mas o ensino da filosofia não pode se ater, apenas, ao ensino da história da filosofia. É preciso aprender a filosofar, isso sim. Isso é que é o mais importante. A história da filosofia pode servir como um guia, para não se precisar re-inventar a roda. Mas é importantíssimo que o estudante pense por si. Aliás isso deveria ser o método de aprendizado de tudo na escola. Chamo de "método da redescoberta". Trata-se de fazer do estudante um cientista, um historiador, um geógrafo, um biólogo, um físico, um químico, um linguista, para que ele, devidamente orientado, descubra e construa o conhecimento sobre todos esses assuntos. Em vez de estudar em livros e apostilas, ele deve ser orientado a escrever uma apostila sobre cada matéria que estiver estudando. Assim é que se aprende. Especialmente no caso da filosofia. Mas, então, o aprendizado não deve se dar por meio de aulas e sim de reuniões de trabalho em que professores orientem os trabalhos das equipes, de não mais de três alunos. Então se teriam laboratórios, computadores, bibliotecas, tudo com fartura de recursos para que as descobertas ocorressem.

Pode-se afirmar que assim como o solipsismo não há como refutar incontestavelmente a existência de deus?‎ Leinadv

Sim. Mas, do mesmo modo que o solipsismo, a existência de Deus é implausível, havendo indícios contra ambas as concepções.

Recapitulando algumas respostas suas, a verdade pode ser encontrada somente através da filosofia, da ciência e do saber popular? Então se a maioria da população acredita que existe um deus então ele certamente existe?‎ Leinadv

Não. Que possa haver verdade no saber popular não significa que todo saber popular seja verdadeiro. Ele será verdadeiro ou porque comprovado cientificamente ou, se isso não tiver sido feito, se funcionar, isto é, se o que ele se propõe a fazer der certo. Muitos saberes populares são falsos. Não passam pelo crivo da verificação, mesmo não científica. Como a astrologia, a numerologia e uma série de superstições. A crença em deuses é um desses casos de saberes populares falsos. Também é preciso se dizer que conhecimentos filosóficos e científicos podem ser falsos, do mesmo modo. Tanto é que a ciência e a filosofia estão sempre se corrigindo e alterando suas concepções. Mas eles são mais prováveis de serem verdadeiros, porque elas têm critérios de aferição mais rigorosos. Que, às vezes, falham.

"Mas acredito em fatos não comprovados, desde que plausíveis. Como, por exemplo, que haja um mundo exterior real fora da minha mente.". Então há possibilidade de uma "matrix" existir?‎ Leinadv

Em minha opinião, como uma matrix, não. Mas não há como refutar incontestavelmente o solipsismo, que é a consideração de que a única realidade seja a nossa própria mente e tudo o mais seja imaginação, inclusive o nosso corpo. Mas matrix é outra coisa. É a consideração de que sejamos parte de uma realidade virtual. Só que essa realidade teria que ter sido concebida e produzida por algum ser. No solipsismo só há um ser no Universo: a mente da própria pessoa, nada mais.

O ser humano é limitado? Por que não conseguimos pensar em uma nova cor, por exemplo?‎ Gustavo Felix

Uma nova cor é uma limitação do ser humano que não depende de pensar. Nossos olhos são sensíveis a uma faixa de frequências luminosas. Dentro dela somos capazes de perceber todas as combinações possíveis, que correspondem a todas as cores identificáveis. Outras cores que possam haver seriam feitas com combinações de frequências fora da faixa de detecção do olho humano. Alguns animais pode enxergá-las, como as abelhas, por exemplo. Mas nem temos ideia de como possam ser. Não há como imaginar uma impossibilidade dessas para nós. Temos uma série de outras limitações, não só dos sentidos que possuímos, mas dos que não possuímos. Não somos capazes de captar diretamente campos elétricos nem magnéticos, como outros animais o fazem. Assim não temos uma bússola interna e nem sintonizamos estações de rádio. Não temos capacidade de voar sem aparelhos e nem de respirar debaixo d'água. Não fazemos fotossíntese e, logo, dependemos de alimentos para sobreviver. Não somos imunes a uma série de toxinas que os urubús, por exemplo, suportam sem problema, como a botulínica, ou a peçonha de cobras, como os mangustos.

