quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Acerto

Para o senhor, quem criou o mundo? Quem nos fez?‎

Ninguém. Tanto o Universo quanto a vida, inclusive a humana, surgiram espontaneamente, por acaso

Gostaria de saber se na versão de 89, Companhia das Letras, do Declínio e Queda do Império Romano consta a parte que fala de Hipácia, pois li que a edição é abreviada, ia comprar em um sebo virtual. Se o senhor souber me responder agradeço.‎

Não tenho esse livro. Veja estes:
http://books.google.com.br/books?id=OqIoQwAACAAJ&dq=isbn:9789896411480&hl=pt-BR&sa=X&ei=CCKIUs_TN4jekQeG0IGwBg&redir_esc=y
http://www.culturminho.com/Livro/Artigo/9865312

As coisas mais belas da vida são de graça. Um exemplo________?‎

Contemplar uma linda paisagem. Ver um por do Sol, Namorar. Cantar. Beber água estando com sede. Uma amizade.

Professor, o que você acha sobre faculdades pagas? São tão boas quanto as federais ?‎

Depende. Em geral as públicas são melhores. Mas há particulares boas, como algumas das Universidades Católicas e a Makenzie. Depende do curso. É bom ver no "Guia do Estudante", que existe online.

Professor, o senhor tem algum conhecimento sobre como aliviar uma dor de dente? Já me recorri até a receitas caseiras da internet e nada, dentista eu só consegui marcar para terça feira, e já fez 3 dias que eu durmo, "Até hoje não houve filósofo que padecesse pacientemente de uma dor de dente"‎

Já tive esse problema. Novalgina alivia, mas o remédio é o dentista abrir o dente. A dor provém da formação de gases no canal, por fermentação do tecido apodrecido pela ação das bactérias da cárie. O gás se expande e comprime o nervo do canal, provocando a dor atroz. O que alivia é abrir e deixar o gás sair. Depois, é claro, tem que tratar o dente. Acho que existem dentistas de plantão a qualquer hora, só que cobram. Mas, no caso.... Já tive que ir a um deles em plena madrugada, quando moravo no Rio de Janeiro

Estranho, exercícios físicos são naturalmente prazerosos, porque aumentam a produção de serotonina no cérebro. Você deve ter algum trauma de atividades físicas em geral. Talvez na época de escola foi zoado e humilhado por colegas durante as aulas de educação física e passou a detestar qualquer ativi‎

São prazerosos para quem gosta. Para mim, prazeroso é estudar, especialmente matemática e física. Acho que isso tem a ver com genética e com o ambiente familiar. Em minha família todos são intelectuais, são professores, médicos, engenheiros, advogados, militares, funcionários públicos e, até, políticos (Sou primo em terceiro grau de Rui Barbosa). Não há negociantes nem fazendeiros. O ambiente doméstico da minha casa e da casa dos meus tios, tanto paternos quanto maternos sempre foi muito intelectualizado. Só tive uns primos que gostavam de nadar. O resto, nada de esportes. Fui criado desse modo e me comprouve com isso.

Professor, o que sabe sobre o ensino/ oportunidades na UFMG

Uma das cinco melhores do país

O senhor acredita em destino? Ou coincidência ? Ou o que?

Destino não existe. Em absoluto. Tudo são coincidências e acasos. Além das decisões pessoais da própria pessoa e das outras que interferem com a vida dela. Mas nada é previsto. O futuro é incognoscível e não existe programação prévia nenhuma para o que vai ocorrer. Profecias são impossibilidades totais.

Quem é você?

http://ask.fm/wolfedler/answer/62140754973

Se por um percalço fosse descoberta uma forma pra ser imortal, o senhor acharia a idéia atraente?‎

Sim, muito. Mas a imortalidade é impossível, mesmo que o organismo não se envelheça, mas porque a vida depende das condições ambientais e o Universo não as manterá propícias à vida indefinidamente. Mesmo que a pessoa vá para outros planetas quando as condições da Terra não suportarem mais a vida (por causa do aquecimento do Sol), e vá mudando de planeta para planeta, o Universo inteiro se tornará muito frio dentro de algumas dezenas ou centenas de trilhões de anos. Então esse seria o máximo tempo de vida alcançável. Certamente que não é imortalidade.

Eu tento manter minhas estantes de livros arrumadas, mas eu pisco os olhos e tudo está uma verdadeira desordem. Você segue algum método pra manter a ordem dos seus livros, ou eles também não ficam arrumadinhos?‎

Eles não ficam arrumados. Faço arrumações esporádicas e depois tudo se mistura. Mas eu sei onde se encontra cada um. Meu escritório é, realmente, uma bagunça e não tem como ficar arrumado, pois não me sobra tempo para isso e ninguém mais mexe nele senão eu. Até para varrer e tirar o pó.

A interferência das ondas, não violaria o princípio da independência dos raios luminosos, uma vez que a luz também é uma onda ? (considerando exclusivamente como onda). Desde já, muito grato

Não viola. Porque a interferência acontece na região em que as duas ou mais ondas coexistem. Mas elas prosseguem e continuam independentes depois de saírem da região em que se interferem. O princípio apenas assevera que cada onda continua a se propagar por sua conta, ou seja, o reforço e o cancelamento são locais e não alteram o comportamento de cada onda após sua ocorrência.

Já leu " O Casamento e A Moral", do Bertrand Russell? Sofreu muita influência deste livro?

Sim. Li pela primeira vez em 1968, bem como os outros livros dele, até 1971. Desde então, tem sido o filósofo que mais me influenciou. Mas não só ele. Já li muitos livros a respeito disso e, daí, formei minha concepção da estrutura ideal dos relacionamentos afetivos e gaméticos dos seres humanos. Um interessante é "O Mito da Monogamia", de David P. Barash e Judith Eve Lipton. Mas a conclusão não segue a linha mestra do livro. Veja este artigo:
http://www.voxobjetiva.com.br/noticia/242/o-

A cor não é propriedade das coisas em si. Portanto, seria tolice dizer que a visibilidade também não é?‎

Certamente que a visibilidade é uma função da interação da luz com os corpos. Sem luz, nada é visível. E para ser visível tem que emitir ou refletir a radiação que o olho seja capaz de captar. Animais diferentes vêm o que não vemos, como podemos ver o que alguns não vêem, em função da faixa de frequências que cada um pode captar em seus órgãos sensoriais de luz. Além do mais a visibilidade depende das circunstâncias do entorno do objeto. Uma chama de fogão não é visível sob a luz do Sol, como as estrelas do céu. Mas elas estão lá. Num dia muito claro você não vê o interior de um cômodo com janela aberta, visto da rua. O olho é sensível aos contrastes. E a visão não se dá só no olho, mas, principalmente, no cérebro.

Você disse que já sofreu infartos. Seu médico cardiologista não recomendou que você faça exercícios físicos? Você tem algum cuidado na sua dieta, como evitar alimentos gordurosos ?‎

Sim, eu comecei a fazer, mas depois parei. Isso é uma forma de suicídio de minha parte. Mas, exercícios, para mim, são detestáveis. Odeio. Nunca gostei de nenhuma atividade física. Nunca pratiquei. Quanto a comida gordurosa, não como, mesmo porque, nunca gostei e sempre gostei mesmo de verduras e frutas. Como carne, mas sem gordura. Só queijo é que eu gosto. Mas evito os mais gordurosos. Meu maior problema é não comer doces, que eu adoro e sempre comi muito.

Com a abolição de divisões geográficas de nações numa sociedade anarco-comunista, o que acontecerá com a diversidade linguística e a comunicação entre si? Você acha o Esperanto uma ideia plausível, como língua secundária?

A diversidade linguística, bem como a cultural, permanecem. Isso não depende de fronteiras nem de governos. Acho que o uso do esperanto como linguagem mundial seria interessante, mas temo que não será viável, pois é uma língua artificial e não uma que, de fato, seja falada por alguma população. No tempo do Império Romano, o Grego era a língua internacional. Na Idade Média e Moderna, foi o Latim, Depois foi o Francês. Hoje é o Inglês. Talvez ele permaneça assim por um bom tempo. Isso é um fato espontâneo, difícil de ser imposto, como a própria anarquia. Todavia, se se fizer um esforço para que o esperanto vingue, com a adoção do ensino dele em todo o mundo, seria bom, porque não privilegia nenhuma cultura.

Professor, o senhor é um intelecto mas em suas respostas percebe-se o senhor como pessoa simples e humilde, admiro isso e aproveito para perguntar, o que acha dessas pessoas que são arrogantes por terem conhecimento e se dizerem "inteligentes" por descobrirem algo que outra pessoa já descobrira?‎

Eu não diria que sou humilde. Sou modesto e assertivo. Pessoas arrogantes e que se consideram superiores, para mim, são simplesmente, bobas. Isso mesmo. Não tenho nenhuma consideração e respeito pela qualificação de quem se gaba de ser inteligente ou muito culto, da mesma forma que se gabe de ser bonito ou forte, ou mesmo bondoso e prestativo. Para mim a pessoa pode ser isso tudo, e é bom que seja, sem dúvida, mas de forma singela, isto é, sem se humilhar, considerando que não é o que é, nem se jactar de o ser. Isso é assertividade. Inclusive, porque, por exemplo, inteligência, beleza e, até, força, em boa parte não dependem do esforço pessoal, mesmo que, em certa parte, dependa.

"O mundo necessita de menos princesas e mais guerreiras." Concorda?‎

Claro que sim! E a maior batalha das mulheres é se afirmarem como pessoas humanas plenas, em total igualdade com os homens. Assumindo todas as responsabilidades que eles assumem e gozando de todos os direitos que ele gozam. Da mesma forma que os homens têm que assumir todas as responsabilidades que as mulheres assumem e gozar de todos os direitos que elas gozam. Veja este poema meu:
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=83

Seu nome é difícil de Pronunciar, É Austríaco professor?

Exatamente. Pronuncia-se "fon ríquert" sem que o "t" seja mudo. Note que a terminação "on" não é para ser pronunciada como "om". "on" é só a nazalização do "o", como "õ", terminando com a língua no palato, a boca aberta e o som saindo pelo nariz, enquanto "om" tem uma terminação com os lábios fechados e o som também saindo pelo nariz. O "ü" também não é bem um "í", pois este é pronunciado com o meio da língua no palato a o lábio inferior descido, enquanto o "ü" é pronunciado com a boca pequenina e a ponta da língua nos dentes de baixo.

Minha professora de História falou que o Anarquismo é inviável para a nossa civilização atual. O senhor concorda com essa afirmação?‎

Claro que sim. Não tem jeito mesmo. Só dentro de muitos séculos. Para se chegar à anarquia, que é o que prega o anarquismo, há que se abolir a ignorância, a pobreza, a riqueza excessiva, a cobiça, a preguiça, as crendices, os preconceitos, a intolerância, o egoísmo. Isso é uma transformação da cosmovisão das pessoas que tem que ser alcançada por um longo processo educativo que temos que nos empenhar em conduzir. Uma educação do caráter, para extirpar o egoísmo e implantar o altruísmo, a generosidade, o senso de responsabilidade e a disposição para o trabalho sem recompensa pessoal, mas para o bem geral. Não se muda isso de repente, muito menos por uma revolução. Revoluções não adiantam, porque não mudam o modo de ser das pessoas. Evolução é que reforma o mundo

Professor, qual a diferença entre o anarquismo e o comunismo?

Anarquismo é um regime político, comunismo é um sistema econômico. O primeiro é a concepção de que a sociedade seja conduzida por decisões diretas das pessoas, sem governo, sem estado, sem fronteiras. Mas na mais perfeita ordem, pois que assumida voluntariamente. Já o comunismo é a concepção de que a propriedade dos meios de produção deva ser distribuída entre todos, sem que ninguém seja empregado de ninguém. Que cada um produza de acordo com suas capacidades e cada um usufrua de acordo com suas necessidades, sem necessidade de troca, e, consequentemente, de moeda, que é um meio de troca. O anarco-comunismo une os dois aspectos: político e econômico. Então são abolidos o estado, o governo, a propriedade, o dinheiro. Em consequência, as forças armadas, a justiça formal, o sistema prisional, a polícia, o sistema financeiro. Para uma maior harmonia também devem serem abolidas as religiões e a família tradicional, passando tudo a ser comunitário. Mas não é preciso que o ateísmo seja adotado como norma, já que, no anarquismo não há normas nem leis. Pode-se crer em Deus e em espíritos. O que não se pode é institucionalizar essas crenças em grupos fechados que se oponham. O mundo se torna uma única nação, sem fronteiras. Mas pode e deve preservar as tradições lídimas e benéficas. O folclore, a cultura. Num espírito de entrosamento mundial e colaboração total, de modo que não haja pobreza, ignorância, doença, intolerância e preconceito em nenhum rincão. Como também a riqueza obscena. O ideal é que todo adulto tenha curso superior e que os trabalhos servis sejam feitos em sistema de rodízio, numa concepção totalmente igualitária dos gêneros (feminismo e masculinismo, com execração do femismo e do machismo). Habitações, refeitórios, lavanderias, creches, bibliotecas, centros de lazer e tudo sendo coletivos, se obtém uma economia colossal de recursos e de trabalho, viabilizando muito mais tempo de lazer para todos. Nada particular, tudo compartilhado. Ninguém é proletário. Todos são burgueses. Mas burgueses anarco-comunistas. Uma beleza!

Em quanto tempo mais ou menos o mundo pode virar anarquista?‎

Se não se fizer nada a respeito, pela evolução que se vem observando ao longo da história, acho que se chega lá dentro de três ou cinco mil anos. Mas se se fizer um esforço consciente para tal, isso poderá acontecer em apenas alguns séculos, isto é, menos de mil anos. Muito pouco se pensarmos que a humanidade ainda poderá existir na Terra por uns quinze milhões de anos.

