sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Professor, e se encararmos como alma a nossa consciência? Claro, ela vai desaparecer quando morrermos.‎ Diego

Claro que sim. A consciência é uma função da mente, como uma espécie de percepção interna que dá o conhecimento do pensamento e a identificação de si mesmo como distinto do resto do mundo. A mente, por sua vez, é uma ocorrência do cérebro e seus anexos. Com a cessação da atividade biológica do organismo a mente e a consciência deixam de existir.

Qual a sua opinião sobre os HACKERS ?‎ Bruno Castro

Admiro muito quem tenha o conhecimento e a habilidade de manipular sistemas de informação de modo a conseguir fazer o que eles fazem. Por outro lado, condeno totalmente o uso desses conhecimentos e habilidades para fazer algum mal, por menor que seja. Tratam-se dos Crackers, para mim, abomináveis.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Hacker

oque é ALMA ?‎ gui

Alma seria uma entidade incorpórea, isto é, não física (não feita de matéria nem radiação e nem campos), todavia real, que estaria unida ao corpo da pessoa enquanto ele fosse viva e processaria, de algum modo misterioso, seus pensamentos, sentimentos e volições, passando ao corpo os comandos e recebendo dele as sensações, também de um modo misterioso. Quando o corpo parasse de funcionar, a alma se desconectaria dele e continuaria a viver, segundo alguns, em um estado de beatitude ou de danação eternas. Não em um lugar, pois alma, não sendo física, não tem volume nem massa e, logo, não se situa no espaço em lugar nenhum. Há sérios problemas com essa concepção, para começar, como se daria sua interação com o organismo biológico a que se encontra conectada. Não há nenhuma explicação verificada disso. Do mesmo modo que não há nenhuma verificação de existência dessa dita "alma" desligada do corpo. No meu entendimento esse é um conceito totalmente desprovido de realidade. Isto é, alma não existe.

Você costuma formar conceitos a respeito das pessoas devido ao gosto musical delas? Fale sobre.‎ Paloma Bengnozzi.

Sim, especificamente a respeito de seu gosto musical, mas não em relação a outros aspectos de sua personalidade e caráter. Todavia quando vejo que alguém aprecia alguns tipos de música que considero totalmente desprovidos de qualidade musical e poética, eu deploro o seu gosto e faço um mal juízo dele. Mas se for algum que eu não goste, mas não considere horrível, aceito o gosto da pessoa e não considero que seja um mal gosto. Só não concordo com o gosto dela.

Comente sobre dimensão fractal .‎ WENDERSON RODRIGUES♛

Um sistema possui dimensão fractal quando seu número de graus de liberdade não é inteiro. Por exemplo, o deslocamento de um automóvel no solo não é limitado apenas a uma dimensão, como um trem, mas também não pode se mover com toda a liberdade para qualquer direção da superfície de apoio, uma vez que suas rodas apenas lhe permitem fazer curvas de um certo raio. Então ele não pode, a partir do pondo de origem, acessar qualquer outro ponto do chão, num único movimento. Logo ele tem um número de graus de liberdade de movimento intermediário entre 1 e 2. No caso de figuras geométricas, a fractalidade se configura em uma linha de comprimento infinito limitando uma superfície de área finita. Esse comprimento é obtido por quebras sucessivas da linha. Veja isto:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Fractal
Isso também pode acontecer com uma superfície de área infinita que limite um sólido de volume finito.

Qual é melhor para ajudar os genuinamente necessitados: Seguridade Social ou caridade?‎ Daniel

O melhor é arranjar um trabalho para essa pessoa. Enquanto isso não acontece a caridade é válida. Mas não se pode deixar a pessoa acomodar. Sou a favor de que o governo faça o menos possível de qualquer assunto. Que a sociedade, diretamente, preste o socorro e encaminhe a solução. Isso é que é anarquismo comunitarista.

Voce acredita em forças sobrenaturais ? poder da mente ?‎ Ana Botasso

De modo nenhum. Isso não existe. A mente tem o poder de raciocinar e externar argumentos que possam convencer os outros. Esse é o seu poder. Não há um poder de ação direta, por meio de supostas ondas de transmissão de pensamento ou alguma ação física provocada pela mente sem intermediação da musculatura esquelética.

Em se tratando dos benefícios para pesquisadores, cientistas, etc, a Física encontra-se mais "vantajosa" na América do Norte ou na Europa em geral?

