terça-feira, 1 de abril de 2014

ACERTO

Se não existe verdades absolutas nem mesmo a sua resposta sobre verdades absolutas seria uma verdade absoluta?

Eu não disse que não existem verdades absolutas. O que eu disse é que não se pode saber se uma afirmação seja uma verdade absoluta. Isso vale, inclusive, para essa afirmação. O ceticismo se aplica ao próprio ceticismo.

se o universo é infinito existem infinitas possibilidades de existir vida inteligente fora do nosso planeta, o que leva-nos a acreditar que é impossível não haver, correto?‎

Não. Mesmo que eu ache que possa haver vida inteligente em outros lugares, não posso concluir que isso decorra, necessariamente, do fato do Universo ser infinito. Pode ser e, mesmo assim, não haver vida inteligente em nenhum outro lugar, senão na Terra. O fato de haver infinitas possibilidades não garante que todas elas precisem estar presentes.

Existem verdades absolutas?

Verdade é a adequação entre a realidade e o discurso. Uma verdade seria absoluta se essa adequação fosse perfeita e impossível de ser contestada. Todavia a aferição da veracidade de alguma assertiva depende da conferência de dados que a realidade passa à mente pelos sentidos, que são falhos. Ou que algum raciocínio conclua a partir de dados empíricos. Mas os raciocínios também são falhos. Assim, não há como se garantir, indubitavelmente que qualquer afirmação seja, de fato, uma verdade. O que mais próximo se tem disso é o consenso entre várias considerações subjetivas de veracidade de alguma assertiva, que se pode chamar de "verdade objetiva", isto é, independente do sujeito. Mesmo assim é possível se tomar alguma verdade como garantida, se todos os cuidados forem tomados para tal. Assim é o caso da assertiva: "O quadrado da hipotenusa é igual à soma dos quadrados dos catetos".

Você acha que é possível os seres humanos atingirem uma sociedade anarquista por meio do pacifismo?‎

Claro que sim. E não há outra forma, já que qualquer revolução é contrária aos princípios anarquistas, pois uma revolução requer que os vencedores dominem os vencidos e exerçam um controle sobre eles. Então haverá algum grupo controlador que deterá um poder e poder é algo que o anarquismo não admite. Portanto só se pode atingir a anarquia por um processo evolutivo pacífico. Tal processo, certamente, consumirá dezenas de gerações, ou seja, vários séculos, até mil anos ou mais. Mas é a tendência natural da humanidade. Isso poderá ser reduzido a alguns séculos apenas por meio de um trabalho educativo vigoroso, insistente e persistente, por várias dezenas de décadas.

O Brasil é um país subdesenvolvido graças a péssima qualidade das escolas brasileiras? Esse é o fator que mais conta para tal ?

Essa é uma questão de retroalimentação. O subdesenvolvimento advém da baixa qualidade da educação e a baixa qualidade da educação advém do subdesenvolvimento. Para interromper esse círculo vicioso é preciso atacar os dois problemas ao mesmo tempo. Melhorar a educação e melhorar o nível sócio-econômico da população. Tais medidas são de longo prazo, mas não podem ser postergadas, senão nunca se resolverá o problema. Para começar tem-se que remunerar atrativamente o magistério e, paralelamente, impor uma alta exigência de qualidade aos professores. Isso já melhorará o nível da educação em apenas uns vinte anos.

O que deve fazer um anarquista em época de eleição? Votar no político menos ruim, anular o voto ou justificar? Você confia nas urnas eletrônicas, acha que elas são seguras? Eu penso em justificar meu voto por achar que as urnas não são de confiança.‎

Acho que as urnas são de confiança sim. Tanto que, muitas vezes, são eleitos candidatos que a situação não deseja. Não acho que se deva anular o voto ou justificar a ausência. Mesmo achando que o voto não deva ser obrigatório, acho que se deva sempre votar, pois omitindo-se está-se permitindo que outros sejam responsáveis pelo resultado. Mesmo que um voto só não tenha tanto peso, acho que se deve escolher o candidato preferível e votar nele.

Professor,li em algum lugar que o Canadá é considerado um país socialista,isso confere?

Não. O Canadá tem uma economia capitalista planificada, uma espécie de hibridação de capitalismo com socialismo.

O egoísmo pode ser considerado uma virtude?‎

Claro que não! Jamais. O egoísmo é o pai de todos os vícios e de todos os males. É péssimo. É o maior entrave ao aprimoramento da civilização e ao bem estar e felicidade generalizadas da humanidade.

Professor , não se e impressão minha mais parece que de 2010 pra frente o tempo esta passando mais rápido, antigamente 1 ano era uma eternidade , hoje em dia o ano mal começou e já estamos em março , você acha que existe justificativa para o tempo estar passando mais rápido ou e só impressão minha?‎

Essa é uma impressão advinda do fato de que, à medida que a pessoa envelhece, cada ano passa a ser uma fração menor de sua vida.

Se você fosse obrigado a cursar uma disciplina de um professor universitário que vai lecionar bêbado, que tem provavelmente tem problemas psicológicos, e que é conhecido por não ensinar o conteúdo. O que você faria?

Denunciaria perante a coordenação do curso ou a chefia do departamento. De preferência levando um abaixo assinado da turma por uma comissão de alunos. Se não adiantar, faça a denúncia à diretoria da faculdade ou instituto ou, ainda, à reitoria de universidade. Isso não pode ser tolerado.

Professor, URGENTE! Dicas para vencer a procrastinação!?‎

Só há uma forma de não adiar o que se tem que fazer: força de vontade. E como se adquire força de vontade? Com força de vontade. Todavia pode-se ir tentando melhorar. O jeito é ir fazendo as coisas mesmo sem estar querendo fazer, mesmo com preguiça. Ir insistindo e vencendo a moleza. Cada pequena iniciativa leva a outra maior e, assim, vai se vencendo a procastinação. É bom, também, xingar a si mesmo e se colocar como vil e desprezível por se ter preguiça. Quem sabe isso mexe com os brios. Aposte com os outros que vai conseguir fazer algo. Mas aposte algo que seja muito doloroso perder mesmo. Propague a todos os ventos o que tem que fazer e também conte para todo mundo suas derrotas para que se sinta arrasado por não conseguir. Por outro lado, rejubile-se e recompense-se por ter conseguido.

Se vc não acredita em sorte como algumas pessoas ganham na mega sena?‎

Não há nada especial em quem ganha na Mega Sena. Qualquer pessoa que faça o jogo tem a mesma probabilidade de qualquer outra de ganhar, antes de que o sorteio seja feito. Uma vez feito, pode perfeitamente haver coincidência entre os números sorteados e algum jogo que tenha sido feito. Isso não tem nenhum critério de escolha, Pode coincidir com o jogo de qualquer jogador. Ou de nenhum, como, às vezes, acontece. Sorte seria uma disposição prévia para que a coincidência se desse especificamente com fulano ou beltrano. Isso não existe. Não é porque alguém ganhe na Mega Sena que se pode dizer que sorte existe. O que existe são coincidências. Ninguém é favorecido pelo resultado. Por acaso os números obtidos coincidiram com os que alguém jogou. Então essa pessoa ganhou. A chance dela é a mesma de qualquer outra.

Se estiver disposto a tal e julgar que seja proveitoso, gostaria que explicasse melhor a ideia de que o ser humano é animado pelo seu metabolismo, ao passo em que é este o motor principal, agente e aquilo que nos dá força e vivacidade. Como assim? Parece-me completamente irrazoável. Elucide, pfv. Ob

O que anima não só o ser humano, mas qualquer animal e, mesmo, o que dá vida a um vegetal, fungo ou bactéria, não pode ser nada mais que o próprio funcionamento de seu corpo. Um corpo totalmente estruturado mas sem estar funcionando não está vivo. É o que acontece com um animal logo após sua morte, em que seu corpo ainda não começou a apodrecer. Não há diferença fundamental entre um ser humano e outro animal. A diferença é só na complexidade maior do ser humano. Não há nada que um ser humano possua que os outros animais também não possuam. É só uma questão de grau. Inclusive houve outras espécies tão complexas quanto a humana, que se extinguiram, como a Neandertal. Esse funcionamento confere ao corpo sua capacidade de tomar iniciativa, que é o que diferencia a vida da não vida. Os sistemas não vivos não tomam a iniciativa de qualquer ação. Apenas respondem a outras ações, reagindo a elas. Os seres vivos agem por sua iniciativa. Isso é uma propriedade que pode ser implementada em artefatos robóticos, que, então, poderiam ser tidos como "vivos". Tal característica é fruto da complexidade. Acima de certo nível, a complexidade é capaz de, não só reagir a estímulos, mas, também, de agir proativamente. Note, contudo, que há uma cadeia vital que passa dos genitores à prole (isso inclui vegetais, bactérias e fungos), por meio das células gaméticas. Ao se unirem para formar a primeira célula somática do novo corpo, elas transmitem o fato de estarem vivas a ela e isso vai se propagando pelas novas células que vão se formando por divisão do zigoto a todo o corpo até que ele morra. Mas ele pode deixar gametas que fecundam e são fecundados e, assim, a vida ir se propagando no Universo. A questão é só a do surgimento do primeiro sistema vivo, isto é, que funciona por iniciativa própria. Tal surgimento se deu porque as circunstâncias levaram a uma conjunção de fatores favoráveis a que algum sistema começasse a agir por iniciativa própria, dando início à cadeia da vida. Há propostas de explicação desse fato, ainda não confirmadas, mas esse é um tema obejto de ingentes estudos na comunidade biológica. Não se pode avocar, simplificadamente, alguma intervenção extra-natural no processo, uma vez que não há indicação nenhuma de que isso se tenha dado. Quem advoga tal tipo de intervenção, por sua vez, também não explica como essa intervenção procedeu. Não há nada de irrazoável na concepção de que a vida é fruto da complexidade. Certamente que não se consegue produzir vida biológica a partir da matéria inanimada em condições laboratoriais no presente. Isso foi um processo gradativo ao longo de milhões de anos. Mas pensa-se que tal fato esteja ocorrendo, atualmente, em biotas singulares, como as fumarolas submarinas.

Sua tese de mestrado em cosmologia foi sobre qual tema em específico?

Fótons não lineares e seu comportamento em espaços curvos. Tais fótons possuiriam massa e teriam seu comportamento descrito por uma equação de acoplamento dos campos eletromagnéticos com a gravitação envolvendo termos cruzados da curvatura com o potencial eletromagnético que acarretam equações diferenciais não lineares para o movimento do fóton. Se eles existissem, isto é, se o fóton tivesse alguma massa, mesmo menor do que as mais precisas experiências pudessem detectar, isso teria implicações cosmológicas detectáveis, como a existência de um "eixo do Universo", que não seria isotrópico.

É possível andar no espaço em linha reta e chegar ao mesmo ponto em determinado momento?

Se o espaço for finito sim, pois o que seria uma linha reta não é reta, mas faz uma curva ao redor do Universo. Todavia se o Universo for finito, mesmo assim ele seria muito grande, de modo que tal volta demandaria, talvez, trilhões de anos.

Ernesto, vamos supor que eu volte no passado e mate meus pais. Se eu matei meus pais significa que eu nunca existi certo? Se eu nunca existi quem matou meus pais?

Esta é uma ocorrência impossível que, além de outras proibições, não permite que se possa voltar ao passado. Portanto tal suposição é somente imaginária, jamais ocorrendo. Não se pode voltar ao passado.

Onde fica a tal Particula de Deus? No espaço?‎

O bóson de Higgs é uma quantização do campo de Higgs que só aparece em situações em que uma outra partícula de altíssima energia interaja com o campo de Higgs. Mas o campo de Higgs preenche todo o espaço e faz parte do vácuo, juntamente com outros campos. Sua interação com as outras partículas é que lhes confere a resistência à aceleração que é medida como a sua massa.

O que diria para um aluno do Ensino Médio que quer conhecer Física Moderna, apenas por curiosidade, mas não fará graduação de física? Toda a grade de Física do Ensino Médio é necessária como pré-requisito? Se não é, quais conteúdos de Física são necessários para entender a Moderna?

Sim. É importante ter visto toda a Física Clássica, que é o conteúdo completo do Ensino Médio, para começar a ver a Física Moderna. Colégios que abordam esse tema veem o conteúdo clássico em cinco semestres e deixam o sexto para Física Moderna, como eu ensinava na EPCAR. Mas têm que renunciar à revisão para o vestibular e o ENEM. Os livros de Física para o Ensino Médio no Brasil, quando abordam o assunto, o fazem de forma muito elementar e superficial. Sugiro o PSSC Advanced Topics Suplement:
http://www.barnesandnoble.com/w/physics-uri-haber-schaim/1005394832?ean=9780669088557

Os buracos negros supermassivos foram peças-chave na formação de galáxias. Também os são na mecânica atual das mesmas. Para onde vai e o que acontece com a matéria por eles sugada? Suas "desembocaduras" estão necessariamente neste Universo? Em que medidas se dão suas durações sob a expansão cósmica?‎

A matéria que entra em um buraco negro seja supermassivo ou não, fica dentro dele mesmo. Não vai para outro lugar. Inclusive sua massa gera curvatura no espaço circundante e, portanto, efeito gravitacional, como se fosse qualquer outra massa.