"O amor verdadeiro prevalece... Amaldiçoado seja o Universo" .Você com cordada com a fala da personagem Amara em The Vampire Diaries? Por qual motivo você concorda ou discorda?‎

Discordo. Nem sempre o amor vence, como deveria. Muitas vezes é o ódio, o ressentimento, a vingança é que vencem. Não há nada cósmico conspirando para que o amor vença. Só nós, humanos, é que temos que fazer com que vença, construindo uma sociedade em que o desamor não tenha vez. Quanto a amaldiçoar o Universo, não só não vejo razão para tal, como, mesmo que se o faça, não faz efeito nenhum. Maldições não acontecem. Só fazem mal à mente de quem as pronuncia.

Que dicas de estudo o senhor da para quem quer fazer vestibular daqui 2 anos, sendo que essa pessoa não se dedicou no ensino médio?‎

Hummm... Começar a meter a cara sem dó nem piedade. Estudar pra valer, todo dia, muitas horas, inclusive sábados, domingos e feriados. Não existe macete para passar. Passa quem sabe. E sabe quem estuda. E estuda quem não tem a menor preguiça. Acho que umas dez horas por dia, incluindo as horas de aula, dão para recuperar o tempo perdido, em dois anos. Cinco horas nas aulas e cinco horas fora delas. Nos fins de semana pode ser só cinco horas por dia. Claro que tem que dormir menos, namorar menos, deixar de ver televisão e entrar pouco na internet. Não adianta truques nem dicas. Só a força de vontade bruta é que vence. Se não tiver... não consegue.

Acho que o senhor deveria responder as questões mais antigas, que já estão pendentes a muito tempo, seria mais justo, não? Até quando você vai deixá-las lá, sem as responder?‎

Concordo, mas buscar as mais antigas me toma muito tempo, pois tenho que rodas umas 250 páginas. e, às vezes aparecem umas recentes muito interessantes. O problema, realmente, é de tempo.

A necessidade de posse é algo natural do ser humano?‎

Instintivamente, sim. Mas a civilização existe, justamente, para controlar os instintos. Eles surgiram em um contexto evolutivo em que a posse e sua defesa eram fatores de sobrevivência e, portanto, de procriação. Com a civilização isso não é mais necessário, especialmente num esquema anárquico. E assim é muito mais benéfico para a sobrevivência. Isto é, a cooperação é muito melhor do que a competição, para a sociedade como um todo. Só que a civilização é muito recente e não houve tempo para a evolução selecionar evolutivamente os altruístas. Com o estabelecimento da anarquia ao longo de alguns milhões de anos, isso já poderá vir a ocorrer.

O que o senhor pensa/acha sobre o pastor Marco Feliciano e sua proposta com a cura da homossexualidade?‎

Essa proposta é de uma boçalidade total. Homossexualidade não é doença para ser curada. É uma orientação natural da pessoa. Se há alguém que se sente incomodado por ser assim é porque a sociedade o discrimina. O certo é aceitar todo mundo como é e permitir que seja feliz do seu modo, sem rejeição. Inclusive acho que quem não tenha a orientação natural mas queira fazer sexo com outra pessoa do mesmo sexo, para experimentar e, se gostar, para seu deleite, também pode. Qual o problema? Se todos estão de acordo, que mal se está fazendo? Faz mal quem pretende impedir algo que está sendo motivo de felicidade para as pessoas? Me admira um pastor cristão, discípulo de quem prescreveu a lei máxima de "amai-vos uns aos outros" estar se batendo contra uma manifestação de amor. Jesus não disse: "exceto..." O que ele disse é que, quanto mais se amar melhor para o mundo e para a glória de Deus, no caso dele existir. Isso vale, também, para a pluralidade amorosa.

me metendo na conversa, como assim, não haverá famílias ?‎

Não nessa estrutura atual, de pai, mãe e filhos. Numa sociedade anárquica tudo é compartilhado. Todas as mulheres o são de todos os homens e todos os homens o são de todas as mulheres. Que quiserem, certamente. E todos os adultos são pais de todas as crianças, bem como todas as crianças são filhas de todos os adultos. Todos cuidam uns dos outros. Não há residências particulares. As pessoas moram coletivamente. Claro que podem haver casais monogâmicos, mas por escolha e não por determinação. A família é algo muito mais amplo do que a concepção atual. A pluralidade amorosa é algo normal, conhecido e aceito por todos. Da mesma forma que o compartilhamento de bens. Tudo é de todos e nada é de ninguém. Todos trabalham de graça uns pelos outros e todos têm de tudo, sem ter que comprar. A economia não é financeira, mas sim dos bens, de sua produção e distribuição, sem envolvimento de dinheiro e nem de trocas. Isso é que é uma super-civilização, que se atingirá com a abolição da preguiça e da cobiça, bem como do egoísmo e do sentimento de posse.

Então, em um mundo anarquista, todo mundo precisa ter uma arma e treinamento militar já que não existe polícia? Porque se um psicopata tivesse uma metralhadora e bastante munição, em um shopping, seria difícil de detê-lo sem usar uma arma.

O mudo anarquista não é o mundo de hoje. Como já disse inúmeras vezes, ele será atingido por um processo evolutivo. A extinção da polícia e das forças armadas será um processo gradual. Elas não vão desaparecer por decreto, mas por falta de uso, depois de mais de um século sem necessidade. Então, nessa extinção gradual, também vão sendo extintas as armas. O processo evolutivo da humanidade é no sentido de uma sociedade completamente pacífica, ordeira, harmônica. Quando isso for atingido, não mais será preciso haver governo nem leis. As pessoas farão o que é certo porque é o que querem fazer. No caso de um psicopata, se ele assim o for, isso se manifestará desde a infância e essa criança será encaminhada para tratamento desde nova. Lembre-se que não haverá famílias e a vivência será comunitária. Ninguém terá metralhadora, pois elas não existirão. Tem que ficar bem claro que não é possível haver anarquia com as pessoas que existem no mundo de hoje. Isso demora séculos ou milênios para ser atingido. O que temos que fazer é alimentar essa ideia e ir tomando atitudes anárquicas para se chegar lá em menos tempo. Mas nunca esse tempo vai ser menor do que alguns séculos.

Se em um mundo anarquista não tem policia, então o que aconteceria se um psicopata decidisse matar todo mundo?

As pessoas o prenderiam e o levariam para um hospital psiquiátrico. Numa sociedade anarquista todas as pessoas funcionam como políciais.

Professor, como eu devo me comportar quando entrar na Universidade ? quero saber, para "adiantar" o mestrado e o doutoramento.. iniciar as pesquisas.‎

Enfronhe-se nos departamentos, seja monitor, faça iniciação científica, ajude os professores nas pesquisas, mesmo sem ganhar nada, fique por lá, sapeando. Estude na biblioteca de lá e não em casa. Converse como os veteranos. Nas aulas, seja bem participativo, pergunte, dê palpites, peça explicações fora da sala. E, principalmente, tire ótimas notas. Isso te deixará bem visível para os professores e eles te recomendarão para o mestrado e o doutorado.

li bastante sobre suas impressões anarquistas e tenho uma dúvida: você se diz anarco-comunista não-revolucionário, logo, discorda de qualquer tipo de ação direta insurgente contra o sistema capitalista vigente e suas ramificações? (como exemplo a ação do black bloc enquanto tática anárquica)

Sim. Não concordo com esse tipo de ação. Concordo com ações educativas e políticas. Para mim as ações violentas criam uma resistência maior ainda por parte dos detentores do poder. O que resolve é a força continuada da mansidão. Constante e abrangente. Além disso, a violência atinge inocentes e, para mim, os fins, JAMAIS, justificam os meios. E o que justifica os fins é apenas o bem estar das pessoas.

Gosta de As crônicas de gelo e fogo?

Comprei para ler e ainda não tive tempo

Professor, roubar um banco estatal, na sua concepção seria algo ''ruim''?

Sim. Primeiro porque roubar não é ético. Ético seria confiscar de um ladrão o produto de seu roubo. Mas isso tem que ser feito pela sociedade e não individualmente, senão é outro roubo. Segundo, porque o banco é onde as pessoas colocam seu dinheiro para render ou só para guardar. E é onde recorrem para pegar empréstimos. Por isso ele tem que ter dinheiro e, até, dar lucro. O que há de errado são os juros extorsivos ou os desvios corruptos. Acabar com o governo e com o estado não se faz por meio de crimes e sim por um processo ao fim do qual o governo e o estado, bem como o dinheiro e a propriedade, se acabam por falta de necessidade de existir. Por ora isso não é possível. Há que se tomar atitudes que, cada vez mais, dispensem a existência de governos para o atendimento das necessidades do povo. Por meio de Bancos Cooperativos, por exemplo. Aliás, o movimento cooperativista é um grande passo para a vinda da anarquia. Mas é preciso que ele não se transforme em uma força muito grande. O ideal é a pulverização. Como também deveria acontecer com as nações. Serem todas fracionadas em pequenos países, como aconteceu com a Yugoslávia (sem guerras, certamente). Assim o Brasil e os Estados Unidos deixariam que cada estado, ou pedaços menores ainda, fossem nações independentes.

Tenho uma pergunta super importante, se você souber, pfvr, me responda. Eu tenho mania de ficar estalando tudo, por exemplo (eu torço o braço e estala, eu dobro o pulso e estala, os dedos tb) isso pode me prejudicar? Desgastar alguma coisa?

Realmente, não sei. Acho que você tem que perguntar a um ortopedista. Nunca vi nada a respeito. Mas pode ser que haja alguma informação sobre isso na internet. Dê uma pesquisada.

sobre o anarquismo:em seu conceito fala que não tem uma forma certa de poder,e as pessoas resolveriam em um consenso,mas não acha que as pessoas não levariam o seu querer para uma forma egoísta,enganando as pessoas para obter o que lhes satisfaz?

Atualmente sim. Mas a anarquia só acontecerá ao fim de um prolongado (ao longo de séculos) processo educativo em que o egoísmo será extirpado. Primeiro porque tudo vai acontecendo gradualmente. Então, sendo tudo de todo mundo e nada de ninguém, não há razão para pretender ter mais do que os outros, pois todos terão tudo o que quiserem e, se não for suficiente, a educação levará todos a compartilharem, por verem, ao longo de gerações em que se acostumaram, que isso é o melhor para todos. Por isso é que a anarquia não pode ser implantada por uma revolução, mas, apenas, ser atingida por uma evolução. Se for de repente, o egoísmo aflorará, a ganância, a preguiça, a tapeação e todos esses males que têm que ser extirpados para haver anarquia. Mas isso é uma evolução gradual. É preciso que esses vícios sejam vistos como atos vergonhosos e infames, que levam as pessoas a serem socialmente rejeitadas se os cometerem. Como o desejo de aceitação social é grande. A virtude sendo premiada sempre, acabará sendo a norma geral. Isso é papel das escolas, que precisam colocar a educação do caráter como prioritária em relação a todas as demais. Como exigência curricular intransponível e passível de avaliação e reprovação.

O que é liberdade, para você?

A capacidade de poder fazer o que quiser e puder (no sentido de ser capaz e no sentido de não prejudicar a ninguém), sem ser impedido por nenhuma restrição. Claro que há restrições irremovíveis, como sair voando por conta própria ou respirar debaixo d'água sem nenhum equipamento. A liberdade total para o ser humano só vai acontecer na anarquia, onde não existe dinheiro e tudo é de graça. Porque em nossa sociedade, o aspecto financeiro não permite que se faça muito do que se quer, mesmo que não prejudique ninguém. Todavia não se tem a liberdade de fazer nada que seja prejudicial aos outros, à sociedade ou à natureza, exceto em casos muito especiais, para evitar um mal maior. Além do aspecto financeiro, há restrições sociais para fazer muitas coisas que não prejudicam ninguém, que, também, na anarquia, seria possível, como os relacionamentos amorosos plurais abertos. Ou mesmo certas "loucuras", como cantar alto na rua, ou dançar na rua, ou, até, andar pelado na rua. O que tem tudo isso de mal? Em que prejudica alguém? Claro que há atos que a higiene e o bom gosto devem obstar, como urinar, defecar ou copular na rua. E mesmo a nudez, em geral, não é nem higiênica nem estética. Mas em praias e piscinas, porque não? Ou dentro de casa, mesmo com outras pessoas, quando estiver muito calor.

queria te pedir um conselho,como aliviar a angustia, ?‎

Trabalhando para aliviar a angústia de quem seja mais angustiado ainda. Como sendo voluntário em algum serviço de assistência social. Ocupando seu tempo com atividades produtivas e que envolvam cansaço físico. Dando amor aos outros. Até achar quem também te ame e fruir isso de forma completa. Mas não pode ficar querendo ter o amor retribuído. Ame apenas, sem esperar retorno. Fique feliz se ele vier, mas não fique triste se não vier.

professor, há alguma possibilidade de um estudante de 16 anos que não concluiu o ensino médio, entrar na faculdade?‎

Pela lei brasileira não. Mas você pode concluir o Ensino Médio com menos de 16 anos, excepcionalmente. Pode entrar com um pedido especial, até em juízo, se você demonstrar capacidade. Meus filhos entraram para a universidade com 17 anos e se formaram, em engenharia e veterinária, com 22 anos. Isso não precisou de permissão especial nenhuma.