você tem fé em algo?‎ samer muhamad shnainah

Não, em nada. Porque a fé é uma crença sem indícios de plausibilidade. Mas acredito em fatos não comprovados, desde que plausíveis. Como, por exemplo, que haja um mundo exterior real fora da minha mente. Que a bondade é melhor do que a maldade. Que há razões para se comportar eticamente. Veja o meu credo:
http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=2454

Meu pai disse que ja pode existir vida de outro planeta aq na Terra. E tipo, digamos, extraterrestres. E eles podem estar em mares e tal, voce acha que pode?‎ Soldado Bastardo

Não. Acho muito improvável. Mesmo que eu considere que seja possível haver vida em outros planetas, penso que alguma vida mais evoluída seja muito rara, de modo que esteja espalhada por poucos planetas da galáxia, digamos, uns três em meio de centenas de bilhões. Assim a distância entre eles e nós pode ser da ordem de muitas dezenas de milhares de anos-luz, o que inviabiliza completamente alguma viagem de lá para cá, não importa quão avançada seja a tecnologia. Recomendo a leitura do livro "Sós no Universo", de Donald Brownlee e Peter Ward, editora Campus. Ele é muito elucidativo a esse respeito.

quem anda com pombos, nunca voara como aguia" o que acha dessa frase... ?‎ Edefranque HEUHEUEHUEHEUHU

Pertinente. Para elevar o espírito (não no sentido sobrenatural) há que se embeber de cultura, sabedoria, bravura, bondade, justiça, beleza, inteligência, sentimento e amor que podem ser fornecidas por quem seja "águia". Mas isso pode acontecer mesmo sem o contato direto, por meio de livros, discos, vídeos, cartas e, agora, pela internet. Claro que o contato direto é melhor. Vale a pena estabelecer contato com os luminares da humanidade em todas as áreas e dessas pessoas sorver seus valores, que não diminuem em serem doados. Para mim, os grandes depositários desses valores são os livros, meus diletos companheiros. Incentivo a todos que dediquem à leitura, pelo menos, uma ou duas horas por dia. O resultado é excelente para a saúde do espírito (novamente não no sentido sobrenatural), como o exercício físico e a boa alimentação o são para a saúde corporal. Isso dará à pessoa uma sobranceria inigualável, não soberba e nem presunçosa, mas altiva, garbosa, altaneira e elevada, advinda da convicção assertiva de que se tem valor e se á capaz.

Porque se diz que antes do Big Bang não havia sequer o tempo? O que é o "tempo", fisicamente falando?‎ Anônimo

Tempo é uma sucessão de momentos. E momentos são as diferentes situações do estado do Universo. Se nada se modifica, no Universo inteiro, não existem momentos distintos, logo o tempo não decorre. Antes do Big Bang, mesmo que algo existisse, estaria completamente imperturbado, sem nenhuma alteração em nada. Então não se passaria tempo. Claro que se não existisse nada, não se passaria tempo, pois não haveria o que se modificar. O sentido do curso do tempo é dado por dois fatores. O primeiro é a causalidade. Quando dois eventos são causalmente dependentes, aquele que seja a causa do segundo o precede no tempo. Mas nem todos os eventos são causados por outros. Podem ser fortuitos. Mesmo assim se pode decidir qual é o antecedente e qual o consequente por sua probabilidade em relação a todas as possibilidades de estado para o Universo todo. Isso é medido por uma grandeza denominada entropia, que faz uma escala logarítmica das probabilidades. O sentido do tempo é aquele em que a entropia total aumenta. Mas ela pode diminuir em um subsistema do Universo, sendo isso compensado pelo aumento da entropia da vizinhança. A formação de uma estrela diminui a entropia de seu conteúdo, mas aumenta a do resto do Universo. Da mesma forma que o surgimento da vida a partir da matéria inanimada. Há certas interações que promovem a redução localizada de entropia. São as interações atrativas e cumulativas, como a gravidade e a de Van der Waals. A expansão do Universo é um fenômeno causador de seu aumento de entropia.