A Física é mais desenvolvida nos Estados Unidos, Inglaterra, Rússia, Alemanha, França, Suíça, Ìndia, Japão e, agora, China. No Brasil também não é ruim. Não sei, em termos de remuneração dos pesquisadores, onde isso é melhor pois, em verdade, esse aspecto nunca passou por minhas cogitações. Se eu fosse trabalhar no exterior ia querer saber onde a pesquisa é mais desenvolvida e não onde se paga mais. Porque o importante é a contribuição que se possa dar à humanidade.

Deus foi apenas uma criação dos humanos para não assumirem que estão sozinhos. Concorda? Frase feita por mim mesma, obrigada.‎ Nínive

Pode ser, em parte. No meu entendimento, contudo, a suposição da existência de deuses aconteceu porque o homem primitivo observava que as ações, em geral, tinham um executor, pessoa ou animal. No caso dele não ser identificado, eles imaginavam uma entidade invisível provocadora do evento. Então inventaram as noções de deus da chuva, do trovão, da colheira, da fertilidade, das águas, da morte e assim por diante. Tais deuses tinham características psicológicas humanas, isto é, ficavam com raiva, tinham ciúme etc. Então precisavam ser bajulados para agirem de forma propícia aos interesses humanos. Enquanto isso, também conceberam a ideia de que possuímos uma alma espiritual que não morria quando o organismo parava de funcionar e que essa alma seria punida ou premiada, nessa continuação da vida fora do corpo, segundo as ações da pessoa. Então, ou voltaria a se reencarnar em outra pessoa ou animal ou viveria eternamente em beatitude ou danação. Num estágio mais evoluído, alguns conceberam que o deus era um só. Entrementes, os espertos se auto-proclamaram representantes dos deuses para intermediar a comunicação das pessoas com os deuses, isto é, tornaram-se sacerdotes e, com isso, granjearam grande poder. Os detentores do poder político e militar (que se confundiam), então, mancomunaram-se com os sacerdotes para ter uma forma mais fácil de dominar o povo. Daí até surgir toda essa organização com ritos, templos, escrituras das religiões foi um passo.

Gosta de Hungarian Dance No. 5 de Brahms, senhor? Uma das minhas sinfonias preferida. Não costumo ligar muito para opinião alheia, mas pessoas do meu ciclo de amizade sempre acharam estranho e um pouco ultrapassado, uma adolescente de 16 anos ser apaixonada por música clássica.‎ Vivian Menëghim.

Não vejo nada de estranho. Estranho é achar isso estranho. Gosto de música clássica desde criança. Comecei a comprar discos com 13 anos, em 1963 e, desde então, já montei um acervo de mais de mil discos LP de vinil (inclusive alguns de 10'' e dezenas de baquelite, de 78 rpm), bem como quase 3000 CDs além de mais de 100 DVDs. Ouço, pelo menos, umas 3 horas por dia e mais nos fins de semana e feriados. Trabalho ouvindo música clássica mas o que eu gosto mesmo é de escutar de olhos fechados sem fazer mais nada, prestando atenção em todos os detalhes. Quanto a Brahms, é o meu preferido, especialmente as sinfonias 1, 4, 3 e 2, nessa ordem. Mas também gosto muito das danças húngaras, tanto em sua versão original, para piano a quatro mãos, quanto as versões orquestrais, algumas da lavra do próprio Brahms. A nº 5 foi orquestrada por Martin Schmeling e, de fato, é a mais bonita. Também gosto da "Danças Eslavas" de Antonin Dvorak, compostas à moda dessas de Brahms. Produzo e apresento um programa de Música Clássica comentada na Rádio FM da Universidade Federal de Viçosa, às quartas feiras, das 20 às 22 horas, em 100,7 MHz (aqui em Viçosa). Ele pode ser sintonizado pela internet em www.rtv.ufv.br. Amanhã eu colocarei música pianística de Fauré, Debussy e Villa-Lobos.

Professor oque o senhor acha sobre Sexo sem compromissio?‎ emy

Uma atividade perfeitamente válida. No caso dos participantes serem compromissados gâmicamente, todavia, tem que fazer parte do acordo entre as partes envolvidas nesta relação, que elas têm a liberdade de praticá-lo. Caso contrário seria traição. Uma vez que todos se concedem mutuamente a liberdade de fazer sexo com quem quiser, não há problema nenhum. Mas tem que ser consensual e estendida a todos os envolvidos e não só a alguns deles. Nem a exclusividade nem a perenidade das relações amorosas (namoro ou casamento) são essenciais para caracterizar a relação como profunda, autêntica, benfazeja, sincera e gratificante. E, não havendo, por parte dos envolvidos, nenhum relacionamento estabelecido, então o sexo casual é completamente livre. Claro que sempre precisa envolver doação, inclusive para o maior prazer dos envolvidos. O sexo egoísta não é benfazejo, mentalmente falando, mesmo que possa dar prazer sensorial. Mas não precisa incluir outros compromissos além do sexo em si mesmo. Idealmente não deve, também, envolver nenhuma componente comercial. Sexo e amor devem ser completamente de graça. O pagamento do prazer fruído é o prazer concedido. Outro aspecto importante em toda relação humana é o respeito ao outro como uma pessoa integral, dotada de sentimentos e convicções. Jamais ser considerada como um mero objeto.