Ernesto, me sinto mal por não tirar 100 em provas na universidade, não tenho dificuldade para ficar com média, mas é um pouco difícil tirar o total. Como vc se sentia em relação às suas notas na universidade?‎

Para mim, acima de 90% está muito bom. Eu era assim. De 80% a 90% está bom, Abaixo de 80% não está bom. Acima de 95% está ótimo. Acho que minha média ficava lá pelos 92%. Não há razão para se sentir mal em não tirar 100% mas apenas em tirar menos de 80%. Acho que essa teria que ser a nota mínima para aprovação

O Senhor, como anarquista, deve ser Internacionalista.Tem algum sentimento pelo Brasil ?‎

Sim, tenho afeição pelo povo brasileiro e pena por ele ser tão explorado pela parte da população que só quer saber de vantagens. Tanto brasileiros quanto estrangeiros. Mas não sou patriota no sentido em que se considera, isto é, que preconiza que o Brasil deva levar vantagem em relação a outros países em questões internacionais. Considero o mundo inteiro como uma única nação, a Terra. Somos todos terráqueos apenas. E temos que nos defender é contra terráqueos gananciosos e criminosos, não importa onde vivam. Inclusive, e principalmente, os governos, sejam de onde forem.

Não sei se já respondeu mas perguntou mesmo assim: o que acha dos físicos que fazem uma ponte entre a ciência a espiritualidade como o indiano Amit Goswami e o brasileiro Láercio Fonseca?

Eles estão totalmente equivocados. Em verdade são pessoas espiritualistas que buscam uma justificativa para isso na ciência. Como Tomás de Aquino o fazia na Filosofia. Eles não são verdadeiros cientistas que buscam a verdade sem nenhuma pré-concepção.

Stalin era comunista?‎

Segundo o conceito usual de comunismo, sim. Segundo o conceito original de comunismo, não. O conceito usual de comunismo é o de uma ditadura socialista, enquanto o conceito original é de uma anarquia. No comunismo verdadeiro, não há empregados. Os meios de produção são dos trabalhadores, que não são empregados de ninguém, nem do governo. Na ditadura socialista, todos são empregados de um único patrão, o governo. Isso foi chamado de comunismo, desde Lênin, mas é um uso incorreto da palavra.

Em todas as universidades os horários são repicados?

Não. Mas nas que se tem o sistema de turno diurno (manhã e tarde), com matrícula por disciplina, atendidos os pré-requisitos, como não há turmas, o horário de cada aluno é totalmente irregular. Só não acontece nas Universidades em que os cursos têm as disciplinas cativas para eles. Nas em que o sistema é global, uma disciplina que seja adotada em vários cursos, tem suas classes conjuntas com alunos dos vários cursos espalhados entre elas. E isso vale para cada disciplina. Como os alunos vão sendo reprovados em umas e não em outras, em geral, não há dois colegas que entraram juntos no mesmo curso que façam as mesmas disciplinas nas mesmas classes. Fica tudo espalhado.

http://www.scriptaetveritas.com.br/maconaria/livros/misterio/Jairo-Alves-Detonando-a-Teoria-do-Big-Bang.pdf o que acha?‎

Acho que estas considerações são totalmente ingênuas. Para começar, as leis de conservação não precisam se aplicar para o surgimento do Universo, uma vez que, então, não havia conteúdo a ser conservado. O surgimento de tudo a partir de nada não é proibido, pois não havendo nada, também não há lei de conservação de coisa alguma. Claro que o Universo é um sistema fechado e não possui lado de fora. Mas isso não implica que ele tenha que ser pulsante. Pode até ser, mas isso depende do confronto entre o ímpeto da expansão do espaço e o poder da gravidade de atrair tudo de volta. Ao que parece, pelas mais recentes medidas, a expansão será indefinida. Mas isso não contraria a conservação da energia. Ela simplesmente vai ficando cada vez menos densa. Isso se o total de massa-energia do Universo não for nulo, como pode ser que seja, mas as medidas ainda não confirmam.

Professor, o que um estudante saindo do ensino médio deve esperar da universidade? Quais são as grandes diferenças no ambiente e na organização da escola para a faculdade? Quais mudanças esperar de sua postura dentro/ fora de aula?

AS diferenças principais é que, na Universidade, ninguém se preocupa como você está indo. Fica tudo por sua conta. Você não é controlado. A responsabilidade é sua. Se não der conta: azar seu. E as exigências são muito maiores. Muito mesmo. Nem imagina. Estudar para o vestibular e fichinha. É muito volume de matéria em um prazo muito curto e você tem que saber tudo em abrangência e profundidade. E não tem apostila macete. São vários livros. Estou falando de Universidades sérias e não as fajutas. Os horários costumam ser todos repicados, com aulas esporádicas a qualquer hora do dia ou da noite. Você não tem turma. Cada disciplina é feita à parte, com colegas diferentes de vários outros cursos. Isso no sistema de créditos e matrícula por disciplina. Tem que ter fibra para aguentar o rojão. Os professores têm menos didática, em geral. Você tem que aprender mais é sozinho mesmo. Mas é bom para treinar para a vida

http://ask.fm/wolfedler/answer/103840514077 E se o afastamento for maior, a velocidade vai ser menor certo?‎

Sim, porque o tempo entre duas quedas consecutivas aumentará.

O senhor considera a prostituição não forçada de uma mulher um trabalho digno para seu auto sustento? Uma vez que grande parte do preconceito vem de condutas religiosas.‎

Sim, considerando o mundo tal qual é. O que não concordo com a prostituição é que, para mim, sexo e amor, apenas com sexo e amor se pagam. Não concebo trocar sexo nem amor por dinheiro, sustento, posição social ou o que quer que seja. Além do mais a prostituição só se justifica em uma condição em que o sexo e o amor não sejam uma prática inteiramente livre e totalmente aberta entre as pessoas, sem exigência de exclusividade e com conhecimento e consentimento dos envolvidos e da sociedade. Para mim a sociedade seria muito mais honesta, pacífica e feliz se os relacionamentos conjugais admitissem a pluralidade consentida, sem o menor problema. Inclusive com a possibilidade legal de uniões plurais. Desse modo jamais haveria necessidade de alguém precisar pagar por sexo e, com isso, não havendo demanda, não haveria oferta comercial de sexo. Isso acabaria com os crimes passionais e com as depressões e angústias de muitas pessoas por terem que se decidir com quem ficar em detrimento de quem. Ficassem com todos os que se amasse. Para tal, é claro, que toda pessoa adulta se provesse a si mesma, ninguém precisando de ninguém para se sustentar e nem dependendo de ninguém. As uniões, biunívocas ou plurívocas, em ambos os sentidos, seriam todas estabelecidas por gosto e mais nada. A responsabilidade pela criação dos filhos seria compartilhada pelo pai e pela mãe, sempre. E não precisaria haver residências monofamiliares. Poderiam ser coletivas, o que acarretaria em uma imensa economia.

O livro "Eram os deuses astronautas?" de Erich von Däniken, teoriza a possibilidade das antigas civilizações terrestres terem sido influenciadas por civilizações extraterrestres,e para essa afirmação o autor até apresenta argumentos e "provas" como, por exemplo, pinturas rupestres. O que acha disso?

inteiramente sem base. É só uma conjectura. As ditas "provas" não provam nada. Poderiam ser interpretadas nessa linha. Mas não confirmam nem garantem nada.

O seu "eu" de oito anos de idade teria orgulho do seu "eu" de hoje em dia ?

Certamente que sim.

duas pessoas sentadas no sofá e o homem namora e a mulher nao. a mulher da em cima do homem sabendo q ele é comprometido e começa a passar a mao nele e ele acaba passando pouco da mão nela tb e quase rola um beijo. o senhor considera isso traiçao? e pq?‎

Depende do que o homem e sua namorada têm como combinado a respeito. Se eles pactuaram a exclusividade do relacionamento amoroso, é traição sim. Se eles admitem que ambos possam ter outros relacionamentos paralelos, fugazes ou permanentes, não é traição.

duas pessoas sentadas no sofá e o homem namora e a mulher nao. a mulher da em cima do homem sabendo q ele é comprometido e começa a passar a mao nele e ele acaba passando pouco da mão nela tb e quase rola um beijo. o senhor considera isso traiçao? e pq?‎

Depende do que o homem e sua namorada têm como combinado a respeito. Se eles pactuaram a exclusividade do relacionamento amoroso, é traição sim. Se eles admitem que ambos possam ter outros relacionamentos paralelos, fugazes ou permanentes, não é traição.

Qual é sua opinião em relação ao livro "O Alquimista",de Paulo Coelho?‎

Esse foi um dos dois únicos livros dele que li, há muitos anos, quando foi lançado, e que me fizeram desistir de ler todos os demais. Realmente não gostei e achei ruim, não só literariamente falando, como também em termos de assunto, conteúdo e enredo. Bem fraco, para meu gosto. E uma tremenda enganação que faz um grande mal ao povo, que acaba acreditando naquelas besteiras.

Você já pensou em parar de responder as asks e desativar a conta? Se sim, por quê?‎

Não, por enquanto estou achando muito interessante isso.

"A coisa mais bela que podemos experimentar é o mistério. Essa é a fonte de toda a arte e ciências verdadeiras. " Einstein;; ''O mistério é uma das maiores fontes da atração. De perto, todos somos banais.'';; - Você concorda? Seja na atração, na ciência ou nas artes, como você vê o mistério?‎

Não acho que existem mistérios. Apenas o desconhecido. Mistério, por definição, seria algo inexplicável. Desconhecido é o que ainda não foi explicado. Acho que tudo, possivelmente, pode ser explicado, mesmo que isso ainda leve milhares de anos. Mas, sem dúvida, o desconhecido é fascinante e eu sou fascinado por ele. O que eu gosto mesmo de investigar é, justamente, o que ainda não se tem explicação.
E não me preocupo nem um pouco com a necessidade ou a utilidade de se achar a explicação. O que me move é a curiosidade extrema e o prazer de desvendar o desconhecido. Inclusive quanto mais difícil e complicado seja descobrir, mais interessante é o trabalho. Mas não sei se a fonte de toda a ciência verdadeira seja isso. A maior parte, ao que percebo, é a necessidade prosaica de resolver um problema prático. Penso que a curiosidade pura seja responsável por uns 35% da ciência (palpite meu).

O senhor já leu o livro "Da Terra às galáxias"? Se sim, recomendaria?

Ainda não.

Publicou algum livro?

Só na Internet, Além de meus blogs, que têm milhares de postagens. No Formspring eu respondi a quase 12 mil perguntas. Publiquei as 600 primeiras e estou organizando a publicação do resto: Veja em:
http://pt.scribd.com/doc/76733718/Pergunte-me
http://pt.scribd.com/doc/80588829/FISICA-PARA-FILOSOFOS
http://pt.scribd.com/doc/144079482/Buracos-Negros
http://pt.scribd.com/doc/165109910/FisicaFDV
http://pt.scribd.com/doc/61981053/Musica-e-Literatura

Prof. Ernesto gostaria de saber sua opinião em relação ao "Método Suzuki". ( http://en.wikipedia.org/wiki/Suzuki_method )‎

Muito bom. Tenho ele todo e comecei a fazer quando ganhei meu violino de minha mulher. Mas não tive tempo de prosseguir. Acho fantástico.

Você concorda com essa obrigatoriedade de ler determinadas obras literárias para certos vestibulares?

Não. Acho bobeira isso. Acho que você deve ler livros ao longo do Ensino Médio, na base de uns seis por ano, Mas as questões não devem se referir a obras específicas, mas aos escritores e a temas literários. Se for preciso tirar alguma conclusão, que se apresente um texto, como se faz no ENEM.

Professor, tem alguma recomendação para o estudo de obras literárias para vestibular como Unicamp/ FUVEST? Afinal, sabe-se que não basta ler o livro.

O que eu sugiro é que você escreva um resumo, bem como um guia para estudo da obra, como existem alguns por aí, justamente para vestibulares. Mas você mesmo escrevendo, você vai ter que estudar a obra a fundo e entenderá tudo a respeito dela. Claro que isso vai te tomar muitas horas que você terá que tirar do sono e do lazer. Aliás, para aprender qualquer coisa, o melhor modo é escrever um livro a respeito. Ou, pelo menos, uma apostila.

acha possivel acontecer um apocalipse zumbi?

 http://ask.fm/wolfedler/answer/103341461533

O que você acha sobre astronomia??

Fantástico. Adoro. Especialmente quando envolve astrofísica e cosmologia

O que é vencer na vida?‎

Na acepção comum, significa obter sucesso financeiro, isto é, ficar rico. Em minha concepção não é nada disso. É vencer suas próprias limitações e conseguir se realizar de modo a levar sua vida significativamente, ou seja, com satisfação por se estar vivendo. Para mim essa satisfação se alcança com o fato de que o que se faz é motivo para tornar o mundo melhor. Em suma, alcançar a felicidade, independentemente de se ser rico ou não. Outro aspecto que não concordo com a ideia comum de vencer na vida é que isso signifique derrotar alguém. Não acho que seja preciso derrotar ninguém para trazer significado para a própria vida.

Professor, se uma pessoa é preconceituosa e fica discriminando e incitando o ódio contra homossexuais, negros, mulheres etc., por exemplo. Caso denunciem essa pessoa, estariam ferindo seu direito de liberdade de expressão?

Se uma pessoa incita o ódio contra algum grupo, ela não está apenas emitindo sua opinião. Ela está agindo positivamente para provocar um mal. Isso pode perfeitamente ser coibido sem que se configure em supressão do direito de opinião. O que uma pessoa pode é expressar sua aversão a algum grupo por alguma característica que ele possua. Mas, a não ser que esse grupo aja em prejuízo da sociedade, não se pode impedir que ele tenha a característica que tiver. Mas qualquer um pode expressar sua aprovação ou desaprovação ao modo de ser do grupo, ou a alguma característica dele. Por exemplo, eu não gosto de funk e afirmo isso. Mas não acho que deva proibir ninguém de gostar de funk ou impedir que funk seja cantado. Exceto se cantadores e dançarinos de funk estiverem prejudicando a sociedade com seu canto ou sua dança. Mas isso vale para qualquer canto ou dança, até música sacra ou ópera.

você nunca sentiu o espírito santo quando foi numa igreja?