[...]toda a vida, dai para frente, é passada de um ser vivo para outro. Somos vivos porque proviemos dos gametas de nossos pais, que eram vivos. E assim por diante[...] Isso não prova a existência de um Deus? Matéria não viva pode gerar vida?

Não é toda vida que provém de outra vida e sim toda, exceto a primeira. Que matéria gera vida é claro que gera, pois a vida é uma ocorrência que se dá com sistemas materiais. Não existe vida em nenhum sistema que não seja constituído de matéria, como um campo puro ou a radiação. Mas há matéria viva e matéria não viva. O primeiro sistema material vivo surgiu a partir de um sistema material não vivo. E isso não requereu nenhuma interveniência divina. Tal ocorrência se deu porque as condições se tornaram propícias para que em dado estado de complexidade, o sistema tomasse a iniciativa de se auto-prover de energia, dando partida à vida.

Então acredita-se que o Universo é infinito, isso quer dizer que ele é infinito em espaço? E mesmo quando tudo estava concentrado num único ponto (Big Bang), este ponto que era finito (pois era menor que um átomo), estava imerso num espaço infinito e vazio (o Universo)?‎

Se o Universo for infinito, como se considera que seja em razão dos dados observacionais e não por se acreditar que seja, não houve momento nenhum em que tudo estivesse concentrado em um ponto. Nem no início do Big Bang. O que estava num volume reduzidíssimo (mas não um ponto) era o "Universo Observável" e não o Universo. Nunca houve espaço vazio nenhum no Universo. Todo o espaço sempre foi preenchido por conteúdo, desde o início. E sempre foi infinito, se agora é infinito.

Será que nossos pensamentos são controlados pela mecânica quântica?‎

Não. A própria mecânica quântica é que dá condições para que nossos pensamentos sejam livres. Eles podem ser influenciados por impactações do ambiente, mas têm uma grande margem de liberdade. Uma das características da mecânica quântica é, justamente, o indeterminismo.

Já tentou usar programas da computação científica e numérica que são open-sources? Tenho sugestões pra você: Octave, Scilab, Maxima. Tem projeto que ainda não existe nativo para o Windows que se chama SAGE. Ele integra quase tudo do que se conhece sobre matemática open-source unificado em Python.‎

Costumo usar o Maxima, que parece com o Derive, que eu usava antes do Windows, quando meu computador rodava o DOS. O Derive para Windows é caro. O Maxima é grátis. Também gosto do Maple e do Mathematica. Mas são mais caros ainda. A UFV tem deles.

Como que o Universo concentrado e super denso que havia há 13.8 bilhões da anos, que era menor que um elétron, passou para um tamanho infinito? Se ele tinha um tamanho inicial (p) definido, e se expandiu durante um tempo (t), ele não levaria um tempo infinito para também ser infinito em tamanho?‎

A parte que tinha um tamanho menor do que um elétron não era o Universo todo. Esse sempre foi infinito. Esse tamanho era o do atual Universo Observável, cujo diâmetro atual é de 92 bilhões de anos-luz. O Universo Observável é só a parte dele que se consegue acessar, uma vez que, além disso, a luz ainda não teve tempo de chegar até nós, desde que ele existe. Sendo o Universo infinito, ele sempre o foi, desde que surgiu. O que mudou, de lá para cá, foi a separação entre seus pontos (lugares) e a densidade de massa-energia, que, com a expansão, foi decaindo.

Por que é óbvio o universo ser infinito? Como chegaram à essa conclusão?‎

Não é óbvio. Acontece que as equações que descrevem a expansão do universo se baseiam em dois parâmetros, a densidade de massa e energia e a aceleração da expansão. Se a primeira prevalecer, a expansão se arrefecerá até parar e, a seguir, haverá uma contração. Se a segunda prevalecer, a expansão será indefinida. O parâmetro de densidade de massa e energia, contudo, é de difícil mensuração, especialmente por causa da matéria escura. As medidas atuais, contudo, colocam os dois parâmetros em pé de igualdade. Isso quer dizer que a expansão prosseguirá com uma aceleração que vai diminuindo assintoticamente, mas nunca acabando. Uma dedução dessas equações pode ser encontrada no livro "Gravitation and Spacetime" de Hans C. Ohanian, ou no "Gravitation" de Misner, Thorne e Wheeler, ou, ainda, no "General Relativity and Gravitation", de Steven Weinberg.

segunda-feira, 31 de março de 2014

Se o universo fosse infinitamente velho isso implicaria que o cosmos teria tido tempo suficiente para alcançar a mesma temperatura, isto é, o universo todo em equilíbrio térmico. ( Suas considerações por favor. )‎

No cenário atualmente aceito pela cosmologia padrão é o que acontecerá. Mas ainda demora alguns trilhões de anos. Quanto isso ocorrer, essa temperatura será quase o zero absoluto. Então não haverá mais estrelas acesas e a radiação de fundo será de um enorme comprimento de onda e frequência quase nula. O fato de que, no Universo atual, exista tanta diferença de temperatura é, certamente, um atestado de que ele não é tão velho assim e, certamente, não eterno.

Olá. Notei que Vossa Senhoria tem afeição por programação. Pode citar as linguagens? Qual sua linguagem preferida? Estuda e/ou lhe interessam também classes de complexidade computacional (P, NP, L, NL, EXPSPACE, EXPTIME...etc)? E problemas computacionais, chegou a descobrir algum em alguma classe?

Antigamente, nos anos 70, antes dos PCs, eu programava em Fortran. Agora só programo em Visual Basic. Ou em linguagens proprietárias de calculadoras algébricas e programas de computação algébrica, que são baseadas em LISP. Usava muito o Derive, quando professor do curso de Física. Principalmente para trabalhar com cálculo tensorial. Mas minha tese de mestrado foi toda feita a mão mesmo. Tanto os desenvolvimentos tensoriais, quanto as soluções por aplicação de formas diferenciais e cálculo variacional

De que é composto o "tecido" do espaço-tempo? Este poderia ser desfeito (rasgado)? Caso tivéssemos acesso à borda do Universo em expansão, que fenômenos observaríamos ao tentarmos transpô-la? Existe algo entre os Universos? (considerando a Teoria M)‎

O espaço-tempo é totalmente preenchido por campo evolvente, aqui e acolá quantizado em partículas materiais, mensageiros de interações e radiação. Esse conteúdo gera o espaço que ocupa e o tempo em que evolve. Como o espaço está se expandindo, chegará um momento em que as concentrações quantizadas que são as partículas se desfarão em campo puro, não quantizado, sendo isso o que se denomina "rasgo". O Universo não tem borda. Sendo ele infinito, como se sabe hoje que é, isso é óbvio. Mas, mesmo que fosse finito, seria fechado sobre si mesmo, sem limite. Ou seja, ao se caminhar sempre para frente, faz-se um contorno no Universo, voltando-se ao ponto de partida vindo por trás, como numa viagem de circunavegação sobre a superfície da Terra, só que no espaço tri-dimensional.

Assistindo a série "Through The Wormhole", entendi que a ação da gravidade é o resultado da distorção do espaço por corpos com grandes massas, ou seja, o espaço nos "empurra" de volta contra a Terra. Isso está correto? Como os Grávitons se inserem neste contexto?

A gravidade advém da curvatura do espaço-tempo e não do espaço apenas. A expansão cósmica é que é uma expansão do espaço e não do espaço-tempo. O que acontece é que um corpo livre de interações se move no espaço-tempo ao longo das geodésicas do espaço-tempo, o que significa que, numa perspectiva puramente espacial, move-se ao longo das trajetórias orbitais com a aceleração da gravidade. Os gravitons se inserem em outro contexto que é o da interpretação da gravitação como uma interação em um espaço-tempo sem curvatura. Eles seriam os bósons intermediários dessa interação. Na Relatividade Geral não há grávitons. O fato de que eles nunca foram detectados pode ser um indício de que, realmente, não existam e que qualquer teoria que busque a unificação da gravitação com as interações conhecidas não seja viável, simplesmente porque a gravitação não é um interação. É isso que eu penso.

Caro E. Rückert, o sr não acha que o Carnaval só denigre a imagem do Brasil no exterior?‎

Não. Só alguns aspectos que não são essenciais, como o turismo sexual. Mas o carnaval é uma festa popular legítima. Acho uma boa coisa. Mas não gosto e não participo. Questão de gosto. Não vejo em que o carnaval denigriria a imagem do Brasil. Ele não é incompatível com nenhuma virtude do Brasil como nação. Se o Brasil possui falhas, e certamente as tem, não é o carnaval que lhes causa e nem é o carnaval que lhes espelha. Mesmo um Brasil sem corrupção, sem indolência, sem ignorância, sem pobreza e sem outros males poderia, perfeitamente, festejar um carnaval como acontece.

O que significa dizer que matéria é quantizações fermiônicas de campo?

Quantização de campo é uma concentração de campo caracterizada por certos valores de algumas propriedades que se tornam algo inerente a essa quantização, de modo que ela só existe para esses valores, como a carga elétrica, o spin, a massa, o número bariônico, o número leptônico, a estranheza, o isospin e outras. Se a quantização levar a uma partícula cujo spin seja um número inteiro trata-se de um bóson, se for um número semi-inteiro, trata-se de um férmion. Bosons e férmions seguem estatísticas diferentes, no caso de conglomerados deles. Os bósons podem se colocar todos no nível mais baixo de energia do sistema, mas os férmions não conseguem existir de forma ligada estando mais de um no mesmo estado quântico. Isso é chamado "princípio de exclusão". Os bósons podem ser formados e destruídos à vontade, não havendo conservação de número para eles. Já os férmions, sejam léptons ou bárions, verificam a conservação de seu número, somente sendo destruídos na interação com a partícula correspondente de anti-matéria. Os bósons são as partículas mensageiras dos campos de interação e os férmions as partículas constitutivas da matéria.

sua concepção de anarquismo é impecável, poética! só lhe digo uma coisa: não há como nós, anarco-comunistas, nos abstermos da insurgência, cobatividade, ação direta e auto-defesa. são elementos-chave para a nossa luta pela anarquia, não se combate o capitalismo com flores!

Não acho que se deva dar flores ao capitalismo. O que eu acho é que nenhuma violência é justificada, porque a violência causa sofrimento às pessoas e os capitalistas também são pessoas. Se eles fazem os outros sofrer, isso é um erro deles. Não se pode justificar um erro com outro erro. Quem é do bem não pode fazer o que quem é do mal faz, Isto é, não pode fazer mal nem a quem seja do mal. É preciso lutar contra o capitalismo sim, mas por ações não violentas. Isso em não posso concordar em hipótese nenhuma. Mesmo a defesa tem que ser firme mas sem crueldade. Não vejo que revolução seja solução para nada.

A mídia brasileira é tendenciosa e puxa-saco demais pra SP e RJ.‎

A mídia produzida nesses locais, sim. E como ela é a mais penetrante em todo o país, fica parecendo que não há nada além dessas duas cidades em termos de cultura, política, ciência, tecnologia e tudo o mais. Isso não é verdade.

“A vida é uma preciosidade ímpar. É uma ocorrência singular e raríssima. Sermos seres vivos e, ainda por cima, inteligentes, é um privilégio incomensuravelmente valioso.” Mas isso são motivos necessários e suficientes para querer estar vivo? Por quê?‎

Nem necessários nem suficientes. Mas são boas justificativas para se gostar de estar vivo e ser feliz por esse motivo.

Professor Ernesto: Como leigo, quando penso em um "espaço vazio" (com ausência de quaisquer matérias), este, por si só, configura-se como "algo" (pode-se existir ou estar contido). Sob a perspectiva da Física (Teoria da Cordas), o que é o "Nada"? (desconsiderando paradigmas filosóficos)‎

Não sei o que a teoria das cordas chama de nada. Mas o conceito físico de nada é a ausência de tudo: espaço, tempo e, logo, qualquer conteúdo que o espaço possa abrigar, como campo, radiação e matéria. Em decorrência também não há estruturas e nem ocorrências. Nada de que o Universo seja feito. Portanto também não existem leis a descrever o comportamento de nenhum fenômeno. Nada não é "algo". Espaço vazio poderia ser, mas espaço vazio também não existe. Todo espaço existente é preenchido por algo. Se não for matéria, é o vácuo. Mas o vácuo não é vazio. Possui campos e pode conter radiação. Note que dizer que não há nada não significa dizer que há "o nada". Não existe "o nada", como algo entitativo.

Você acha que já que não teremos um sistema sem dinheiro por um bom tempo (bom, bom tempo), que é também é nobre buscar por dinheiro simplesmente para ajudar os outros no quando já se tiver esse dinheiro? Para realizar atos de filantropia e criar ONGs e projetos?‎

Sim, é certo. Mas não de modo individualizado e sim coletivo. Aliás, sempre é bom fazer tudo o que for possível coletivamente.

