sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

O quê é a anti-matéria?‎ Lucas Gomes

Um sistema composto de partículas do tipo das partículas da matéria, mas com suas cargas elétricas invertidas, isto é, prótons negativos e elétrons positivos. A anti-matéria em si mesmo é tão estável quanto a matéria, mas, em contato com a matéria se aniquila, transformando cada par de partícula material e sua correspondente anti-partícula em dois fótons cuja energia equivale às massas destruídas pela equação E=mc². Esses fótons correspondem aos raios gama, de altíssima penetração. No surgimento do Universo, formaram-se quantidades iguais das duas, que se aniquilavam e logo surgiam outras. Todavia, muitas que surgiam eram instáveis e decaiam radioativamente antes de se aniquilar. Como há uma pequena diferença no tempo de decaimento de uma partícula e sua anti-partícula, no final das contas, depois que, com a expansão do Universo, a separação entre elas não permitia mais a aniquilação antes do decaimento, ficou uma sobra de partículas em relação a anti-partículas de uma parte em um bilhão. O resto todo se transformou nos fótons da chamada "radiação de fundo" do Universo, que ainda hoje pode ser detectada por um aparelho de TV, quando não está sintonizando canal nenhum. O chiado e o chuvisco da tela são os fótons do Universo.

Quando e de que você deu aula na UFJF?‎ Husky Siberiano

De Física Geral e Experimental III e IV (Eletricidade, Eletromagnetismo e Ótica), para os cursos de Física, Matemática, Química, Engenharia Elétrica e Engenharia Civil, de 1974 a 1976.

Você tem as respostas que aqui dá na "ponta da lingua" ou sempre raciocina muito e reflete sobre antes?‎ André Moura

Varia. Umas eu realmente já tenho "na ponta da língua". Outras eu preciso refletir e ponderar para responder. Outras, ainda, requerem que eu consulte minha biblioteca ou algum site da internet. Estas, em geral, eu vou deixando para depois, por falta de tempo para pesquisar. Há as que eu não sei mesmo e teria que estudar desde o início. Estas eu respondo dizendo que não sei. Finalmente há as que são completamente idiotas e estapafúrdias. São as que eu, simplesmente, apago.

"Dois excessos: excluir a razão, admitir apenas a razão". Concorda?‎ forgotten

Certamente que sim. Esse é o segredo da justa e sensata medida. Temperar a razão com a intuição e a emoção. Todas têm o seu valor e são requeridas para os processos decisórios e para caminhar com sabedoria.

Caro E. V. Rückert, se Igreja Católica tivesse menos poder na Idade Média, você não acha que o avanço da ciência seria mais rápido e próspero?‎ Radioactive

Certamente que sim. Muito mais. Se o paganismo tivesse prevalecido no Império Romano, primeiro que o mundo possivelmente já teria abandonado a religião há tempos. Segundo que, possivelmente, o islamismo não teria surgido. Então, sem essas duas religiões, o espírito inquiridor greco-romano teria possibilitado um progresso científico e tecnológico bem maior até hoje. Sem comparação. Essas religiões, com seus livros sagrados com a pretensão de serem depositários de toda a verdade, atravancam extremamente o livre exame do comportamento da natureza e da sociedade, que é a base da ciência. Só os que se libertaram desse dogmatismo é que conseguiram produzir o progresso. Mas às custas de muita dificuldade por terem que nadar contra a correnteza.

Bom, muitos dos seres humanos, muitos mesmo, não conseguiriam viver sem a Bíblia, ia ser uma catástrofe creio eu, infelizmente muitos de nós não conseguem acreditar na ciência, precisam de um ser onipotente para viver.‎ Gabriel Alves

Conseguem sim. Os cristão representam apenas 31% da humanidade, mesmo que seja a religião com mais adeptos. Isso significa que 69% da humanidade vive sem a Bíblia.

Sr. Ernesto, meu plano para o futuro é, passar no enem para farmacia, e ai, me especializar em quimica, daí, faço um vestibular para Medicina (meta: medico endocrinologista), estou certo em seguir esse caminho? um bom plano?‎ Raelson Hipolito

Porque você não entra para medicina de uma vez?

infelizmente muitos cientistas ainda temem a si mesmo porque nao conhecem nada do nada e e biblico que muitos procuraram o motivo da existencia, mas e so nao temer a deus, nao sejamos ignorantes dos fatos, porque se nao fosse a biblia criada por homens o mundo era outro‎ Waldo Damha Junior

Certamente que, sem a Bíblia, o mundo seria outro. A questão é que penso que seria melhor.

se nao fosse a biblia as constituicoes e leis mundiais seriam outras, talvez nem computador existisse, nem nos dois estariamos que nem tontos discutindo sobre este assunto, na verdade eu e voce tememos a deus eu creio e voce esta na duvida, procure deus e ele de consolara, jesus te ama‎ Waldo Damha Junior

Não sei em que a Bíblia teria alguma interferência na existência de qualquer tipo de tecnologia. Quanto às constituições e leis, há alguma interferência bíblica nas nações cristianizadas, mas ela é muito menor, por exemplo, do que a do Direito Romano, ou da Democracia Grega, que não têm nada a ver com a Bíblia. Sem contar que todo mundo oriental tem uma legislação completamente dissociada da Bíblia, baseada em Confúcio, no Tao Te Ching, nos Vedas, no Corão e outros livros.

deus e pura energia que ninguem sabe de onde vem tanta energia‎ Waldo Damha Junior

Não é não. Mesmo que existisse Deus, não seria pura energia por várias razões.
Para começar energia é um atributo físico de sistemas físicos e Deus não seria uma entidade física. Logo Deus não poderia possuir energia.
Segundo, energia não é algo que exista em si mesmo. Não é entitativa. É uma qualidade, um atributo, uma propriedade. Que certos sistemas podem ou não possuir. Não existe "energia pura", mas apenas energia que algo possua.
Terceiro, se houvesse Deus ele teria que ter alguma estrutura e algum funcionamento para pensar, poder fazer escolhas, para tomar decisões, para agir e atuar sobre o Universo, não se sabe de que modo. Uma entidade simples, constituída puramente de uma única substância, fosse o que fosse, não seria capaz de nada. Ocorrências se dão em razão de diferenciações estruturais que ensejam possíveis rearranjos que são em que se constituem as ocorrências e os fenômenos (classes de ocorrências). Se Deus é uma entidade que age, ele experimenta ocorrências internas, o que significa que não é uniforme, nem simples, nem puro.

sr Ernesto, mesmo tendo tantas provas, imagens, relatos de pessoas, medicos profissionais que revelaram que o governo dos Estados Unidos o forçaram a mentir, o Senhor nao acredita na existência de outros seres inteligentes? não acredita que existe muita coisa secreta relacionada a isso no nosso mun‎ Raelson Hipolito

Acho que existem fatos secretos sim. Mas não que se refiram a extra-terrestres. Se houvesse, os casos não seriam sempre nebulosos e pendentes de interpretações facilmente contestáveis. Seriam de evidência cristalina, totalmente indubitáveis. Não há nenhum assim.

A vida tem mesmo um sentido? Qual o fundamento de existir? Tudo acaba depois que morremos? Tudo é apenas biológico? (Pergunta do Facebook)‎ Ernesto von Rücker

Pelo que depreendo não há sentido extrínseco para a vida, exceto viver. Nós, humanos somos como todos os animais, exceto que temos uma mente bem mais desenvolvida. Mas isso é uma diferença quantitativa e não qualitativa. Não somos ontologicamente nada alem de animais. Portanto não temos uma natureza diferente, como uma alma imortal. De fato, ao morrermos, acaba tudo. Todas as nossas lembranças. Sim, tudo é apenas biológico. Todavia podemos deixar nosso legado para o mundo, em termos de nossas obras. E podemos atribuir um significado pessoal a nossas vidas, mesmo que ela não tenha um externo. Para mim esse significado reside no fato de sentirmos que o mundo se torna melhor pelo fato de existirmos. Isso preenche a nossa vida de sentido e apazígua nossa consciência em relação a esta sensação de vazio existencial.

A MORAL É RELATIVA? O CERTO E O ERRADO DEPENDEM DA ÉPOCA E DA CULTURA? (Pergunta do Facebook)‎ Ernesto von Rückert

A moral é relativa. Só que a moral não concerne ao certo e ao errado. Isso é com a ética. A moral cuida do que seja permitido e do que seja proibido. Deveria, mas nem sempre coincide com o certo e o errado. A moral varia com a época, o lugar e o estrato social. Já a ética, sendo filosófica, pretende nortear a moral de uma forma universal. Mas há preceitos morais, dependendo das circunstâncias, que não são éticos, bem como ações tidas como imorais que não ferem a ética. Uma ação é tida como ética se promove a maximização da felicidade para o maior número de seres, se pode ser erigida como preceito universal e se seja tal que queiramos ser dela objeto. Em geral um bem seria o que causasse prazer, alegria, lucro, benefício, vantagem, felicidade e um mal o que causasse tristeza, dor, prejuízo, malefício, desvantagem, infelicidade. Seria ético, contudo, uma ação que causasse um mal, se fosse em prol de um bem maior.

O que é a razão (pergunta que me fizeram no Facebook)?‎ Ernesto von Rückert

Razão é a faculdade mental de encaminhar o pensamento de modo a produzir conclusões a partir de certas suposições de uma forma comprovada e justificada. A razão não considera os afetos envolvidos, mas tão somente os motivos determinantes de forma lógica demonstrável. Isto é, não admite intuições e palpites injustificáveis, mesmo que levem a resultados corretos. O que não significa que a racionalidade seja o único critério válido de aceitação de uma decisão, que também tem que pesar, além do raciocínio, a emoção e a intuição.

Você acredita em algum tipo de fim para a humanidade? Digamos, a extinção das raças, onde o universo voltara a ser como antes.‎ Gabriel Alves

Novamente não é uma questão de acreditar e sim de se fazer projeções, com base nos conhecimentos existentes. Em média, as espécies vivas da Terra têm perdurado por 15 milhões da anos. Colocando a humanidade nessa média, como temos só 200 mil anos de idade, ainda nos restam 14 milhões e 800 mil anos de existência. Aí seremos extintos. Enquanto isso, certamente, outras espécies trans-humanas (evoluídas da nossa) ou mesmo de outros primatas, poderão surgir e haver a coexistência de mais de uma espécie inteligente. Essas nos substituirão e depois, outras as substituirão e assim por diante. Até que as condições ambientais do planeta não suportem mais vida nele. Isso acontecerá dentro de uns 3 ou 4 bilhões de anos, quando, após ter consumido todo o hidrogênio, o Sol passará a inchar e se transformar em uma estrela gigante vermelha, que irá crescendo e aquecendo a Terra cada vez mais até evaporar toda a água existente, inviabilizando a vida. Em certo momento a própria Terra será alcançada pela superfície do Sol e poderá se evaporar, deixando de existir. Ou então, se o Sol não crescer tanto, depois que ele fundir a série de elementos até o ferro, explodirá. A onda de choque, então, triturará a Terra, transformando-a em pedregulhos soltos no espaço. Mas o Universo, enquanto isso, não terá mudado muito. Nosso Sol terá dado apenas uma 20 voltas em torno da galáxia. Só que, dentro de 3 bilhões de anos, a galáxia de Andrômeda, em rota de colisão conosco, terá atingido a Via Láctea. Uma passará por dentro da outra, mas as colisões entre estrelas será rara, dado o seu afastamento.
Só que isso mudará totalmente a estrutura das duas galáxias.

Acredita no principio da reciprocidade, ou seja, tudo o que você faz volta para você de alguma forma?‎ Numinoso

Claro que não. Não há nada que indique que deva ser assim e nem a observação dos acontecimentos confirma tal assertiva. Muita gente faz um monte de maldades e se dá muito bem e muita gente faz um monte de bondades e se dá muito mal. Certamente que uma boa ação propicia condições de ser retribuída, do mesmo modo que uma má ação não favorece uma boa retribuição. Mas isso não é categórico para que possa ser chamado de "princípio".

Acreditas em exorcismo ? o que achas dessa prática?‎ Çabryna

Completamente inócua no que diz respeito a possessão, pois isso não existe. O que existe é encenação e esquizofrenia.

ACERTO

Ernesto, você acha que os jovens hoje em dia, estão se tornando alienados?‎ Stefani

Acho que a proporção dos alienados realmente está aumentando. Vejo cada vez mais jovens não se importando com nada a não ser com sua própria vidinha. Não ligam para a política, para os problemas ambientais e sociais, não se importam com sua própria vida futura, como se fossem viver a vida toda às custas dos pais. Isso é preocupante. Há exceções, é claro. Mas os que são conscientes são ridicularizados pela maioria, de modo que fica difícil manter uma atitude de personalidade diante do grupo. Um fato que me preocupa é o desinteresse pelo conhecimento. Vejo um futuro sombrio para o Brasil, quando o resto da atual geração que está com as rédeas do pais na mão vier a falecer, pois quem está vindo aí para substituir, no geral, está muito mal preparado e poderá levar nosso país a ficar completamente nas mãos das nações mais desenvolvidas, onde a capacidade seja um valor cultivado. Ou então o grosso da população ficar à mercê de uma minoria inteligente e bem instruída, mas não necessariamente bem intencionada. Um dos maiores esforços do processo educativo, para mim, é, justamente, conscientizar a juventude e tirá-la da alienação. Para o bem do futura dela mesma.

Você acha que religião, tem sua parte nas guerras?‎ Gabriel Alves

Muita. Religião e economia são os maiores fatores desencadeadores de guerras. A cobiça, o desejo de dominar e possuir a riqueza alheia. E a concepção de que quem não tenha a mesma fé deva ser exterminado para a glória de sua divindade. Que mentalidade mais tacanha! Mas eu ainda penso que, por meio da educação, as religiões serão abolidas e a prosperidade será compartilhada por todos, de modo que não haverão mais guerras.

Como explicar essa nova Epidemia chamada ''Bissexualismo''? Por que se expande tão rápido?‎ Radioactive

Nem estou sabendo disso. Para mim o comportamento sexual é inteiramente livre. Cada um seja como quiser. Ou por sua orientação inata ou por sua escolha consciente. Não tem problema nenhum. Só não pode ser forçado. E nem se justifica um comportamento apenas por modismo, para ir na onda de todo mundo. Quem age assim não tem personalidade. É uma pessoa boçal.

Bom levando em consideração a sua última resposta sobre as armas, e as armas biológicas(Não tenho certeza sobre o nome), quais serão as mais "úteis", digamos assim, em alguma próxima guerra.‎ Gabriel Alves

Para mim a próxima guerra deveria ser resolvida com luvas de boxe na mão dos líderes em conflito. Brincadeira à parte, para começar, a humanidade deverá se esforçar para não haver mais nenhuma guerra. Havendo alguma, para mim seria preciso, simplesmente, usar algum drone que atacasse diretamente o quartel general do líder belicoso e acabasse com a guerra sem ser preciso matar quase ninguém. Qualquer meio provocador de grande mortandade populacional tem que ser evitado a todo custo. Para mim, os soldados deveriam se recusar, na totalidade, a lutar. Assim não haveria guerra nenhuma. Guerra é um disparate que não tem justificativa nenhuma, exceto em defesa de um agressor. Mas agredir é algo inteiramente despropositado. Nenhuma população poderia concordar com qualquer governo agressor e impedi-lo de assim agir.