Quando eu era católico e entrava em uma igreja gótica, com aqueles lindos vitrais multicoloridos, com aquela nave altíssima com as nervuras das colunas em ogivas entrecruzadas, com aquele silêncio, preferencialmente quebrado pelo som de um órgão tocando Bach, eu sentia, e ainda sinto, uma sensação de unção, de elevação mental, de transcendência. Mas isso não acontece em igrejas de teto baixo, muito claras, com muita gente, muito barulho. Então eu vejo que não tem nada a ver com o Espírito Santo, pois ambas são igrejas e, até, podem estar com hóstias consagradas no lugar (bobagem, pois se deus existir ele não vai estar especialmente na hóstia e sim em qualquer lugar). O que eu concluo é que é um efeito do ambiente que provoca esse tipo de sensação, se a pessoa possui admite a existência de alguma realidade sobrenatural

Você tem livros ?‎

Veja isto:
https://picasaweb.google.com/108296387069664000122/MinhaBiblioteca

Como surgiu a Geometria? Qual é a história?‎

Isso é assunto para um livro. Leia "A Janela de Euclides", de Leonard Mlodinow (Geração Editorial).

Tenho a impressão que há diversas pessoas curiosas querendo aprender, porém não sabem como. Como aprender a aprender? Como lidar com a diversidade de ciências, artes e com a filosofia? Aqui no Ask mesmo, suspeito que muitos se interessam pelo conhecimento, porém não sabem para onde ir. O que fazer?‎

Para mim isso é uma questão de gosto. Veja o que te fascina, o que você tem mais curiosidade. Comigo é assim. Tem assuntos que eu não sinto o menor interesse por saber, como esportes, administração, economia, negócios, direito, fofocas. E mesmo algumas ciências, como química, a maioria das engenharias, medicina, agronomia, botânica. No entanto sou extremamente curioso e fissurado por física, matemática, astronomia, cosmologia, geologia, astrofísica, biologia celular, evolução, neurociências, filosofia política, metafísica, ética, estética, epistemologia, lógica, informática, história, antropologia, paleontologia, música, pintura, literatura. Isso é assim desde criança. Sempre quis saber tudo o que pudesse sobre esses assuntos e buscava livros e enciclopédias para estudar. Sem preocupar nem um pouco com a utilidade. Não ligo para a utilidade do que eu quero saber. Gosto de saber pelo saber. Isso me compraz. Então, cada um veja o que lhe compraz e vai buscando saber. Não precisa de método ou de organização. A não ser que seja um conhecimento do qual você vai depender para o seu trabalho profissional. Como foi o caso da Matemática e da Física para mim. Então eu fiz um curso universitário e pós-graduação nesses assuntos, que estudei de forma metódica. O resto eu estudo à medida que vou tendo tempo e me interessando. Mas é importante gostar de estudar. Não estudar por necessidade, mas por satisfação. Senão fica chato. Como se eu fosse estudar direito. Acho chatíssimo. Tanto quanto acho Física fascinante. Mas essa Física que se ensina no Ensino Médio é chata mesmo. Física fascinante é relatividade, física quântica, eletrônica, cosmologia. Isso não é estudado no nível médio. Uma pena. Poder-se-ia deixar de lado muito assunto puramente técnico, como equilíbrio de barras, associação de resistores e outros para deixar tempo para esses temas fantásticos. Mas ter-se-ia que esquecer o que cai nos vestibulares e no ENEM. Ainda acho que isso vai mudar. Mas dentro de meio ou um século.

vc acha que poderia haver a hipótese no futuro de alguma tecnologia que seja capaz de por exemplo gerar a juventude , imortalidade ou até mesmo , trazer os mortos de volta a vida ?

Prolongar a vida indefinidamente a partir do atingimento da maturidade, sem envelhecimento é um projeto em curso que tem boas chances de ter sucesso, até mesmo em algumas dezenas de anos. Rejuvenescer alguém já envelhecido, para mim, é bem mais difícil, talvez impossível. Trazer mortos de volta à vida, só se for nos primeiros minutos depois da morte. O próprio caso dos corpos mantidos congelados à espera de que a ciência descubra uma forma de ressuscitá-los, para mim, não vai dar certo.

porque o campo magnético da terra inverte os polos de tempos em tempos ?‎

Veja esta discussão a respeito:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Invers%C3%A3o_geomagn%C3%A9tica

Qual a razão exata da explosão do bigbang?‎

Não se sabe e, penso eu, jamais vai se saber com garantia. Só se sabe que aconteceu. O que provocou é questão de conjecturas apresentadas como várias hipóteses, como a de choque de branas, por exemplo. Para mim, não há razão nenhuma. Foi inteiramente incausado, isto é, fortuito. Mas não posso garantir. É o meu palpite. Só que as outras hipóteses também são palpites. Como a de que foi uma criação de alguma hipotética entidade onipotente extrínseca ao Universo.

Pô, quase me matei ontem elaborando umas 10 questões e você não responde nenhuma. Desisto

Se você desistir aí é que não terá questões respondidas. Ontem foi o dia do meu programa da rádio à noite e, depois, já estava muito cansado. Hoje estou trabalhando desde as sete da manhã (são quase 18 horas) e ainda fico mais uma hora e meia. Amanhã é a formatura do Ensino Médio de meu colégio. Só vou entrar na internet depois das nove. De vez em quando, dou uma olhadinha rápida, como agora. Mas dá para responder só uma ou duas. Tem que ter paciência, pois não posso ficar só por conta do Ask e, a cada dia, chegam mais perguntas por dia, já alcançando umas setenta. Não consigo responder mais de vinte. Tenho que selecionar e o faço em função do interesse mais abrangente e do que tenho mais conhecimento para responder sem pesquisar. Nem olho o nome de quem pergunta, para não ter favoritismo por ninguém. Não há outro jeito, infelizmente.

Por que lutamos tanto contra a morte?

Porque, no fundo, sabemos que a vida é tudo e a morte é definitiva, não havendo vida eterna nenhuma, nem no céu, nem no inferno, nem em reencarnações. Então nos aferramos à vida, especialmente aqueles que não a aproveitaram de acordo, querendo compensar o tempo perdido e prolongarmos o tempo que ainda nos resta. Quem, contudo, considera que fruiu da vida o bem que ela possibilitou, não acha que perdeu tempo nenhum, e sente-se satisfeito com a vida que teve, não se importando que ela se acabe.

vc dá aula?‎

Atualmente não mais. Só para substituir algum professor que falte. Mas já dei mais de vinte mil aulas para mais de quatro mil alunos, três quintos para o ensino médio e dois quintos para o ensino superior, ao longo de 33 anos (1968 a 2000). De lá para cá estou só como administrador educacional. Veja meu currículo em http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=6 (preciso atualizar).

Professor, segundo seu perfil vejo que o Senhor é anarquista, há certos momentos em que pode haver conflitos no anarquismo, já que não há poder maior em comando e todos tem direito a voz, certo? Se na monarquia é todos por um, no anarquismo podemos dizer que é um por todos ?

De certa forma, sim. A anarquia requer consenso e muita dose de renúncia em prol do bem comum. Mas, também, recursos de argumentação inteligente para convencer de seu ponto de vista. Bem como dedicação total, diligência máxima, nenhum resquício de preguiça e nem de cobiça. É uma sociedade de pessoas virtuosas, de pessoas sábias, filósofas. Por isso é que não é fácil de ser atingida e só o pode por meio de uma evolução do pensamento, que inclui um nível muito elevado de educação para toda a população. E, por educação, eu não entendo apenas aquisição de conhecimentos, mas também o aprimoramento da inteligência e da sensibilidade, o treino da vontade, o desenvolvimento de habilidades, a formação do caráter, o fortalecimento do organismo e da saúde e a aquisição de competências. Isso tudo objetivando uma mudança de cosmovisão que leve à concepção anarquista de gestão da sociedade, em que o bem de todos prevaleça sobre o de cada um e o senso de dever seja acolhido de forma voluntária, sem pressão nem coação nenhuma. É uma ordem muito superior, por não provir de nenhuma obrigação, mas de adesão. Para mim, mesmo que a sociedade não se torne totalmente anarquista, o cultivo dessas disposições como parte do processo educativo é de uma relevância colossal para toda a humanidade: a tolerância, a solidariedade, a cooperação, o brio, a dedicação, o desprendimento, a fraternidade, a cordialidade, a gentileza, a fortaleza, a justiça e todas as virtudes, inclusive intelectuais, como a inteligência, a cultura, as boas maneiras, o refinamento. Tudo isso promoverá a paz, a prosperidade, a alegria e, ao final, a felicidade de todos, sem exceção.

O que você faz durante o dia? Quanto tempo gasta com as "lidas"?

Durmo umas cinco ou seis horas, trabalho umas nove ou dez horas, Gasto umas três horas com a manutenção da vida (alimentação, higiene, locomoção e atos que tais), Duas horas com leituras e estudos, duas horas com arrumações e duas horas com a internet. Nos feriados e fins de semana, as horas de trabalho são convertidas em mais duas horas de sono, três horas de arrumações, duas horas de leituras e duas de internet. Ocasionalmente faço algum passeio ou visita. As horas de leitura podem ser convertidas em assistência de filmes ou escutação de música. Audição de música eu faço concomitantemente ao trabalho, à internet e às arrumações. Escutação é uma audição exclusiva, isto é, sem que se esteja fazendo mais nada, inclusive de olhos fechados, prestando muita atenção em todos os aspectos da música, como melodia, harmonia, ritmo, orquestração, estrutura frasal, uso de timbres etc. Outra coisa que costumo fazer ao invés de ler ou acessar a internet é desenhar, pintar ou escrever, até poesia, mas, geralmente, ensaios

Olha aí o início do anarquismo: http://veja.abril.com.br/noticia/internacional/suecia-fecha-quatro-presidios-por-falta-de-detentos . Comente.‎

É isso mesmo. Os países escandinavos, com sua social-democracia, estão mais próximos de serem comunistas do que Cuba ou a Coréia do Norte.

Qual a diferença do CRENTE e o ATEU (CRENTE)?

Em relação à existência de realidades sobrenaturais, o espectro de posicionamentos começa com quem acredita, sem a menor dúvida, em sua existência, passa por quem supõe que existam, sem ter certeza, por quem não sabe se existem ou não existem, quem acha que não existe, mas não garante e quem está convicto de que não existem. Os primeiros são os crentes gnósticos ou dogmáticos, os segundos os crentes céticos, os terceiros os agnósticos, os quartos os ateus céticos e os quintos os ateus gnósticos ou dogmáticos. Eu me situo na quarta posição.

Ernesto, o que o senhor entende sobre os esteroids anaboliantes?? Poderia falar sobre...?

Infelizmente não tenho conhecimento para responder sem pesquisar e estudar, o que você pode fazer, na internet mesmo. Sugiro a Wikipedia, em inglês, com consulta aos links que ela lista.

Amnésia de um momento há pouco tempo atrás e do nada, pode ser sinal de algo sério? Pensei que o portão de casa estava aberto e quando fui checar estava fechado, disse que alguem fora e casa poderia ter fechado, quando na verdade minha mae disse que eu mesmo fechei, ela viu e eu n lembro mesmo‎

Esse lapso, se for ocasional, não é problema. Acontece normalmente. Geralmente decorre de falta de sono ou estafa. Também pode resultar de um estado de tensão ou ansiedade. Ou, ainda, decorrente do uso de alguns medicamentos. Se, contudo, se repetir com frequência, é bom fazer uma consulta neurológica.

Tive a honra de ser respondido por você. A Pergunta foi:http://ask.fm/wolfedler/answer/103542408733 Mais poderia me explicar por que motivo nos vivemos tudo isso se no final realmente não acontece ABSOLUTAMENTE NADA? Por que você ta aqui respondendo tudo isso? Se no final...você não vai ser nada?‎

O importante não é o que possa acontecer depois da vida, mas o que acontece durante a vida. O fato de se saber que tudo se resume no intervalo entre a vida e a morte faz com que você valorize muito mais a preciosidade da vida. E que se empenhe para que ela seja significativa para você, isto é, que você possa sempre estar considerando que está sendo bom estar vivo, que o fato de você estar vivendo é motivo para o aumento da felicidade geral, que você está sendo benéfico para o mundo e para as pessoas. Não importa que recompensa isso vá dar ou que castigo isso vá evitar. A recompensa é o próprio curso da vida, e a sucessão de momentos em que você sente-se satisfeito por estar vivo e nada lhe pesa na consciência. Não é preciso haver razão para a existência. Ela esta aí e é um privilégio incomensurável cada um de nós ser, exatamente, uma entidade agraciada com a existência. Portanto, isso já é a recompensa. Isso já é a maior razão. O objetivo da vida é a própria vida. Tendo vivido-a intensa e satisfatoriamente já se está agraciado com toda a beatitude que nenhuma vida eterna poderia conceder.

Continuação‎

A constatação de que as interações observam a terceira lei de Newton permite concluir que a medida da "carga" sofredora da interação é igual à medida da "carga" provocadora da interação. Então, campo é uma entidade, enquanto força é uma grandeza. São categorias diferentes. Interações são ocorrências, como movimento, outra categoria. Entidades são campo, matéria, radiação, espaço, tempo, estruturas. Energia, massa, carga, são atributos de entidades. Força, trabalho, impulso, são atributos de interações.
Radiação é uma entidade constituída de campos auto-propelentes, que se propagam no espaço com certa velocidade. No caso da radiação eletromagnética, ou ondas eletromagnéticas, os campos são elétricos e magnéticos que vão criando um ao outro e isso vai avançando no espaço com a velocidade da luz. Tais campos possuem a propriedade de só serem emitidos e absorvidos em pacotes de certo valor de energia, proporcional à frequência de sua oscilação, chamados "fótons". A radiação eletromagnética é a mensageira das alterações das configurações de cargas que criam os campos. Uma alternativa para o entendimento da matéria como quantização de campo é considerar as cargas como as fontes e os sumidouros do campo elétrico.