Ernesto, daria qual dica a quem está começando no mercado de trabalho?‎ jeferson schmidt

Faça tudo da melhor maneira possível. Persiga a excelência. Não tenha a menor preguiça e nem fique se preocupando de estar trabalhando muito e descansando pouco. Ouse tentar novas idéias. Invente. Inove. Faça diferente. Mas sempre com o máximo capricho e dedicação. Não seja apenas um bem mandado. Discuta, faça propostas, seja melhor do que todo mundo. Invente moda, cace sarna para se coçar e dê murro em ponta de faca. Mas com sucesso. Para isso há que se ter ótimo preparo e grande disposição. Invista nisso, sem esmorecer.

Estou completamente confusa em que curso irei entrar depois do ensino médio, tenho um mês para decidir e todas as certezas que eu tinha fugiram da minha mente, a única coisa que ainda tenho certeza é que quero prestar um curso na área de humanas ainda, e pretendo ser bem sucedida, estava pensando em‎ Kelly Pantaleão

Isso vai depender do que você entende por "bem sucedida". Muitas consideram que seja ficar rica. Outros que seja sentir-se realizada na vida, isto é, satisfeita com o que se faz e feliz. Eu me enquadro nesse último grupo. Portanto, acho que a decisão sobre o curso a fazer se prende ao que seja capaz de lhe propiciar maior alegria de viver trabalhando com aquilo. Há duas grandes possibilidades: quem gosta de ação e que gosta de reflexão. Para as primeiras, na área de humanas, há os cursos de administração, direito, economia. Para as segundas, há os cursos de filosofia, sociologia, história. Há os híbridos, como pedagogia e todas as licenciaturas, que formam professoras. Mas há, também, a possibilidade de se trabalhar sem ter curso superior, como negociante, empresária, vendedora, comerciante, industrial, fazendeira ou similares. Ou, ainda, como artista, escritora, música, pintora ou assemelhados. Não sei quais são os seus pendores para te aconselhar.

Desculpa professor, fiz a pergunta errada. Seria: o conceito de quantidade de movimento circular?‎ Egberto Santana Nunes

O que se pode chamar de quantidade de movimento circular seria o momento angular, ou quantidade de movimento rotacional. Ela mede o quanto de rotação um corpo possui, sendo dada pelo esforço necessário para produzir ou para extinguir essa rotação. Isto vale o produto do torque pelo seu tempo de aplicação. Tal grandeza provê o corpo de uma quantidade dada pelo produto vetorial da posição pela quantidade de movimento linear, grandeza que é chamada de momento angular: L = mr X v, onde L, r e v são vetores e X é o produto vetorial. No caso de um corpo sólido, o momento angular total é dado pela integral dessa grandeza sobre todos os elemento de massa dm do corpo, que dá o resultado L = Iw, onde I é o momento de inércia e w é a velocidade angular. No caso genérico I é um tensor de segunda ordem e L e w são vetores. Quando I for um tensor diagonal, L e W têm a mesma direção e sentido e dizemos que o eixo de rotação é um dos "eixos principais de inércia" do corpo. VEja isto:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Momento_angular
http://pt.wikipedia.org/wiki/Momento_de_in%C3%A9rcia
Para um apanhado mais completo:
http://en.wikipedia.org/wiki/Angular_momentum
http://en.wikipedia.org/wiki/Moment_of_inertia

Assim como o senhor eu não creio em Deus, mas tenho uma duvida, por que o ser humano não consegue recriar os elementos? Se eles surgiram de uma grande coincidência, por que o ser humano não consegue recriar um elemento?