Professor boa noite, gostaria de sabe se a terra ficasse "parada" os ventos acabariam ?‎

Por "parada" entendo que você esteja considerando que ela deixaria de girar em torno de si, ou que girasse de forma a estar com um mesmo lado sempre voltado para o Sol. No primeiro caso, um dia levaria um ano por não haver rotação e no segundo caso uma rotação levaria um ano, mas não haveria dia. Como os ventos provêm da ação do Sol, eles seriam modificados em seu regime, mas não acabariam. Devido à diferença na vertidalidade dos raios solares em diferentes latitudes, continuaria a haver regiões da maior e menor pressão onda batesse Sol. Mas não haveria a inclinação dos ventos em relação aos meridianos. Na face noturna (que seria sempre a mesma no segundo caso), não haveria ventos. No primeiro caso, em cada lugar a noite demoraria seis meses, nos quais não haveria ventos.

Professor, o senhor saberia dizer se o costume de homens terem cabelos curtos e mulheres cabelos longos surgiu por causa do cristianismo?

Claro que não. Esse é um costume romano. E tem a ver com questões militares. Um soldado de cabelo comprido é mais facilmente dominado em combate.

E qual é a falha em tentar estabelecer tudo dentro do psiquismo?

O psiquismo é algo que se reporta, atualmente, apenas a ações de seres humanos e alguns outros animais superiores. As questões cosmológicas não têm nada a ver com a existência de seres humanos ou outros inteligentes que houver em qualquer lugar. Suas ocorrências não dão a menor bola para o que os humanos pensem a respeito. Não vejo relação nenhuma entre eventos cosmológicos e eventos psicológicos.

Professor, existe alguma relação entre "não haver nada" com "espaço vazio."

Claro. Não havendo nada não há sequer espaço (nem tempo). Espaço vazio tem o espaço, só que sem conteúdo que o preencha. Nada não tem nem espaço, que é uma capacidade de caber, uma coleção de lugares, mesmo não ocupados.

Pq esse é o vocabulário correto?e se a pessoa não quiser utilizar essas palavras um tanto quanto "diferentes" e quiser falar normal?Que saiba palavras "simples" não são erradas.Vc utiliza algumas palavras estranhas que no fim das contas quer dizer uma coisa simples. Pq a forma comum estaria errada?

Não está errada. Mas é menos precisa. Logo requer mais circunlóquio para que a explicação fique correta. Com a palavra adequada (circunlóquio) o pensamento fica expresso de forma mais sintética e correta.

O que faz o tempo existir? E para que ele existe?‎

O tempo existe como decorrência das alterações do estado do Universo. Se tudo fosse imperturbável, não haveria tempo. Como tudo na natureza, não existe propósito nenhum para que o tempo exista. Nem o Universo, nem a vida. Nada do que existe, existe para finalidade nenhuma. Existe porque calhou de ter surgido.

Você já pensou se você estiver errado sobre religião? Hipoteticamente, o que você acha que aconteceria se a Bíblia fosse real? Iria para o inferno?‎

É impossível que a Bíblia esteja certa, pois ela é contraditória, e isso não permite que nenhum sistema conceitual possa se sustentar. Mas se parte dela estiver certa, por exemplo, a existência de Deus, da alma, do céu e do inferno (que, aliás, não é só uma concepção bíblica, mas presente, também, nas escrituras sagradas de outras religiões, como o islã, por exemplo), então não acho que iria para o inferno, pois pauto minha vida pela prática do bem, inclusive fazendo a disseminação do ateísmo.

Algumas afirmações me confundem, quando acho que estou começando a entender de cosmologia. Stephen Hawking disse que não faz sentido perguntar o que havia antes do Big Bang porque não havia. Ora, se o Univer. começou se expandir há 13.8 bi de anos, como ele teve tempo para se expandir infinitamente?

Se o Universo é infinito ele sempre foi infinito, desde que surgiu. Já surgiu infinito. Mesmo assim, vem se expandindo. A expansão não significa aumento de seu tamanho, que continua sempre infinito. Significa aumento da separação entre seus pontos (lugares). No início, todos os pontos estavam muito próximos, de modo que a densidade era altíssima. Para se ter uma ideia, todo o conteúdo do Universo Observável, que hoje tem 92 bilhões da anos-luz de diâmetro, no começo da expansão, estava concentrado em um volume de diâmetro menor do que o tamanho atual de um elétron.

Quando se diz que o Universo é infinito, o que é realmente infinito? Seu tamanho? Se não faz sentido perguntar o que havia antes do Big Bang, como disse Stephen Hawking, então quer dizer que o Universo como um todo existe somente há 13.8? Por que o Big Bang não aconteceu mais cedo ou mais tarde?

Universo infinito é, exatamente, um Universo cujo tamanho seja ilimitado. Mas não precisa ser eterno, nem para o passado nem para o futuro. Mas parece que será eterno para o futuro. Todavia não para o passado. Houve um momento a partir do qual ele passou da inexistência para a existência. Não há razão especial nenhuma para que o momento tenha sido o que foi e não outro. Poderia perfeitamente ser outro. Ou não ter havido, isto é, o Universo não ter surgido. Então não haveria nada, nem espaço vazio, nem tempo.

Viver e morrer,serie mais ou menos,por exemplo,eu ficasse 1 mes nos EUA,mas quando chegasse aqui seria obrigada a esquecer tudo o que vivi por lá.QUE SENTIDO FAZ ISSO? seria como eu nunca tivesse ido. E na morte,como não tem memoria,seria como se eu nunca tivesse existido. Que horror !‎

Não é horror nenhum. Pois durante o tempo em que se viveu se fruiu da vida. Isso é que tem valor. A situação depois da morte é a mesma que antes do nascimento. A pessoa não existe. O que tem isso de hororroso?

você concorda com essa afirmação? "A ciência joga para o acaso ou probabilidade o que ela não consegue explicar". Meu tio é crente de que quem consegue ganhar muitos prémios, em sorteios, são pessoas que manipulam essas probabilidades com o pensamento, só pq ganham com muita facilidade, sem fazer nd‎

Não é assim não. O que a ciência não tem explicação ela diz que não tem, pelo menos, por enquanto. E admite que possa não ter nunca. O que ela atribui ao acaso é o que, de fato, é explicado pelo acaso. Por outro lado, os que creem em Deus atribuem a ele, sem explicar, tudo o que não se tem explicação. Note que ao fazer essa atribuição, não estão explicando, pois não mostram como é que o Deus teria procedido e sequer demonstram que, de fato, seja Deus a explicação. É só uma suposição. A ciência prefere dizer que não sabe do que supor explicações não passiveis de verificação e, mesmo as passíveis, não devidamente justificadas. Não há comprovação nenhuma de quem ganhe em sorteio o faça por meio de alguma manipulação mental da ocorrência do sorteio. Então não se pode dizer nada mais do que seja uma coincidência. Sorte não existe.

Como você conseguiu se desfazer da ideia da vida eterna no paraíso que as religiões empregam ? porque é tao confortante saber que depois que vc morrer vc vivera no mundo perfeito e depois voce descobre que esse mundo não existe,isso é assustador!

Assustador é o inferno. O vazio de consciência não assusta nada, pois não é percebido. É como se estivesse em um sono profundo (não o REM), só que sem retorno. No sono profundo a pessoa nem sabe que existe. Não pensa, não sente, não percebe coisa alguma. É como se estivesse morta. Só que acorda.

Numa situação hipotética (apenas para minha dúvida fazer sentido), em que o Universo pare completamente de se expandir em qualquer que seja a direção, em um momento determinado. Neste momento, o Universo pode ter "bordas"? Isto é, com o Universo não se expandido, pode-se determinar seus limites espa‎

Se ele for infinito, como se sabe atualmente que é, ele decerto não tem bordas, quer continue ou não sua expansão. Porém, mesmo que seja finito, não as tem. Porque, nesse caso, ele seria fechado sobre si mesmo. Imagine uma superfície esférica do ponto de vista de seres da própria superfície, isto é, que não têm acesso a movimentos para fora nem para dentro dela, mas só ao longo dela. Que nem sejam capazes de perceber nada exceto o que está na superfície. Essa superfície é finita, mas não tem bordas. Se um ser dela se mover sempre para frente, não achará fronteira nenhuma, mas voltará ao ponto de partida, vindo por trás. Agora estenda isso para um espaço curvo tridimensional. Ele também será finito, mas sem bordas. Indo-se sempre para frente, voltar-se-á ao pondo de partida, por trás. No caso de um Universo finito não seria bem assim, pois, enquanto se fizesse essa viagem de circunavegação, o espaço estaria se expandindo e, depois de uma volta, não se estaria mais no mesmo lugar.

De acordo com a sua crença,se eu morrer NUNCA MAIS poderei retornar á vida? Se for sim,do que vale vivermos se um dia esqueceremos tudo?

Claro que nunca mais, pois "você" terá acabado. Todo outro ser vivo que surgir, mesmo que também seja humano, será outra pessoa, jamais você. Isso não tem nada a ver com o valor da vida. Este é inestimável e não se prende ao fato de que ela pudesse ser eterna. Exatamente por não ser é ele maior ainda, pois só se tem esse intervalo, entre o nascimento e a morte, para se aproveitar esse imenso privilégio que é existir e, ainda mais, pertencer a uma espécie inteligente, como a humana.

vc dava aula utilizando esse vocabulário que vc escreve?‎

Claro que sim. Esse é o vocabulário correto. É preciso usar as palavras exatas para expressar os conceitos com precisão. Os alunos têm que aprender esse vocabulário e eu sempre dei o significado nas aulas. Aqui eu deixo para o leitor pesquisar, pois é descobrindo por conta própria que se aprende. Facilitar emburrece.

Então, na sua concepção, a entropia seja o Universo expandindo ou contraindo ela estará aumentando? Por exemplo, se você deixa um vaso cair no chão, e ele se quebra todo, agora vamos supor que esse vaso volte para cima da mesma reconstituindo-se, a sua entropia não estaria diminuindo?‎

Essa reconstituição do vaso é uma ocorrência que não acontece. Só na imaginação, como se fosse possível retroceder no tempo. Mas a expansão ou a contração do Universo são eventos que se dão com o tempo passando normalmente para frente. Tanto num caso como no outro, há aumento de entropia. A contração não é uma reversão da expansão. É outro fenômeno, provocado por outra condição. Na situação em que se tem a expansão, o estado mais expandido é mais provável do que o menos expandido. Na situação em que a contração é que está ocorrendo, o estado mais contraído é mais provável do que o estado menos contraído.

"alguma ação que fira a ética, mesmo não sendo imoral..." exemplo?‎

Lapidação de adúlteras em alguns países islâmicos. Ablação do clitóris em alguns países africanos. Enterramento vivo de bebês aleijados em algumas tribos indígenas. Essas práticas não são imorais nas respectivas culturas, mas são, certamente, contrárias à ética. Na cristandade, no passado, não era imoral queimar hereges e bruxas, ação obviamente anti-ética. O mesmo acontece com a pena de morte, atualmente, nos países que a adotam.

A teoria da lua de sangue é real, olha no site da nasa.Mas a religião diz se tratar de fatos apocalípticos.Porq acontece a lua de sangue?

Essa situação é uma coincidência de ocorrências que fazem com que um eclipse da Lua se dê em uma posição de seu perigeu orbital, de modo que a luz que passa tangenciando a atmosfera da Terra consegue incidir na Lua. Essa luz é avermelhada em razão da dispersão da luz azul pelo nitrogênio e oxigênio da atmosfera. É o mesmo efeito que faz com que o Sol pareça avermelhado no nascente e no poente. Não tem nada a ver com ocorrência apocalípticas.

Professor, você imagina como deve ser após a morte?

Após a morte a consciência da pessoa desaparece totalmente. Ela não mais existe. Só existe a matéria do seu corpo, que se transforma em adubo, cinzas, fezes ou cacos, dependendo de como se morreu. Não há memórias, sensações, percepções, pensamentos, sentimentos, nada.

Tava lendo sua resposta recente, os nativos norte-americanos fazem parte deq grupo, são deq raça?

Os nativos de todas as Américas são etnicamente mongóis, como os chineses, japoneses, polinésios, indochineses, filipinos. Eles vieram para a América atravessando o estreito de Bhering em duas grandes migrações, uma entre 30 e 40 mil anos atrás e outra há uns 15 mil anos.

Professor você concorda que um homem poderia casar com mais de uma mulher ?

Perfeitamente, do mesmo modo que uma mulher com mais de um homem. Sem problema nenhum, desde que todos estejam de acordo.

Ernesto, se a gravidade sobressair sobre a "energia escura" o Universo irá se contrair, sua entropia irá diminuir, a seta cosmológica irá apontar para o lado oposto das setas termodinâmica e psicológica? Ou é impossível isso acontecer?‎

Não é impossível, mas os dados observacionais apontam no sentido de que a dita "energia escura" prevalece sobre o efeito gravitacional. Não vejo em que essa possibilidade seria contrária a nenhuma consideração termodinâmica, especialmente quanto a uma possível redução da entropia. Seja a expansão cósmica permanente ou reversível a uma futura contração, em ambos os casos isso se dará com o aumento da entropia, de modo que o "Big Crunch", caso venha a se dar, diferirá significativamente do "Big Bang" por sua muito maior entropia. Quanto a qualquer relação com a evolução cosmológica do mundo e alguma consideração psicológica, não vejo nenhuma. Me explique o que você está entendendo por isso.