O que são campos? O que é força? Qual a natureza dessa força e que vale para qualquer tipo de manifestação da mesma? Qual a diferença entre ambos (campos e força)? O que define a radiação? Não estou satisfeito com as definições dos livros do ensino médio. Pode ajudar?

Campo é a entidade física que emana das entidades provocadoras de interações, como cargas elétricas, cargas de cor (para a interação forte) ou outras que exerce sobre as entidades sofredoras das interações a ação dessa interação. Como, em geral, toda entidade exercedora também é sofredora, na mesma medida, as interações são recíprocas e simétricas (mas não reflexas). Campo também é o tipo de entidade que preenche o vácuo e, do qual, podem emanar pares de partícula e antipartícula. Há campos diversos, dependendo de cada interação. No entanto, á medida que a densidade de energia do campo aumenta, as interações vão se unificando. No surgimento do Universo havia só um campo indiferenciado que, com a expansão cósmica, diminuiu a intensidade de energia e deu azo ao surgimento da matéria e das interações particulares. A matéria possui atributos que podem ser medidos por grandezas, como massa, posição, translação, rotação, vibração, energia, carga e outros. As interações também possuem atributos que medem sua quantidade e intensidade, como força, trabalho, impulso, torque, energia etc. Note que energia tanto é um atributo de campos quanto de matéria e da radiação, uma vez que matéria e radiação nada mais são do que condensações de campos específicos, que se quantizam em localizações nas quais certos valores dos atributos são admissíveis. Os campos de interações, em geral, podem ser medidos por sua intensidade em cada ponto e momento, seu fluxo total em uma região e seu potencial energético em cada ponto e momento.
Força é uma grandeza definida para medir a intensidade das interações. Para entender bem é preciso saber que as interações provocam alterações no movimento e na configuração e estado dos sistemas. No caso de uma partícula sem estrutura, só importa o movimento. Todo par de partículas, sujeito a qualquer tipo de interação recíproca isoladamente de forma unívoca, experimenta acelerações que, quando medidas em referenciais inerciais, apresentam uma razão constante de seus módulos e sentidos opostos em todos os momentos e posições apresentadas. Define-se o inverso das razões dos módulos dessas acelerações como a massa de uma das partículas em relação à outra. E define-se o produto dessa massa pela aceleração como a força da interação, nessas condições (univocidade da interação e referencial inercial). Já a intensidade do campo é definida como a razão (agora vetorial) entre a força sofrida (e não exercida) pela partícula (e não corpo extenso) pelo valor da quantidade do atributo da partícula que lhe faz sofrer tal interação (carga, massa etc). Por exemplo, a intensidade do campo gravitacional é a razão entre a força de gravidade SOFRIDA e a massa gravitacional da partícula sofredora, naquele lugar e momento. A medida desse atributo, por sua vez, é estabelecida por meio da proporcionalidade com a força nas mesmas condições. (continua)

Ernesto, existe alguma forma de "recuperar" a memória? Digo, de quando éramos bebês...

Não. O próprio cérebro, rotineiramente, faz uma faxina e elimina memórias pouco acessadas. O que faz com que uma memória permaneça e a quantidade de acessos. Memória são armazenadas pela formação de sinapses. As que são perdidas não se recuperam jamais. Todavia, como a memorização de algo não é feita em um lugar só do cérebro, é possível que parte do registro ainda exista. Para reforçá-lo é preciso procurar acessá-lo. Isso se pode fazer com uma prática parecida com a meditação, só que, ao invés de se procurar esvaziar a mente, fica-se buscando encher a mente das lembranças que se pretende.

Se me permite dizer, seu ask é um poço de conhecimento. Aprendi muito com o senhor, sou muito apaixonada por cosmologia, astronomia e astrofísica, acabei encontrando suas respostas devo uma grande parte do meu conhecimento ao senhor também, de alguma forma você me incentivou. O senhor é incrível

Obrigado. Fico lisonjeado. Visite meu site www.ruckert.pro.br e procure em meus blogs o que já escrevi a respeito.

Sou nova ainda, tenho muito o que aprender, porém, tenho uma paixão pelo universo que me motiva a não desistir, e encontrar pessoas como o senhor é um grande estimulo. Obrigado.‎

Fico feliz em saber que minha atividade na internet é motivo de inspiração para pessoas se dedicarem à ciência. Ela não só é cativante em si mesma, mas também é uma grande alavanca para mudar o mundo para melhor. E a formação do espírito científico nas pessoas é fator de aprimoramento de seu caráter. Em suma, por todos os aspectos, um grande benefício pessoal e para a humanidade.

O que aconteceria se a Terra perdesse o seu campo magnético?‎

Além de não poder orientar mais os navegantes por bússola e nem as aves migratórias, perderíamos o cinturão magnético que nos bloqueia a incidência da maior parte dos raios cósmicos letais que vêm do Sol e que também provoca as belíssimas auroras boreais e austrais. Isso acarretaria uma grande incidência de mutações, acelerando a evolução, mas também provocando muito mais casos de câncer.

Em relação à educação do caráter e ao desenvolvimento da inteligência nas escolas, você já ficou sabendo do programa educacional Escola da Inteligência de Augusto Cury? O que acha a respeito?‎

Ainda não me inteirei dele. Para mim o trabalho docente envolve cinco aspectos de igual importância, que listo neste artigo:
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=4538

O que você acha que um punk/anarquista devia fazer todo os dias?‎

Trabalhar de graça. Ajudar aos outros. Difundir idéias anarquistas, cooperativas, colaborativas, coletivistas, solidárias. Plantar hortas comunitárias. Morar coletivamente, repartindo todos os trabalhos.

O Brasil pode ser considerado um país emergente?‎

Certamente que sim.

Porque o Senhor e um Ateu ? Prof ?

http://ask.fm/wolfedler/answer/103721037085

Professor, o que me diz sobre homofobia?‎

Digite no Google:
inurl:wolfedler homofobia

Não acredito em Deus, nem em Diabo, mas acredito no espírito (dos seres vivos). Em que religião eu me enquadro?

A mais próxima é o Budismo. Mas ele tem outras crenças que não sei se você tem como a reencarnação e o karma.

Já parou pra pensar se o Planeta Terra explodisse por algum motivo qualquer, e todos nós morressemos do nada?

isso pode acontecer, em razão do choque com algum asteroide de grande porte, como já aconteceu há quatro bilhões de anos quando o planeta Theia colidiu com a Terra. Mas não se tem notícia de nenhum caso em vista. De qualquer modo não morreríamos "do nada", mas em decorrência desse evento.

Porque Leiv Tolstói é considerado por muitos um anarquista, mas ele mesmo repudiava isso?

Ele repudiava a prática revolucionária e terrorista de muitos anarquistas adeptos da "propaganda por atos" ilegalista. Ele era a favor de um processo anarquista que ele chamava de "moral". Daí não se identificar com o movimento anarquista, mas acolher os princípios políticos e econômicos do anarquismo

Professor, por que o país não vai pra frente? Os culpados são somente os políticos?

Claro que não. Os maiores culpados são as pessoas comuns, que são coniventes com as práticas corruptas e, até, as desejam, desde que com elas sejam beneficiadas. Então os políticos, os empresários, os policiais, os juízes, os poderosos e os criminosos em geral se sentem justificados em suas maracutaias. A solução tem que começar com o repúdio total do povo a qualquer desonestidade, mesmo que leve prejuízo ou não lucre com elas. Se não for assim, não resolve. Qual o remédio? Educação, educação, educação. Educação moral com reprovação por mal caráter na escola.

malatesta ou kropotkin?

Kropotkin.

Professor, uma vez eu li que não são os recursos naturais que estão acabando, mas sim que existem pessoas demais consumindo. Se for mesmo a segunda opção, não deveríamos procurar disseminar um controle de natalidade até as coisas melhorarem um pouco?‎

Sem dúvida nenhuma. Essa é uma das providências mais urgentes que os governos têm que fazer, à revelia das religiões, como acontece na China. Inclusive, até, oferecer pensão vitalícia para que se esterilizar e fazer uma campanha permanente e vigorosa para adoção de crianças pobres por famílias ricas, para melhorar a distribuição de renda. Promover a redução da população do mundo é uma das maiores prioridades. Só não acho válido penalizar quem, por descuido, ou desejo, tiver mais de um filho. Paralelamente, é claro, há que se incentivar a produção de alimentos, especialmente a substituição do consumo de carnes por vegetais.

Professor, se eu colocar uma fila de dominós, igual aquelas que a gente faz para se distrair as vezes, por exemplo com 100 pedras, calcular a velocidade média que ela cai, depois repetir o mesmo procedimento mas com 200 pedras, a velocidade média vai ser a mesma?‎

Sim, se o tamanho e o afastamento entre as pedras continuar o mesmo.

Um ateista 3.0 poderia praticar uma religião ou seria algo contraditório?

Sim, se essa religião não admitisse a existência de Deus. Geralmente as religiões, como exceção do Budismo, consideram a existência de deuses. Mesmo o Budismo considera a existência de uma alma sobrenatural para o homem. Mas pode-se conceber uma religião ateísta e, inclusive, isto tem sido feito na Inglaterra. De minha parte, acho ridículo.

Professor, para o anarquismo de Bakunin não há a crença em um Deus, pois, segundo ele, implica na abolição da razão e justiça humanas, além de ser a negação da liberdade. Posto isso, é correto haver anarquistas que acreditam em Deus? O que você acha de tal postura?‎

Bakunin foi um grande pensador e líder anarquista. Isso não significa que seu pensamento seja a súmula da concepção anarquista. São muitas as variantes do anarquismo. Tolstoi era um anarquista cristão. O anarquismo pode admitir crença em Deus sim. Mas é fato que, em geral, as religiões são castradoras do livre pensamento, essencial ao anarquismo. Eu diria que um anarquista pode crer em Deus, mas ser adepto de uma religião, já lhe compromete as concepções anarquistas.

Qual sua opinião sobre a "cura gay"?

 http://new.spring.me/#!/wolfedler/q/412762753594323307
http://wolfedler.blogspot.com.br/2013/11/o-que-acha-da-cura-gay-soldado-bastardo.html

Eu tenho duas colegas que insistem em dizer que o Sol é a maior estrela do universo. Eu inclusive já ganhei uma aposta com elas, mas mesmo assim ela não acrditam. O que o senhor acha disso?

http://www.youtube.com/watch?v=F4tqP3vaLlU

Se uma mente humana for transferida para o corpo de um gato, teremos um gato ou um ser humano?

Um ser humano com corpo de gato (se for possível, é claro).

É uma pena ver pessoas que dizem seguir a doutrina de Cristo sendo preconcetuosas porque alguém não acredita e não se obriga a acreditar no mesmo que eles. Cristão preconceituoso, parece hipocrisia. Quanto será que o preconceito contra os céticos, ateus e agnósticos vai durar?‎

Há valores muito proveitosos no ensinamento atribuído a Cristo. Todavia o rumo da cristandade começou a derrapar para considerações equivocadas desde a pregação de Saulo de Tarso, passando pelos ditos "Padres da Igreja", culminando com sua transformação em religião oficial do Império Romano. Resgatar as lições originais tem sido a luta de muitos, como Francisco de Assis ou Martinho Lutero. Mas este último também acabou se envolvendo com querelas políticas. O verdadeiro cristão tem por obrigação se dedicar a alcançar a santidade por meio de uma vida de ilibada virtude e, certamente, de sincera fé nos dogmas da cristandade, especialmente no maior deles: "Amai-vos uns aos outros". Sem exceções, sem restrições.

Assim como tu és, também, sou anarquista. Entretanto, vi que tu defendes o liberalismo como uma ponte para se chegar à anarquia. Como seria este processo, esta transição? Na minha concepção o liberalismo estaria na contra mão do anarquismo.

Pelo contrário. O liberalismo se aproxima muito mais do libertarianismo do que o socialismo. Liberalismo, em sua máxima realização é a anarquia capitalista. Mas o socialismo não é anárquico nunca. Ele requer a presença de um estado forte e policialesco. Não é nada libertário. A anarquia capitalista não é boa porque enseja a possibilidade da concentração do capital em poucas mãos e a exploração do trabalho sem controle por nenhuma regulamentação. Mas um capitalismo liberal pulverizado, isto é, em que o capital seja distribuído da forma mais equitativa e todos sejam capitalistas sem que ninguém seja empregado e não haja concentração de capital é muito mais eficaz para se atingir a anarquia do que a situação em que não haja capitalista nenhum e todos sejam empregados. Isso, que o marxismo propôs como via para o comunismo, não leva ao comunismo, mas faz perpetuar uma ditadura do proletariado completamente insana e nefasta para o povo. O bom não é acabar com a burguesia e sim acabar com o proletariado e as oligarquias aristocráticas e plutocráticas, transformando toda a população em burguesia, mesmo os camponeses. Isto é, que todos sejam os donos do seu empreendimento de trabalho, ou como sócios ou como autônomos, com a total abolição dos salários e só a fruição das rendas. Enquanto não se acaba com o estado e as leis, essas instituições servem para legalizar e aplicar tal distribuição de capital. Até que tudo seja tão bem distribuído que se prescinda inteiramente do dinheiro e da propriedade. Assim se atingirá a anarquia por uma evolução e não por uma revolução. Uma revolução sim, é que é completamente infensa aos ideais anarquistas. Essa evolução, se adequadamente conduzida, poderá levar a anarquia ao mundo todo em apenas alguns séculos e não milênios, como aconteceria espontaneamente pela evolução natural não dirigida, como se observa pela tendência histórica. O marxismo foi um grande equivoco, mesmo que Marx tenha tido várias boas idéias. Outras, contudo, foram completamente equivocadas. O marxismo não é o verdadeiro comunismo.