Muitos elementos são criados pelo ser humano sim. Inclusive vários inexistente na natureza. Claro que em pequenas quantidades, pois essa criação de elementos envolve grande dispêndio de energia. Uma bomba atômica cria plutônio a partir do urânio. Uma bomba de hidrogênio cria hélio a partir do hidrogênio. Na natureza o hidrogênio e o hélio foram formados no Big Bang, em uma condição de densidade de energia quase impossível de ser reproduzida artificialmente. Mas para o hélio se consegue. Os demais elementos, que são formados no interior das estrelas ou em suas explosões (acima do ferro), em parte conseguem ser produzidos em laboratórios. Mas a um custo altíssimo, que não compensa, exceto para investigação científica.

Ernesto, você gosta de ontologia? Algum pensador em especial?

Sim, tanto ontologia quanto a metafísica toda. Mas não gosto de me fixar em nenhum filósofo em particular. Gosto de tirar um extrato do que absorvo de vários deles. No caso, desde Parmênides, passando por Aristóteles, Tomás de Aquino, Hume, Kant, Hegel, Heidegger e outros. De modo geral não gosto de adjetivar a Filosofia, buscando, para cada assunto, a concepção que julgo corresponder à verdade e à realidade, sem me fixar em nenhuma escola. Há quem considere que esse tipo de ecletismo seja repugnante. Todavia o que eu acho repugnante é a filiação incondicional a tal ou qual escola. O mesmo eu digo a respeito de ideologias políticas e econômicas, bem como psicológicas. Quando eu me qualifico como uma pessoa em busca da verdade é, justamente, porque, a respeito do que quer que seja, sempre levanto um questionamento de todas as opiniões, para ver se obtenho o que seja mais próximo da verdade, sem nenhuma concepção prévia. O que me interessa muito, em metafísica, é a questão das categorias. Tenho feito muitos esquemas de categorização da realidade e busco um modelamento matematicamente tensorial do assunto, isto é, na forma de matrizes de mais de duas ordens de dimensões. Acho muito fascinante. Outra questão que me cativa é a da classificação dos predicados do ser, bem como do estabelecimento de suas condições de estado, além da existência ou inexistência. Isso tudo se encaixa em uma concepção lógica multidimensional, multivaloritária e multimodal. Acho que a realidade não se enquadra no esquema dicotômico nem da lógica formal nem da dialética. Isso tem implicações metafísicas e epistemológicas. Em suma, nada pode ser analisado separadamente em seus aspectos lógicos, fenomenológicos, ontológicos, teleológicos ou epistemológicos. Ou seja, as respostas às questões: O que é? Como é, Por que é? Para que é? não são independentes.

Qual a sua opinião sobre esse novo julgamento para os acusados do mensalão?‎ mininu doidu

Já que o regulamento do Supremo faculta, não vejo que tenha sido ilegítimo. Só que eu acho que a legislação brasileira é muito frouxa. Não vejo necessidade de tantos recursos. Para mim, se o Supremo já é a instância máxima, não se caberia mais recurso e nem novos julgamentos. Nos demais casos, só se caberia, no meu entender, um recurso, a não ser que fatos novos se apresentassem.

Quanto às respostas não respondidas, sugiro o mesmo que o Físico Teórico. Seu perfil só fica desativado, não se perde nada. Procure responder de baixo pra cima, que é onde estão as mais antigas e ir apagando as repetições. Geralmente desativo o meu e reativo sem perder nada. Espero ter ajudado!‎ andri daud

Sim, mas o problema é que, enquanto isso, as pessoas ficam privadas de acessar o que já respondi e muitos gostam de consultar respostas anteriores.

A ciência ainda não comprovou a existência de um Deus?‎ Marcos Roberto

Não. Tampouco a inexistência. Mas trabalha sem considerar que exista. Ou seja. não faz uso de nenhum argumento baseado na suposição de sua existência.

E sobre a quantidade de movimento linear? Poderia explicar resumidamente o conceito.‎ Egberto Santana Nunes

Quantidade de movimento linear é, simplesmente, a quantidade de movimento apenas, sem outra especificação. Isto é, o produto da massa pela velocidade do centro de massa de um corpo.