Os antigos egípcios eram negros?‎

Não. Isso é facilmente observado nas pinturas deles, em que as pessoas tinham uma tez morena mas não negra e nariz bem fino. A etnia deles é denominada Camita, que envolvia todos os primitivos habitantes do norte da África. Com os arianos e os semitas, os camitas fazem parte do grupo caucasóide. Os outros grupos são os negróides e mongolóides, estes incluindo os aborígenes polinésios e americanos.

Você se considera defensor da família ?‎

Depende da concepção de família que se tome. Se se considerar que família seja um grupamento de pessoas unidas por laços, não só de sangue, mas, principalmente, de afeto, de dedicação, de compromisso, eu sou defensor da existência de tal núcleo. Mas se se tiver uma ideia restrita de família, como apenas o grupo biparental unido por laços de matrimônio e filiação, não posso concordar que só esse modelo seja a concepção de família. Não que eu seja contra tal situação, mas sou contra a admissão de tal situação como a única possibilidade. Vejo a família como uma instituição muito mais ampla, que pode contemplar relacionamentos conjugais plurais, tanto simultâneos quanto consecutivos, bem como toda a prole deles advinda e outros agregados que se quiser ajuntar.

O homem nasce homem ou torna-se homem?

Entendendo a palavra homem no sentido de "ser humano", tanto um quanto o outro. Nasce biologicamente homem, em razão da assinatura de seu DNA e se torna homem no aspecto social à medida que vive e passa a agir de modo virtuoso. São duas semânticas diferentes para a palavra "homem". De acordo com a segunda, nem toda pessoa humana, biologicamente falando, pode ser considerada um "homem", na plenitude da acepção, sem que tenha algumas características de caráter e de conduta que a fazem merecer tal epíteto, como honra, nobreza de caráter, sabedoria, justiça, retidão, bondade e outras que tais.

Acho que todo mundo tem a liberdade de fazer o que quiser, desde que não faça mal a ninguém, nem à natureza. Se quiser ficar com dez pessoas e todas estiverem de acordo, não há problema. A questão não é a moralidade, mas a ética. O que não é ético é fazer algo que prejudique, cause sofrimento, dor, tristeza, infelicidade. Como também algo que não se possa admitir que todos possam fazer e nem que seja algo que não se deseje que se faça a si mesmo. A moral consiste nas permissões e proibições da sociedade a respeito dos comportamentos e ações. Isso não é tão importante. Deve ser acatado no caso de ser ético. Mas se alguma ação não ferir a ética, mesmo ferindo a moral, não tem problema. Do mesmo modo que alguma ação que fira a ética, mesmo não sendo imoral, não pode ser feita.

Acho que todo mundo tem a liberdade de fazer o que quiser, desde que não faça mal a ninguém, nem à natureza. Se quiser ficar com dez pessoas e todas estiverem de acordo, não há problema. A questão não é a moralidade, mas a ética. O que não é ético é fazer algo que prejudique, cause sofrimento, dor, tristeza, infelicidade. Como também algo que não se possa admitir que todos possam fazer e nem que seja algo que não se deseje que se faça a si mesmo. A moral consiste nas permissões e proibições da sociedade a respeito dos comportamentos e ações. Isso não é tão importante. Deve ser acatado no caso de ser ético. Mas se alguma ação não ferir a ética, mesmo ferindo a moral, não tem problema. Do mesmo modo que alguma ação que fira a ética, mesmo não sendo imoral, não pode ser feita.

Se no anarquismo o sistema de troca é usado, então, se uma pessoa não quiser produzir nada ela será excluída da sociedade?

A anarquia não se baseia em uma economia de trocas (da qual o dinheiro é apenas um instrumento facilitador). A anarquia se baseia numa economia de doações, sem retribuição. Uma pessoa que não produza, não tendo justificativa para isso, tem que ser excluída dos benefícios que todos concedem uns aos outros pelo fato de todos produzirem uns para os outros. A produção pode ser de bens materiais, culturais ou de serviços. É preciso que ela se convença de que os benefícios que aufere da comunidade existem porque ela também participa da distribuição deles. mesmo que não seja como uma troca direta. Isso é uma questão de educação, desde a tenra infância. Não é possível se instituir uma sociedade assim de repente. Há que se chegar lá por meio de um processo evolutivo de conscientização, que, necessariamente, será bem longo (da ordem de vários séculos).

O senhor acredita na panspermia, digo, acha possível que isso tenha sido o início de tudo?

Não acho que seja uma explicação viável para o surgimento da vida na Terra. Além do mais, apenas transfere o problema para outro lugar.

Porque seria inútil? Tenho um grande interesse e admiração por causas "sobrenaturais" (bruxaria, satanismo, cosmologia) e discordo da sua concepção. Por que o senhor pensa que são inúteis?‎

A cosmologia é como as artes. Sem ela ninguém morre de fome (exceto os artistas e os cosmologistas). Ela não é necessária para a sobrevivência. Saber como surgiu, como se estrutura e como evolverá o Universo não é preciso para nada que propicie o que seja preciso para se viver. Por isso é inútil. Mas é para as inutilidades e para o supérfluo que o ser humano produz mais do que é necessário. Ele se compraz nas inutilidades, como as artes e as ciências que não possuem aplicação prática nenhuma. Cosmologia não tem, absolutamente, nada de "sobrenatural". Pelo contrário, é uma ciência inteiramente natural. Bruxaria e satanismo também são inúteis, pois se baseiam na existência de entidades inexistentes, que seriam espíritos, dentre os quais, demônios. Bruxarias não funcionam.

O senhor crê que a sombra humana é uma entidade espiritual

Claro que não. Que ideia mais boba. Sombra é só uma região de uma superfície em que a luz é impedida de bater por ter sido obstaculada por algum corpo opaco. Só isso. Ela não tem realidade substancial nenhuma. Não tem conteúdo nenhum. Nem material, nem espiritual.

Como posso encarar um fato que por definição não é um fato

Se não é um fato não há como encarar como um fato. Há que se encarar como uma coisa ou uma norma, uma procedimento, um conceito, uma crença, um saber, um sentimento ou seja lá o que for.

O que o senhor pensa sobre cosmologia?‎

Sou um entusiasta do estudo da cosmologia, tanto que fiz mestrado nisso. O que penso é que seja um assunto interessantíssimo, mesmo que completamente inútil. Mas eu adoro conhecimento por si mesmo, sem aplicação nenhuma. E cosmologia é o tipo de conhecimento desse tipo. É fantástico.

O que você acha do tabagismo? Ou da pessoa que fuma? Ou até, o que você acha sobre admiradores de charutos?

Uma peste. Meus pais morreram por causa do cigarro, de modo que eu vaticino a todo fumante uma morte horrível com sofrimentos atrozes. E falo isso para todos, na cara. Para assustá-los de verdade. Não acho que o prazer do fumo compense seus malefícios terríveis. Sou contra a proibição do fumo, como das drogas em geral, porque acho que todo mundo tem o direito e a liberdade de se suicidar. Mas acho que o governo deveria levar o preço do maço a uns R$ 60,00, retirar todo o financiamento à lavoura do fumo e a qualquer pesquisa agronômica sobre ele. Retirar qualquer financiamento às industrias do tabaco para que elas mudem de ramo ou se fechem. E fazer uma campanha mais forte sobre os males do tabaco, passando filmes nos horários nobres da televisão sobre pessoas com enfisema e mostrando os pulmões dos fumantes. Uma campanha de terror mesmo.

Professor, para chegarmos ao anarquismo, o caminho é através do Estado Democrático de Direito, de um Estado a priori totalitário ou da revolução?

Não é possível se atingir a anarquia por nenhuma revolução e nem por um estado totalitário, pois isso representa uma total oposição aos conceitos anarquistas, que são libertários. A anarquia só pode ser atingida como uma evolução democrática gradual e pacífica. Certamente muito longa, pois requer, antes de tudo, uma mudança de concepções mentais de todo o povo.

Professor, hoje um conhecido me fez uma pergunta e eu não soube responder: se a luz é um fóton e é desacelerado quando passa por um meio mais denso, como ele recupera a velocidade após sair desse meio?

A luz em um meio não é desacelerada. Ele leva mais tempo para atravessá-lo porque é absorvida e re-emitida por seus átomos. Isso dá uma velocidade líquida menor (distância total dividida pelo tempo total). Como se um carro fizesse várias paradas em uma viagem e a velocidade fosse calculada pela distância percorrida dividida pelo tempo de viagem, incluindo as paradas. Entre um átomo e outro, em que só há vácuo, a velocidade da luz é a do vácuo, que é a única em que os fótons existem.

Acha que nosso país tem vocação pra ser unitário e por isso nosso sistema de governo, que tentou imitar o americano e não deu certo, funciona mal?

Não acho que tenha vocação para unitário. A federação não só é preferível, mas acho que é a que a população prefere. Para mim cada estado deveria ser um país independente. Ou mesmo pedaços dos estados. Em alguns casos mais de um. Mas não gosto de países grandes como o Brasil, os Estados Unidos, a Rússia, o Canadá, a Austrália, a China, a Índia. Deveriam ser particionados.

Se pudesse escolher entre monarquia parlamentar ou federação, o que escolheria para o Brasil?‎

Essas possibilidades não são excludentes. Não gosto de monarquia, nem parlamentar. Muito menos absoluta. Prefiro república. E prefiro federação também. Mas prefiro república parlamentarista do que presidencialista.

Algumas das suas respostas são bem irônicas, outras não tem nada a ver e muitas das perguntas que te são feitas são tão idiotas. O que vc acha da maioria das perguntas que fazem para vc? O que vc acha de algumas das suas respostas? Vc acha que elas são respostas inteligentes?‎

Não faço uso de ironia, sarcasmo e depoche em minhas respostas. E elas sempre tem tudo a ver com o que é perguntado. As preguntas que eu respondo são as que não acho idiotas. As idiotas eu apago. Claro que eu acho que minhas respostas são pertinentes, corretas e inteligentes. Se não achasse, responderia outra coisa.

Eu estou procurando entender mais sobre Anarquismo.Tu poderia me indicar algumas leituras a respeito?Entendi.E quando você era mais jovem, ignorava quando não agiam de maneira educada quando iam discordar?‎

Sempre fui muito fleumático. A coisa mais difícil é me aborrecer, me deixar chateado ou com raiva. Quanto alguém discordava de mim, eu argumentava. Se a pessoa não aceitava, eu deixava para lá. Não me importo em que pensem como eu. Quem quiser pensar diferente que pense. E tente me convencer. Quem sabe não convence?

Ernesto, você já foi ridicularizado por alguma ideia que teve?Como reagiu diante disso?

Aqui no Ask e, antes, no Formspring, há pessoas que consideram que meus ideais anarquistas e ateístas são ingênuos e que isso é uma utopia jamais alcançável pela humanidade. Quando isso é feito de forma cortês, eu respondo argumentando. Quando é feito em forma de deboche ou agressiva, em apago. Porque, realmente, não respondo a perguntas sem educação e não me disponho a ser alvo de deboche, uma vez que não estou sozinho em meus ideais, pelo contrário, muito bem acompanhado de vários pensadores de grande prestígio. Muitas pessoas, contudo, têm uma visão estreita e contemplam apenas as condições atuais da humanidade, sem ver que sua evolução tem se dado ao longo dos milênios e ela ainda existirá por milhões de anos.

Então alguém que, julga que sua necessidade de trabalho e/ou dinheiro é maior que a média, e portanto, trabalhe mais, não deve ganhar mais que a média? Ou alguém que investe meses de sua vida em alguma solução para algum problema, não deva ser maior recompensado do que o que não liga para o seu feit‎

Não. Ninguém deveria ganhar nada por nada. Todos estão colaborando para o bem comum. A recompensa de cada um é a sua colaboração para o bem geral. Isso é uma mudança radical de mentalidade. Por isso é que a anarquia não se consegue fazer acontecer agora. É preciso antes, mudar o pensamento de todos de egoísta para altruísta. Isto é, querer trabalhar não para lucrar e ganhar, mas para o bem geral.

Professor, acho que já lhe fizeram esta pergunta porém não lembro qual foi tua resposta e há pouco vi um debate sobre ela num grupo de física: "Duas naves espacias, viajando à velocidade da luz, possuem a mesma direção e sentidos opostos. Qual a velocidade relativa entre elas ?".‎

A velocidade da luz. Esse foi o ponto de partida de Einstein para desenvolver a sua relatividade restrita. Ele se imaginou montado em um raio de luz e pensou como seria se ele visse um outro raio de luz, paralelo ao que ele estava montado. Como, pelas equações de Maxwell, a luz só existe à velocidade da luz, esse outro raio teria que estar à velocidade da luz em relação a si e em relação a qualquer referencial. Daí formulou os postulados que geraram a relatividade restrita. Que foram confirmados experimentalmente.