Existe alguma estimativa "oficial", por assim dizer, do quanto falta para nós alcançarmos uma IA avançada como nós?

Não conheço. Pergunte ao professor Pierluigi Piazzi, especialista no assunto. Ele tem Facebook.

tu ta preparado pra morrer?‎

A qualquer momento. Isso não requer preparação. Vai se vivendo e quando o organismo parar de funcionar, se morre. O que se pode preparar é cuidar para que a vida se prolongue ao máximo, cuidando da saúde e curtindo a vida de modo significativo, pois é uma preciosidade ímpar, muito restrita e sem repetição, para ninguém. Quanto a deixar tudo no jeito para não dar trabalho aos que ficam, em não tomei essas providências ainda, mas vejo que é preciso me preocupar com isso. Herança eu não tenho para deixar, pois já me desfiz de tudo e dei para as pessoas. O que eu quero é fundar uma ONG para abrigar minha biblioteca de modo a que o povo possa aproveitar dela. Tenho que achar parceiros que se disponham a doar alguma casa, móveis etc. Eu entro com os livros, revistas, discos, vídeos, partituras, mapas e tudo em que gastei uns três quintos de milhão de reais ao longo de cinqüenta anos de vida.

Mas a evolução, por ser desprovida de guia inteligente, faz com que os seres vivos sejam defeituosos e "redundantes" em sua estrutura. Uma inteligência artificial precisaria de muito menos hardware do que há no cérebro humano, pelo fato do desenvolvimento inteligente ser mais eficiente, não?

Sim, mas mesmo assim a complexidade é imensa. Além do grande problema da redução de tamanho estúpida, da dissipação de calor e de se inventar um artefato autopoiético, isto é, que tome a iniciativa de se suprir de energia por si mesmo, se auto-mantendo e se protegendo de desligamento externo. Senão não poderia ser um indivíduo e, muito menos, uma pessoa.

Professor, o Big Bang pode ter vindo de um buraco negro ? Digo, haveria uma possibilidade de nossa galaxia já existisse "naquela época" e o Big Bang apenas cuspiu mais matéria pra cá ?

O que poderia ser possível é que o Big Bang fosse um imenso Buraco Branco, que tivesse ejetado conteúdo, na forma de campo puro, que teria provido de um Buraco Negro que tenha engolido um outro Universo inteiro. Então esse conteúdo começou a se expandir e esfriar, formando matéria, radiação e depois átomos, estrelas, galáxias, até o que há agora. Todavia, não se tem como checar essa possibilidade na atualidade. No meu entendimento, Buracos Brancos não existem, como portais de passagem entre Universos. Considero que o conteúdo que passou a se expandir tenha surgido sem ter do que provir, imediatamente antes do espaço que o continha começasse a se expandir. Nossa galáxia não existia no tempo do Big Bang, tendo surgido só uns cem ou duzentos milhões de anos depois, como a maioria das demais.

10.000 anos? Você acha que uma Inteligência Artificial como a inteligência humana, tal como nós costumamos a ver em filmes de ficção está tão distante assim?

Sim, pois a complexidade do cérebro humano e seus anexos é extremamente grande, com processamento paralelo da ordem de milhões de processadores, tudo isso contido num volume de um litro e meio. Como a capacidade de armazenamento é dada pelas sinapses, isso fica da ordem de vários trilhões. Além do mais. o funcionamento cerebral acontece por alteração do próprio hardware por iniciativa própria. Uma mente inteligente artificial teria que ter portas moleculares que se construíssem a si mesmas quando necessário e também se destruíssem. A complexidade é, simplesmente, fabulosa. Nossa tecnologia é muito infantil para isso. Mas isso não é impossível, como não é impossível criar galáxias artificiais, dentro de alguns milhões de anos de progresso tecnológico. Inclusive a prorrogação indefinida da vida e a evolução programada para novas espécies mais inteligentes e habilidosas, quem sabe capazes de suportar o vácuo, de fazer fotossíntese, de respirar debaixo d'água, de voar por conta própria, de sintonizar rádios e TVs sem aparelhos, dentro do cérebro e assim fazer telefonia direta, isto é, uma verdadeira transmissão de pensamento. Criar outras espécies vivas programadas e uma porção de outras proezas, como se converter em onda e se mandar para outras galáxias.

Qual a explicação pro Mundo? Não entendi aquela "nada vem do nada", o Senhor poderia explicar denovo?‎

Considerar que algo possa vir do nada requer considerar a existência de algo que seria "o nada". Tal entidade não existe. Então não há como algo provir "do nada". Inclusive porque, existindo algo, haveria leis de conservação que seriam observadas, inviabilizando o surgimento de algo sem que aquilo de que proviesse possuísse os atributos que seriam conservados, como energia e outros. Todavia não há impedimento para o surgimento de algo a partir "de nada", uma vez que, nesse caso, não haveria nada que desse origem ao que fosse surgir. Então, não havendo nada, não há lei de conservação a ser verificada, não sendo impossível o surgimento de algo sem ter do que provir. Inclusive sem que o ato de surgimento seja causado por nada. O importante é distinguir "nada" de "o nada". "O nada" seria algo, uma entidade. "Nada" não é nada. "O nada" seria uma entidade que não possuísse conteúdo, mas que existisse. "Nada" é só a palavra que designa a inexistência de qualquer coisa, e, mesmo de não coisa. Inexistência de conteúdo e, até de tempo e espaço, mesmo vazio. Isso inclui a inexistência de leis naturais. Algo não pode vir do nada. Mas pode surgir sem ter do que provir, desde que não exista nada. Mas não "vir", pois vir quer dizer provir, isto é, que haja algo de que aquela coisa provenha por transformação. Se existir algo, então não se pode mais haver surgimento sem ter do que provir, pois, então, havendo algo, existem leis de conservação a serem verificadas.

como se calcula por exemplo o raio de um corpo celeste a uma distancia imensa da terra?eu sei que da de usar trigonometria esférica para calcular distancias e tals mas sempre ela é valida?

Para cada faixa de distâncias é usado um método. O método geométrico dá certo apenas para distâncias da ordem de uns cem anos-luz. Isto represente só nosso pequeno entorno na Galáxia. E, também para os afastamentos e não os raios. Nenhuma estrela, mesmo a mais próxima, que está a pouco mais de 4 anos-luz, é visível como um disco nos mais potentes telescópios, mas apenas como um ponto. Seu raio é estimado a partir de considerações indiretas concernentes à sua luminosidade aparente e absoluta. A aparente é medida por fotômetros acoplados aos telescópios. Sabendo-se a distância, acha-se a absoluta. Usando o modelo de evolução estelar, em função da cor, pode-se achar a temperatura e a densidade da estrela. Sua massa pode ser aferida no caso de sistemas binários, pela afastamento entre o par e o período do movimento orbital. Tendo a massa e a densidade, acha-se o volume e, daí, o raio. Outras distâncias são medidas por outros métodos, mas isso levaria um livro para explicar. Esse é um assunto interessantíssimo e eu já orientei uma monografia de iniciação científica de um bacharelando em Física sobre isso.

Gostei da resposta, vou refletir por alguns dias e talvez volte a te encher o saco com esse assunto. Pegando um esse gancho da consciência, você acredita que uma IA tão ou mais inteligente que um humano seria verdadeiramente consciente? Ou apenas uma simulação de consciência?‎

Pode ser genuinamente consciente sim. A consciência decorre da extrema complexidade do sistema nervoso. Não é impossível se reproduzir um artefato com a mesma complexidade. Mas não se tem competência tecnológica para isso, por enquanto. Mas, quem sabe, dentro de uns dez mil anos se tenha.

O que o senhor acha da religião Gokuísta?

Não conheço.

Se eu fizer uma cópia perfeita de você agora, essa consciência será você? Não, pois você "de verdade" continua sentado ai. Se a cópia é perfeita, o processo mental naturalmente também é idêntico, mas essa cópia não é você. Então a consciência não é "algo mais" além do simples processo?‎

Uma cópia perfeita de mim, no momento em que acabou de ser feita, terá as memórias de todas as minhas vivências. Daí para a frente começará a ter as suas próprias. Como a consciência não é uma coisa, mas uma situação, logo que essa cópia começar a funcionar, terá percepções distintas de mim, portanto terá sua própria consciência, que conterá memórias iguais às minhas e as que começarem a surgir dela mesma. Consciência é uma espécie de percepção. Só que é uma percepção interna, da mente em relação ao seu próprio funcionamento. Isso é feito por uma varredura sensorial interna do organismo. A todo momento o sistema nervoso está conferindo tudo dentro do corpo, além das sensações que vêm de fora. Inclusive o próprio pensamento, sentimentos, emoções etc. A percepção disso tudo é que forma a consciência. Ela é, pois, um fato e não uma coisa. Justamente porque a cópia de mim passa a ter uma consciência própria, distinta da minha é que se pode ver que consciência não é estrutura e sim ocorrência. Pois as estruturas são idênticas, mas as ocorrências já não são mais.

Quando uma pessoa conquista algo pela força de vontade, seu mérito é maior que a de uma pessoa que conquista a mesma coisa apenas pela inteligência?

Certamente que sim. Inteligência e beleza não são meritórias para ninguém, pelo menos em boa parte. Claro que se pode aprimorar a inteligência e a beleza por esforço próprio e nisso há mérito. Mas o esforço de vontade é sempre meritório.

Como você sabe que a consciência não é uma "coisa"? Apesar de ser ateu, o fato de eu ser um "ser" que vivência, experimenta e assiste, ao invés de ser -fazendo uma analogia bastante grosseira- uma super calculadora que "simula" consciência, me sugere que minha consciência é uma coisa.‎

Não. Não é. Consciência é uma ocorrência. Se fosse uma coisa, poderia ser transplantada ou retirada com uma seringa e colocada em outro cérebro. Do mesmo modo que a memória. Só que a memória é uma estrutura, inclusive holográfica. A consciência não é uma estrutura. É um acontecimento que se dá na estrutura. Estar-se consciente é um estado mental, é uma situação em que o organismo se reconhece a si mesmo como distinto do resto do mundo (auto-consciência) e tem conhecimento do que está sendo processado em sua mente (consciência). Há muito processamento não consciente (a maioria) e há patologias de falta de auto-consciência (zumbi), causadas por traumas cerebrais. Como há patologias de perda de memória. Experimentos neurológicos conduzem a essas conclusões de forma bem segura. Pode ler, por exemplo, os livros do António Damásio.

Ernesto, sobre o enigma da consciência. Eu desconfio que sempre que perdemos a consciência, nós morremos, isto é, nossa consciência desaparece. No dia seguinte quando acordamos, nasce uma consciência inteiramente nova que tem a ilusão de ser a mesma de ontem graças as memorias herdadas. O que acha?‎

Nada disso. A consciência não é uma coisa. É uma situação, um estado. É uma ocorrência mental. Ela é um aspecto do funcionamento do cérebro, anexos, do sistema nervoso, dos órgãos dos sentidos, das glândulas endócrinas, enfim, de todo o organismo, mas, especialmente, do cérebro. Durante o sono, desmaios, anestesia ou outras condições, essa ocorrência fica desligada, sem funcionar. Mas a capacidade de funcionar continua presente e é ligada no despertar. Mas não mais quando se morre. É como uma lâmpada acesa, que se apaga e depois acende, exceto quando queima. Todavia, a maior parte do processamento mental, tanto dos raciocínios quanto das emoções, do registro e da organização das memórias e tudo o mais acontece de forma inconsciente, mesmo durante o sono. Por exemplo, a transferência da memoria circadiana do hipocampo para a de longa duração, no córtex se dá no sono, de forma inconsciente. O trabalho inconsciente do cérebro é responsável pela maior parte do funcionamento do cérebro.

Deus existe ? se ele existe . pq ele deixa pessoas boas morrerem em hospitais ,enquanto milhões milhões de bandidos estão vivos por ai roubando e matando pessoas inocentes ? o que vc acha ?‎

Simples. É que ele não existe. Claro que não. Isso que você disse já é uma indicação de sua inexistência.

Incrível sua aceitação com o mundo à sua volta, professor. Ando muito irritada e estressada ultimamente que até algo fora do lugar já me faz gritar com todos. O que o senhor associa à sua paciência? O ambiente em que vive?

Acho que isso é genético. Herdei do meu pai, o homem mais fantástico e bondoso que já conheci na vida. Meu herói mesmo. Além da educação que recebi desde criança. Eu e minhas irmãs fomos criados por pais extremamente liberais, mas extremamente disciplinados. Minha mãe era um pouco nervosa, mas meu pai, calmíssimo. Éramos como crianças francesas. Educadinhas pra valer. Eles não nos batiam nem xingavam. Nem mandavam. Pediam. E nós atendíamos, porque tudo o que eles pediam era razoável e justificado. Como eu fiz com meus filhos. Que também sempre foram crianças educadinhas e bem comportadas. Claro que faziam alguma arte infantil. Mas nunca má-criações e pirraças.

O que você acha sobre ''exorcismos''????‎

Não existe, pois demônios não existem. O que existe ou são crises de esquizofrenia ou algo parecido, ou, simplesmente, na maioria das vezes, meras encenações teatrais

corpos,grupos e espaços vectoriais todos são estruturas algebricas?pq temos de verificar os axiomas desses ou melhor condições?comutatividade,inverso,associatividade ..

Sim, são estruturas ou sistemas algébricos. O enquadramento de algum deles em que tipo de estrutura se faz, justamente, testando quais as propriedades que ele verifica.