ACREDITA EM DESARMAMENTO MUNDIAL‎ Paulo Ricardo Fogaça

Sim, mas não para um futuro próximo e nem a médio prazo. Entendo, porém, que a humanidade concluirá, em um ou dois séculos, que não poderá mais viver em estado de tensão bélica e animosidade sob pena de se auto-destruir. Então todos se tolerarão mutuamente em suas diferentes concepções. Isso dependerá, crucialmente, de uma conclusão, por parte dos países ricos, que o mundo é um só e que é intolerável a coexistência da riqueza com a pobreza. Então passarão ao esforço para acabar com a pobreza. A prosperidade generalizada, bem como a elevação do nível educacional, fatalmente conduzirá à redução do fanatismo e ao estabelecimento da tolerância que trará a paz mundial.

COM A INTELIGENCIA AVANÇANDO CADA VEZ MAIS RAPIDAMENTE E TECNOLOGICAMENTE, O SR ACREDITA QUE NUM FUTURO PROX HAVERÁ ARMAS MUITO MAIS PRECISAS E DE TERRIVEL PODER DESTRUTIVEL‎ Paulo Ricardo Fogaça

Fica melhor fazer as perguntas em caixa baixa. Certamente que o progresso tecnológico também se estende aos armamentos, que, dia a dia, se tornam mais destrutivos e precisos. Não é uma questão de acreditar, mas de se fazer uma projeção fundamentada no que vem acontecendo.

O Senhor acredita na teoria do big bang?‎ Çabryna

Não é uma questão de acreditar e sim de aceitar que seja a teoria que melhor descreve as observações a respeito do Universo. Caso outras informações mostrem que ela seja equivocada e outra melhor se apresente, passarei a considerar essa nova como a mais correta.

O que você entende por '' sonhos malucos '' ?‎ Husky Siberiano

Situações não condizentes com a realidade ou com os costumes estabelecidos, como ser capaz de voar, ter outro pai ou outra mãe, ser de outro sexo, conversar com animais, ser muito mais rico ou muito mais pobre, não ser da espécie humana, ter várias mulheres, ser um rei, estar andando pelado na rua, estar perseguido pela polícia, estar se afogando, estar num país de que não se entende a língua. Bem, a lista é inesgotáve

Olá, primeiro gostaria de dizer que adoro te acompanhar por aqui (apesar de não conhecer pessoalmente). Tá, vou parar de tietar e perguntar: Tu acredita que o Nibiru vai destruir o Planeta (tirando as zonas protegidas)?‎ Keka Bittencourt

Essa história de Nibiru é falsa. Não existe Nibiru nenhum. Nem Planeta X, nem Hercolubus. Pessoas com inclinação para crenças esotéricas gostam de considerar essas possibilidades, e outras, como a de que o Calendário Maia teria previsto grandes catástrofes para 21/12/12. São completas fantasias sem o menor embasamento. Pode ficar tranquila.

professor, fale sobre o desemprego‎ Rêe do Gu ;*

O grande problema não é a falta de emprego e sim a falta de trabalho. Não é preciso ser empregado para trabalhar. Pode ser autônomo e, até, ganhar muito mais. Pode ser artesão, biscateiro, vendedor de pastel e uma série de atividades que permitem a sobrevivência. Claro que sem garantias e sem outros benefícios. Mas a pessoa pode ir incrementando a sua atividade e, então, pagar INSS como autônomo. Muita coisa pode ser feita em casa mesmo, como costurar, prestar serviços de computador, dar aulas particulares. Ou trabalhar como jardineiro, engraxate, consertador de guarda-chuva, amolador de facas, pipoqueiro, e uma série de outras atividades sem ser empregado de ninguém. Depois que juntar um pouco de dinheiro, pode montar uma pequena firma e ser seu próprio patrão. Uma sapataria, uma oficina de conserto de eletrodomésticos ou uma série de prestações de serviço. O importante é ter uma forma de auferir renda, mesmo que fora da economia formalizada.

Professor, quando pensamos, pensamos em uma determinada língua. Mas e os bebês, que não conhecem língua alguma, como pensam? Acho que eles não raciocinam. Não pesquisei, é só uma suposição... Mas então, se for isso mesmo, quando eles começam a raciocinar?‎ Ouriço

Nós não pensamos em língua nenhuma. A língua só é usada para expressar o pensamento. Pensamos diretamente com imagens pictóricas e representações sensoriais internas dos conceitos em termos de seus significados sem os significantes. Bebês, surdos-mudos, e animais que não falam expressam o pensamento por gestos, choro, riso, grunhidos, latidos, miados relinchos etc. sem uso de linguagem articulada. Mesmo quem sabe falar uma língua, na maior parte, pensa sem usar palavras. Observe você mesmo. Quase tudo o que você faz, como levantar da cadeira, digitar o teclado, coçar a cabeça você faz sem usar nenhum pensamento verbalizado para tal. Mas você pensa, você analisa, você decide. Você raciocina sem palavras. As palavras ajudam, e muito. Mas, quantas vezes você sabe o que quer dizer e não acha a palavra? Você está com a ideia, sabe o que significa, pensa nela e não lhe atribui uma palavra correspondente. Quantas vezes você fica buscando que palavra vai expressar o que você está pensando? Em verdade há dois fluxos paralelos em sua mente. O do pensamento e raciocínio e o que faz a correspondência com as palavras. Um e outro se retroalimentam, mas o pensamento é mais veloz do que as palavras. Não só palavras, mas outros signos também. Um matemático consegue demonstrar um teorema "por intuição" e depois é que fica buscando as expressões simbólicas para representar o que ele concluiu. Ele "pensou sem palavras". Mas para comunicar ele tem que usar os signos matemáticos.

Professor, quando pensamos, pensamos em uma determinada língua. Mas e os bebês, que não conhecem língua alguma, como pensam? Acho que eles não raciocinam. Não pesquisei, é só uma suposição... Mas então, se for isso mesmo, quando eles começam a raciocinar?‎ Ouriço

Nós não pensamos em língua nenhuma. A língua só é usada para expressar o pensamento. Pensamos diretamente com imagens pictóricas e representações sensoriais internas dos conceitos em termos de seus significados sem os significantes. Bebês, surdos-mudos, e animais que não falam expressam o pensamento por gestos, choro, riso, grunhidos, latidos, miados relinchos etc. sem uso de linguagem articulada. Mesmo quem sabe falar uma língua, na maior parte, pensa sem usar palavras. Observe você mesmo. Quase tudo o que você faz, como levantar da cadeira, digitar o teclado, coçar a cabeça você faz sem usar nenhum pensamento verbalizado para tal. Mas você pensa, você analisa, você decide. Você raciocina sem palavras. As palavras ajudam, e muito. Mas, quantas vezes você sabe o que quer dizer e não acha a palavra? Você está com a ideia, sabe o que significa, pensa nela e não lhe atribui uma palavra correspondente. Quantas vezes você fica buscando que palavra vai expressar o que você está pensando? Em verdade há dois fluxos paralelos em sua mente. O do pensamento e raciocínio e o que faz a correspondência com as palavras. Um e outro se retroalimentam, mas o pensamento é mais veloz do que as palavras. Não só palavras, mas outros signos também. Um matemático consegue demonstrar um teorema "por intuição" e depois é que fica buscando as expressões simbólicas para representar o que ele concluiu. Ele "pensou sem palavras". Mas para comunicar ele tem que usar os signos matemáticos.

o que você acha de artefatos encontrado por arqueogeólogos que remontam algumas passagens da bíblia?‎ joao

Apesar da Bíblia não ser um tratado científico e histórico, ela contém algumas narrativas históricas que devem ser verdadeiras, mas não todas. Só que a interpretação que ela dá da interveniência divina é que não confere.

http://ask.fm/wolfedler/answer/70333506077 a leitura de qualquer livro e assunto, ou algum em especifico?‎ Elaine

Ler, mesmo que seja apenas ficção, é um poderoso estimulante da inteligência, pois provoca a imaginação a compor um cenário, a memória a acompanhar o enredo, para mais adiante, lembrar-se dos personagens e de seus feitos. O ideal são romances policiais, de suspense ou outros que envolvam tramas enigmáticas e levem a "queimar a cuca". A leitura de obras de divulgação científica, por outro lado, municia o cérebro de um poderoso instrumental de interpretação da realidade, que possibilita o encadeamento de raciocínios mais elaborados. A compreensão do funcionamento do mundo natural e social, em todos os seus aspectos, cria possibilidades de encaminhamento de raciocínios que aprimoram a inteligência. Outra vantagem da leitura é o enriquecimento do vocabulário, que também aumenta o espaço de manobra mental para raciocinar. Obras filosóficas, em que se tem que acompanhar o raciocínio, muitas vezes bem intrincado, obrigam o cérebro a criar muitas conexões que aumentam a inteligência. Outro fator importante são as atividades criativas: inventar, fazer, consertar, construir. Especialmente o que for bem complicado. A fuga da complicação e da dificuldade é um grande fator de emburrecimento. Escrever é um ótimo exercício para aumentar a inteligência. Da mesma forma que tocar instrumentos musicais, pintar, esculpir, fazer brinquedos, dançar, representar, programar computador. Aprender sempre algo novo, como idiomas é ótimo. Jogos também, especialmente os de estratégia. Xadrez, resolver enigmas, palavras cruzadas e outros desafios.

Mê dê argumentos concretos e provas científicas que Deus não existe?‎ ~* Luyest ~*

Não existem provas de que Deus não exista, bem como de que exista. Como sua existência não é evidente a aceitação da existência é que requer provas, sendo a inexistência a suposição básica. Todavia, os indícios apontam para a não existência, especialmente a concepção teísta e das religiões abrahãmicas de um Deus providente e benevolente. A não benevolência de um possível Deus decorre diretamente da existência do mal, como já o demonstrara Epicuro há mais de 2300 anos. Além disso, o grande número de imperfeições do Universo (doenças, catástrofes) mostram que ele não seria um criador competente. Por outro lado, à medida que a ciência avança, mais explicações vão sendo dadas sem requerer qualquer apelo a uma divindade, indicando que o que ainda não tem explicação, fatalmente o terá, de modo completamente natural. Isso dispensa, totalmente, a apelação para a existência de um Deus. Outrossim, a Providência Divina é uma recurso completamente falho, sobejamente demonstrado pela ineficácia das orações num cotejo com os mesmos resultados obtidos apenas por coincidência. Do mesmo modo todos os milagres podem, perfeitamente, serem explicados por ocorrências naturais. Daí a sensatez em se considerar improcedente a suposição de que exista qualquer tipo de entidade a que se possa denominar Deus.

O hábito da leitura torna a pessoa mais inteligente, ou é a genética que determina o nível de inteligência?‎ Marcos Faria

A inteligência tem um fator genético e um ambiental. Há controvérsias sobre o que cabe a cada um, mas penso que pode-se aceitar como sendo 60% genética e 40% ambiental. A leitura, realmente, contribui para o aprimoramento da inteligência, bem mais do que, por exemplo, ver televisão, mesmo que sejam documentários científicos. Mas o que mais contribui são os exercícios neuróbicos. Vale a pena se inteirar disso. http://pt.wikipedia.org/wiki/Neur%C3%B3bica

como vc explica no seu ponto de vista a existência da humanidade ?‎ flavio rodrigues

A humanidade surgiu na África, onde hoje é a Tanzânia ou a Zâmbia. Evoluiu a partir das espécies primatas pré-humanas que já tinham surgido. De lá se difundiu para o resto do mundo, atravessando a região de Suez e se dirigindo para a Ásia e a Europa. Da Ásia foram para a América, pelo estreito de Bhering.

Ernesto, fiz as contas de tal tamanho da arca de Noé, cheguei à estes números: segundo meus cálculos a arca tinha 133 metros e 20 cms de comprimento, 22.20 cms de largura, e 13.32 cms de altura. Com todas as espécies de animais que há no mundo, caberia um casal de cada animal existente na arca?‎ Douglas Gessinger

Essa é uma conta a ser feita, mas, mesmo sem fazê-la, posso imaginar que seja bem pequena para isso, uma vez que existem quase dois milhões de espécies vivas em nosso planeta. Mesmo excluindo as aquáticas, que não entrariam na arca, ainda ficam muitas. Além do mais, como seria possível levar as espécies de todos os lugares do mundo para lá? E depois, como elas voltariam para os seus habitats, nas Américas, na Austrália, na África e assim por diante? Não consigo entender como podem pessoas inteligentes e instruídas considerarem a mera possibilidade de uma fábula dessas.

Professor, o que o ser acha da religião Mórmon? Acha que é uma "seita" como dizem?‎ mih campos

A palavra "seita" se refere a alguma concepção que divirja da corrente dominante. No caso dos mórmons, em relação ao cristianismo como um todo, especialmente em relação ao protestantismo, suas concepções são bem diferentes, de modo que o epíteto de "seita" pode ser aplicado. Mas ele só o é da parte dos que estão fora dela. Para os próprios mórmons, ela é uma igreja normal, como as outras cristãs. Não acho adequado o uso dessa palavra. Quanto a sua doutrina, como o resto do cristianismo, bem como as outras religiões, trata-se de uma concepção humana inteiramente desprovida de embasamento real.

Professor, o que pensa a respeito dos espíritas que fazem regressões para suas "vidas passadas"?‎ Jéssica Kirsch ✡

Que se iludem. O que eles obtêm, nessas regressões, são produtos de sua imaginação inconsciente. Não existem vidas passadas para uma pessoa. Nem futuras. A vida de cada um se restringe ao intervalo entre o nascimento e a morte. Nada mais. Antes de nascer ninguém existia, depois de morrer não existe mais.

Professor, o senhor afirma que antes do Big Bang não existia nada, nem mesmo o "nada". Como aconteceu o Big Bang se é necessário dois prótons se chocarem a velocidade da luz? E a energia sob forma de radiação onde entra?

Ainda não se sabe o que provocou o Big Bang nem como surgiu o conteúdo que ocupava o espaço que passou a se expandir nele. No início não havia prótons nem radiação. Antes dos prótons surgiram os quarks e antiquarks e a radiação surgiu do aniquilamento recíproco deles, mesmo sem estarem à velocidade da luz. A energia existia como atributo do campo do qual tudo se formou por quantização. Daí as partículas e a radiação também surgiram com energia. Note que não é correto se dizer que existe energia sob forma de radiação e sim que existe radiação, que possui energia como um de seus atributos. A primeira expressão dá a ideia de que energia seja uma entidade autônoma, o que não e, mas apenas uma propriedade de entidades.

Professor, o que leva uma pessoa à "perfeição" em matemática? Além do gosto pela matéria, a prática?

Três fatores levam à maestria do desempenho matemático, como de qualquer assunto: o gosto, a dedicação e a inteligência. Esta pode ser aprimorada, inclusive, por meio da dedicação, não só ao assunto, mas à prática de atividades neuróbicas. Quanto ao gosto, se não se tem, mas se se tem vontade de se ter, ele pode ser conquistado por meio do envolvimento. De modo que o fator que mais se encontra ao alcance da pessoa é a dedicação. Ela se expressa no estudo teórico e na prática de suas aplicações, no uso de seu tipo de raciocínio, especialmente na solução de problemas reais e não apenas hipotéticos.