O Homem é livre para matar por exemplo.Mesmo que seja punido pela lei depois, ele é livre para fazer isso.Sartre quis dizer que somos condenados a conviver com as consequências do mal uso da liberdade de outros homens, logo, não temos escolha, e somos livres, condenados a ser livres.

Discordo totalmente de Sartre. A liberdade jamais é uma condenação. A liberdade dos outros pode nos trazer algum prejuízo, mas isso é de muito menor monta do que as grandes vantagens que a liberdade de todo mundo traz para todo mundo.

O para-raio só protege a parte externa da casa? Como por exemplo as pessoas no jardim..‎

O para-raios protege uma área circular em torno de si de raio igual à altura da sua ponta multiplicado pela tangente de 60°, isto é, 1,73.

"O Homem está condenado à liberdade". O senhor concorda ?‎

Não. O homem é livre. Mas isso não é uma condenação. Pelo contrário. É um alto privilégio de sua condição. Que tem que ser gozado, afirmado e defendido com todo a bravura.

Observa-se a qualidade de vida aumentando à nível mundial, ainda que exista extrema pobreza. É de má fé querer que alguém fique pobre e na miséria. Mas é ingenuidade não reconhecer que somos diferentes em nossas habilidades por natureza, e que há uma certa desigualdade natural.‎

Claro que há desigualdade natural. O que não pode haver é a sociedade não propiciar igualdade de oportunidades para que todos possam desabrochar suas potencialidades. Mas nem todos obterão o mesmo resultado. Então haverão pessoas diferentes. Isso não significa, no entanto, que elas merecem mais ou menos riqueza. O produto do trabalho de todos é para ser disponibilizado para todos. Cada um com a sua capacidade vai produzir o que conseguir. E cada um vai usufruir de acordo com a sua necessidade, sem vinculação com a sua produção. A sociedade só tem que elaborar uma forma de coibir a preguiça e a cobiça. Isso é que é uma sociedade igualitária. Ela tem diferenças. Mas não de riqueza. Aliás não é para haver riqueza individual nenhuma, se não se tem propriedade e se tudo é de todos e nada é de ninguém. Inclusive maridos, mulheres e filhos.

Viajar com naves interplanetárias - quão distante está da realidade?

Não muito, pois já se saiu da Terra para ir à Lua. Em breve (menos de um século) acho que se irá a Marte. Sair do Sistema Solar vai demorar mais, mas acho que em poucos milênios se conseguirá. Ou menos.

Levando em conta a rotação da terra que dá uma velocidade de 1610km/h mais a velocidade de translação 107 mil km/h da terra, com o movimento de translação do sistema solar sobre o centro da via lactea 675 mil km/h. Podemos dizer que estamos neste momento viajando a cerca de 783610km/h pelo espaço?‎

Não. Pois também há o movimento da Galáxia em relação ao aglomerado de galáxias e o do aglomerado em relação ao conjunto de aglomerados. Em verdade não existe velocidade em relação ao espaço, Só há velocidade de um corpo em relação a outro. O espaço não é um referencial. Ele não é algo parado, dentro do qual as coisas se movem. Ele existe em função do conteúdo que o preenche.

Mas a competitividade nos garante vários benefícios. É por conta dela que a tecnologia está se desenvolvendo rapidamente. É ela que faz os preços baixarem. A competitividade parece ser algo natural, e não culpa de um sistema econômico ou político. Veja bem os atletas, procuram sempre ser os melhores‎

A competitividade não é melhor que a colaboração não. Pela colaboração o progresso seria maior ainda, pois uns ajudariam aos outros, em vez de querer vencê-los. Em verdade é a existência de competição que não me faz apreciar esporte nenhum. Exercícios físicos eu acho ótimo, mas essa de competir para vencer eu acho péssimo. Claro que a competição precede os sistemas políticos e econômicos, mas, qualquer um que a tenha como base, para mim, é ruim. O ser humano tanto tem um espírito competitivo como tem um espírito colaborativo. Resta ao processo educativo privilegiar o segundo e reduzir o primeiro, para beneficio geral. A competição só é benéfica para o vencedor. E na competição há menos vencedores do que vencidos. Portanto a competição leva à acumulação de benesses para poucos e sua redução geral na sociedade. A colaboração, por outro lado, distribui benesses para todos, maximizando a felicidade geral.

Acredita que com o avanço da ciência, algum dia poderemos ter a vida prolongada por algum meio de "imortalidade" relacionado ao nosso organismo?‎

Sim, isso é possível. Ou seja, o prolongamento indefinido da vida de modo que não se morra por falência do organismo. Mas pode-se morrer por outras causas. Dentre elas o fato do ambiente não mais suportar a vida. Isso, fatalmente, acontecerá.

Qual o problema, ou então do que você não gosta, do Libertarismo (em todos os seus aspectos, incluindo o liberalismo econômico?

Gosto do libertarianismo social e pessoal mas não gosto do neo-liberalismo econômico, tal qual é concebido na atualidade. Porque é uma forma que permite a predação dos mais fracos pelos mais fortes economicamente. Isso eu não acho que seja certo. Acho que a economia tem que ser colaborativa e não competitiva.

É possivel um dia nunca morrermos ?‎

Não. O máximo que poderá acontecer é que tenhamos um prolongamento indefinido da vida e não venhamos a morrer por falência do organismo. Mas as condições ambientais que propiciam a vida não existirão indefinidamente no Universo, de modo que em certo momento, nenhuma vida será possível. Na Terra isso vai acontecer em poucos bilhões de anos e no Universo como um todo em algumas centenas de trilhões de anos. Então esse seria o máximo tempo de vida para alguém. Jamais a eternidade.

Você gosta de memorização? Como decorar capitais dos países ou a sua localização no mapa. Ou também memorização de números como o Pi?

Não me preocupo com isso. Sei a capital de quase todos os países sem ter decorado. E sei vários algarismos de pi também. Mas isso eu assimilei sem técnica meneumônica nenhuma. Vou vendo e aprendo.

Professor , tem um tempo exato de como uma nave ou coisa igual leva para chegar a lua ?‎

Não. Isso vai depender da velocidade da nave e das posições da Terra no lançamento e da Lua na chegada. Diferentes viagens Terra-Lua levaram diferentes tempos. Há uma posição relativa mais favorável, que faz a viagem ser menos demorada. Tudo pode ser calculado, mas não é nada simples.

O que quis dizer é: estamos expandidos junto com o espaço, ou espaço entre nossas partículas estão aumentando cada vez mais, sem que a matéria expanda correspondentemente?

Tudo expande. O tamanho dos átomos, a separação entre eles, o tamanho das partículas subatômicas. Tudo isso ocupa espaço e tem tamanho. Se o espaço se expande, tudo se expande.

Professor, até quantos anos Luz um sinal de rádio da Terra pode chegar?‎

Não há limite de alcance. Mas a intensidade vai decaindo com o inverso do quadrado da distância de modo que, dependendo da potência com que seja emitido, a certa distância, não mais será distinguível do ruido cósmico.

O senhor nunca respondeu minhas perguntas sobre a sua rejeição à psicanálise, gostaria que me explicasse o seu último jargão: "Jung, então, é pior do que Freud"‎

Jung tentou restabelecer a existência da alma dentro do psiquismo. Isso é que é, para mim, a grande falha dele.

Quanto a expansão do espaço do Universo, ela afeta apenas o espaço vazio, ou afeta as outras estruturas, matérias, campos, etc?‎

Afeta tudo. Não existe espaço vazio no Universo. Todo espaço existente é preenchido por conteúdo de campo, radiação e matéria. Se não tiver matéria chama-se vácuo. Mas sempre vai ter campo e radiação. Vazio não existe nem dentro e, muito menos, fora do Universo, pois não existe lado de fora do Universo.

Se viagem ao Futuro é possivel como diz, quem ficaria no passado estaria em outra realidade lenta? sendo assim, se estiver certo, Passado e Futuro poderiam existir ao mesmo tempo existindo duas realidades paralelas.

Não é isso não. A realidade é sempre uma só. O que não existe é um tempo universal, que corre à mesma taxa para todos. A rapidez da passagem do tempo é relativa, isto é, varia com a velocidade de uns em relação aos outros. Se alguém alcançou um momento futuro isso significa que o tempo, para ele, decorreu mais lentamente do que decorreu para outro. Se é alguém que viajou com alguma velocidade em relação à Terra, então, por exemplo, enquanto ele levou um ano viajando, no tempo dele mesmo, se teriam passado dois anos aqui na Terra. Se ele estivesse a 80% da velocidade da luz, o tempo passado, para ele, seria só de 60% do tempo que passou para quem ficou parado.

Mas viajar para o futuro não seria parar o tempo da pessoa que viajaria e dilatá-lo, fazendo com que o tempo na Terra passe no tempo normal? Então não seria ir para o futuro mas sim parar no tempo?‎

Não é isso não. Viajar para o futuro e estar em um referencial móvel no qual o tempo passe mais lentamente do que passa para quem ficou parado. Então, quando voltar, enquanto se terá passado um certo tempo para quem ficou, terá passado um tempo menor para quem viajou. Portanto o viajante atingirá um momento futuro em relação ao momento em que, para si, ele terminou a viagem. Isso acontece sempre e já foi medido até em viagens de avião. Só que, nessas baixas velocidades, o avanço no tempo é de milionésimos de segundos em uma volta em torno da Terra. Para haver diferença significativa é preciso que a velocidade seja bem grande, comparável à velocidade da luz. Não há nave nenhuma que consiga tal proeza, por enquanto.

Qual o sr acha que é pior: Fascismo de Direita ou Fascismo de esquerda?

Como concepção ultranacionalista e totalitária o fascismo é uma peste, seja de direita, seja de esquerda.

Você saberia dizer se tenho TOC? https://www.facebook.com/groups/grupoveganismo/permalink/598494086894512/?stream_ref=2‎

Não sou psicólogo para diagnosticar seu problema como Transtorno Obsessivo Compulsivo ou outra coisa. Mas posso perceber que você tem algum tipo de transtorno psicológico que precisa de tratamento e isso tem que ser feito por um psicólogo. Procure algum que seja eclético nas concepções, pois não acho interessante o psicólogo que seja fixado em uma só corrente, como a psicanálise.

Por quê você não gosta das ideias do Marx?‎

Porque discordo completamente da via socialista e ditatorial como caminho para o comunismo. Qualquer ditadura, mesmo do proletariado, para mim, é inteiramente inadmissível. O socialismo, como um sistema econômico em que todos sejam empregados de um único patrão, o governo, não é boa coisa, pois não se tem garantia de que esse patrão vai ser justo e suficientemente inteligente para conduzir a economia. O caminho para o comunismo tem que ser a pulverização do capitalismo, com a distribuição do capital por todos os trabalhadores, de modo que todos sejam patrões e ninguém seja empregado. Até que se dispense o governo e o dinheiro. Mas dentro de um processo sempre democrático.

O que é uma diferença de potêncial, formalmente?‎

Trata-se da do negativo da variação da energia potencial de uma carga que mude de posição dentro de um campo elétrico, dividida pelo valor da carga. É medida pelo trabalho a ser realizado sobre a carga para que ela mude de posição com velocidade constante, dividido pelo valor da carga.

Professor, é impossível o ser humano chegar ao centro da Terra mesmo com a atual tecnologia?‎

A tecnologia teria que ser muito mais avançada do que a atual para construir uma cápsula que suportasse a pressão e a temperatura que se teria apenas a algumas dezenas de quilômetros abaixo da superfície dentro do magma. Quanto mais a 6.400 km de profundidade, onde se acha o centro da Terra.

Apesar de todas improbabilidades. Dizem que se algo ou alguém conseguir ultrapassar a velocidade da luz. Ela assim estaria voltando ao tempo. Mesmo sendo impossível, por que isto aconteceria nessa condição?‎

Não é isso não. Se algo se movesse com velocidade maior do que a da luz, o tempo passado não seria negativo e sim imaginário, o que não tem significado físico nenhum. Ter-se-ia a raiz quadrada de um número negativo.

Você acredita que exista mais planetas igual a terra ?‎

Não acredito nem desacredito. Acho que pode haver. Mas seria algo muito raro. No máximo uns três por galáxia. E note que cada galáxia tem centenas de bilhões de planetas.

O que o sr acha dos Ateus criarem Universidades, Colégios e etc?‎

Não acho válido que nenhuma escola seja filiada e nenhuma confissão religiosa e tampouco ao ateísmo. Como nosso país é laico e tem liberdade religiosa, as escolas não podem ter preferência por nenhuma religião e nem pela falta delas. Mas acho válido que existam iniciativas institucionais de divulgação do ateísmo, de cunho privado, como existem as religiões. Mas não escolas. O cidadão é livre para ter qualquer religião ou nenhuma, mesmo que eu recomende que não tenha nenhuma.

Do que é feito um raio?‎

De elétrons que ionizam o ar em sua passagem e provocam a emissão de luz pelo grande aquecimento e de som pela dilatação do ar circundante.