O senhor também dificilmente se sente ofendido, professor?‎

Sim, muito dificilmente. Mas me sinto triste com facilidade. Especialmente em razão de ingratidões ou desafeições. Mas não guardo rancor e dificilmente sinto raiva, exceto de injustiças, nem tanto comigo, mas com pessoas mais fracas. Ódio, nunca senti na vida. Mas não dura muito, porque, normalmente, eu tomo alguma providência para aplacar a injustiça e isso me deixa satisfeito. Adoro ver um prepotente humilhado. Esse é um pecadinho que cometo. Ou um fingido desmascarado. Sou mestre em fazer isso.

vc não se chateia em responder minhas perguntas?pq são muitas.‎

Não se preocupe. Eu não me chateio com quase nada na vida. Muito menos com perguntas interessantes. Elas não me incomodam, em absoluto. Mas eu também não me incomodo com incômodos. Resisto à fome, ao frio, ao calor, ao cansaço, à sede, à chateação, ao sono, ao barulho, à claridade, sem reclamar. Em verdade, não ligo. Só não resisto à vontade de ir ao banheiro. Até burrice e ignorância não me perturbam. Os outros é que ficam chateados comigo porque eu não fico chateado quando me chateiam. Meu pavio é muito comprido. Isso se chama fleuma estoica ou ataraxia. Mas não anomia

O que aprendemos sobre carboidratos, proteinas e lipideos em quimica?‎

Carboidratos é química orgânica, vista no ensino médio. O assunto é muito vasto para ser listado aqui. Proteínas e lipídeos é bioquímica, que não se vê no ensino médio. O assunto é mais vasto ainda. Cada uma dessas disciplinas exige um livro de centenas de páginas para ser exposta. Dê uma olhada na Wikipédia para ter uma ideia (melhor em inglês). Dê uma olhada, também, nesses termos.

por que o conjunto dos inteiros é um grupo mas não um corpo?‎

Corpo é outro tipo de estrutura, que envolve duas operações, enquanto o grupo é de uma só. Um corpo é um grupo para cada uma das operações, além de possuir a propriedade distributiva de uma operação em relação à outra. Os inteiros não são um corpo para as operações de adição e multiplicação porque não são um grupo para a multiplicação, já que não possuem os elementos inversos multiplicativos, só existentes a partir dos números racionais, como também nos reais, complexos e quatérnios.

Por que as pessoas em geral tem tanta dificuldade em cálculos?‎

Porque os professores de matemática dos primeiros anos escolares as aterrorizam com a dificuldade da matemática, em vez de passarem o gosto por ela, que é maravilhosa. A aprendizagem da matemática tem que ser de forma lúdica, para que a criança sinta prazer em lidar com ela, considerando-a uma "boatemática" como eu sempre considerei, especialmente por influência de minha mãe, que me ensinava em casa, complementando o aprendizado da escola, me fazendo ficar fascinado por ela. Para tal é preciso não se ater apenas ao que se dá na escola, mas buscar literatura adequada a um aprendizado prazeroso. Isso existe, mas os professores têm preguiça de se dar ao trabalho de garimpar e aprender a lidar com esses métodos inusitados. Isso porque não têm verdadeira vocação para professores de matemática, especialmente nos anos iniciais do ensino fundamental. Os que têm, acabam se dedicando a outras atividades, porque se paga pouco ao professor primário. Mas se o salário fosse, para começar, uns cinco mil por mês, então boas cabeças teriam interesse em ser professores primários.

Como seria a Física sem a Matemática?‎

Muito restrita, pois seria apenas descritiva mas sem poder de previsão e controle dos fenômenos descritos. Mesmo uma descrição mais completa e detalhada requer um modelo matemático para ser feita.

@MayaraBonis foi dessa usuária que vazou uma foto da bunda. O cara espalhou a foto dela pra todos. Olh, passível de penalidade judicial.a o link: http://ask.fm/gabbreu/answer/104821260937 - Ela fez um texto explicando como essa foto caiu nas redes. Mas... Qual sua opinião sobre isso? Algum conselho para as garotas q fazem isso?‎

Tirar uma foto em que apareça a bunda para mostrar a tatuagem é válido. Divulgar essa foto na internet já não acho boa coisa, mesmo da parte da própria pessoa. Outra pessoa fazer isso sem consentimento da fotografada, então, é uma atitude criminosa, passível de penalidade judicial.

qual a melhor definição para um grupo em matemática?‎

Grupo é um conjunto munido de uma operação fechada, isto é, uma função do produto cartesiano dele por si mesmo com imagem nele próprio, que possua as seguintes propriedades:
1. Ser fechada, isto é, a imagem estar no próprio conjunto.
2. Ter um elemento identidade, isto é, ao se operar qualquer elemento com a identidade, o resultado é o próprio elemento, o mesmo valendo com a operação da identidade com qualquer elemento.
3. Cada elemento ter um inverso, isto é, um que operado com aquele de que é inverso produza como resultado o elemento identidade. Isso tem que valer com a operação dos elementos comutados.
4. A operação ser associativa, isto é, o resultado da operação de dois elementos com um terceiro ser igual ao resultado da operação do primeiro com o resultado da operação dos dois últimos.
Se, além desses requisitos, também valer o fato da operação ser comutativa (para qualquer par de elementos), isto é a operação de um com outro der o mesmo resultado da operação do outro com o primeiro, então o grupo é denominado "Abeliano". Mas isso não é necessário para ser grupo.
Exemplo de grupos são os conjuntos numéricos dos inteiros, racionais, reais, complexos, quatérnios, bem como das matrizes quadradas (de certa ordem), tanto para as operações de adição e de multiplicação. Aliás, os inteiros não são um grupo para a multiplicação e os naturais nem para a adição. Os conjuntos numéricos são grupos abelianos mas as matrizes quadradas só o são para a adição e não para a multiplicação. O conjunto das translações e rotações espaciais de vetores também formam grupos, sendo o das translações abeliano e o das rotações não.

como consegue fazer essas equações locas?‎

Isso não tem nada de louco. É só matemática. Muito lógico, aliás.

Se vc não acredita em Deus, qual sua opinião sobre curas inexplicáveis na medicina?

Exatamente isso: inexplicáveis. Se você disser que foi por intervenção divina, está explicada. Mas essa explicação é gratuita. Não há como se demonstrar que tenha sido. E não é porque não se tem outra explicação que se há que considerar que tenha sido obra de Deus. Simplesmente não se conseguiu achar a explicação. Para se dizer que tenha sido obra de Deus é preciso que se comprove como é que se deu essa intervenção e não apenas dizer que foi porque não se achou a explicação.

Ernesto,você também acha que todo "rockeiro" usa droga?tenho ouvido bastante gente falar isso‎

Não acho não. Pode haver os que usam e os que não usam. Inclusive pode haver mais pessoas que usam drogas entre os roqueiros do que entre a população em geral. Isso não significa que "TODO" roqueiro use droga.

como csguiu ver isto (2^(2n-1))/((3^(n-1))-MOD(n,2)), em que MOD(a,b)?eu não entendi eu sei o q é m

Faça as contas que você vai ver que saem os três primeiros termos mencionados. MOD(n,2) = 0, para n par e = 1, para n ímpar.

Será que não teria outra forma ? eu consegui achar a sequencia do numerador (2(4^n)), agora o denominador não consegui encontrar..

É possível haver outas formas sim, quase sempre há várias possibilidades. Aquela foi a que eu achei, por tentativas, que é o melhor método.

O senhor já leu 1984 e Admirável mundo novo? se sim qual dos duas "realidades" acha mais plausível de ocorrer nos dias de hoje?

Nos dias de hoje, nenhuma delas, se bem que a de 1984 seja mais provável. Dentro de uns cem anos, se não se tomarem medidas contra, acho que o "Grande Irmão" vai aparecer.

Que área da matemática vc mais gosta? Por exemplo:Teoria de Grupos,Topologia algébrica,geometria diferencial,probabilidade,análise e etc..

Geometria Diferencial, Geometrias não euclideanas, Cálculo Tensorial, Formas Diferenciais, Cálculo Variacional, Funções Especiais. Mas não desgosto do resto, inclusive estatística.

Professor, consegue achar uma fórmula que corresponda a sequência 8, 32/3, 128/8 ...‎

2^(2n-1))/((3^(n-1))-MOD(n,2)), em que MOD(a,b) é o resto da divisão euclideana de a por b.

Quais são suas maiores dificuldades?

Praticar esportes. Sou totalmente desajeitado. Talvez por isso seja que, desde criança, nunca gostei de esporte. Nenhum. Também porque tenho ojeriza por qualquer tipo de competição. Mesmo as que eu, geralmente, venço.

Professor, por que quando eu passo sob a rede de alta-tensão com um guarda-chuva se eu encostar na parte metálica dele eu levo choque? Normalmente ocorre isso quando o dia está mais úmido ou mesmo chovendo e quando há algum ferimento na minha mão, mas eu já testei num dia seco e tbm levo choques

Isso é porque a corrente é alternada e irradia ondas que são captadas pelas barbatanas do guarda chuva, gerando corrente. Essa corrente é que dá o choque e ele é mais sentido nos ferimentos porque a carne exposta é mais úmida do que a pele. Nas proximidades das torres de transmissão de tensão muito alta mesmo, as pessoas podem estender fios captadores dessa corrente induzida e, até, acender lâmpadas dentro de casa. O mesmo se dá nas proximidades de torres transmissoras de rádio AM de alta potência. Tanto que, num raio de centenas de metros da torre, há um círculo de proibição de entrada, com signos de caveiras, pois a pessoa pode morrer eletrocutada pela corrente induzida. Ou, pelo menos, ter um ataque cardíaco por desfibrilação do miocárdio.

Professor, qual o teu nível de conhecimento sobre o chamado "Paralisia do sono?"‎

Não sei nada a respeito. Teria que pesquisar. É fácil achar na internet o suficiente para montar uma apostila a respeito.

pode me ajudar com uma questão?http://poti.impa.br/upload/Aula%2001%20-%20Divisibilidade49.pdf no exemplo 12 eu não entendi a fatoração poderia explicar?‎

Como 2n = n + n, o produto inicial tem n fatores consecutivos, dos quais um par e um ímpar, sendo o último par. Se se multiplicar e dividir pelo produto dos inteiros de 1 a n, se terá a fração mostrada, em que os números pares do numerador são, cada um, o dobro de cada um dos números do denominador. Pondo o 2 em evidência em todos os pares, haverão n fatores 2 multiplicados e o produto do que sobrou se cancela com o denominador, sobrando 2^n vezes o produto dos ímpares. Isso significa que o produto inicial é divisível por 2^n, sendo o quociente o produto dos ímpares de 1 ate 2n-1.

Prof você pode me dar uma explicação plausível para o que vem acontecendo em minha residência? Bem, portas que se abrem e fecham sozinhas ocorrem devido a corrente de ventos. Mas no meu quarto e no meu banheiro n tem nenhum local que haja essas correntes, e mesmo assim, elas batem sozinhas do "nada"‎

Claro que há uma razão física para isso acontecer.
Eventos macroscópicos desse tipo são eventos causados e causados por causas físicas. É uma questão de investigar. Pode ficar descansado que não existem fantasmas, assombrações, espíritos e nada capaz de atuar sobre o mundo físico sem ser um agente físico

Professor, o que você acha da garota que sempre deu lição de moral na internet, mas ontem mesmo saiu fotos da bunda dela pelo ask, ou seja uma falsa sofista

Não sei de nada disso. Me diga quem é e que fotos são essas para eu analisar. Não posso me manifestar sem examinar ambos os lados da questão.

com que frequência vc muda de opinião ou pensa de uma forma diferente pra coisas que vc pensava antes ? OU isso não acontece assim ?‎

Sempre que me convencem de que estou errado ou que meus estudos e reflexões me mostram isso eu mudo meu modo de pensar, pois se não o fizesse seria burro ou incoerente. Sempre acho que estou certo até ser convencido de que não. Então mudo e volto a estar certo novamente. Isso acontece, mas não com tanta frequência. Todavia não me importo de dar o braço a torcer e nem sou teimoso em afirmar algo que vejo estar errado só porque antes eu já o afirmara. Nem posso garantir que o que penso agora será o que pensarei no futuro. Para mim, quem se aferra a suas opiniões e não muda, mesmo convencido do erro, é burro mesmo.

qual a maior diferença de oligarquia para aristocracia?‎

É mais ou menos a mesma coisa. Só que a aristocracia é uma oligarquia em que seus membros o sejam por direito hereditário, por pertencerem a famílias dominantes que passam isso de pai para filho, enquanto uma oligarquia não aristocrática é um grupo dominante por outras razões, como, por exemplo, por sua riqueza, poder militar ou religioso e que não é passado por hereditariedade. No origem, a aristocracia foi uma oligarquia por razões econômicas, militares ou religiosas que passaram a transmitir o seu poder a seus descendentes, tornando-se uma aristocracia. Uma oligarquia de fundo econômico é chamada de plutocracia.

O meu vizinho morreu hoje. Ele estava trabalhando e tomou um choque na firma, só que não se machucou, voltou para casa normal e foi dormir. Ele amanheceu morto, morreu dormindo. É possível existir alguma ligação?