Esse pensamento de que não havia nada antes do universo esta totalmente equivocado , pois sempre houve algo e sempre haverá , pois tudo não surge do nada..enfim tudo sempre existiu e o nada esta apenas na imaginação dos humanos...‎ nick☼

Não. A suposição de que sempre existiu algo, isto é, que o Universo seja eterno para o passado é completamente gratuita e não tem suporte nenhum. Todas as evidências observacionais apontam no sentido de que o Universo teve um surgimento em dado momento. Não que seja uma impossibilidade nem lógica nem fenomenológica que assim tenha sido, mas que os dados não confirmam essa possibilidade. Além do mais, não há nenhuma exigência nem física nem metafísica concernente à impossibilidade do surgimento de algo sem ter do que provir, ou seja "de nada", e não "do nada". Pode ser que não tivesse existido nada, mas não existe e nunca existiu "o nada". O processo de surgimento de tudo sem ter do que provir, inclusive, não requer a observância de nenhuma lei de conservação, pois elas relacionam valores de quantidades globais de um sistema em dois momentos diferentes. Como não havia momentos antes de haver Universo, não há como aplicá-las nesse caso. Mesmo assim, quase todas as grandezas físicas existentes possuem um valor total nulo para o Universo, o que não contrariaria essas leis no evento do surgimento. Esse é o caso da carga elétrica, do momento linear e do momento angular. As únicas exceções são a energia e a entropia. No caso da energia, o valor total dela para o Universo todo, incluindo a energia das massas de repouso, da matéria escura, dos movimentos e de todas as interações, ainda não é bem estabelecido, mas há a possibilidade de ser nulo sim. Quanto à entropia, não há problema, pois não existe uma lei de conservação da entropia, como não existe para as grandezas intensivas, como densidade, pressão e temperatura. Só para as extensivas que sejam atributos de sistemas, exceto a entropia e não para as que indiquem propriedades de interações, como força, torque, trabalho, impulso, fluxo e calor. Mesmo a suposição de que o Universo tenha surgido por um ato de criação, feito por um agente extrínseco a ele, considera que esse agente produziu o que existe sem ter do que se prover para fazê-lo.

Antes da expansão (não sei se estou me referindo bem) existia apenas uma massa super condensada?‎ Não sou Headbanger

Não, porque massa não é uma entidade e sim um atributo de entidades. O que existia era um "campo" puro, sem quantizações nem em partículas materiais nem em radiação. Esse campo possuía uma densidade muito grande de energia, imensa mesmo, maior do que 10^95J/m³ (A densidade de energia do núcleo atômico é de 10^25J/m³). Mal começou a expandir, surgiram flutuações de densidade que deram azo a quantizações em quarks e antiquarks e léptons e antiléptons, que se aniquilavam e produziam fótons (que não têm antifótons). Depois se formaram os prótons, aí os nêutrons e os átomos de hidrogênio e hélio. Os demais só se formaram muito depois, dentro das estrelas (até o ferro) e em suas explosões (do ferro para frente). Note que não posso dizer que havia uma "massa" e nem uma "energia". Massa e energia não existem em si mesmas. Elas são atributos de algo que exista, como matéria, radiação e campo.

O que havia antes do big bang? O big crunch é o mais aceitável das teorias?‎ Não sou Headbanger

Nada. Sequer "antes", pois não havia tempo. Nem matéria, nem radiação, nem campos e nem espaço, mesmo vazio. Nem escuridão. Nada, nada, nada. Nem "o nada". O "Big Cruhch" seria um retorno às condições iniciais do Big Bang, tendo o Universo se expandido até um máximo e, então, passado a se contrair. Nem tudo, porem, voltaria ao que era, pois a entropia sempre aumenta. Não há garantia, contudo, de que, havendo o Big Crunch, ele seria seguido de um novo Big Bang, nem de que o atual Universo teve um Big Bang que se seguiu a um Big Crunch de um Universo anterior. De qualquer modo, tal ocorrência seria dada se o parâmetro de densidade do conteúdo de massa e energia do Universo superasse o parâmetro comparativo da aceleração da expansão do espaço. Não sendo o caso, a expansão seria indefinida. Os melhores valores medidos para esses parâmetros, na atualidade, indicam que a expansão será indefinida e que, portanto, o Big Crunch não acontecerá. Mas há controvérsias sobre esses valores. A alternativa é o "Big Rip", em que a expansão chegará a um tal grau que "rasgará" a estrutura das subpartículas (quarks e leptons) da matéria, aniquilando toda e qualquer estrutura (moléculas, átomos, prótons, nêutrons, elétrons, quarks), deixando apenas campo puro, cada vez com menor densidade de energia e sem radiação nenhuma, uma vez que, pela expansão, ela tenderá a um comprimento de onda infinito e a uma frequência nula. Aí, sim, se terá o Universo todo completamente frio e escuro, mas não vazio e sem espaço. Isso se dará dentro de algumas centenas de trilhões da anos.

Ateus X Religião: Quem está com a razão? Difusão Mental‎ Ernesto von Rückert

""Alguns ateus acreditam serem mais preparados para a vida, por não fazerem parte das pessoas que são "manipuladas" pela religião. Em contrapartida, alguns religiosos acreditam que ateus são pessoas ignorantes por não aceitarem a Cristo. Então... todos nós, religiosos ou não, temos a nossa convicção de estarmos certos em relação à religião ou a falta dela. A sua religião é perfeita? O ateísmo é perfeito? Quem está certo na historia e por quê?""
Não acho que os religiosos pensem que os ateus sejam ignorantes, mas sim equivocados. Do mesmo modo que os ateus em relação aos religiosos. Quanto ao Cristo, isso só vale para os cristãos, que são minoria na humanidade, apesar do cristianismo ser a religião modal, mas não majoritária, tendo 31% de adeptos (a segunda, o islã, tem 19%). Todavia penso que os atues é que estejam com razão, uma vez que a existência de algum deus não é uma evidência, tampouco um fato comprovado pela lógica, não tendo, sequer, fortes indícios de ocorrência. Assim, sua suposição se baseia apenas na fé, o que não é garantia nenhuma, pois há quem tenha fé convicta em fatos completamente divergentes. Perfeição não existe em nada. As religiões são imperfeitas, porque, se alguma o fora, ela se imporia inexoravelmente, não deixando margem para nenhuma outra e nem para o ateísmo. A existência de várias expõe a imperfeição de todas, inclusive do ateísmo, por não se apresentar como patentemente verdadeiro, sem a menor condição de se duvidar.

Professor, quais as expectativas para aplicação das teorias e descobertas da mecânica quântica na tecnologia? Por exemplo, num computador quântico?‎ Higor S.

As descobertas da mecânica quântica já são largamente usadas na tecnologia, desde os anos 50/60 do século passado, com a substituição das válvulas eletrônicas pelos transistores e, depois, com a invenção dos circuitos integrados dos "chips". O raio laser também é uma tecnologia quântica, do mesmo modo que os visores de cristal líquido, os LED's, e muitíssimas aplicações em medicina. Sem falar em telecomunicações, GPS e outras. O que se denomina computador quântico é um dispositivo em que a informação, ao invés de trafegar por meio de deslocamento de elétrons ou de buracos da rede cristalina, se faz por meio da alteração de estado de magnetização de sistemas emaranhados quanticamente, o que seria instantâneo. Todavia, ainda se está muito longe de se produzir algum dispositivo (um processador) que seja capaz de funcionar baseado nesse fenômeno. As dificuldades são bem grandes e penso que isso ainda levará décadas.

"Guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra", já dizia Shakespeare. Você costuma guardar esse tipo de (res)sentimento? Quanto espaço e tempo, ele merece ocupar no seu coração?‎ Difusão Mental

Nenhum. Não guardo ressentimento de absolutamente nada e de ninguém. Pode me ofender, prejudicar, injuriar, que eu não fico com raiva. Só fico triste e desapontado com a pessoa. Em geral passo a ser indiferente a ela. Não esqueço, mas não me ressinto.

Porque eu tenho sonhos malucos?‎ Husky Siberiano

Porque todo mundo tem sonhos malucos. É normal que os sonhos sejam malucos. Isso é uma prova da capacidade imaginativa do cérebro. São esses sonhos malucos que produzem os "insights" de que os grandes cientistas, filósofos, inventores, artistas e criadores de modo geral se valem para produzir suas descobertas, invenções e obras de arte. Nos sonhos o cérebro explora possibilidades inusitadas, que muitos rejeitam por não corresponderem ao que já existe, mas os gênios aceitam e usam em suas propostas de transformação do mundo.

Professor, o senhor acha que qual engenharia é mais promissora para daqui a 5 anos(em termos financeiros e de mercado)? E, é muito mais fácil conseguir lecionar em uma universidade federal/estadual sendo bacharel em física/matemática do que em uma engenharia ou tanto faz?‎ André Moura

Sou uma pessoa que nunca me preocupo com a questão financeira do que quer que seja. Se você me perguntasse qual a engenharia que poderia dar a maior contribuição para o bem da humanidade, atualmente, eu diria que fosse a engenharia biônica, que promove a interface entre um sistema eletrônico e mecânico com um sistema biológico. Mas se isso dará mais dinheiro, não tenho a menor ideia, porque, em minha opinião, o correto é trabalhar pelo benefício global do trabalho e não pelo proveito pessoal. Ao que me parece, abrem mais vagas em universidades públicas para disciplinas da área tecnológica do que científica.

Concorda com o veto das máscaras em manifestações?‎ Anica

Sim. Acho que todo mundo tem pleno direito de se manifestar, mas tem que ser às claras. Do mesmo modo que condeno o anonimato em qualquer declaração. Todo mundo tem que arcar com todas as consequências do que faz. Fazer algo ocultamente mostra que o que se está fazendo não é legítimo. Note que não estou falando legal. É legítimo contestar uma lei injusta. Mas tem que ser de peito aberto e cara desnuda.

o universo tem 14 bilhões de anos, porém visivelmente vemos 96 bilhões de anos luz, por a caso a luz é mais rápida que ela mesma?‎ João Antunes

Não. Para começar, nós não vemos 96 bilhões de anos luz e sim 46 bilhões. 92 bilhões de anos-luz é o "diâmetro" e não o "raio" do Universo Observável. Ele não é 13,8 bilhões de anos-luz porque, enquanto a luz saiu dessa fronteira, há 13,8 bilhões de anos, o Universo foi se expandindo e, agora, ela está a 46 bilhões de anos-luz de nós. Esse cálculo pode ser feito por uma equação diferencial que vou deduzir e apresentar aqui.

O Diabo era Anarquista? Oque acha dessa resposta -> http://ask.fm/WillDiazRocha/answer/69397130845 ??‎ ___ e mais 1996 pessoas.

Claro que o diabo, se existisse e fosse como se diz que seria, não seria anarquista. Ele quereria era ser um ditador, quereria o poder, quereria mandar, quereria ser servido. Isso não é nada de anarquismo.

É comum que pelo mundo pessoas comam todo o tipo de animal. Muitos imigrantes chegam aqui e sentem falta do que comiam antes. Alem disso sempre há brasileiros buscando novos pratos. Diante dessa peculiar demanda. Cite animais que deveriam ser proibidos por lei de produzi-los para a alimentação.‎ animadruga1

Não acho que nenhuma lei deveria proibir nada, mas sim a consciência de todos. A civilização só será alcançada quando todas as leis forem abolidas por falta de necessidade, já que todos agirão de acordo com o que seja certo, justo, proveitoso, benevolente, aprazível e maximizador da felicidade do maior número de seres. Então se concluirá e se agirá de acordo com o fato de que todos seres sencientes têm direito à vida.

A MATEMÁTICA PODERÁ SER NO FUTURO UMA FERRAMENTA EXCLUSIVA PARA SALVAÇÃO DA HUMANIDADE‎ Paulo Ricardo Fogaça

Não. A Matemática, sem dúvida, tem uma grande parcela de contribuição para o bem da humanidade, especialmente por dar suporte aos avanços científicos e tecnológicos que podem resolver muitos problemas. Mas só isso não basta e nem é o mais importante. O mais importante, sem o qual o progresso tecnológico não adianta, é a evolução do caráter no sentido de construir um homem íntegro, digno, nobre, desprendido, altruísta, generoso, diligente, combativo, honesto, impoluto, virtuoso, em suma, sábio.

Que tipo de coisa de indigna?‎ Maryanne.

Qualquer tipo de injustiça, de intolerância, de preconceito, de crueldade, de ingratidão, de indiferença, de descortesia, de ganância, de inveja, de cobiça, de tapeação, de covardia (nos dois sentidos), de indolência, de negligência, de corrupção e outras ações do tipo.

Escolas deveriam exigir comparecimento compulsório?‎ Daniel

Até o nível fundamental eu acho que sim, mas em termos de um mínimo de horas e não de aulas, que, alías, nem deveriam haver. No nível médio e no superior, acho que os professores devem estar disponíveis para ensinar e quem quiser que aproveite. Se cada um aprender sozinho, tudo bem. sem problema. Desde que consiga ser aprovado nos processos avaliativos, é o que interessa. Mas a aprendizagem não se pode resumir à aquisição de conhecimentos e ao desenvolvimento de habilidades puramente acadêmicas. Há muito mais. Leia o livro "Escola da Ponte", de José Pacheco (Vozes) para ver o que deve ser uma escola. Leia também:
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=4538
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=4518

ACHA QUE OS ASTROS TEM PARTICIPAÇÃO ATIVA NOS ENSINAMENTOS E ATIVIDADES DO HOMEM INCLUINDO EM PARTES SEUS ATOS‎ Paulo Ricardo Fogaça

De modo nenhum. Exceto porque os átomos de que somos feitos foram produzidos no interior de estrelas que explodiram, a partir de cujos dejetos o Sol e a Terra se formaram, os astros não têm influência nenhuma nas ações humanas ou de outros seres. Somente fenômenos de grande vulto, como as marés, devido ao grande tamanho do oceano, da atmosfera e do magma, que as sofrem, são influenciados pelos astros e, mesmo assim, só o Sol, pela grande massa e a Lua, pela proximidade. O Sol, certamente é a fonte de energia de tudo o que acontece na Terra. Mas isso não faz com que ele influencie os acontecimentos. Ele apenas supre a energia consumida. Da mesma forma que a gasolina não decide o trajeto da viagem.

A "Mind Uploading", i.e., o escaneamento do cérebro p/ transferi-lo p/ um computador é possível, é ético? Opine.‎ Daniel

Em tese é possível, mas, na prática, não se tem tecnologia suficiente para tal, por enquanto. E ainda vai demorar a ter. Quanto a ser ético, depende do uso que se for fazer, como acontece com toda tecnologia. Se uma pessoa estiver para morrer e quiser preservar suas memórias para serem posteriormente implantadas em um robô que venha a ser inventado e tenha consciência, acho válido. Não acho válido se fazer um clone e, quando ele atingir a idade da pessoa cuja memória tiver sido preservada, ela seria implantada nele. Porque o clone é outra pessoa, tem outras memórias. Ao substituí-las pelas do falecido, está se matando a pessoa do clone, mesmo que seu organismo continue vivendo com outras memórias. Mas não é mais a mesma pessoa. Aquela de até então deixou de existir. Foi assassinada.