Qual tipo de ateu você é?‎ Isabela

Cético. Isto é, a pessoa que, pelo fato de não haver evidências, provas e nem sequer indícios da existência de Deus e, por outro lado, vários indícios de sua inexistência, considera que Deus não exista, não tendo, porém, certeza garantida disso. Não sou, portanto gnóstico teísta, nem deísta, nem panteísta, nem panenteísta. Também não sou agnóstico, já que não acho que seja impossível se provar ou verificar a existência ou inexistência de Deus, mas que apenas essas provas não são disponíveis. De modo diverso, os ateus dogmáticos ou gnósticos, consideram que a inexistência de Deus seja um fato garantido e comprovado.

Ernesto,, Respeito vc e talz.. mas acho q sei lá né Como nao pode acreditar em deus.. Mas nao esquenta nao Deus gosta de pessoas como vc ,,que nao acredita nele ;]‎ Tokoo -♔

Tem muita gente que não acredita em Deus. Não é algo assustador. É só o resultado de investigações históricas, filosóficas e científicas. Nada indica que exista tal tipo de entidade. Ela não é requerida para explicar coisa alguma. Não há evidências nem provas de sua existência. Tudo o que lhe é atribuído não funciona, como milagres e o atendimento de preces. Os casos favoráveis podem ser todos, estatisticamente, atribuídos ao acaso. A existência do mal, de doenças e de muitas imperfeições do Universo mostram que, se ele foi criado, seu criador seria incompetente, não sendo o caso, pois, de ser um deus.

O senhor já estudou ou leu sobre a "Lei da Atração"? Qual sua opinião sobre esse assunto?‎ Ivan Enrique Kotowski

Essa "Lei da Atração" é uma concepção de que, se você desejar muito algo, isso acontecerá para você, em decorrência da injunção de forças misteriosas do Universos, comandadas por sua consciência. Isso é completamente falso. Não acontece, em absoluto. O pensamento não interfere nos acontecimentos externos. O que ele pode fazer é te dar mais disposição para agir no sentido de obter o que quer. Mas são as ações que resolvem, não os pensamentos.

então me explica.. e essa saude/? véy sem deus vc naum da o pulo maior q a perna ;] sem maldade)‎ Tokoo -♔

Se houvesse Deus, não haveria problemas de saúde. Não haveria doenças. Nem maldade. Nem todas essas imperfeições do Universo. A não ser que o próprio Deus fosse malvado. Quem sabe não é?

O que é lógica?‎ Husky Siberiano

Lógica é uma disciplina do raciocínio. Trata-se de um formalismo para que se possa desenvolver raciocínios válidos que levem a conclusões corretas. A lógica não garante a veracidade das conclusões, uma vez que elas dependem da veracidade das premissas, que são as suposições sobre as quais o raciocínio se faz. Essa veracidade tem que ser constatada de modo empírico, em última análise, isto é, por verificação fática diretamente a partir das observações sensoriais, com ou sem o auxilio de instrumentos. Se as premissas forem verdadeiras, um raciocínio logicamente válido levará a conclusões verdadeiras. Existem várias modalidades de lógica. Para um apanhado, veja este artigo:
http://pt.wikipedia.org/wiki/L%C3%B3gica

qual foi as invensões de galileu galilei??‎ João Victor Hikaru

Galileu foi um cientista que descobriu algumas leis da mecânica, como a lei da Inércia, a lei do período dos pêndulos, a lei do movimento acelerado e de queda livre. Estabeleceu o conceito de referencial inercial. Foi quem aplicou o uso de lunetas para a observação astronômica e, com isso, descobriu as quatro maiores luas de Júpiter, as fases de Vênus, as montanhas da Lua, os anéis de Saturno e o fato de que a "Via Láctea" é formada de estrelas. Em termos de invenções, inventou a balança hidrostática, o termômetro, o relógio de pêndulo e um compasso de medir ângulos e áreas. Sua contribuição mais importante para a ciência foi o desenvolvimento do "Método Empírico" de investigação e estabelecimento de conhecimentos.