Claro que sim. Um choque pode provocar, inclusive, um pequeno infarto, que pode não matar na hora e, sim, mais tarde.

qual a melhor definição de conjectura?o q seria uma ?‎

Conjectura é uma suposição, uma hipótese. Algo que se considera sem se saber ao certo. O que se acha que seja, sem garantia. Uma opinião.

escalonamento krammer ou gauss-jordan? qual vc prefere?‎

Tanto faz. Vai fazendo o que, em cada caso, for mais viável

Oq acontece quando se é engolido por um Buraco Negro ? Oq existe lá ? Se nada escapa nem a luz, então supostamente quase se é engolido não se deixa de existir ? Considerando isso, porq existe a hipótese de nosso universo estar situado em um Buraco Negro gigante ?‎

Em um buraco negro estelar, isto é, produzido pela contração da matéria de uma estrela pela gravidade, depois que ela cessou de gerar energia que pudesse exercer uma pressão para evitar isso, qualquer coisa que ultrapasse seu horizonte de eventos, cairá em seu caroço, chamado de singularidade, e será incorporado à sua massa, passando a fazer parte do único hiper-híperon que lá existe. No caso do buraco negro cosmológico, devido a sua grande massa, seu interior pode ser o que se vê normalmente por aí, no espaço. Como o raio do horizonte de eventos é proporcional à massa e a densidade é a massa dividida pelo volume, que é proporcional ao cubo do raio, a densidade fica inversamente proporcional ao quadrado do raio ou inversamente proporcional ao quadrado da massa. O Universo Observável tem cinquenta sextilhões de estrelas, o que lhe daria uma massa de 50 quinzilhões de toneladas, sem contar a matéria escura. O raio do horizonte de eventos disso seria oito bilhões de anos-luz. Considerando a matéria escura, isso passa para 55 bilhões de anos-luz, que é maior do que o raio do Universo Observável, que é de 46 bilhões de anos-luz. Isso quer dizer que, realmente, podemos estar no interior de um buraco negro.

http://ask.fm/wolfedler/answer/103722267165 Bom dia Ernesto ! Concordo com contigo , mas se as pessoas querem continuar fumando mesmo sabendo ue o cigarro mata é um direito delas . E a venda de cigarros não deve ser proibida assim como todas as drogas ,cobrando o devido imposto. Isso é democrático.‎

Discordo veementemente. Acho que cigarro e drogas são um problema de saúde pública. Toda a população, e não só o fumante e o viciado, pagam pelo vício de quem fuma, quem bebe e que usa drogas. A sociedade não pode permitir isso. Muitos acidentes que matam inocentes são causados pela embriaguez. Muitos órfãos são gerados pela morte prematura de pais viciados. Muito dinheiro é usado para o tratamento de viciados nisso tudo, que poderia ser aplicado em coisas mais proveitosas. Muito crime é associado às drogas. Embriaguez também provoca muitos crimes. Realmente é um despautério se permitir o uso livre dessas substâncias. O álcool, com moderação, até que pode ser tolerado. O problema é isso: MODERAÇÃO. Mas o fumo mata mais do que o álcool. Não é só uma questão de escolha pessoal.
Cada um tem um compromisso com o resto da sociedade e com sua família. Isso se aplica, também, à obesidade e ao sedentarismo, que precisam ser objeto de um trabalho firme para serem evitados. Ginástica todo dia nas escolas. Mas nada de joguinhos recreativos. Calistenia mesmo. Pra todo mundo.

Professor, me explica 'Escalonamento de sistemas'?‎

Trata-se de um método de solução de sistemas de equações lineares em que as equações são modificadas de modo a se obter um sistema equivalente em que uma das equações tem só uma incógnita, outra só duas, outra só três e assim por diante. Então se resolve a de uma só, leva na de duas e resolve, leva na de três e resolve, até acabar. Para obter esse sistema equivalente, vale-se da propriedade de que, multiplicando-se toda uma equação por uma constante e somando com outra, a nova equação é compatível com o sistema. Então se escolhe, por tentativas judiciosas, constantes adequadas para se multiplicar a uma delas e somar com outra e se eliminar uma incógnita. Depois se faz isso de novo para eliminar outra até ficar com uma só. Então vai se voltando atrás e resolvendo. É bem trabalhoso, mas sempre dá certo, a não ser que o sistema seja incompatível. Não é difícil, só muito trabalhoso.

Por quanto tempo eles sobreviveram?‎

O último ainda viveu uns três meses.

http://www.youtube.com/watch?v=pmfS0b6zWck O senhor acha que pode ser verídico?‎

Claro. Isso é em minha casa e quem está alimentando os gambazinhos é minha mulher. Eles foram recolhidos em frente de casa, pois sua mãe fora atropelada e ele estavam mamando na mãe morta. Infelizmente não conseguimos substituir a mãe e eles não resistiram e acabaram morrendo.

Recentemente soube que o fóton é um bóson, e o motivo que me foi dado é que ele tem spin inteiro ( 1 ), dito isso o elétron também é um bóson???

Existem dois tipos de partículas subatômicas: bósons e férmions.
Os férmions são as partículas constitutivas da matéria, como os elétrons, prótons e nêutrons, e seus constituintes, os quarks (dos prótons e nêutrons). Os férmions obedecem ao princípio da exclusão, que diz que, em um sistema, não se pode ter mais de um constituinte no mesmo estado de energia e spin (spin é a quantidade de rotação intrínseca de algo). O spin deles é um numero semi-inteiro de constantes de Planck (dividida por dois pís). Além disso eles exibem a conservação de número, ou seja, não podem ser destruídos e nem formados, exceto em pares de matéria e antimatéria.
Os bósons são as partículas mediadoras das interações, como os fótons, os glúons e as partículas W e Z. Eles não obedecem ao princípio da exclusão e um sistema pode ter muitos bósons no mesmo estado (até todos). O spin deles é um número inteiro de constantes de Planck (dividida por dois pís). E, finalmente, eles não possuem conservação de número, podendo ser formados e aniquilados à vontade.
Tanto férmions quanto bósons observam a conservação de massa-energia e de quantidade de movimento linear e angular, além da carga elétrica.

Você sente a necessidade de conhecer coisas novas? Gosta de estudar coisas de seu interesse? Como se sai/saia na escola, faculdade ou cursos?‎

Muito. A vida toda sempre adorei aprender e conhecer sobre quase tudo. E vejo que isso perdurará enquanto eu for vivo. Não me interessa para que serve e nem o tempo e o esforço que dispenderei. Meu prazer é aprender o máximo de coisas. Como tem gente que tem prazer em praticar esportes, em viajar, em dançar, em mandar, ou várias outras coisas. Sempre fui o melhor aluno de minha classe, exceto na faculdade que fui o segundo. Passei em todos os concursos que fiz, sem estudar muito. Aliás, nunca estudava muito a matéria da escola. Mas estudava um monte de outras coisas, que não eram dadas na escola. Para tirar notas boas, bastava prestar atenção nas aulas. Mas, geralmente, eu achava os professores muito lerdos com a matéria. Então eu pegava o livro e ia me adiantando. Depois eu usava o tempo da aula para estudar outras coisas, ou, simplesmente, para ficar desenhando ou escrevendo histórias em quadrinhos. Os professores não podiam me impedir, pois eu respondia certo tudo o que eles me perguntavam. No começo eu perguntava muito aos professores, mas fui desistindo, porque via que atrapalhava as aulas ou os colocava embaraçados. Então eu aprendia sozinho, consultando vários livros. Ainda bem que meu pai tinha uma vasta biblioteca.

Por favor, me ajude estou com uma dúvida que me assola a um tempo: Qual curso na faculdade devo fazer? Qual profissão seguir? Para qual será eu TENHO VOCAÇÃO?

Para começar, você NÃO PRECISA fazer faculdade nenhuma. Faz se quiser. E a escolha tem que ser em função do que você GOSTA. Daí ser interessante fazer um teste vocacional. Mas você mesmo pode perceber. Se gosta de mexer com coisas do campo, vá ser agrônomo, se gosta de fazer teatro, de compor músicas, de desenhar, de filosofar, de construir, de consertar, de mandar, de organizar, de pesquisar, de ensinar, de cuidar de bichos, de pilotar avião, de matemática. Sei lá. Você tem que descobrir para escolher. Esquece o que dá mais dinheiro. Você terá sucesso, mesmo financeiro, quando estiver fazendo aquilo por que tem muita vibração. E, o mais importante: será feliz. Mas você pode ser comerciante, fazendeiro, ou prestador de algum serviço sem ter curso superior nenhum e, às vezes, até ganhar muito mais. Mas você tem que gostar do que faz.

Ernesto, é possível, com um trabalho original de conclusão, saltar da graduação para o doutorado? Caso tua resposta seja não, o que permitiria tal façanha?‎

Sim. Muitas instituições já estão permitindo fazer o doutorado sem o mestrado. A pessoa faz as disciplinas do mestrado mas não faz sua tese. Faz um exame de suficiência e passa para as disciplinas do doutorado e, então, faz só a tese do doutorado. Demora, pelo menos, uma ano a menos para concluir tudo do que se fizesse o mestrado e, depois, o doutorado. Inclusive porque já pode ir fazendo as disciplinas do doutorado, mesmo antes do exame de suficiência, se der conta. Quando fiz meu mestrado eu já fiz algumas disciplinas de doutorado, como teoria quântica de campos. Depois acabei não fazendo doutorado. Mas eu dava conta de fazer quatro ou cinco disciplinas de pós-graduação por semestre

Professor, aproveitando a resposta sobre o "nada" do outro cara aí, a minha pergunta é: É possível (na lei da física agora, não antes do big bang ) algo surgir "do nada"? Digo, algo não causal, que não precise de uma causa?‎

"Nada não existe". Não é possível que algo provenha "do nada". Nem no surgimento do Universo. Mas, no surgimento do Universo, tudo proveio "de nada". Não é um jogo de palavras. É uma conceituação completamente diferente. "O nada" é algo. "Nada" não é algo. Atualmente também não é mais possível algo surgir "de nada", pois já existem leis de conservação. Mas pode surgir do vácuo, que é algo e não só espaço vazio (que, aliás, não existe no Universo). No vácuo há radiação e campos e desses constituintes pode-se surgir matéria e antimatéria, aos pares. Isso acontece comumente e é um evento incausal, isto é, fortuito.

O senhor poderia dá dicas para quem quer se professor de física ?‎

Para começar tem que ser fascinado com a Física. Gostar de estudar Física muito além do que é pedido na escola. Querer saber sobre Física Quântica, Relatividade, Física Atômica, Física Nuclear, Eletrônica, Lasers, Cosmologia, Astronomia, Astrofísica, Física de Partículas Elementares e isso tudo. Gostar de fazer experimentos, construir aparelhos, inventar um monte de coisas. Essa é uma parte. A outra é gostar de ensinar, sentir prazer em ajudar os outros a aprender, inventar explicações melhores que as do professor. Discutir com os professores e contestá-los no que ver que eles estão errados. Ter liderança e carisma, falar bem, escrever bem. E a terceira é ter um ótimo desempenho acadêmico em Física e Matemática. Isto é, ser capaz de resolver qualquer problema que apareça sem dificuldade. Quem tem essas características será um bom professor, será alguém que vibra com sua profissão, que se dedica a ela por amor, mesmo ganhando pouco. Mas que será capaz de ganhar muito, pois será um professor que toda escola quer. Tem que ter, também, muita moral para manter a turma comportada e atenta à aula. Para isso sua aula tem que ser um show, que cativa a turma e a mantém fascinada e sedenta de aprender porque achou maravilhoso o assunto. Aí, vai fazer o curso de licenciatura em Física e eu recomendo, muito mesmo, que também faça o bacharelado. Isso é IMPORTANTÍSSIMO. Porque muitas licenciaturas não aprofundam muito os conhecimentos e um professor tem que saber muito além do que vai ensinar. Pode ir fundo que ser professor de Física é algo maravilhoso. Não só porque a Física é maravilhosa, mas porque ensinar é maravilhoso.

Acha que tem idade para namorar?‎

Idade para namorar começa com a adolescência e se prolonga enquanto houver vida.

Como surgiu algo a partir do nada? Isso é impossível. Imagine só: temos aqui do meu lado "nada". "Nada" explode e surge o universo. Não faz sentido

Note que não surgiu algo "do nada", pois nada não é nada. Surgiu sem ter do que provir, ou "de nada". Isso pode acontecer pois, não havendo nada (nem "o nada"), isto é, nem espaço (mesmo vazio), nem tempo, nem conteúdo (campo, radiação e matéria), também não há regras de comportamento disso que não existe. Então não há proibição de surgimento sem ter do que provir, pois as leis de conservação só se aplicam ao que existe. Como nada existia, não se aplicavam tais leis. Uma vez que tenha surgido algo, já não se pode mais aparecer algo de nada, pois, agora, há leis de conservação que o conteúdo existente observa. Tal fato, isto é, o surgimento de tudo sem ter do que provir, só pode acontecer uma vez. Não só sem ter do que provir, mas sem causa e nem propósito. Não precisa fazer sentido, basta que seja possível.

Qual é a sua opinião sobre concursos de beleza?

Uma idiotice. Parece concurso de vacas em exposições agropecuárias.

Concordo com você sobre o cigarro, mas infelizmente dá lucro por isso não vai acabar! Triste!

Vai sim. O mundo, um dia, vai concluir que o lucro não é o valor mais elevado da vida. Infelizmente será tarde para muitos. Mas valerá para muitos mais ainda, que viverão depois disso, por vários milhões de anos

acabei de ser aprovado para o curso de farmacia, conhece essa area? Alguma dica e conselho?‎

O conselho que dou a todo mundo que vá se dedicar a qualquer atividade é que todas são ótimas desde que seja aquilo por que você seja fissurado, em que trabalharia até de graça de tanto que gosta. Por que seja um entusiasta. Que queira dar sua contribuição para o progresso dessa atividade no mundo, independentemente de qualquer vantagem que, como isso, vá usufruir. Se for assim para você, ótimo. Mas se você só está se dedicando a isso porque acha que dá dinheiro ou porque não encontrou algo interessante, então eu te vaticino o fracasso nessa atividade.

Não sei se o senhor entende sobre, mas o cigarro pode trazer algum beneficio para o fumante?‎

Em minha opinião não. Meu pai e minha mãe morreram porque fumavam e eu vaticino a todo fumante uma morte em sofrimentos atrozes, como o que aconteceu com minha mãe devido ao enfisema. Para mim o tabaco deveria ser abolido totalmente da humanidade. O governo deveria elevar o seu preço a patamares altíssimos, não financiar nenhuma lavoura de fumo, acabar com todas as pesquisas agronômicas sobre o fumo, não conceder empréstimos a nenhuma indústria de cigarros, de modo a que esse atividade se acabasse de vez na humanidade.