O que é a homossexualidade para a religião ?‎ Kaah M.

Depende de qual religião. Pelo que sei, o islamismo e o cristianismo consideram que seja uma aberração pecaminosa. Isto é, se a pessoa tiver essa orientação natural, deverá reprimi-la, senão estará vivendo em pecado, mesmo que só em pensamento. Acho um absurdo. Se é algo inato, da natureza da pessoa, além de não constituir em maldade nenhuma contra ninguém, como pode ser pecado? Como pode uma manifestação de amor ser contrária aos ensinamentos divinos, que proclamam a primazia do amor sobre o ódio, os ressentimentos, a intolerância e o preconceito. Para mim, religiosos que discriminam os homossexuais é que são pecadores. Sexo não é pecado, de modo nenhum. A não ser quando feito sem aquiescência dos envolvidos, como no estupro ou na pedofilia, ou para propósitos outros que não ele mesmo e o amor, como quando alguém faz sexo para obter vantagens econômicas, sociais ou de outra ordem. Aí é que é pecado. Quanto às outras religiões, não sei o que dizem a respeito da homossexualidade.

Gosta de crianças?‎ Marjorie Freitas

Muito. E as crianças gostam muito de mim também. Acho que é porque eu as levo a sério. Para elas as brincadeiras são a vida mesmo. Então você tem que encarar do mesmo modo e se integrar ao modo infantil de encarar a brincadeira. Sem fingir que é criança. Ela sabe que você não é. Mas não gosta se você menospreza suas considerações.

Ernesto, peço encarecidamente que me ajude com uma questão. Gostaria de incentivar um familiar pequeno a pintar, pois acho que é interessante dar estímulos criativos desde cedo. Sei que você pinta. Que materiais e tintas são interessantes? O que você me recomenda para essa iniciação?‎ Felipe

Não tenho nenhum treinamento formal em pintura. Pinto por intuição. A tinta a óleo é mais fácil, pois custa mais a secar, permitindo desfazer e refazer. E o melhor suporte é a tela mesmo, comprada pronta. A princípio não precisa ter muitos pincéis. Para uma pintura mais marcada, como eu gosto, prefiro pincéis de cerdas mais duras, uns seis chatos, com larguras de 2,0; 1,5; 1,0; 0,7; 0,5 e 0,3 cm e uns quatro redondos, mais macios, mas não muito, com larguras de 0,5; 0,3; 0,2 e 0,1 cm. Vai precisar de paleta e solvente óleo de linhaça, para os fundos lisos. Comece fazendo um esboço com lápis e vai pintando do fundo para a frente, primeiro as grandes áreas, com as cores chapadas de fundo, depois vai acrescentando detalhes, em várias séries, sempre do fundo para a frente. Pode usar espátula também, mas recomendo começar com pincel. Não precisa comprar muitas cores. Pode fazer as misturas e ir tentando. Não tem segredo. O negócio é experimentar. Esse negócio de usar figuras geométricas é bobagem. Vai fazendo o desenho de modo intuitivo. Fica melhor do que muito planejamento. E as cores não precisam ser fiéis. Isso quanto a pintura figurativa. Se for abstrata, aí é tudo imaginação mesmo. É muito gostoso. Pode basear em fotografias, mas não deve ser como um xerox. Tem que criar em cima, modificando. O mais desafiante é a figura humana. É bom começar com paisagem, flores, frutas, casario. Para ir definindo o estilo. É legal escolher uns temas diferentes, como insetos, mecanismos, nuvens, tempestades, tratores, mobiliário... sei lá. Se for criança pequena, é melhor usar guache, pois não é tóxico. Então deve se usar papel canson grosso, em vez de tela. Aquarela é bem mais difícil. Mas pode usar giz de cera também. O solvente do guache é água. Aí não se usa paleta, mas godês, que são pratos ou paletas com vários fundinhos para dissolver e misturar as cores.

Há cálculos impossíveis de se resolver sem a calculadora, admito que me dou mal em alguns testes pois meu professor não permite que os alunos a usem. Vou dar uma olhada nos exercícios, ver se há algo que já aprendi e tentar fazer! :)‎ Jaíne C.

Somente funções trigonométricas, exponenciais e logarítmicas, bem como raízes de índice maior do que dois não podem ser feitas à mão e requerem calculadoras ou tabelas. Adições, subtrações, multiplicações, divisões, potenciações e raízes quadradas podem sempre serem feitas à mão, mesmo que sejam de números fracionários ou decimais. É bom saber fazer, para quando não se dispuser de calculadora.

O senhor é a favor, ou contra o uso da calculadora na sala de aula? Meu professor proíbe, e eu não concordo em nada com essa restrição dele.‎ Jaíne C.

Depende. No nível em que a criança está aprendendo as quatro operações, o uso de calculadoras não pode ser admitido. Depois disso pode. Especialmente para cálculos envolvendo trigonometria e logaritmos. Num nível mais avançado, pode-se, até, usar calculadoras programáveis. Muitos professores temem que alunos programem as fórmulas e as consultem. Bom... Em minhas provas eu incluía o formulário necessário. Acho besteira decorar fórmulas. Mas eu pedia deduções de fórmulas ainda não vistas em classe. E minhas provas de múltipla escolha eram de muito entendimento conceitual e raciocínio e não de memorização. Veja estas questões que elaborei para vestibulares da FDV: http://pt.scribd.com/doc/165109910/FisicaFDV

Professor, uma vez ao pedir a opinião de um professor meu sobre o Deísmo, ele disse que adeptos ao Deísmo não têm fundamento de opinião nenhuma, que só ficam em cima do muro e que, ou é ateu ou não é! Sei pouco sobre mas não concordei em nada. O senhor tem essa mesma opinião em relação ao Deísmo?‎ Val

Não acho que o deísmo seja uma concepção indecisa sobre a existência de Deus. Penso, até, que, a se considerar que Deus exista, a opção deísta é a mais condizente com os fatos. Seu professor diz que ou se é ateu ou se é teísta. O teísmo difere do deísmo ao considerar Deus como provedor contínuo do Universo, enquanto o deísmo só o tem como criador. Nenhuma das duas inclui o fato de Deus ter três pessoas, de Jesus ser Deus, de Maomé ser seu profeta nem nada disso. São concepções filosóficas de Deus e não religiosas. Não admitem revelação nenhuma.

1-Vc acha justo que um estrangeiro liberte,na calada da noite,uma mulher presa,condenada a ser apedrejada por traição ao marido?2- Vc acha justo que um estrangeiro seja preso na Índia por ter matado uma vaca para almoçar?3-Vc acha justo alguém no Brasil ser preso por ter matado e comido um cachorro?‎ animadruga1

1 - Sim; 2 - Sim; 3 - Não.

Continuei lendo sobre matéria escura e li que ela é responsável pela estrutura do universo. No caso, pensando no universo como uma caixa e tudo visível nele como pontos pintados, a matéria escura seria o papelão onde se encontra os pontos e que da a forma da caixa?‎ Não sou Headbanger

Não, porque a matéria escura não é uniformemente distribuída pelo Universo, mas sim localizada nas galáxias, junto da matéria ordinária, mas indo além da borda da galáxia. O que se distribui uniformemente pelo Universo, independentemente de haver ou não matéria no lugar, é a impropriamente chamada de "energia escura", que seria um tipo de campo que age sobre o espaço, inchando-o. Veja isto:
http://scienceblogs.com/startswithabang/2011/03/07/dark-matter-requires-you-to-th/
http://www.newscientist.com/article/dn13362-giant-ropes-of-dark-matter-found-in-new-sky-survey.html#.Ukxiv4ZJ4rU

O que diferencia uma Teoria e uma Lei?

Uma Lei, em ciência, é uma descrição de algum comportamento da natureza ou da sociedade relativo a um particular fenômeno, obtida por um processo indutivo com base em observações ou experimentações em muitos casos. A lei é, pois, empírica. A partir das leis, por raciocínio lógico, se podem demonstrar vários teoremas, cuja validade se assenta na validade das leis de que foram deduzidos. Uma hipótese é uma proposta de explicação para um grupo de leis relativas a uma mesma classe de fenômenos, ocorridos com o mesmo tipo de sistema. As explicações devem contemplar respostas para questões do tipo: Como? Por que? Para que? O que? Uma vez formulada uma hipótese explicativa, ela precisa ser submetida ao crivo de verificações de sua validade, por meio de experiências de "falseamento", isto é, de testes em casos em que ela poderia se revelar falsa. Se ela mostra sucesso em todos os casos em que seja submetida a falseamento, pode ser elevada à categoria de "Teoria", que é um pacote explicativo de uma classe de fenômenos que se revelou correto até o presente momento. Além disso pode-se considerar, em ciência, um "Princípio", que é como se fosse uma Lei Primordial, da qual as leis de certa classe de fenômenos poderia ser deduzida logicamente. Mas o princípio, em si mesmo, não é verificado diretamente. Apenas por seu sucesso em levar a leis que sejam empiricamente verificadas.

Quando apontamos um laser a um espelho, movemos o laser para frente e para trás... a velocidade entre o objeto e imagem quebra a velocidade da luz?‎ André Moura

Não. Nesse caso você não pode usar as expressões de adição galileana de velocidades, mas as relativísticas. Veja a terceira observação deste artigo: http://plato.if.usp.br/~fma0374d/aula6/node2.html

Mas você não acha que estes territórios que anseiam secessão estão, em grande parte, sendo guiados por sentimentos equivocados, como nacionalismo, ufanismo e, porventura, xenofobia e etnocentrismo?‎ Daniel

Pode ser, mesmo assim acho melhor que sejam independentes do que estejam sujeitos a um governo central que não desejam. Como o curdos, os chechenos e outros. Inclusive, no meu entendimento, o nacionalismo, o ufanismo, a xenofobia e o etnocentrismo ficam maiores enquanto os povos não são livres.

Fui ler sobre matéria escura e dizia que uma das formas para a detecção dela foi o efeito gravitacional que ela causava. O que seria esse efeito causado, no que ela causa e o que ocorre?‎ Não sou Headbanger

A massa de uma galáxia pode ser estabelecida de dois modos. O primeiro consiste em medir sua luminosidade total e supor que a massa média de suas estrelas seja a mesma que a da nossa, bem como a fração de massa de gás, poeira e planetas em relação a estrelas. Essa é a sua "massa luminífera", que corresponde a seu conteúdo de matéria ordinária. Outra forma é pelo movimento de seus satélites, sejam outras galáxias menores ou aglomerados globulares, usando a lei da gravitação. Essa é sua "massa gravitante". Para a maioria das galáxias a massa gravitante é maior do que a massa luminífera. Isso significa que existe alguma matéria não ordinária dentro da galáxia, que não corresponde a estrelas e planetas, nem gases nem poeira. Dá-se à fonte dessa massa o nome de "matéria escura". Ela existe dentro de praticamente toda galáxia e consiste em quase o sêxtuplo do valor da massa luminífera, isto é, a massa gravitante é sete vezes maior que a luminífera. Há muitas hipóteses sobre que conteúdo contribui para essa massa. Não existe, contudo, matéria escura nos espaços intergaláticos. Veja este artigo:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Mat%C3%A9ria_escura

Ateus x religião: quem está com a razão? (perfil)‎ Difusão Mental

Os ateus estão com a razão, pois não há evidências nem provas, sequer indícios de que Deus exista. Logo, a hipótese a se assumir é a da não existência. É possível que exista, mas isso só se pode considerar verdadeiro se houver evidência ou comprovação, o que não há. Se, pelo menos, houvesse indícios, poder-se-ia admitir a existência com base em uma crença suportada por esses indícios. Mas, como não os há, a fé em Deus se torna uma crença completamente descabida. Note que, também, não há evidências nem provas de que não exista. Mas, não havendo provas nem evidências há que se supor a inexistência, já que a suposição contrária seria totalmente gratuita.

Como surgiu a vida humana na Terra? Nós viemos mesmo dos macacos?‎ Ana Clara Rodrigues

Entre no Google e coloque: inurl:wolfedler macaco . Você achará todas as respostas que já dei aqui e em meus blogs sobre isso, que foram muitas.

Esse fim de semana fui internado por pnemonia em um hospital público adiministrado por irmãs de caridade.Me senti oprimido em dizer que era ateu,quadros religiosos espalhados pelo quarto,irmãs toda hora chamado para rezar terço.Percebi que existe uma hegemonia e um preconceito!‎ Lukas Sousa

Como o hospital é público, tem que acolher pacientes de qualquer religião, ou nenhuma. Você poderia ser judeu, muçulmano, hinduísta, budista, umbandista, ateu ou o que seja. Não acho correto que se impinja práticas de uma particular religião aos pacientes que não as solicitam. A se oferecer conforto religioso, deveria se perguntar, antes, de qual religião a pessoa desejaria.

Professor, muito bom dia. O que acha a respeito disto: http://tecnologia.br.msn.com/noticias/universo-pode-ser-apenas-parte-de-um-buraco-negro#scpshrjwfbs ?‎ Thales Halley

Sendo o raio do Universo Observável igual a 4E26 m e o conteúdo de massa-energia 2,4E54 kg (incluindo matéria normal, matéria escura e energia escura), pode-se calcular o raio de Schwarzschild desse conteúdo, que dá 1,8E27 m. Logo o Universo Observável está dentro de um Buraco Negro correspondente a seu conteúdo. Quanto a essa questão do universo ser uma hipersuperfície tridimendional de um buraco negro quadridimensional é uma conjectura imaginária, que precisaria ter alguma consequência passível de comprovação para ser aceita. A princípio, considero-a incorreta. (Observação: 2E3 = 2 x 10^3 = 2000)

Aprecio muito as obras de Bartók também, assim como Stravinsky, quando comecei a me aprofundar mais no piano comecei a me espelhar em ambos para compor, é uma pena que, como você disse, pouca gente aprecie esse tipo de arte hoje em dia. Compor minhas próprias músicas e escutar esses mestres me faz s‎ Arthu

Os brasileiros como Villa-Lobos, Camargo Guarnieri e outros também são ótimos, como o argentino Ginastera. Você gosta de Erik Satie?

Dizem que uma das maiores dádivas que um ser humano pode ter é a inteligência, concorda com isso? Acha que depois de tanta coisa que o senhor aprender o senhor acabou virando uma pessoa melhor?‎ João Antunes

Sem dúvida, mas há algo mais valioso, que é, em parte uma dádiva, em parte um construto pessoal. Trata-se do caráter. Isso é que precisa ser cultivado pelo processo educativo formal e é deixado de lado pela escola. A inteligência também, bem como a sensibilidade, a criatividade, a força de vontade, a boa educação, a cultura, as habilidades artísticas e outras características da personalidade que o processo educacional atual, quase inteiramente focado na aprovação em vestibulares, deixa de lado. Certamente que, pelo aprimoramento da inteligência e a aquisição de conhecimentos, habilidades e cultura, uma pessoa pode se tornar melhor, mas essa melhoria só será valiosa se for colocada a serviço do bem comum. Isso também vale para a riqueza. E essa atitude é uma consequência do bom caráter.

Vi que citou Vangelis na última resposta, sou também um grande fã dele como da sua banda, Aphrodite's Child, o senhor já escutou gosta dos mikrokosmos de Béla Bartók?‎ Arthur

Sim. Aprecio muito Bartók, bem como outros modernos, como Stockhausen, Hindemith, Messiaen e outros, até o Cage, além, é claro de Schönberg, Shostakovitch, Stravinsky. Mas o público, em geral, não aprecia muito esse tipo de música, de modo que eu toco raramente em meu programa.