Eu sei que é uma pergunta boba, mas é 100% impossível de se criar uma máquina do tempo?

Se for para ir ao passado, sim. Para ir ao futuro basta fazer uma nave que consiga se mover com uma velocidade muito grande, comparável à velocidade da luz. Isso não é impossível mas é muito difícil.

Existe a possibilidade de milhões ou até bilhões de anos atrás ter evoluído uma espécie inteligente aqui na terra que acabou sendo extinta e que hoje em dia não existe nenhum registro de que ela existiu ?‎

Acho que não. Qualquer espécie inteligente que tenha havido teria deixado registros de sua passagem. Inclusive porque a inteligência requer um nível de complexidade que só foi alcançado a menos de uns dez milhões de anos. Seres mais antigos não eram suficientemente complexos para ter inteligência comparável à humana. Em verdade somente as espécies humanas mesmo é que desenvolveram tal inteligência, como a nossa e a Neandertal.

O quanto se pode entender de física somente com uma boa divulgação científica?‎

Bem pouco, em minha opinião. Mas sempre é bom. Só que para entender, de fato, é preciso mergulhar no estudo pra valer. Isso envolve equações e não há como escapulir. A Física depende da matemática para ser entendida. E não é uma matemática elementar não. Sem muita trigonometria, cálculo diferencial e integral, não há como ir longe na Física. É assim e não tem outro jeito.

Um rap: "O Comado só impera, seu Doutor, dentro das nossas favelas que vcs abandonou (...) Beira Mar e Marcola cês escracha na TV, eu não vejo diferença na quadrilha do PT. (...) É pela paz que o comando faz a guerra" O que pensa do PCC e esses outros grupos (Comando Vermelho etc)?‎

O fato de considerar o PCC e similares idênticos à quadrilha do PT ou do PSDB não legitima nem um nem outro. Não é admissível solucionar problema nenhum por meios ilegais. O que é preciso é fazer valer a lei e a atuação do estado onde se faz necessário. Como? Votando nos políticos certos e se candidatando a político para fazer o que tem que ser feito. Não vejo em ações revolucionárias uma forma nem legítima nem eficaz de resolver os problemas sociais. Tudo tem que ser resolvido de modo pacífico, ordeiro, legal e legítimo. Se as leis não forem boas, há que se mudá-las. Há mecanismos de pressão eficazes que são pacíficos, como a desobediência civil. Não é preciso cometer crime violento nenhum, nunca. Esses grupos se financiam com o tráfico de drogas, que é uma atividade completamente nociva para a população. Além do mais, promovem uma série de outros crimes, inclusive advindos da batalha pela liderança entre eles. Não há nada que legitime e justifique a existência e atuação deles.

Professor, no ensino médio, sobre números quânticos, me diziam que veria a origem matemática deles na universidade. Agora, tendo química geral na faculdade, a professora diz que a matemática da equação de Schrödinger é muito avançada para entendermos. Devo apenas "aceitar" a teoria?

Não. Você pode, perfeitamente, cursar Estrutura da Matéria, Física Moderna ou Física Quântica do Curso de Física e entender os fundamentos e as soluções da Equação de Schrödinger. Você precisará de cursar até o Cálculo IV para resolver as equações, mas isso vale a pena, mesmo que não seja uma exigência do Curso de Química.

Por que o senhor prefere a infelicidade e a verdade plena, do que a ignorância e a felicidade?

Porque eu detesto a ignorância para mim. Quero saber tudo sobre tudo. Se eu vier a saber que fui enganado, mesmo que a ignorância tivesse me deixado feliz, eu ficaria imensamente aborrecido. Além disso, acho que a verdade é um bem mais elevado do que a felicidade. Essa é a minha concepção de valores. Prefiro ser infeliz por saber a verdade sem a menor sombra de dúvida. Mas eu não penso que a verdade traga infelicidade. Por exemplo, se eu contrair câncer, quero saber do fato, de minha expectativa de vida. Tudo para me preparar para morrer no tempo que me resta. Saber que a morte é o fim definitivo de minha consciência, por exemplo, não me traz infelicidade nenhuma. Acho tranquilo aceitar isso. Muito melhor do que ser iludido de que teria uma alma que teria uma vida eterna após a morte de meu corpo, mesmo que fosse no céu. Porque seria uma mentira. Se fosse verdade, seria interessante e, quando eu acreditava nisso, queria morrer logo, para ir para o céu.

O que você acha melhor? Ir para a guerra e passar o resto da vida com problemas mentais e traumatizado com a experiência ou suicidar em vez de ir para a guerra?

Se você considera a possibilidade de se suicidar, é melhor ir para a Guerra. Você pode morrer lá, então já fica resolvido o seu problema do suicídio. E se não morrer, não é garantido que adquira problemas mentais. Se sobreviver e adquirir problemas mentais, mesmo assim é melhor viver do que não viver.

Professor , o que acha da difamação que está acontecendo por parte dos outros países em função da nossa estrutura para sediar a Copa do mundo ? Concorda ou discorda das mesmas ?‎

Não sei o que estão dizendo, mas sei que, realmente, não temos estrutura para sediar a copa. Tudo está sendo feito com muito amadorismo e sem a menor seriedade e compromisso. Só querem saber de se locupletar com as polpudas verbas. Para mim, muita coisa vai dar errada mesmo. Além dos estádios, a infra-estrutura viária, aeroviária, de aeroportos, hoteleira, de restaurantes o outros considerandos periféricos está bem pouco desenvolvida para suportar um evento de tal porte. Acho que vai ser um fiasco. Tomara que eu esteja enganado. Mas é o que percebo. Além do fato de que não acho que um país com a quantidade e o porte dos problemas que tem o Brasil deveria se aventurar a sediar uma copa e uma olimpíada. Esse dinheiro todo teria uma destinação muito mais proveitosa para o povo.

Sr Ernesto, pode comentar sua opinião sobre pessoas suicidas?

Suicídio é um direito de todo mundo. Mas eu não recomendo. Porque a vida é uma preciosidade tão grande que não se pode desperdiçar. É preciso aproveitar ao máximo esse privilégio de se estar vivo. O importante é achar um significado para a vida que faça com que se queira viver para dar conta dele. Se uma pessoa estiver pensando em se suicidar e se souber disso, é importante conversar com ela para que ela perceba tal fato e ajudá-la a encontrar o sentido para sua vida.

Professor, estou tendo, agora que entrei pra faculdade, diversos exercícios de diferentes tipos. O senhor acha que é bom ver TUDO em um dia só, ou ver um pouco num dia e outro pouco no outro? Como o senhor faria ?‎

Quando eu estava na faculdade eu já trabalhava de dia e tinha aulas à noite, de modo que tinha pouco tempo para estudar. Então quase não fazia exercícios e me dedicava mais a entender bem a teoria. Assim qualquer exercício que se apresentasse eu resolvia. Sempre me dei bem com esse método. Para mim o importante é saber a teoria. Os exercícios são só para testar. Geralmente eu os lia e, vendo que sabia resolver, nem resolvia. Só resolvia os que não estava certo de saber resolver.

O arco-íris é curvo porque a Terra é redonda ?

Não. Ele é curvo porque consiste no lugar geométrico dos pontos onde se encontram gotas de chuva para as quais o ângulo de reflexão interna total da luz do Sol faz um ângulo entre 40° e 42° entre as direções da linha de visada e dos raios solares. Esse ângulo é determinado pelo índice de refração da água. Veja isto:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Arco-%C3%ADris

o senhor tem alguma técnica para evitar a timidez?‎

Sim: fazer o que se tem timidez de fazer com timidez mesmo. Assim ela vai, aos poucos, desaparecendo. A resposta é a mesma que eu dei para a preguiça. No começo a pessoa se atrapalha, mas não pode ligar para isso. Tem que ir em frente atrapalhada mesmo. Uma boa tática é ir dizendo, de cara: "Olha eu estou todo atrapalhado para fazer isso porque sou tímido, mas estou fazendo porque é preciso, então vou fazer atrapalhado mesmo". Então, que se faça!

Popper refutou com base em seus critérios, o marxismo e a psicanálise(escolas da sociologia e psicologia, respectivamente). Mas pq essas escolas ainda tem tantos adeptos apaixonadíssimos? Isso não é meramente um sentimento religioso dentro do estudo científico?

De certa forma, sim. Atualmente as ideias de Marx e Freud não encontram respaldo científico. O comunismo é um ideal válido, mas não o marxismo. Da mesma forma a psicanálise, para mim, é fajuta. A psicologia já está em outros patamares, apesar de ainda não ter encontrado a sua definição definitiva. Mas há outras escolas mais plausíveis. Jung, então, é pior do que Freud. Todavia eles deram uma grande contribuição para os estudos psicológicos. Mas não se pode continuar a considerar que estejam corretos. Como é o caso de Isaac Newton na Física.

Prof,o que acha do guro indiano que chamavam de Osho?‎

Acho que ele diz coisas aproveitáveis, apesar de sua vida não ter sido um exemplo do que ele prega. Mais ou menos como Chico Xavier. Os escritos dele são bons. Mas não são psicografados. São da lavra dele mesmo. O que não gosto no Osho é que ele acabou fazendo sua pregação ser uma fonte de enriquecimento pessoal. Isso não vale, para mim. Se quer ser um profeta, tem que ser totalmente desapegado de dinheiro e viver na pobreza mesmo.

Professor, espero sempre o melhor dos outros, pois sempre dou a todos o meu melhor, porém, ando me decepcionando muito com algumas pessoas. Recomendas que eu reveja essa minha filosofia para, assim, evitar decepções futuras?‎

De modo nenhum. Sua filosofia é excelente. O que você precisa é não esperar recompensa, reconhecimento ou retribuição de ninguém. Faça o bem de forma totalmente desinteressada. Mesmo que fazer o bem te cause prejuízo, faça! O mundo só vai melhorar quando um número cada vez maior de pessoas forem como você. Mas não espere das outras pessoas que tenham o mesmo tipo de comportamento. Assim, se alguma tiver, você ficará contente mas, se não tiver, você não se importará. A decepção não decorre do que as outras pessoas façam, mas do que você espera que elas façam. Não espere nada de ninguém. Assim você nunca se desapontará. Mas continue fazendo sempre o bem.

Na sua opinião, qual é a pior forma de lidar com as emoções?

Não vivenciá-las. Toda emoção deve ser exteriorizada. Mas de modo a não prejudicar ninguém. Se está com raiva, berre e grite dizendo: "estou com muita raiva por isso assim assim!". Se está sentindo uma grande ternura por alguém, diga a essa pessoa; "Eu te amo!" e lhe dê um beijo e um abraço. Não se importe com as convenções sociais.

Fui expulso duas vezes. Na primeira, tentei explicá-lo que eu só aprenderia se fosse sem escrever, uma vez que escrevo muito devagar. Na segunda, não escrevi porque sou teimoso e não vou escrever só porque ele me mandou. Perdi duas aulas. A quem recorro para repô-las?

À coordenação ou à direção da escola. Mas você tem que ter argumentos muito bem embasados para contestar a opinião do professor. Se não for acolhida sua petição, você pode recorrer à Superintendência de Ensino de sua cidade ou, até mesmo, à justiça.

Na psicologia você vê interesse em estudar as proprias doenças?‎

Pessoalmente não. Mas acho que é importante que sejam estudadas e desenvolvidas terapias curativas, quer por meio de práticas de ajuste, quer por uso de drogas. O que não aprecio é haver, também, grande diversidade de abordagens terapêuticas, sem um consenso único na comunidade de psicólogos. Isso me faz duvidar da propriedade de todas elas. Mais ou menos como a existência de várias religiões me leva a concluir que nenhuma seja verdadeira.

mas isso seria um problema tb da sociologia e da economia, não é? (me refiro as escolas de pensamento)

Também. Por isso é que essas ciências ainda têm o estatuto de proto-ciências, diversamente da Física, da Química, da Biologia, da Geologia, da Astronomia e das outras em que prevalece o princípio do "Corte Epistemológico", segundo o qual cada nova proposta de explicação ou é rejeitada ou substitui a anterior, a cada momento prevalecendo apenas uma.

Ja se interessou em estudar psicologia? O que acha da materia?‎

Muito interessante. Gosto de estudar e estudo. Mas não a parte clínica. Gosto da parte ligada à neurologia. Ou seja, o estudo da mente, da memória, da inteligência, das sensações, das percepções, do comportamento. Tudo sob o ponto de vista neural. Para mim a psicologia é um capítulo da neurologia e deve ser praticada por médicos que se especializem na área como pós-graduação. Um problema grave na psicologia, que espero ser sanado, é a existência de "escolas de pensamento" conflitantes. Ora, qualquer fato psíquico tem uma explicação única. Mas diferentes escolas propõem diferentes explicações. É preciso que a comunidade dos psicólogos chegue a um consenso. A existências dessas escolas divergentes enfraquece muito o estatuto científico da Psicologia.

Professor, o sr. acha que os rituais e tradições são indissociáveis da moral e/ou da vida em sociedade?