Poderia explicar o conceito para a física de "Quantidade de Movimento"?‎ Egberto Santana Nunes

Como o próprio nome diz, trata-se de uma medida do quanto de movimento algum sistema possua, especificamente o translacional. Seu valor pode ser obtido pelo esforço necessário para estabelecer esse movimento, a partir do repouso, ou para se retirá-lo, levando ao repouso. O que se verifica é que, certamente, quanto mais velocidade um corpo tenha, mais movimento ele tem. Mas não é só isso. Com a mesma velocidade, um corpo de mais massa oferece mais resistência a adquirir essa velocidade, ou a perdê-la, do que um corpo de menos massa. Para contemplar os dois fatores, define-se a quantidade de movimento como o produto de massa pela velocidade, sendo, pois, uma grandeza vetorial. O esforço necessário para dar certa quantidade de movimento vale o produto da força aplicada pelo tempo de aplicação, grandeza denominada "impulso". O impulso aplicado a um corpo, assim, vale a variação em sua quantidade de movimento. Se um sistema está livre de impulsos, isto é, se está mecanicamente isolado, sua quantidade de movimento permanece constante. Isso é chamado de "Lei de Conservação da Quantidade de Movimento". A quantidade de movimento também é chamada de "momentum" ou de "momento linear".

ei, me responde como surgiu o primeiro ser vivo na terra e o primeiro humano na terra, mas nao use palavras dificeis se não eu não consigo entender‎ contafaketa

O primeiro ser vivo surgiu porque as condições ambientais da Terra primitiva, em que havia muitos raios, possibilitou a sintetização de moléculas orgânicas, como amônia, metano, dióxido de carbono e outras nos oceanos e lagos. Tais moléculas, por sua vez, se combinaram com outras para formar aminoácidos, açúcares, purinas e pirimidinas, bem como ácidos graxos. Estas novas moléculas, por sua vez, também se combinaram para forma proteínas e ácidos nucléicos. Além do mais, houve a formação de bolhas lipídicas (com um revestimento pelicular de ácidos graxos), dentro das quais se pode estabelecer um ambiente favorável ao surgimento de um metabolismo. Esse sistema se tornou um coacervado, que acabou evoluindo para as primitivas células procariotas auto replicantes (as palavras que você não souber, procure na Wikipedia). Esta é a teoria de Oparin-Haldane, provavelmente a que melhor explica o surgimento da vida. Com o passar do tempo as células procariotas, que formam as bactérias, evoluíram para as células com núcleo (eucariotas), dos protozoários e, reunidas, formaram os organismo pluricelulares, dentre os quais surgiu, também, os clorofilados, que vieram dar nos vegetais. Esse período em que só havia bactérias durou uns três bilhões e meio de anos. Só no último meio bilhão de anos é que surgiu a vida pluricelular. Daí para frente a evolução se fez mais rápida, permitindo o aparecimento de todos os filos atuais. O ser humano evoluiu a partir de primatas pré-humanos, que, por sua vez, vieram de outros primatas e assim por diante, desde o primeiro ser vivo.

Na física, o que seria um 'momento'?‎ Daniel Freitas

Há vários conceitos de momento:
1. Instante de tempo;
2. produto vetorial da posição vetorial do ponto de aplicação de uma força por ela (chamado "torque");
3. produto da massa pela velocidade de uma partícula (chamado quantidade de movimento, momento linear ou "momentum");
4. produto da posição vetorial de uma partícula por seu "momentum" (chamado momento angular);
5. produto da carga positiva de um dipolo elétrico por seu vetor posição em relação à carga negativa (momento de dipolo elétrico);
6. produto da corrente elétrica de um circuito fechado pela área abrangida por ele (momento de dipolo magnético).

Ernesto, você tem previsão de quando publicará Física para Filósofos? Quais outros conceitos você ainda pretende abordar em sua obra?