"Quem acha que ciência não tem relação com religião ou não entende de ciência ou não entende de religião ou as duas coisas" Frase dita por um prof meu! O que achas?‎ Vitor Barbosa

Discordo completamente. Quanto mais se entender de ciência e de religião é, justamente, que vai se concluir que elas não têm nada a ver uma com a outra. A ciência busca a verdade sem nenhuma pré-concepção e está sempre aberta a rever-se. A religião já parte do que considera ser verdade e busca justificativas científicas para ela, rejeitando as conflitantes, mesmo que corroboradas e não se dispondo a rever suas concepções. Seu professor está totalmente equivocado. A ciência é cética, enquanto a religião é dogmática. Pode ser que, em alguns casos, o que a ciência descubra coincida com o que a religião diz. Mas a religião diz o que diz sem fundamento. Tratam-se de opiniões de pessoas que as exararam há muito tempo e as publicaram como se fosse uma revelação divina. Mas isso é impossível, pois diferentes religiões, todas ciosas de serem portadoras da revelação divina, dizem coisas diferentes. Como descobrir qual delas contém a revelação e quais são fraudes? Pela fé? Ora, mas em todas elas há pessoas de fé sincera. Isso não pode ser critério de verdade, em absoluto. Senão haveria verdades conflitantes. Para mim todas estão erradas, exceto no que, por coincidência, elas disserem o mesmo que a ciência. Por enquanto, já que a ciência não pretende ter a verdade definitiva e está sempre se corrigindo.

http://ask.fm/wolfedler/answer/69867992349 Mas pra que haja sombra é necessário ter um corpo, certo? E pra sombra se deslocar com uma velocidade, o corpo precisa se descolar com essa velocidade, certo?‎ Rodrigo Appendino

Não. Se a distância do corpo à fonte de luz for metade da distância do anteparo da sombra à fonte de luz, a sombra vai se deslocar com o dobro da velocidade do corpo. Se for um décimo, a sombra será dez vezes mais veloz. É uma questão de semelhança de triângulos. Isso vale para focos de luz, também, bem como para outros objetos puramente geométricos, cujo movimento não corresponda ao movimento de nada físico. Por exemplo, a velocidade com que uma folha de papel é cortada por uma tesoura. O ponto que separa a parte já cortada da não cortada pode se deslocar com velocidade maior do que a da luz, pois a coisa física que se move é a lâmina da tesoura e, se o ângulo for pequeno, a velocidade do corte pode ser cem vezes maior que a da lâmina.

quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Como assim: "Uma sombra, por exemplo, pode se deslocar com velocidade maior do que a da luz." ?‎ Rodrigo Appendino

Claro, pois no deslocamento da sombra não há nada físico se deslocando, apenas a fronteira entre os pontos iluminados e os não iluminados. Nem a luz acompanha o movimento da sombra, sendo perpendicular ou oblíqua a ele. Se você apontar um raio laser para a Lua e mover a lanterna para o lado, a mancha iluminada lá na Lua pode se deslocar lateralmente com velocidade maior do que a da luz. E nem precisa mover a lanterna tão rápido assim, basta ser mais do que 8 rpm. Faça a conta para ver.

Professor, por onde eu começo a estudar o Universo? É tanta coisa que eu não sei como me organizar. Pode, por favor, dar-me dicas? Por favor?‎ Interestelar

Recomendo a você a leitura do livro "Descobrindo o Universo", de Comins & Kaufmann (bookman). Tem umas 600 páginas de tamanho grande e uma fartura de ilustrações e fotos coloridas, de modo que vai te deixar inteiramente por dentro do assunto. Depois que você ler esse, te passo uma lista de outros mais aprofundados.

professor, na sua resposta abaixo, o senhor cita que a velocidade da luz é inalcançável. porém, eu vi em um documentário a uns meses atrás sobre algo chamado teletransporte quântico, e teletransporte de informações. qual sua opinião sobre os mesmos?‎ Ryuuki Ando

Nesse caso o que foi transportado não é nada que possua massa nem energia, mas só informação. O limite da velocidade da luz é para sistemas físicos que possuam massa, energia ou ambas. Uma sombra, por exemplo, pode se deslocar com velocidade maior do que a da luz. Trata-se do fenômeno de emaranhamento quântico em que um sistema é separado em dois, com uma ligação quântica do estado do conjunto e, então, as partes afastadas (mas não com velocidade maior do que a da luz). Se, depois disso, uma das partes sofrer uma alteração no estado, a outra se alterará instantaneamente de modo a que o estado global se mantenha. Mas nada foi levado de uma à outra parte.

O que acha sobre o preconceito da religião com o homossexualismo?‎ Kaah M.

Só tenho notícia desse preconceito para as religiões abrahãmicas, isto é, judaísmo, cristianismo e islamismo. Não sei quanto às demais. Mas penso que, especialmente no caso do Cristianismo, é uma incoerência com sua máxima de "amarem-se uns aos outros", que foi externada, segundo se apregoa, por Jesus, sem nenhuma exceção. Como homossexualidade é uma expressão de amor, para mim está abrangida pelo mandamento cristão. Então deveria ser acolhida com loas e não impropérios. Quem é preconceituoso em relação à homossexualidade está cometendo um ato de desamor, enquanto os homossexuais, um ato de amor. Então eles é que são mais virtuosos, do ponto de vista cristão. as, de fato, a opinião das religiões a respeito, qualquer que seja ela, é totalmente irrelevante. Cada um deve conduzir a sua vida como preferir, desde que não prejudique a ninguém. E não sei em que a homossexualidade seria prejudicial a quem quer que seja.

O que é um hiper-híperon?‎ x

É uma partícula subatômica constituída por um número muito grande de quarks. Um próton e um nêutron têm três quarks. O maior híperon já detectado em laboratório, o ômega, tem o equivalente a nove quarks. O caroço de um buraco negro pode ter o equivalente a 10^57 quarks em uma única partícula. Isto se forem quarks up e down, isto é, de primeira geração. Mas podem haver quarks mais pesados, de gerações mais altas. Possivelmente o caroço de um buraco negro poderia ser um único quark. Mas são conjecturas e ainda não se tem uma teoria quântica do caroço do buraco negro. Pela Relatividade Geral ele teria volume nulo e densidade infinita, mas isso não é compatível com a física quântica.

Como seria possível viajar para o futuro se este nem aconteceu ainda?‎ Gustavo Felix

Veja bem: você está sempre indo para o futuro, o tempo todo. O que se chama viagem para o futuro é simplesmente o que sempre acontece, só que a uma taxa diferente. Quando você se move a uma grande velocidade em relação a outrem. Tanto para você quanto para ele, o ritmo de passagem do fluxo do tempo é o mesmo, em relação a si próprio. Ou seja, um segundo por segundo. O fio de sua barba não vai crescer mais depressa. Mas, um em relação ao outro, haverá uma diferença, que depende da velocidade relativa. Por exemplo, se você estiver com 60% da velocidade da luz em relação ao outro, enquanto se passou um ano para ele, terão se passado apenas 9 meses e 18 dias para você. Quer dizer que você terá chegado num momento um ano adiante, tendo vivido apenas 9 meses e 18 dias. Para tudo que foi junto com você, também terá se passado esse tempo seu. Se tiver um calendário digital à bordo, ele terá avançado esses 292 dias, ao invés de 365. Por isso é que se diz que você foi ao futuro, isto é, você avançou 73 dias em relação ao tempo que viveu. Mas, para quem ficou na Terra, os dias avançaram normalmente e tudo foi acontecendo à razão de um segundo por segundo. Quer dizer que você viveu 0,8 segundos por cada segundo que se passou na Terra. Ou reciprocamente, o tempo da Terra avançou 1,25 segundos por cada segundo do seu. Sua rapidez de avanço do tempo foi de 1,25s/s. Esse número é dado pela expressão (1 - v²/c²)^(-1/2). Pode calcular.

na teoria da relatividade se alcançassemos a velocidade da luz,o tempo so pararia para quem, esta nessa velocidade ou para tds?‎ Deninho lerdo

Só para quem está nessa velocidade. Mas note que o atingimento dessa velocidade é uma impossibilidade para qualquer sistema que possua massa. Somente a luz tem a velocidade da luz. E ela não se acelera até alcançá-la. Ele só existe com a velocidade da luz.

Vereadores deixam de aprovar projetos q visivelmente trariam desenvolvimento ao município, apenas por fazerem parte da oposição. Enquanto isso, pelo orgulho ferido dessas pessoas, não há progresso, e o descontentamento dos cidadãos é ignorado. Opina? Suas críticas são muito construtivas, professor.‎ Jeferson Coppini

Quem agir assim é um verdadeiro asno. Um político sem a menor integridade moral. Uma pessoa que pensa em termos de vantagens eleitorais e não no benefício do povo. Um POLÍTICO, com "P" maiúsculo, não se importa com essas questiúnculas partidárias nem com o benefício de seu partido, muito menos com as vantagens pessoais. Ele está lá para servir ao povo e tem que votar a favor de tudo que beneficie o povo, mesmo que seja proposta adversária, bem como votar contra tudo o que prejudique ao povo, mesmo que seja proposta de seu partido. Ele não tem que ter fidelidade partidária. Tem que ter FIDELIDADE CIDADÃ. É preciso que os eleitores acompanhem o trabalho dos políticos para não reeleger pessoas desse tipo. Fazendo assim se pode renovar os plantéis políticos do mundo e deixar esses falsos políticos completamente alijados da atividade política para o resto da vida. Não sei como Collor pode ser eleito de novo. É muita sem-vergonhice dos eleitores votar em gente do tipo.

O q pensa sobre canibais‎ lukinha

Não concordo de modo nenhum. Mesmo comer animais de outras espécies eu fico pensando que não seria certo, quanto mais da própria. Só admito se se comer quem já estiver morto e isso, apenas, em uma situação especialíssima de total falte de outro recurso para sobreviver. Mas não matar para comer. Nesse caso é preferível morrer.

Prof., você acha que a Catalunha e o País Basco deveriam ser independentes da Espanha?‎ Daniel

Acho sim. Acho que todos os países que quiserem sua independência deveriam tê-la se é o que o povo de lá quer. Isso vale para a Escócia, País de Gales, Irlanda do Norte, todas as repúblicas da Rússia, a Galícia, os estados do Brasil que quiserem se separar. Quanto mais fracionado for o mundo, melhor. Cada estado dos Estados Unidos deveria ser independente, como os do Brasil ou, até mesmo, pedaços de um estado, como o Triângulo Mineiro. Isso é ótimo para a anarquia chegar mais depressa. Mas eles deverão se reunir em entidades supranacionais, como a comunidade do Euro.

Professor, em uma sociedade anarquista, o que aconteceria com quem fizesse ''coisas ruins''?‎ Mad King

Seria rejeitado pela sociedade e não participaria das benesses comunitárias até que se arrependesse e se regenerasse. Isso poderia levá-lo, inclusive, a passar fome e frio, pois sua presença poderia ser recusada nos refeitórios e dormitórios coletivos. A pressão seria muito grande, podendo levá-lo ao suicídio. A não ser que ele tivesse uma patologia mental, caso em que seria recolhido para tratamento. Uma sociedade ideal não pode admitir maldade em seu seio. É uma sociedade de pessoas virtuosas. Mas a virtude não é um moralismo rígido e estéril. Ela contempla o amor e o perdão. Mas requer a boa disposição de fazer o bem desinteressadamente. Não há lugar nem para a preguiça, nem para a cobiça, nem para a ganância, nem para o egoísmo, nem para a crueldade, nem para a tapeação.

Qual a sua frase predileta?

Esta, de minha autoria: "Você tem sempre a ver com tudo aquilo de que toma conhecimento".

O que você acha do esforço físico intenso como forma de melhorar a saúde? Você pratica ou é disposto a praticar alguma atividade física?‎ Marcos Farias

Não sei. Acho que o esforço moderado é melhor. Não pratico nenhum esporte nem atividade física, não porque não ache que seja bom para a saúde, mas porque não tenho o menor gosto. Sei que preciso fazer, mas detesto. Nunca pratiquei na vida. Esporte, nem assisto, especialmente se envolver bola. Contudo gosto de ver ginástica olímpica e patinação no gelo. Se eu fosse praticar algum esporte, preferiria alpinismo.

voce tem algum conhecimento de fisica quantica??‎ Ryuuki Ando

Sim, estudei no meu nivelamento de bacharelado em Física e em meu mestrado. Fui professor dessa matéria no Bacharelado em Física da Universidade Federal de Viçosa por vários anos.

O ateismo nega apenas a existencia de um deus pessoal ou tbm nega a impessoalidade de deus assim como é o Tao para os taioistas?‎ nick☼

O ateísmo considera a inexistência de qualquer modalidade de divindade. Não só o Deus Abrahãmico, mas o Deus dos deístas, dos panteístas, o Brahman, o Tao, o Demiurgo ou o que seja do tipo.

entao, essa historia de que se um objeto cair num buraco negro, sera levado a outras galaxias ou dimensoes, nao passa de um mito?‎ Raelson Hipolito

Isso é uma elucubração baseada em uma extensão da solução das equações do Buraco Negro para situações imaginárias. Todavia não há garantia nenhuma da realidade dessas soluções. Não se observou nada disso. Veja o trabalho que escrevi a respeito:
http://pt.scribd.com/doc/144079482/Buracos-Negros (item 10, página 50)

Mais uma para a coleção de polêmicas de Marco Feliciano: Num vídeo que está rodando pela internet, o parlamentar diz que os católicos "adoram Satanás e têm o corpo entregue à prostituição". Comente:‎ Difusão Mental

Uma pessoa dotada de plenitude de suas faculdades mentais não pode ser capaz de dizer uma asneira dessas, Nem eu que sou ateu acho que católicos tenham a maldade que teriam se fossem adoradores de satanás. Claro que não são, pois satanás não existe. Nem sequer, contudo, acham que são, eles que acreditam em satanás. Nem se entregam à prostituição, como regra geral. Claro que podem haver prostitutas e prostitutos que sejam católicos, como também podem ser evangélicos. Mas isso não é uma característica do fato de ser católico. Pretender infundir essa ideia no meio de seus seguidores é que é uma atitude demoníaca. Tirando os pastores do tipo dele, também não acho que os evangélicos seja o tipo de besta que eles são. Só penso que são ingênuos para cair na conversa deles e se equivocarem tão completamente sobre a realidade. Essas pessoas teriam que ser processadas por estelionato e prevaricação a respeito da credulidade pública, do mesmo modo que astrólogos e assemelhados.

o que acontece com objetos que passam por buracos negros? Sao destruidos? Levados a outra dimensao? O que?‎ Raelson Hipolito

Se algo cair dentro do horizonte de eventos de um buraco negro será inexoravelmente levado a seu caroço, onde passará a fazer parte do único hiper-híperon de que é constituído, com uma densidade de cerca de 10^84 g/cm³, 10^70 vezes maior do que a de um núcleo atômico ou uma estrela de nêutrons. Para se ter uma ideia, se o Sol se tornasse um buraco negro, seu caroço teria 10^-19m de raio, isto é, dez mil vezes menor do que o tamanho de um elétron.