Não são não. São dispensáveis. A vida pode perfeitamente ser levada de uma forma inteiramente correta e ética, com grande proveito para as pessoas e para a sociedade, de forma completamente desvinculada de rituais e tradições. O que não significa que eles e elas não possam existir. Mas não devem ser mantidos e mantidas apenas porque assim é que se fez até o momento. Se forem maléficos ou maléficas, devem ser abolidos ou abolidas. Mesmo que sejam benéficos ou benéficas, não são necessários ou necessárias. Mas podem ser mantidos ou mantidas, nesse caso.

Você acha que esta rede social estimula boas reflexões filosóficas e momentos de autocrítica?

Apesar da maior parte das perguntas e respostas que correm pelo Ask ser totalmente fútil, acho que ele propicia, sim, um espaço de reflexão e auto-crítica, do qual fruo muito proveito e que me permite apurar minhas concepções e, muitas vezes, revisá-las.

Dizem que as religiões possuem o que há de mais elevado em termos de conhecimento e sabedoria. Concorda? Na sua opinião, o que é de fato, um "ser profundo"?‎

Não concordo. O que há de mais elevado em termos de conhecimento e sabedoria é a Filosofia. O que as religiões possuem de elevado é porque elas também têm aspectos filosóficos. Mas elas possuem componentes não filosóficos que não são válidos, que são os seus aspectos sobrenaturais. Elas invocam a existência de uma suposta realidade não natural e não meramente conceitual que não existe e levam as pessoas a atribuírem valor ao relacionamento com tais entidades. Isso é um engodo, uma ilusão. Não é bom que se paute a vida por fatos e seres ilusórios. Uma pessoa de grande elevação (ou profundidade, dependendo da interpretação da palavra) é aquela que se ocupa com temas de de alta relevância e significado em termos do bem geral. Aquela cujos pensamentos e ações se voltam para beneficio global e não pessoal. Que aprimora suas virtudes, buscando a sabedoria, que é o discernimento de saber como proceder às melhores escolhas em suas decisões, com o fito em promover a maximização da felicidade, da justiça, da satisfação, da alegria, do prazer, da prosperidade, e de tudo de bom para o maior número de seres. Nisso ela se empenha em ter o máximo de conhecimentos e habilidades, para que possa usá-los em proveito de todos.

Vai esperar sentado então pq isso nunca vai acontecer.Os crentes serão maioria eternamemente Acreditar em Deus transforma vidas.Conheço pessoas que estavam na merda e depois que aceitaram Jesus tiveram a vida transformada.Nunca conheci ninguém que a vida tava a uma merda ai virou ateu e td ficou bem

O que transforma as vidas não é acreditar em Deus e sim passar a ter uma perspectiva de significado para a própria vida. Isso pode ser obtido por uma crença em Deus, mas também pode ser obtido sem ela. Basta que a pessoa veja que sua vida é algo muito precioso e que, para que se sinta realizada, ela tem que ter um objetivo a ser perseguido, lutando por ele. Isso não precisa ter conexão nenhuma com a existência de Deus. O que as religiões ou as crenças fazem é dar essa perspectiva. Mas elas o fazem com base em um engodo. Por isso é que não são boa coisa. O significado da vida e a consolação pelas vicissitudes é muito melhor obtido por meio da Filosofia do que da Religião. Mas no caso das religiões, não é preciso que seja a Cristã. Pode ser outra, que não atribui valor nenhuma à figura de Jesus.

Professor como faço para melhorar minha grafia na lousa branca?‎

Compre um caderno de caligrafia e treine escrever de acordo com o padrão de traçado de cada letra. Faça muitas páginas de cada letra, minúscula e maiúscula até automatizar o desenho.

Sobre a questão de combinatória: Grupos com 4 meninas: (4 choose 4) = 1 Grupos com 3 meninas e 1 menino: (4 choose 3) * (4 choose 1) = 4*4 =16 Grupos com 2 meninas e 2 meninos: (4 choose 2) * (4 choose 2) = 36 Total: 53. O seu resultado (4 2)*(6 2) é maior que o total de possibilidades (8 4).‎

Você errou a soma. Dá 56. De fato, para cada combinação de duas meninas, a combinação dos seis restantes dois a dois vai incluir situações em que se tenha as outras meninas faltantes que será computada duplamente, bem como uma só das duas faltantes. Então só se pode considerar as combinações de duas meninas com a de dois meninos. As demais têm que ser calculadas separadamente e somadas. Eu errei.

No Brasil existem 200 milhões de pessoas e apenas 615 mil são ateus segundo o IBGE.Ou seja os ateus não fazem nem cOsquinha vcs é que vão sumir daqui alguns anos e não o contrario.Acorda pra vida!

O IBGE registra apenas quem se declara ateu. Muitos são ateus mas não querem se declarar assim. O que importa não é o número mas a taxa de crescimento desse número. Exatamente porque sou uma pessoa bem acordada para a vida é que sou ateu, pois vejo a completa impropriedade da crença em divindades, seja ela qual for. Ser ateu é, justamente, ter a máxima consciência e lucidez a respeito da possibilidade da existência de deuses e espíritos. O fato da maioria achar que tais entidades existam, absolutamente, não é garantia nenhuma de sua existência. Espero que, para o bem da humanidade, o ateísmo se difunda a ponto de, em mais alguns milênios, toda a humanidade tenha se desligado de todas as crenças e religiões.

Professor,um dos principais motivos para o socialismo ser mal visto é a ditadura e repressão,ele foi implantado forçadamente.No entanto,o comunismo não demanda naturalmente essa imposição?Pois,uma hora ou outra, alguém vai querer ter mais ou ter algo que os outros não tenham.‎

Socialismo é uma coisa, comunismo é outra. O socialismo, de fato, requer um governo forte como patrão de todos os trabalhadores. O comunismo, por outro lado, até prescinde de governo, pois os trabalhadores é que são seus próprios patrões. Nenhuma nação que se disse ou se diz comunista o foi ou o é. Ainda não foi estabelecido o comunismo em lugar nenhum. Quanto a alguém querer ter mais do lhe é devido, a própria sociedade se encarrega, no comunismo, de impedir que isso ocorra. No comunismo todos dão de si para a coletividade, de acordo com suas capacidades e todos ganham para si, da coletividade, de acordo com suas necessidades. E economia não é com base em trocas, de que o dinheiro é um mero intermediário, e sim com base em doações sem retorno. Havendo excedentes, eles serão distribuídos o mais equanimamente possível, mas isso deve ser feito de acordo com o merecimento. Se alguém dá mais de si do que outro, merece receber mais de todos. Isso é reconhecido pela coletividade.

Ernesto, o sr não acha que só uma Ditadura Militar seria capaz de colocar o Brasil rumo ao progresso e estabelecer a ordem?‎

De jeito nenhum! Nenhuma ditadura é admissível, seja militar, seja civil, seja de direita, seja de esquerda. Todos os problemas têm que ser resolvidos democraticamente. As ditaduras, por definição, são tirânicas. Elas impõem a vontade do ditador à revelia da vontade do povo. E todo governo só é legítimo se governar para atender os interesses dos governados. Os que governam têm que fazê-lo como uma delegação dos governados. Qualquer outra forma de governo é injusta. A ordem tem que ser alcançada porque a maioria da população o deseja e esse desejo tem que ser expresso por meio do voto em candidatos comprometidos com seu estabelecimento. Se o povo não quiser ordem e votar em candidatos coniventes com a desordem, então é desordem que ele merece ter. Ninguém pode arvorar-se em salvador da pátria e supor que seja o detentor da verdadeira forma de governar.

Qual ou quais as maiores barreiras para o anarquismo?‎

A preguiça e a cobiça. O egoísmo. A ganância. O espírito de competição. O desejo de derrotar os outros. Uma sociedade anárquica tem que ser uma sociedade de pessoas virtuosas, solidárias, empáticas, diligentes, colaboradoras, desprendidas, altruístas. Por isso é que não se chega a ela fácil nem rapidamente. É uma questão de evolução da mentalidade a ser alcançada em um longo processo educativo.

Como encontrar o "gargalo" ao estudar um determinado assunto?‎

Isso e simples e varia de pessoa para pessoa. O gargalo é aquele tópico que se tem dificuldade de entender e de compreender, no caso dele ser essencial para o entendimento e a compreensão de outros tópicos do assunto. Mas isso só se vai saber quando se estiver estudando outro assunto e se ver que era preciso ter entendido aquele antes. Então se precisa voltar e reestudá-lo. Alguns tópicos podem ser deixados sem entendimento sem que isso comprometa o resto. Mas não se sabe até se estudar o resto todo. Por isso é bom ir-se entendendo tudo, à medida que se estuda. Se não entendeu, insista até entender. Busque-se outra abordagem, converse com outros estudantes do mesmo tema, até entender e compreender.

Qual é o seu argumento sobre: "A vida de um animal qualquer tem o mesmo valor da vida de um ser humano."?‎

Não é. Como somos da espécie humana, nossa espécie é mais importante para nós que as outras. No cômputo da natureza, contudo, tudo tem igual importância. Certamente que temos que dar importância a todas as entidades da natureza. Mas, no caso de ser preciso fazer uma escolha, para nós, é certo dar primazia à nossa própria espécie em relação a outras.

Ernesto, é direito de um professor expulsar de sala um aluno que preferiu prestar atenção na explicação em vez de escrever o que estava no quadro?

Claro que não. O aluno não precisa copiar o que o professor escreve. Isso é problema dele. A matéria tem no livro para ser estudada. Se quiser só prestar atenção e não copiar nada é um direito dele. Um professor que exija que o aluno copie o que ele escreve não é um bom professor.

Mas não há escolas que aceitem o seu método? Na escola em que eu estudei a filosofia era exatamente essa que você disse: preparar para a vida, e não para o vestibular. Os professores tinham bastante liberdade de ensino lá.

Aqui tem uma: O Colégio de Aplicação da UFV (COLUNI). As demais se preocupam com ensinar a resolver questões. Isso é um problema mercadológico.

Agora és ateu, mas como foi essa transição, especificamente na questão dos milagres? E aquela história de "corpos intactos de santos", achas que são mera representação? Obrigada desde já.

Milagres não acontecem. Ou são ocorrências naturais ou são fraudes. Cadáveres não corrompidos foram embalsamados.

Você acredita que os Illuminati e a Maçonaria existem?‎ ­

A Maçonaria existe, mas os Illuminatis não mais. Isso não é uma crença. É uma verificação.

Para você, qual a importância das tecnologias na vida humana?‎

Importantes auxílios para facilitar muitas ações e, mesmo, possibilitar algumas que, sem elas, não se realizariam. Mas não são essenciais. Todavia a vida sem tecnologia se torna muito mais difícil de ser levada.

O que é empirismo ?‎

A concepção de que todo conhecimento é levado à mente pelos sentidos.

Acredita que espíritos possam estar entre nós e as vezes até fisicamente se manifestar? O que tem a dizer sobre isso?‎

Claro que não. Espíritos não existem. Não há nenhuma comprovação disso. Se existissem e não fossem físicos, como seu conceito concebe, não vejo como poderiam se manifestar fisicamente.

Um escritor inteligente uma vez disse que as pessoas buscam a não-morte porque são mortais. Se fossem imortais, a morte seria um tesouro valioso para elas. Você concorda?

Sim. Quando eu era católico eu ficava doido para morrer, para assim ir para o céu, onde teria conversas homéricas com Deus, para ele me ensinar tudo sobre tudo, já que minha fome de saber sempre foi imensa.

Nada e espaço vazio existem? Bom, considerando que não existe 0 kelvin, deve haver algo.‎

Claro que "nada" não é nada e, portanto, não existe. "Nada" designa, justamente, a inexistência de qualquer coisa. Espaço vazio também não existe pois o espaço existente decorre do conteúdo que ele abriga. Vácuo, contudo, existe, e é um espaço que só não tem matéria, mas tem campo e radiação. Todavia isso não tem nada a ver com temperatura, pois estamos falando de entidades e temperatura é um atributo de entidades e não uma entidade. Como energia, massa, densidade, carga e outros.

Professor, o que surgiu primeiro: a matemática ou a filosofia?‎

A Matemática surgiu antes. Já havia Matemática no Egito, na Índia, na Babilônia. A Filosofia só surgiu na Grécia, uns 600 anos antes de Cristo, juntamente com a Matemática rigorosa, já que a anterior era empírica.

Você sente falta de ensinar?

Sim. É a atividade profissional que mais gosto. É fascinante. Muito mais interessante do que mexer com a parte administrativa. Mas sou um professor que não se enquadra no perfil atualmente requerido pelos colégios. Porque eu não treino os alunos para resolver questões. Eu os faço ser investigadores e questionadores. Eu os habilito a aprender por si mesmos. Eu não passo dicas e macetes. Eu quero prepará-los para a vida e não para os exames. Os próprios alunos e seus pais não querem saber disso. Não querem que as pessoas sejam filosóficas. Não querem saber de consertar o mundo e sim de se dar bem financeiramente. Como sou completamente desprendido de dinheiro, jamais pauto o que quer que seja tendo em vista o retorno financeiro. Então não sirvo para ser professor atualmente. Mas, quando era professor do curso de Física da UFV, os alunos apreciavam muito meu estilo pedagógico.
http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=2379

Ei, professor, poderia me ajudar neste exercicio? -> Em um grupo formado por quatro meninas e quatro meninos, serão escolhidas quatro pessoas para formar uma comissão. De quantas maneiras destintas se pode organizar a comissão desde que ela conte com pelo menos duas meninas?