Este é um grande problema. Meu trabalho me consome umas dez horas por dia e, às vezes, fins de semana. Preciso acabar esse livro. O jeito vai ser eu parar de participar da internet, como este Ask. Se eu conseguir trabalhar no livro umas 20 horas por semana, acho que consigo terminá-lo até o fim do ano. Vou tentar.

Agnosticismo pode ser considerado um Dogma?‎ Frases Anarcos, Punks, Etc..

Não. Trata-se de uma concepção, mas não dogmática. Não há nenhum grupo coeso de agnósticos que defendam sua posição de modo que alguém possa se dizer participante ou não de algum tipo de sociedade agnóstica rigidamente definida em termos de obediência ao pretenso dogma do agnosticismo.

Oque é uma pessoa que se diz Agnóstica?‎ William Diaz

Alguém que considere que não seja possível saber se Deus existe ou não. Já o gnóstico considera que se possa saber e, ou diz que existe ou que não existe, considerando que sabe o que está dizendo. Pode-se, também, não se ser agnóstico nem gnóstico, isto é, não se saber se Deus existe ou não mas considerar que isso possa ser sabido. Trata-se do cético. É o meu caso.

o que é o nada?

Não é nada, pois, "o nada", não existe. Nada (e não "o nada") indica a ausência total de qualquer coisa: matéria, radiação, campo, tempo, espaço (mesmo vazio), pensamento, espíritos, deuses, o que for que se possa conceber. Não existir nada é não se ter nada disso. Nem escuridão, pois escuridão é a falta de luz em algum lugar, e, não havendo nada, não há lugares, nem momentos, nem "antes", nem "depois". A palavra "nada", não se refere a algo e sim à falta de tudo. Não havendo algo, não existe Universo, nem Deus, nem eternidade, nem coisa alguma.

Tenho uma prova importante sábado e ainda não estudei nada. Quais dicas você pode me dá para eu ir bem ?‎ Túlio Aleffe

Comece logo a estudar e meta a cara, deixando outras atividades e reduzindo as horas de sono. Isole-se do mundo. Faça esquemas como se você fosse dar uma aula do assunto e elabore explicações que você deveria dar para seus alunos. Assim você aprende. Invente exemplos de utilização prática do assunto. Lembre-se que saber um assunto significa conhecer, entender, compreender e utilizar.

Caro Ruckert, por que é dito que a física quântica não subjaz à lógica formal?‎ Kafka Liberty

Porque a Física Quântica, que descreve o comportamento mais íntimo da natureza, não obedece aos princípios basilares da Lógica Formal, que são o da não contradição, do terceiro excluído e da dicotomia. Isto é, uma proposição não pode ser verdadeira e falsa ao mesmo tempo, ou seja, tem que ser ou verdadeira ou falsa, não admitindo outras possibilidades. Isso não acontece na Física Quântica, em que um sistema pode estar em estados combinados e de mais de duas possibilidades. Não se pode afirmar categoricamente se um sistema está ou não em certo estado, mas apenas se dar a probabilidade de que ele esteja ou não esteja. As características de indeterminismo e incausalidade que são contempladas pela Física Quântica a deixam de fora dos raciocínios com base na Lógica Formal. Mas não é só a Física Quântica que tem esse aspecto. Em verdade a Lógica Formal só se aplica a uma classe reduzida de ocorrências. A maioria de tudo o que ocorre no Universo não admite seus princípios. A própria vida humana em sociedade não é lógica, no sentido formal. A natureza, de modo geral, também não é lógica. Os fenômenos biológicos, psicológicos, sociológicos, econômicos, históricos e de vários outros ramos se dão em desobediência aos princípios da lógica formal. A lógica precisa ser considerada de um ponto de vista mais amplo para abarcar a realidade. Não só a não dicotomia, contemplada pela lógica difusa, mas, mesmo, outros aspectos, como a modalidade e a pluridimensionalidade, que invalida, inclusive, a dialética formal.