Carl Sagan disse: "Se não existe vida fora da Terra, então o universo é um grande desperdício de espaço"- Você acredita na existência de vida inteligente além da Terra, (não estou falando de vida microbiana, e sim inteligente) tendo em conta que o universo é infinito e está em expansão contínua?‎ Difusão Mental

De fato é um desperdício. Mas pode ser que seja mesmo um desperdício. Todavia, sendo o Universo infinito, então, por menor que seja a probabilidade de haver alguma vida inteligente em algum lugar, haverá uma infinidade de lugares com vida inteligente. Só que eles devem estar tão afastados uns dos outros que a comunicação não se torna possível. Dentro do Universo observável existem centenas de bilhões de galáxias (mas não trilhões). Cada galáxia tem, talvez, trilhões de planetas (mas não dezenas de trilhões). Então deve haver 100 sextilhões de planetas no Universo Observável. Se houver só três com vida inteligente por galáxia, então haveria 300 bilhões de planetas com vida inteligente no Universo Observável. Mas, nem os outros dois que haveriam em nossa galáxia conseguiriam se comunicar conosco. O fato do Universo estar em expansão não faz diferença para o número de planetas com vida inteligente mas dificulta mais ainda a comunicação.

O que é bom e ruim em expressar a sua subjetividade?‎ Agnes.

Não acho que tenha nada de ruim, desde que não se pretenda que a opinião pessoal seja aceita por todos sem contestação. Acho muito bom que todo mundo diga o que pensa a respeito de tudo e se abra em relação a seus sentimentos, preferências, gostos, opiniões e tudo o mais. Assim tudo fica claro para todo mundo e ninguém precisa ficar supondo nada. Inclusive é bom que todos conheçam muitas idéias diferentes a respeito do que quer que seja, para que possam fazer suas escolhas com mais embasamento e convicção. Detesto dissimulação, indiretas, obscurecimento e coisas do tipo. Gosto de tudo às claras e bem definido.

O que aconteceria se uma estrela de neutrons se aproximasse de um buraco negro?‎ Erick Oliveira

Depende do quanto se aproximar. Se chegar mais perto do que o horizonte de eventos, será capturada por ele, como qualquer outro objeto. Se passar mais longe terá sua trajetória desviada como se fora por uma massa qualquer, podendo entrar em órbita em torno dele ou não.

Professor ovo cru faz mal a saúde?‎ Fernando

Pode fazer se houver contaminação do conteúdo interior com a casca suja ou se tiver ficado muito tempo armazenado antes de ser comido. Nesse caso, a fritura ou o cozimento matariam os germes patogênicos. Por outro lado, podem alterar alguma substância que seria de melhor aproveitamento sendo crua.

Recomenda algum livro de nivel superior para um estudo introdutório a Física? Estou no Ensino Médio ainda, mas gostaria de começar a estudar logo.‎ André Moura

Se você quer saber física mesmo, recomendo que vá a uma biblioteca e pegue o "Curso de Física de Berkeley", cujos dois primeiros volumes (de cinco) foram traduzidos para o português pela Edgard Blücher (já esgotados). São de Mecânica e Eletromagnetismo. Os outros três, Ondas, Física Quântica e Física Estatística só têm em Inglês (Mc.Graw-Hill) e Espanhol (Reverté). Outro muito bom é o "Lições de Física" de Richard Feynman (http://www.submarino.com.br/produto/6834460/livro-licoes-de-fisica-de-feynman).
Para você se preparar para estudar esses livros eu recomendo a coleção do PSSC em quatro volumes para o Ensino Médio, também esgotada (Editada pela Fumbec-UnB)
200.17.141.35/.../Physical%20Science%20Study%20Committee.ppt

O Presidente da Nestlé disse em recente entrevista que "Água não é um Direito Humano Básico." Ele também acredita que a resposta às questões de água global é a privatização. O que dizer sobre isto?‎ Difusão Mental

Discordo totalmente. Para mim água é como ar. Tem que ser de graça. Os governos precisam cuidar de distribuir água para a população em uma cota gratuita por pessoa. O que ultrapassar pode ser cobrado, bem como o consumo empresarial. Acho uma total indecência a privatização do tratamento e distribuição de água. Bem como a cobrança de pedágio em vias urbanas. Para isso se paga imposto. O imposto é mais justo, porque onera mais quem tem mais dinheiro, enquanto a taxa é cobrada pelo serviço, seja a quem for.

Seu acervo de livros ali na foto é magnífico. Aliás, muito obrigada pela dica. Música Clássica é sempre uma boa. Qual seu compositor favorito?

Meu compositor favorito é Brahms. Produzo e apresento um programa de música clássica na Rádio da UFV, às quartas, às 20 horas, sintonizável em www.rtv.ufv.br .
Veja isto (fotos de 5 anos):
https://picasaweb.google.com/108296387069664000122/MinhaBiblioteca (retire #_=_ do fim do endereço que aparecer)

Só acho que deverias repensar. Nada mais. Deus te ama, e você se recusa a aceitar. Quando você morre, estará ou no Céu ou no Inferno. E é nisso que eu acredito. Você pode dizer que eu desperdiçarei uma vida crendo nisso, e mais muitas coisas, já ouvi isso tudo mas eu creio e nunca vou deixar de crer‎ Maçã

Que Deus está aqui comigo. E me ama
Você pode perfeitamente manter a sua crença, se isso é o que te conforta. Eu não faço nenhum juízo mal de você por isso. Nem acho que seja ignorância ou burrice sua. É a sua escolha, com todo o direito. Só acho que é uma escolha equivocada de sua parte. Mesmo assim eu gostaria que você desse à sua vida um sentido de fazer um bem para o mundo aqui na vida mesmo. Para que o mundo fique melhor pelo fato de você existir. Se você viver assim, creia ou não em Deus, você estará dando um grande significado a sua vida.

Acha mais promissora uma carreira de arquitetura ou de engenharia civil?‎ João Antunes

Depende do que você chama de "promissora". Para mim, Arquitetura é muito mais criativa e estimulante do que Engenharia Civil. Quanto a ser mais rentável, depende. Um excelente arquiteto pode ganhar mais que um engenheiro, mas, na média, acho que engenheiros ganham mais, porque há mais campo de trabalho. Eu escolheria Arquitetura, sem me importar com o quanto ganharia, mas porque é mais excitante, mais desafiante, mais expressivo da criatividade.

nao acredito que o universo tenha surgido "de nada", é algo que ao meu ver, é impossivel de acontecer, tem que ter uma causa, ou um criador, essa é a explicação mais viavel ao meu ver.‎ Raelson Hipolito

Por que é que "tem" que ter uma causa? Isso é um preconceito. A observação dos eventos em nível macroscópico permite identificar causa para eles, do que se induz que todo evento seria efeito de uma causa. No entanto nenhuma conclusão induzida é garantida, sendo derrubada por um único contra-exemplo. Em nível microscópico acontecem miríades de eventos que não são efeitos de causa nenhuma. São fortuitos. É o caso da desintegração radioativa e do decaimento de átomos excitados com a emissão de fótons. A excitação é condição e não causa. Condição é o que permite, causa é o que determina. Portanto causa não é uma necessidade. Mas pode acontecer e acontece em muitos casos, geralmente macroscópicos. Mesmo em microscópicos pode acontecer, como nos lasers (light amplification by stimulated emission of radiation). Nos casos macroscópicos, em geral, o que acontece é uma concentração da probabilidade pelo fato do evento ser constituído de um número muito grande de eventos microscópicos. Por exemplo, na emissão de luz, pode-se dizer que a excitação de um conjunto de 10^20 átomos causará emissão de luz, mesmo que a emissão de fótons por cada um seja fortuita. É o que acontece em uma lâmpada. Se a causa não é uma necessidade para eventos, porque o Universo não pode ter surgido sem causa? Quanto a surgir "de nada" é a única possibilidade, pois se houvesse algo, já seria o Universo. Mesmo que tenha sido criado por Deus, Deus o criou "de nada".

Qual assunto você mais gosta de conversar/debater ?‎ Wilian

Adoro conversar sobre música clássica, sobre arquitetura, sobre neuropsicologia, sobre neuropedagogia, sobre cosmologia, sobre anarquismo, sobre religião e muitos outros assuntos do tipo.

Como explicas as milhares de vezes em que eu senti aquela imensa felicidade em saber que tinha Deus ao meu lado? Só preciso que repenses, pois nenhum argumento teu irá mudar minha crença. Deus existe apra mim, esta aqui do meu lado, e me ama assim como amo ele. Eu amaria alguém que não existe? refli‎ Maçã

Se você acha que Deus existe e possui as propriedades que lhe são atribuídas, você pode, perfeitamente, se sentir reconfortado com isso e se imaginar comunicando-se com ele, mesmo que não receba respostas. Você pensa que seus pensamentos surgem como uma resposta dele. Isso te conforta. Você, de fato, ama uma entidade imaginária tanto quanto amaria a uma pessoa real. Isso já aconteceu comigo, pois eu já fui católico praticante e, inclusive, queria ser santo. Todavia peço para você observar se já houve algum sinal objetivo de Deus para você, isto é, que não fosse algo que você concebe como sendo uma comunicação de Deus. Algo real e concreto que tenha sido mandado para você da parte de Deus.

Dr. ernest, então pro senhor, é mais facil acreditar que o universo surgiu do "nada", ou seja, o "nada surgiu do nada" e nao existia absolutamente "nada" antes do universo, do que acreditar que o universo teve um criador? Deus?. acreditar que o "nada" surgiu do "nada", e que antes de existir o unive‎ Raelson Hipolito

O Universo não é nada. É tudo o que existe. E ele não surgiu "do nada", pois nada não é algo. Ele surgiu "de nada", isto é, sem ter de que provir. Isso é óbvio, pois se houvesse algo de que provir, esse algo já seria o Universo. Mesmo quem acha que ele tenha sido criado por Deus, considera que Deus o tenha criado de nada. Então, quanto a isso, não faz diferença. A questão não é a procedência do conteúdo do Universo mas o modo como surgiu. Sem causa ou com causa? Para ter tido uma causa, ela teria que ter um causador. E como não havia nada, o que seria o causador? Porque, se houvesse Deus, ele seria algo e como o Universo é o conjunto de tudo o que existe, haveria Universo, sendo constituído de Deus. Mas pode-se deixar Deus de fora desse Universo, que não seria o conjunto de tudo, mas sim de tudo, exceto Deus. A questão é que não se requer uma causa. Porque seria preciso? Então, porque supor Deus?

http://ask.fm/wolfedler/answer/69463624477 como pode? Acha que viveremos o suficiente para termos respostas de verdade?‎ Patrick Cristopher

Como pode não haver nada? A pergunta não é essa e sim, como pode haver algo? Não haver nada não requer nenhuma explicação. É o normal. Existir algo é que é fantástico. Então a explicação a ser buscada, que ainda não se tem, é como se deu o surgimento do que existe. Dizer que foi uma criação divina, não apenas é um palpite gratuito, como também não explica como se teria dado essa criação. Penso que se possa chegar à resposta, mas ainda demora. Não acho que será achada neste século, ainda.

Fiz uma pesquisa sobre o perfil religioso com 70 professores da minha escola, a maioria com mestrado e doutorado, e pude concluir que apenas 9% eram sem religião Segundo pesquisas quanto maior o grau de escolaridade menos religioso tende a ser. Qual a sua opinião?‎ Maanueli

Se você fizer essa pesquisa entre quem não tenha doutorado e nem mestrado, achará menos de 9%. Então a formação acadêmica aumenta a proporção de pessoas sem religião. Por exemplo, na população brasileira, pelo IBGE, essa fração é de 8%. 9% é 12,5% acima de 8%.

Professor, o universo está se expandindo, correto? Então o que não é universo? Digo, antes do Big Bang, aquele espaço era, bem, só espaço? Só matéria escura sem nome?‎ Diego

Antes de haver Universo não havia sequer espaço, mesmo vazio. Nem escuridão. Absolutamente nada. Nem matéria, nem radiação, nem campos, nem vácuo, nem vazio, nem espaço, nem tempo. Nada, nada, nada. Nem "o nada". Nem mesmo "antes". Tudo o que existe faz parte do Universo. Ele não tem "lado de fora". Nada está fora dele. Não há espaço vazio para o qual ele se expande. Todo o espaço existente está nele. O que expande é o próprio espaço, que "incha", isto é, os pontos se afastam um dos outros sem que nada saia do lugar, isto é, sem que nada se mova. Mas cada coisa, estando sempre no mesmo lugar, fica mais longe umas da outras.

Olá, Ernesto. Sou um seguidor e fã de longa data do senhor, não sei se lembras de mim. Você, certa vez, pelo formspring, quando questionado sobre perfis que seguia, indicou o meu e proporcionou-me na época uma das melhores sensações de gratidão que senti na vida, tamanha a admiração que tenho por vc‎ Rafael

Isto passa longe de ser uma pergunta, diga-se, é apenas uma mensagem de apresentação do meu novo perfil nesta mídia. Meus sinceros abraços.
Folgo em vê-lo aqui também, prezado Rafael. Estou te seguindo também. Um abraço.

Boa noite, você acha que a tecnologia aproxima ou afasta as pessoas?‎ texas

Pode afastar e pode aproximar. Mas, no balanço, aproxima mais do que afasta. Afasta enquanto todo mundo fica vendo a televisão em vez de conversar. Mas aproxima quando, pelo telefone e pela internet, as pessoa longínquas podem se comunicar. Pode-se interagir com muito mais gente do que sem a tecnologia. Fazer muitas amizades. Acho isso ótimo.

nascer, crescer, se desenvolver, envelhecer e morrer, acredita mesmo que nascemos somente pra passar por essas fases, todo o trabalho, conquista durante a vida se acaba ao morrer? seria o mesmo que viver por nada não? sendo que todas as nossas conquistas e vivencias, segundo o senhor, acabarão ao mo‎ Raelson Hipolito

Sim, é isso mesmo. Mas não significa que se viveu por nada. Porque se pode, durante a vida, dar uma grande contribuição para a melhoria do mundo, da sociedade, do ambiente, das outras pessoas. Isso pode dar um grande significado à vida e uma grande satisfação por se viver. O que se conquistou e por que se trabalhou não acaba com a nossa morte, pois continua beneficiando os outros.

você já deu aula em faculdade?‎ Léa Veronice

Sou ex-professor das Universidades Federais de Juiz de Fora, São João del Rei e Viçosa, bem como da Universidade Presidente Antônio Carlos, de Barbacena e Ubá e da Faculdade de Viçosa. Veja meu currículo em: http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=6

O que você acha do preconceito em relação aos nordestinos? Não entendo pq tanto ódio em relação a nós.