Como há que se ter duas meninas e elas podem ser escolhidas dentre quatro, o número de possibilidades será a combinação de quatro elementos dois a dois. Os outros dois membros podem ser escolhidos entre os quatro meninos e as duas meninas restantes. Daí o seu número de possibilidades ser uma combinação de seis elementos dois a dois. O resultado final será o produto desses valores.

Sobre a pergunta da árvore caindo fazer barulho ao cair sem ter alguém por lá, o que acha dos comentários nesse link? http://filossurfar.blogspot.com.br/2009/01/quaestio-surfistas-

Não gosto desse negócio de se enquadrar no empirismo ou no racionalismo. Para mim a filosofia não pode ser adjetivada. Como há inúmeras observações de árvores caindo e fazendo barulho, pode-se, com toda a confiança, afirmar que uma árvore que caia sem observadores, fará barulho. Note que observadores não precisam ser humanos. Podem ser outros animais ou aparelhos (gravadores com microfones). Note que a conclusão que fará barulho é, em parte empírica, em parte racional. Da observação empírica de árvores caindo e fazendo barulho, pode-se, por raciocínio indutivo, concluir que outras árvores ao cair, nas mesmas condições (isto é, dentro da atmosfera), fará barulho. Nesse caso há, de fato, uma relação de causalidade entre a queda e o barulho. Isso não garante que causa seja uma necessidade para tudo. Mas não é verdade que não exista causa e efeito. O que não existe é a obrigatoriedade de causa e efeito.

Se o universo não existisse, então nada existiria? O que o senhor acha?

Sim, pois o Universo é, justamente, o conjunto de tudo o que existe, existiu e existirá em todos os tempos e lugares. Não havendo Universo não há nada: campo, matéria, radiação nem passagem de tempo. Sequer espaço vazio.

Como você acha que o universo foi criado? Em qual teoria o senhor acredita?

Não. O Universo deve ter surgido fortuitamente. Eu não acredito em teoria nenhuma, pois não há nenhuma teoria sobre o surgimento do Universo. A teoria do Big Bang não é sobre o surgimento do Universo e sim sobre a expansão de seu espaço. As descrições mitológicas que as religiões adotaram para o surgimento do Universo não são teorias, pois não são comprovadas. Essas sim, requerem crença. Mas uma teoria, quando houver, não é para se acreditar e sim para se saber que é correta em razão dos argumentos, comprovações e evidências que a sustentarem.

Professor, tem uma frase que eu me identifico muito. É mais ou menos assim: "Enquanto eu for a morte não é. Quando ela for eu já não sou mais. Como temer algo que só é quando eu não sou?" de Epicuro. O que acha?‎

Concordo plenamente. Por isso é que não tenho medo nenhum de morrer. Morrer é acabar completamente a consciência. Não se é mais nada. Não é frio nem escuro, pois não se tem sensação de nada. Não se pensa. É exatamente o que éramos um ano antes de nascermos. Nada! Como é uma pessoa que só vai nascer daqui a mais de um ano. Ela não existe.

O que vc achou de Roberto Carlos deixar de ser vegetariano para voltar a apoiar a matança de animais em nome do dinheiro da friboi? Vc conhece a musica que ele fez no passado para a compaixão pelas baleias?

Sim. Ele se vendeu. Já ouvi essa música. Não ouço muito Roberto Carlos. Não acho que ele seja ruim, mas prefiro outros. Prefiro a Bossa Nova.

Mas fisicamente falando, há possibilidades da matéria viajar acima da velocidade da luz? Sempre vejo que sim nos documentarios sobre buracos negros.

Não acho que nenhum documentário científico sobre Buracos Negros vá dizer isso. Só se for algum filme de ficção científica. Porque, ao adentrar a um Buraco Negro, a matéria, radiação ou campo não se desloca a velocidade maior do que a da luz.

Então há objetos viajando mais rapidamente do que a velocidade da luz? Se sim, por que dizem que a velocidade da luz é o limite então?

Não. não há. O fato de que a separação entre objetos, devido à expansão cósmica poder variar a uma taxa maior do que a velocidade da luz não significa que os objetos estejam se movendo a velocidades maiores do que a da luz. Porque essa taxa não é uma velocidade, isto é, uma rapidez de deslocamento. As galáxias (e tudo o mais), na expansão cósmica, se afastam não porque se movam mas porque o espaço entre elas cresce. A expansão cósmica não é um movimento. É um inchamento do espaço. Logo não se enquadra na restrição relativística de não poder ser maior do que a velocidade da luz. Há várias outras situações em que se tem uma velocidade maior do que a da luz, mas não se trata do movimento de coisa nenhuma. Por exemplo, uma sombra pode se deslocar sobre uma superfície com velocidade maior do que a da luz. Mas, como a sombra é só o limite entre lugares em que a luz chega e outros em que não chega, o deslocamento da sombra não acarreta movimento de nada. A luz continua com a velocidade da luz, mesmo que a sombra se mova mais depressa. Outra situação é, por exemplo, a velocidade, num pedaço de papel que esteja sendo cortado por uma tesoura, do limite entre o pedação que já foi cortado e o que ainda não foi. O que está se movendo é a lâmina. Esse limite não representa movimento de nada concreto. Logo, sua velocidade pode ser maior do que a da luz.

Segundo o astrofísico Neil deGrasse T. , um dia a taxa de expansão do universo ira exceder a velocidade da luz, então, segundo ele, a cosmologia não vai mais existir pois só teremos visão de nossa própria galáxia, ou talvez o horizonte seja até menor que nossa galáxia. É um privilégio ser cosmologs?‎

Mas a taxa de expansão do Universo já excede a velocidade da luz para lugares longínquos o suficiente. Além dessa distância o Universo não é acessível. À medida que passa o tempo, como tudo vai se afastando, chegará um momento em que essa distância abrangerá apenas a nossa galáxia. Mas isso não vai parar.

Professor, qual sua opinião sobre algumas pessoas que o mandam ler a Bíblia e não sugerem que você leia o Corão islâmico ou o Bhagavad Gita hinduísta ou o Avesta do zoroastrismo ou quaisquer outros "livros sagrados"?‎

Que são tendenciosas e já possuem uma pré-disposição em considerar que a Bíblia é que seja detentora da verdade e não as outras escrituras. É o mesmo que um muçulmano pretender que se leia o Corão para se inteirar da verdade, e não a Bíblia. Todavia esquecem que Maomé se baseou na Bíblia para fundar o Islã. Para mim todas as escrituras ditas sagradas são obras puramente humanas em que seus redatores colocaram o que pretendiam que fosse que o povo achasse que Deus teria dito.

Professor como assim o atentado as Torres Gêmeas foram armação do governo americano? Podia explicar pra mim porque agora me senti confundida‎

A resposta que eu dei antes está errada. Na leitura que eu fizera, em vez de "armação", eu lera "ameaça". Não acho que tenha sido armação do governo americano.

E por que pensas que o 11 de setembro foi uma armação? Isso sempre me soou uma besteira totalmente descabida e sem fundamentos. O que te faz ter tanta certeza? Obrigado.

Armação? Não é isso que eu disse. O que eu disse é que o atentado de 11 de setembro foi feito por fundamentalistas islâmicos para ameaçar os Estados Unidos e mostrar do que eles são capazes. Para eles, os Estados Unidos são o "Grande Satã", inimigo da fé islâmica e, portanto, da humanidade, já que consideram que o islamismo seja a verdadeira religião, fora da qual nenhum ser humano terá salvação eterna.

Professor, me da uma dica de como ser mais frio? O porque de eu querer isso, é que, cansei de sofrer pelo amor, ter sentimentos, odeio me preocupar com as pessoas, e odeio que se preocupem comigo.‎

Não dou não. Porque ser frio é péssimo. O bom é ser caloroso, amável, preocupado com as pessoas, ter muitos sentimentos. Não precisa sofrer por ser assim. Pelo contrário, rejubile-se. Amar não causa sofrimento. O que causa é querer ser amado em retribuição e não ser. Ame sem esperar retribuição. Faça o bem de graça, sem esperar pagamento.

"Caiu uma árvore na mata e não havia ninguém lá. Fez barulho ou não?

Claro que faz. O som é um fenômeno objetivo e não subjetivo.

Por que ao invés de ficar falando besteira sobre o cristianismo, você não lê a Bíblia? Suas conjecturas são claras de alguém que nunca leu o livro. Como é que pode se jactar de ter lido sei lá quantas centenas de livros e nunca ter lido o que mais critica? Isso é que é o cúmulo da hipocrisia‎

Mas eu já li vários livros da Bíblia. Justamente por ter lido é que concluí que é uma obra de ficção. Não tem fundamento em nada do que diz sob o aspecto de conhecimento científico e histórico e, mesmo, teológico. O que se aproveita dela é sob o aspecto moral, mas nem tudo. As epístolas do apóstolo Paulo são extremamente machistas, por exemplo. Não me jacto de ter lido centenas de livros. Isso é uma mera constatação. De fato eu li. Não vejo hipocrisia nenhuma em minha atitude ateísta. Pois pauto minha vida por minhas convicções. Hipocrisia seria se eu me dissesse ateu e, na prática, fosse crente.

Você se esforça para ser inteligente ou ter um conhecimento além do que as pessoas esperam de você?‎

Não me esforço. Adquiro conhecimento porque isso muito me apraz e gratifica. Portanto é como um lazer. Tampouco me preocupo com o que possam esperar de mim. Se satisfaço, fico satisfeito. Se desaponto, paciência. Não vou me abalar para agradar a ninguém. Quanto à inteligência, gosto de aprimorá-la também, mas, da mesma forma, por puro prazer.

Se na R.G. a gravidade é uma distorção espaço-temporal, pq ela é considerada como uma força fundamental para quem trabalha com teoria de campos, por exemplo?‎

Porque as teorias de campo são construídas sobre a base espaço-temporal da Relatividade Restrita e não da Geral. Nelas o espaço-tempo é euclideano (ou melhor, pseudo-euclideano, pois a métrica não é positivamente definida, podendo admitir intervalos positivos e negativos).

Dentre todos os cursos viáveis no momento que posso escolher, astronomia ainda não está ao meu alcance, até porque eu não estaria preparada o suficiente pra conseguir entrar para tal faculdade. O que o senhor me indica fazer (curso/faculdade) até futuramente ter preparo pra cursar astronomia?

Você pode fazer Astronomia como um curso de pós-graduação e fazer a graduação (de preferência bacharelado) em Física. Alternativamente em Matemática, mas e melhor em Física. Todavia não acho que alguém que tenha feito um bom Curso Médio não esteja preparado para cursar Astronomia. Qualquer um que passe em algum vestibular para qualquer Engenharia em uma boa faculdade é capaz de cursar Astronomia.

Desculpe lhe informar Sr. Ernesto, mas a ciência não sabe afirmar a origem e o surgimento do tempo e espaço, só posso te dar uma certeza, nada veio do nada, e por isso nada do nada vem... Ok?

Sim. A ciência ainda não sabe como surgiu o Universo, isto é, seu conteúdo (campo, matéria e radiação), o espaço que ocupa e o tempo em que evolve. Mas isso não dá certeza nenhuma de que não surgiu sem ter do que provir (e não "do nada", pois "o nada" não é algo). Mesmo os que acham que o surgimento de tudo tenha sido uma criação de algum ser extrínseco ao Universo, consideram que esse ser criou tudo sem ter do que ser proveniente. O fato da ciência ainda não saber como se deu tal surgimento não significa que esse conhecimento nunca vai ser obtido. A ciência é muito jovem e dentro de algum tempo, vai conseguindo obter explicações ainda não sabidas. Quanto a surgir "de nada" (e não "do nada") não há impedimento nenhum que proíba tal ocorrência.

como conciliar (academicamente) geologia com astronomia?‎

Isso é tranquilo, pois ambas as ciências se referem ao estudo de corpos celestes. No caso da geologia ao estudo da Terra bem de perto, isto é, estando-se nela. E a astronomia estuda os astros de longe. É perfeitamente possível e, até, interessante, estudar os dois assuntos. Como também a astrofísica e a cosmologia. Nas universidades, os cursos de astronomia e geologia, inclusive, possuem várias disciplinas em comum que podem ser feitas uma vez só para os dois. Como a maioria das universidades não permite que o mesmo aluno faça dois cursos em paralelo, é preciso fazer um e depois o outro. Mas, enquanto isso, é possível se fazer, além das disciplinas comuns, disciplinas do outro curso como optativas e, depois que entrar para o outro, aproveitá-las no novo currículo. Isso já abrevia o tempo de conclusão dos dois. Claro que isso só funciona se a mesma universidade oferecer os dois cursos.