Trata-se, por um lado, de suprema ignorância, em supor que o fato de ser nordestino significa alguma inferioridade. Por outro lado, de uma suprema ignomínia, de supor que, se alguém seja inferior (como se considera, erroneamente), então é merecedor de desprezo e rejeição. Isso vale para qualquer grupo de pessoas que sejam diferentes do próprio grupo. Sejam de outras religiões, outros times de futebol, outra raça, outra região de nascimento, falantes de outra língua, outro sexo, outra orientação sexual, outro nível de escolaridade, outro nível de inteligência, outro gosto musical, outro status social, outro patamar de renda e assim por diante. Pessoas que pensam desse modo são mesquinhas e egoístas. Falta-lhe educação, visão ampla da realidade, consciência. Para mim, são burros mesmo. Acho que a escola, em seus "temas transversais", precisa abordar esse comportamento e rejeitá-lo de modo eficaz, para que todos os alunos o percam, mesmo que suas famílias o tenham. Com isso, talvez, eles possam mudar o comportamento familiar a respeito. Mas, infelizmente, os "temas transversais", são deixados de lado pela maioria das escolas.

Rückert, qual a melhor maneira de lidar com as preocupações?‎ Bruno Ribeiro

Encará-las de frente. Estudar o problema e agir para resolvê-lo. Se você ficar só ruminando, não resolve e fica tenso, aborrecido, amargurado, angustiado. Se começa a tomar providências, sente o alívio de estar fazendo algo a respeito e a tensão alivia. Se não conseguir resolver, terá a tranquilidade de saber que fez as tentativas necessárias. É bom, também, compartilhar com amigos o caso, para obter conselho ou, pelo menos, empatia.

O que acha da máxima "Mens sana in corpore sano"?‎ Guilherme Aranha

Acho importantíssima a saúde para a manutenção desse bem de preciosidade ímpar que é a vida. Mas acho que uma mente sã pode habitar um corpo doente, perfeitamente. Uma prova é o Stephen Hawking.

Qual civilização antiga mais chama a sua atenção?‎ Anônimo

A grega, sem a menor dúvida. Pelo fato de ter produzido a Filosofia e a Ciência como atividades descompromissadas com sua utilidade. Sem os gregos seríamos apenas engenheiros, médicos, arquitetos e artífices. Jamais cientistas, físicos, biólogos, filósofos nem ninguém que busca o conhecimento desinteressadamente.

Prof. quando morremos?para onde vamos?‎ Dyllan

Não vamos para lugar nenhum, uma vez que deixamos de existir. Não existimos sem o nosso organismo. E para onde vamos é para onde nosso corpo vai, quando estamos vivos. Mortos não somos mais uma pessoa humana. Para onde nosso corpo vai não é para onde nós vamos, pois não estamos mais nele. Não estamos mais em nada, pois não existimos mais.

Você é positivista?‎ Felipe Fernandes

De modo nenhum. Não concordo com as idéias de Comte, exceto a da rejeição da Teologia como algo válido. Todavia não vejo que a Metafísica seja inválida e nem que apenas o conhecimento científico seja válido, pois o vulgar também pode o ser. Além do mais o Positivismo é determinista e causal, o que não confere com a realidade. Acho que a ciência deva, sim, buscar o "porquê" dos fenômenos e não apenas o "como". Mesmo que a resposta seja que não haja por que algo se dê.

acho o senhor muito inteligente ,mas afirmar que nossa vida n tem sentido e que todo sofrimento que passamos n vale apena e que quando morremos simplesmente morremos ja é demais...‎ nick☼

O sofrimento pode valer a pena se, por meio dele, for alcançado algo melhor para a pessoa ou para o mundo. Senão não vale mesmo. Não há nada além da vida por que se deva suportar qualquer sofrimento. O que há é a própria vida e a vida de pessoas queridas. Quanto morremos simplesmente morremos mesmo. Isso não é nada reconfortante, mas é a realidade. Por isso é que temos que aproveitar ao máximo esta preciosidade única que é a vida e vivê-la da forma mais significativa que conseguirmos. Pois é só ela que temos. Jamais se repetirá para ninguém.

O senhor afirma que,quando morremos deixamos de existir e etc né?Então,de acordo com o senhor,qual é o nosso propósito na vida?‎ Noob Saibot pq sim!

O propósito da vida de qualquer ser vivo é, simplesmente, viver. Não há objetivo externo. Isso vale para nós seres humanos também. Todavia, como adquirimos consciência, buscamos uma razão para existirmos. Isso cada um tem que achar a sua. Uma razão pela qual dedicar a sua vida, o seu trabalho, de modo a se sentir realizado em estar vivendo, de modo a perceber que sua vida está fazendo diferença para deixar o mundo melhor. Pode ser um trabalho filantrópico, artístico, educativo, organizacional, político, religioso ou vários outros. De minha parte, propus-me a trabalhar para erradicar a ignorância do mundo e espalhar o conhecimento, o hábito de examinar, inquirir, questionar, refletir, duvidar, contestar. Isso eu tenho feito ao longo de minha vida de professor e, agora também, pela internet. Com isso sinto que minha vida está sendo útil para o bem do mundo.

Pela cultura que demonstra possuir, o senhor deve ter facilidade em aprender por conta própria. Ernesto, o que o senhor julga essencial para desenvolver a habilidade autodidata, o aprender de forma independente? Conhece sites relacionados? Acredito ser útil para a grande maioria aqui.‎ Dlvdlv

Só recentemente, há pouco mais de dez anos, é que tenho usado a internet como instrumento de aprendizagem. A maior parte de tudo o que aprendi foi em livros. Mas não livros didáticos e nem assuntos vistos em aula. O segredo está em estudar como se tivesse que ensinar aquilo. Então você tem que entender a fundo e elaborar esquemas explicativos para que outros entendam o que vai ensinar. Isso te obriga a aprender de fato. É uma técnica super eficaz de aprendizado. Outra, que pode ser usada paralelamente, é escrever como que uma apostila ou um trabalho de pesquisa sobre o que está aprendendo. Mas não pelo método "copia e cola" e sim com suas próprias palavras, redigindo um novo texto, bem didático, para que alguém possa aprender ao lê-lo.

Ernesto, você acredita que Deus nada mais é do que uma invenção do homem devido sua fraqueza e incapacidade de admitir que é o único responsável por sua própria vida. E o único a ocupar espaço,muitas vezes vazio de si mesmo?‎ Myla...

Sim. Também é o "Deus das Lacunas", ou seja, a explicação para o que ainda não se achou explicação, uma vez que o homem sempre considera que tudo tenha que ter um agente causador, o que não é verdade, mas isso é difícil de se admitir. O acaso é sempre defenestrado como inadmissível, mas é o que mais acontece.

Existe agnóstico cético? Tipo, no momento eu não sei se Deus existe ou não (por ter tanto argumentos contra como a favor de sua existência), portanto, não adoto nem uma posição a respeito. Todavia, não considero que nunca se possa saber a respeito da sua existência.‎ Eduardo Oliveira

Essas concepções são excludentes a respeito da existência de Deus. Enquanto o agnóstico considera que seja impossível se saber de Deus existe ou não existe, o cético considera que seja possível, mas que ele não sabe, por não ter evidências nem a favor nem contra. Então duvida da existência, mas admite a possibilidade, inclusive de vir a saber de modo garantido. O agnóstico pode achar que existe ou que não existe, mas considera que não há como saber, de modo nenhum.

Olá caro Ernesto! Espero que esteja bem :). Você saberia me responder o que acontece com a energia que um fóton perde sofrendo o redshift devido a expansão do universo? Ela vai para o campo gravitacional do universo como um todo? Obrigado!‎ Guilherme Tomishiyo

Exatamente. Com a expansão tudo fica mais longe um do outro. Esse afastamento aumenta a energia potencial gravitacional, o que compensa a diminuição na energia radiante.

O que os alunos, os professores, os funcionários e os amigos do colégio Anglo acham, e comentam sobre o teu ateísmo?‎ Husky Siberiano

Todos concordam com minha sinceridade em aderir a ele e me respeitam pela coerência. Além de admirarem-se por eu não ser niilista, como muitos pensam que todo ateu seja. Grande parte, contudo, não concorda comigo. Mas não se opõem. O mesmo se dá com minhas concepções anarquistas. Todavia, como sou uma pessoa dedicada e laboriosa, além de competente e muito criativa no que faço, muito amiga e solidária para com todos, me respeitam e me devotam grande consideração, e mesmo, grande estima.

Professor, a matemática foi inventada, descoberta ou construída?‎ Wilian

Considero que foi construída, pois suas concepções não são propriamente invenções, mas revelam relações que se impõem pela própria estrutura do Universo. Todavia também não foi descoberta, pois não estava pronta para ser achada.

olá! você concorda de que quanto mais você estuda, mais a pessoa deixa de acreditar nas coisas? tipo religiões ..‎ Janaína Poderon

De fato. Mas vai depender do que se estuda. Para concluir pela improcedência das crenças religiosas, há que se estudar física, bioquímica, cosmologia, evolução, neurociências, filosofia, sociologia, história e as próprias religiões. Quem estuda, por exemplo, linguística, direito, matemática, geografia, química, música, artes plásticas, engenharia, administração, economia, e outros assuntos, não é levada a contestar a existência de Deus.

O que é fazer objeção?‎ Husky Siberiano

É discordar, se opor, ser contra, por alguma razão forte, geralmente de fundo ético. É não permitir, lutar contra, enfrentar, obstacular.

Admiro o senhor por responder com tanta calma e educação mesmo quando as pessoas são desrespeitosas. Acho um absurdo desrespeitar alguém somente porque não compartilha das mesmas ideias. O senhor acha que quanto mais ignorante a pessoa mais fácil e de ela crer nas sandices religiosas?‎ Aline Lemos

Sem dúvida. Mas não reciprocamente. Isto é, o fato de ter uma fé religiosa não implica que se seja ignorante. Pessoas cultas e inteligente podem ter fé religiosa. O que acontece é que elas não concluíram pela impropriedade da fé, ou porque não a examinaram criticamente, ou porque possuem outras razões para aceitá-la. Sempre busco convencer todo mundo de que a fé não tem cabimento. Mas respeito a escolha da pessoa e não a desconsidero por não ter concordado comigo.

você afirma que a ciencia é neutra , mas sabemos que os cientistas de hj ocultam varias descobertas sobre coisas sobrenaturais para manter o status quo,ainda sim vc sente q pode acreditar fielmente na ciencia de hj??‎ nick☼

Não me consta a existência de nenhuma descoberta científica de fatos sobrenaturais que tenha sido ocultada. Além disso, a própria ciência recomenda que se desconfie dela, o que sempre faço. Nenhum cientista acredita fielmente na ciência, bem como em coisa alguma. Os cientistas confiam no trabalho de ciência em sua busca de verdade e sabem que todas as descobertas científicas são provisórias e sujeitas a revisão, tão logo surjam fatos que a desmintam. Essa é a maior virtude da ciência: duvidar de si mesma.

Os alunos do Colégio Anglo de Viçosa sabem do seu perfil no ask? Se sim, algum já chegou a comentar algo relacionado com você na escola?‎ Não sou Headbanger

Claro que sabem e, inclusive, me fazem perguntas. Eu mesmo divulgo. Claro que eles comentam, inclusive com outros professores. Os professores também leem o meu ask. Isso já é conhecido, desde o formspring. A grande maioria gosta muito. Alguns fazem objeção a meu ateísmo, mas não me condenam por isso. Apenas não concordam.

http://ask.fm/wolfedler/answer/69247356957 Vi um documentário onde explica que, se fossemos mostrar nossa arvore genealógica até o tempo do Coliseu, seriam necessários mais humanos do que já passaram pela Terra. Então o incesto era algo *muito* comum, infelizmente.‎ AmarildoJúnior

Nada disso. O que acontece é que nem todos os ancestrais são distintos. Duas pessoas certamente têm algum ancestral em comum, ou mesmo, vários, há muitas gerações atrás. Por isso é que a árvore não vai se expandindo. Mas isso não significa que esses ancestrais tenham tido relações incestuosas, pois elas só se referem ao parentesco próximo. Você nem sabe se sua namorada ou esposa, há 20 gerações atrás (500 anos) teve um ancestral em comum com você.

A matéria é um aglomerado de campos magnéticos?‎ Felipe Fernandes

Não. Os campos que se quantizam para a formação das partículas materiais, isto é, os quarks e os léptons, são "campos de matéria", do vácuo e não campos eletromagnéticos. A quantização de campo eletromagnético é o fóton, manifesto apenas na emissão e absorção de radiação eletromagnética. Deve-se notar que o campo magnético é só uma transformação relativística do campo elétrico, de modo que há um campo só: eletromagnético. No referencial de repouso da partícula com carga, ele é apenas elétrico.

Mas capinar pasto é um serviço que requer uma força física maior, e os homens geralmente e normalmente são mais fortes que as mulheres, então é mais apropriado e justo para um homem.‎ Husky Siberiano

Em média os homens são mais fortes, mas há mulheres mais fortes do que certos homens. As curvas de distribuição de frequência de força pela população de homens e mulheres se superpõe. A atividade de roça o pasto tem que ser exercida por pessoas que tenham certa força e resistências mínimas. Dependendo do valor estabelecido em algum teste, isso abrangeria, digamos, 60% da população masculina e 40% da população feminina. Mas não se pode dizer que nenhuma atividade seja exclusiva de homens ou mulheres. Exceto gestar, parir e aleitar, que só as mulheres conseguem. Sugiro a leitura deste artigo: http://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/RBAFS/article/viewFile/1122/1306. Ele mostra que, em termos absolutos, a força feminina, em média, é de 60% da força masculina, mas, em termos de força por peso, os valores quase se igualam.

Se você diz que nem mesmo Lúcifer existe , como pode explicar as possessões demoníacas , as Linguas estranhas e incomuns que a pessoa fala quando ela esta supostamente possuída pelo Demônio ? Tem alguma explicação pra isso ? Alguma doença como esquizofrenia ou coisa do tipo ?

Exatamente. Um tipo de alucinação ou crise de demência mental. Mais frequentemente, apenas encenação teatral.

E só porque você quis existe um pais habitado por seres humanos e o único também que possui água ... pelo visto quanto mais estuda mais retardado é‎ Rangel Melo Lucas

A raridade das condições terrestres para o estabelecimento de vida inteligente não é fruto de minha vontade e sim de condições reais que se apresentam. Sugiro um estudo a respeito, a partir da leitura do livro "Sós no Universo", de Donald Brownlee e Peter Ward publicado pela Campus. Não digo que não exista vida inteligente fora da Terra, mas que seja extremamente rara. Não acredite no livro. Procure conferir as suas referências para checar a veracidade do que ele diz.

O senhor acredita, que quando temos fé em alguma coisa, ela dá certo?‎

Claro que não! Só por coincidência. O pensamento não tem poder nenhum sobre as ocorrências do mundo. Apenas pode propiciar maior disposição para se agir para se conseguir o que se quer. Mas são as ações que fazem o serviço e não o pensamento.

Como pode explicar cada ser humano ter uma impressão digital única de cada dedo ? Ninguém ser exatamente igual ?‎ lu ♡

Não é bem assim. Pode haver alguma coincidência, mas é bem rara. Não é só a impressão digital que é individualizada. Tudo é individualizado: o tom de voz, a caligrafia, o fundo do olho, o cheiro do suor. Tudo isso poderia ser usado como identificador e o é. A razão é que são características determinadas por um conjunto de genes que, dificilmente, será coincidente para duas pessoas, exceto para gêmeos univitelinos.

A vida humana é muito curta, dificilmente atingimos os 100 anos. Não é frustrante, de alguma forma, não ter a oportunidade de saber o que irá acontecer no futuro, vivenciá-lo, enfim, simplesmente morrer sem saber o que vai acontecer?‎ Anônimo

Sim, é muito frustrante, mas é a verdade. Morremos e acabamos. Não saberemos de mais nada. Do mesmo modo que não sabíamos de nada antes de nascermos e ninguém acha isso estranho.

Se o próprio Lúcifer sabe da existência de Deus, como você pode duvidar ? (desculpa tá fazendo tantas perguntas, kk)‎ lu ♡

Lúcifer não sabe da existência de Deus coisa nenhuma, porque Lúcifer também não existe. Assim como Deus, os anjos e as almas, os diabos são uma invenção dos seres humanos.

"A religião, a fé, já possui uma verdade pronta e sempre procura argumentos, provas, para reafirmá-la. A ciência, pelo contrário, a partir de fatos constrói uma 'verdade' e sempre a coloca em prova." O senhor concorda com essa afirmação? Conheci você por um acaso; além de muitos pontos de vista, com‎ Dlvdlv

Concordo. Por isso é que rejeito as religiões e confio mais na ciência. Ela busca a verdade de forma desarmada e sem pré-concepções.

Você acha que a mulher também deveria trabalhar em serviços pesados como o homem, como por exemplo, capinar pasto?‎ Husky Siberiano

Certamente que sim. Qualquer trabalho. Todos eles deveriam ser compartilhados por homens e mulheres. E os homens também deveriam fazer trabalhos atualmente considerados femininos. Isso não significa masculinização da mulher nem efeminação dos homens. Trabalho é trabalho. Para qualquer um, sem distinção de sexo, raça, credo, ou o que seja, exceto idade, pois há uma idade mínima e uma idade máxima para se trabalhar.

Hoje em dia é plausível acreditar que os microrganismos que iniciaram o processo evolutivo na terra têm origem extraterrestre?‎ Felipe Fernandes

É possível, mas não acho que tenha acontecido. A vida terrestre surgiu aqui mesmo. As condições da Terra primitiva eram propícias para isso. É difícil que haja outro lugar com essas condições. Pode haver, mas, certamente, esses lugares estarão distribuídos pela Galáxia, de modo que o contato conosco, para trazer esses espécimes, seria bem improvável. Mas não impossível. Todavia, considero que a hipótese de que a vida tenha surgido aqui mesmo é mais viável.

Me explica então, como você acha que aconteceu o Big Bang? Se Deus não existe,como tudo foi criado? E agradeça por estar aqui, por que todos receberam a chance de viver! e você esta jogando ela no lixo, ignorando o seu Criador!‎ ☚Marques Young

Não sei como aconteceu o Big Bang. Ainda não se tem essa informação. Isso, contudo, não significa que tenha sido por interveniência de alguma divindade. Só se pode concluir isso quando se souber o modo como ele ocorreu e, então, se concluir que foi uma ação de causa extrínseca ao Universo. Por enquanto o que se pode dizer é que foi um evento fortuito. Quanto a estar jogando fora minha vida, claro que não estou. Tenho plena consciência da preciosidade da vida e do privilégio que gozo em ser vivo e, ainda mais, ter inteligência. Faco o melhor uso que posso de tal regalia, tomando como meu objetivo levantar o véu negro da ignorância e permitir que a luz do conhecimento ilumine a mente das pessoas. Fazer isso é o significado que atribuí à minha vida.

Então, o senhor acredita que cursando graduação na UnB e, depois, procurando entrar na universidade que ofereça a melhor pós-graduação na área pela qual me interessar, estarei bem preparado? Tenho receio de buscar uma pós em outro lugar e estar em déficit por conta da graduação... agradeço desde já!‎ lucas lavoyer

Se você fizer graduação (bacharelado) em Física na UnB e for um bom aluno, certamente que estará preparado para fazer mestrado em qualquer outra instituição, tanto brasileira quanto estrangeira (nesse caso também teria que saber a língua do país, além de inglês).

Você concorda que nós humanos podemos comer apenas grãos, terra, alpiste e sementes? Invés de vegetais e carnes?‎ A. J. S. N

Grãos são sementes, que são vegetais. Não sou nutricionista, mas acho que é preciso comer folhas também. Quanto à carne, penso que ovo e leite podem suprir os aminoácidos requeridos. Acho que uma dieta estritamente vegana requereria suplemento vitamínico, não sendo, pois, natural, isto é, não dá para ser seguida por um selvícola que não tivesse acesso a complementos industrializados. No caso da B12 o processo é altamente complexo, a partir de bactérias, por fermentação.

Se Deus não existe, como se explica doenças malignas, doenças não descobertas pelos médicos, se curarem assim, do nada? É a ciência que vai lá e aplica um soro sem que ninguém perceba? Não né.‎ Rêe do Gu ;*

Antes disso eu pergunto: se Deus existe e é bom, como dizem, como é que existem doenças? Quanto a curas sem explicação, a explicação é que não tem explicação. O organismo, por acaso, reagiu e se curou. Sem remédio nenhum. Isso é tão plausível quanto achar que houve uma interveniência divina. Como é que um ser extrínseco ao Universo seria capaz de agir sobre ele? Se não se tem explicação do "modus operandi" de Deus, então supor uma cura inexplicável inteiramente natural não é inconcebível.

O que causou a existência do universo?‎ Léa Veronice

Nada. Surgiu por acaso, sem causa, propósito e nem do que ser formado. Pode parecer um absurdo que tenha sido assim. Mas é um absurdo menor do que supor que existisse algo fora do Universo que o tivesse feito. Claro que também teria sido feito a partir de nada, já que nada havia. Se houvesse, isso já seria o Universo. O problema de como esse agente extrínseco procedeu para criar o Universo é tão misterioso quanto considerar que ele tenha surgido por acaso. Não há razão para preferir considerar que houve um criador em relação a considerar que surgiu sem ter sido criado.

As regras no anarquismo são um consenso moral geral ou existem regras jurídicas? O que acontece se alguém quebrá-las? Quais seriam os tipos de punição?‎ Kalil Fagundes

O anarquismo é um comportamento consensual, não regido por leis, pois elas devem ser abolidas e nem se tem sistema jurídico. Quem não se comportar como esperado, terá a rejeição social, o que lhe colocará à margem das retribuições recíprocas das pessoas, que é a forma da economia anarquista funcionar. Isto é, se tornará um pária social, podendo, até, morrer de fome. O que se considera é que, em uma sociedade anarquista, que será formada pela adesão voluntária de todos, obtida por meio de um processo educativo ao longo de séculos, ninguém transgrida o que consensualmente fique estabelecido. Não há razão para crimes, uma vez que nada é de ninguém, mas tudo é de todos, inclusive mulheres e maridos. Todos trabalham, de graça, uns pelos outros. A educação terá abolido a preguiça e a cobiça. Não há dinheiro e nem propriedade. Nada é particular. Todos são amigos de todos. Todos são pais de todas as crianças. Não há razão para crime nenhum. Só no caso de distúrbio mental. Esses poderiam ser recolhidos a instituições psiquiátricas.

Mas é estranho mesmo não achas? Por que há mais confusão e baderna envolvendo pessoas em carnavais e parada gays do que em festas gospel de rua com milhares de pessoas? Por que é o povo de Deus? Mas Deus não existe! isso é um paradoxo...‎ Leinadv

Porque as pessoas que participam do carnaval e das paradas gays já vão para lá com um espírito voltado para arruaças e comportamento destemperado. Ao contrário, quem vai para festas gospel ou procissões católicas, vai para lá com o espírito voltado para um comportamento sério, mesmo que alegre. Mas não inclinado a fazer arruaças. Isso não tem nada a ver com Deus, mas com as disposições das pessoas.

Tu é um ateu que torna para ti verdade absoluta a não existência de D'us mas mesmo assim respeita nós que acreditamos em sua existência,bom! eu já parei para pensar (se D'us não existir o que eu terei perdido? só meu tempo,mas isso dá para repôr!) Agora se provarem que tu esteve errado? O quê faria?‎ Polino Sirenko

Para começar, não considero que seja verdade absoluta que Deus não exista. O que eu acho é que não existem provas, evidências e nem indícios de que exista, portanto, não admito que exista. Mas, se me provarem ou mostrarem evidências de que existe, passo a admitir que existe. Tranquilamente. Não só a respeito de Deus, como a respeito de qualquer outra opinião que eu tenha.

Na cultura greco-romana o incesto era algo comum. Por que isso mudou?‎ Bel

Não me consta que fosse comum. Pelo contrário, sei que era proibido em Roma. O que se sabe é de casos isolados, cometidos principalmente por pessoas acima da lei, como imperadores e reis.

Na cultura greco-romana o incesto era algo comum. Por que isso mudou?‎ Bel

Não me consta que fosse comum. Pelo contrário, sei que era proibido em Roma. O que se sabe é de casos isolados, cometidos principalmente por pessoas acima da lei, como imperadores e reis.

O senhor já leu Stephen Hawking - Aventuras de uma vida? É muito bom o livro, me amarro nesses assuntos de cosmologia e tal... O que o senhor acha da Engenharia Civil? Estou cursando esse curso e quando terminar pretendo fazer cosmologia ou física, o senhor recomenda?‎ João Antunes

Ainda não li. Engenharia Civil é um curso bom, Cosmologia é uma pós-graduação da Física. Não tem graduação em Cosmologia. Mas para fazer Cosmologia você terá que fazer o Curso de Bacharelado em Física mesmo, pois o que se estuda de Física na Engenharia Civil é bem pouco para fazer Cosmologia.

http://ask.fm/wolfedler/answer/69253404445,então quer dizer q o ateu agnóstico não sabe se Deus existe ou ñ, mas mesmo assim opta por falar que Deus não existe? Ñ seria esse um ser volúvel, que pega a opinião dos alheios, no caso, dos ateus, pra afirmar que Deu não existe, msm ñ tendo certeza de nd?‎ Rêe do Gu ;*

O agnóstico não sabe se deus existe ou não. Mas pode achar que existe ou que não existe. Então ele é um agnóstico ateu e não um ateu agnóstico. Não existe ateu agnóstico. Ou o ateu é gnóstico, isto é, ele sabe que Deus não existe, ou ele é cético, isto é, ele não tem certeza que não existe, mas acha que não existe. O agnóstico não é cético. Ele considera que não seja possível saber se deus existe ou não. O cético acha que pode-se saber, mas não se sabe. Ser cético não é ser volúvel. É não se ter certeza. Mas pode-se ter convicção, que não é certeza, mas é uma opinião fundamentada em fortes indícios. A postura cética, para mim, é a mais sensata e razoável em relação a qualquer assunto.

Como o livre arbítrio é possível em um mundo determinista?‎ Léa Veronice

Exatamente porque o mundo não é determinista é que o livre arbítrio existe. Todos os eventos são resultantes globais de eventos submicroscópicos, ocorridos com as partículas elementares constituintes dos sistemas, tanto materiais quanto radiantes. Os eventos ocorridos nesse nível são intrinsecamente indeterminados, podendo, até, serem incausados, como muitos o são. A aparência de determinismo só se dá em nível macroscópico, quando um evento é composto de um número absurdamente grande de eventos elementares, que faz com que a probabilidade se concentre de tal forma, tendendo a uma função delta de Dirac, que dá a aparência de determinismo.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Delta_de_Dirac

Seria o ateu alguém que acredita que Deus não existe ou alguém que não acredita que existe um Deus?‎ Léa Veronice

Existem as duas versões. Quem não acredita que Deus exista é o ateu cético ou ateu fraco. Quem acredita que Deus não existe é o ateu dogmático ou ateu forte. Eu sou um ateu fraco. O ateu forte é gnóstico e o ateu fraco não é gnóstico nem agnóstico. O agnóstico não sabe se Deus existe ou não existe e acha que não há como saber.

Sobre sonhos:"Eles expressam seus anseios, seus recalques, seus desejos inconfessáveis, suas esperanças, seus projetos, como você queria viver...Além de muitos serem, apenas, autoentretenimento inconsciente." Não é um bom entretenimento ou desejo inconfessável um sonho em que eu ficasse tetraplégico‎ Leinadv

Esqueci de dizer que os sonhos também podem expressar os seus receios, medos e pavores.

Sobre o ato incorporação, quando seu corpo recebe outro espirito. Que acontece na Umbanda, Candomblé. Já pesquisei sobre isso e realmente não há nenhuma explicação.

Isso, simplesmente, não acontece. Nem na Umbanda, nem no Candomblé, nem no Espiritismo. Ou é uma encenação ou é uma alucinação.

O consenso científico parece ser que o aquecimento global tem grandes chances de ser majoritariamente causado por fatores humanos, pois o crescimento é muito grande em pouco tempo, e coisas do tipo. É o que diz o site da NASA, NatGeo, Wikipedia, Skeptical Society, e afins. O que acha disso, prof.?‎ Daniel Coimbra

Discordo. Estou do lado do grupo de cientistas que contestam essas afirmativas. Existem muitos. Concordo que o fator antrópico aumentou o aquecimento, mas ele existiria, mesmo sem ele. Trata-se de um ciclo natural que também, naturalmente, se reverterá. Isso não significa que acho que não se deva fazer nada a respeito para impedir. Deve-se e com urgência e decisão. Mas o pior será que, quando começar o esfriamento para a próxima era glacial, em poucos milhares de anos, não haverá nada que o homem seja capaz de fazer para impedir. Esse aquecimento atual é uma oscilação de uma oscilação de uma oscilação. Isto é, há uma oscilação primária, com período da ordem de centenas de milhares de anos, sobre a qual se superpõe uma oscilação secundária, com período de alguns milhares de anos e sobre a qual se superpõe um oscilação terciária, de período de poucas centenas de anos. O que estamos vivenciando é uma subida de temperatura da oscilação terciária dentro de uma descida da oscilação secundária que é a que provoca as eras glaciais de 90 mil anos, com intervalos interglaciais de 10 mil anos.

Como se define o que é "bom"? Qual o critério? E por que eu deveria aceitar o seu critério, em vez do meu? E qual o melhor critério para escolher o melhor critério? Por quê é o melhor? (ad infinitum) E se existir uma boa definição, por quê eu tenho que me preocupar em fazer coisas "boas"?‎ David Junior

Isso é uma conceituação da palavra. Trata-se de um consenso entre falantes de uma língua sobre quando se diz certa palavra, o que se está expressando por ela. É o significado do significante. No caso de "bom", trata-se da qualidade de algo que seja capaz de propiciar prazer, satisfação, lucro, benefício, alegria, felicidade, bem estar e estados semelhantes. Então "bem" é aquilo que propicia o que é bom. Note que esse significado não é particular. Ele é genérico, para todo mundo. Pode haver algo que seja bom, particularmente para alguém, e não para todo mundo, como o gosto por qualquer coisa. Mas não se trata de um bem universal. Quanto a ter que fazer coisas boas, não tem. Cada um pode fazer o que quiser. A questão é que a sociedade, para preservar-se como uma estrutura edificada para propiciar a seus membros a melhor vida possível, não pode permitir que cada um faça o que quiser se isso for prejudicial ao bem comum ou ao bem particular de alguém. Só se pode causar algum mal se isso for para se obter um bem maior. E nisso tem que se considerar o amplitude do bem em termos gerais e não particulares. Por outro lado, as boas ações são fonte de maximização da felicidade global, e, portanto, da própria pessoa que a faz.