O que produz a gravidade?‎ William Carreiro

A gravidade é uma interação aparente que advém da curvatura do espaço-tempo provocada pelo total de massa e energia de seu conteúdo de matéria, radiação e campos. O espaço não é apriorístico, isto é, não existe por si mesmo, mas surge em função do que ele contém. Do mesmo modo que o tempo surge a partir das alterações no estado do Universo. Sem haver mudança de nada, o tempo não passa. E a geometria do espaço-tempo é dinâmica, apresentando curvatura e torção, em função do conteúdo (a torção advém da rotação do conteúdo). Isso faz com que tudo o que se mova influencia e é influenciado pelo resto. Não havendo interação nenhuma, o conteúdo se move nas geodésicas do espaço-tempo, isto é, nas linhas de mínimo intervalo de espaço-tempo. Para quem vê o espaço e o tempo separadamente, essas linhas correspondem às trajetórias orbitais no espaço, à medida que o tempo passa. A queda de um corpo na superfície da Terra é um tipo de movimento orbital. Interações podem impedir esse movimento geodésico ou alterá-lo. A tendência natural a ele se manifesta como a força de gravidade. A razão de ser assim é que assim surgiu o Universo. Poderia ser de outro modo, mas foi assim que apareceu. Não há uma razão de assim ser e não de outro modo.

Eu quero demais fazer Física, mas parece que, nesse aspecto, tudo tende ao erro? Eu sou maluca pelo Universo e, depois da graduação em Física, gostaria de fazer mestrado/doutorado em Astrofísica ou Relavidade e Cosmologia. Mas preciso trabalhar. Tu achas que é viável conciliar essas atividades?‎ Angela.

Sim. Mesmo nas universidades federais, hoje há cursos noturnos. Eu fiz matemática à noite, trabalhando de dia. O mestrado tem bolsa, se você passar na seleção, bem como o doutorado. De onde você é?

Muita gente me repreendeu por ter dito que eu era inteligente pro senhor, como se fosse um rico gritando a um pobre a sua riqueza. Minha intenção não é ser superior, mas que todos sejam iguais. Como devo me portar, tanto ao Ask quanto à sociedade a respeito de minha inteligência? Me sinto acoada.‎ andri daudt

Seja assertiva. Sabe o que é isso? É ser sempre verdadeira, sem empáfia nem humildade. Não é errado se dizer que se é inteligente, bonita ou rica, se, de fato, assim se é. Mas é errado ficar se gabando de assim o ser. Como é errado ficar se fingindo de burra, feia ou pobre se não for. Assertividade é uma modéstia não fingida. É uma sinceridade educada. É ser franca com cortesia. Se você vê que é inteligente, então argumente que é, não só burrice, mas falta de caráter, fingir que não é. Coloque a sua inteligência a serviço das outras pessoas, ajudando-as, inclusive a se tornarem inteligentes. Isso é o que eu faço. Me afirmo no que sou em todos os aspectos sem me gabar e sem fingir o que não sou. Compensa estudar isto aqui:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Assertividade
http://www.catho.com.br/carreira-sucesso/colunistas/o-que-e-assertividade
http://www.marisapsicologa.com.br/assertividade.html
http://www.ribeiraopreto.sp.gov.br/ssaude/saudepessoal/dasp/educa_assertividade.pdf

queria te perguntar sobre Michael Keller, sobre o que vc pensa sobre a tal descoberta dele e se vc pide comentar um pouco, te admiro e queria ver vc falando sobre isso ;c tenha uma boa noite professor ;)‎ Laura

Michael Heller ganhou o prêmio Templeton de 2008 por supostamente ter provado cientificamente a existência de Deus. Bom... para começar, esse prêmio não é isento, como pretende ser o Nobel, mas dirigido especialmente a quem promova a aceitação da existência de Deus, ou que faça algo no sentido de difundir a crença em Deus ou promover ações beneméritas em nome de Deus. Por outro lado, Heller não provou nada. Do mesmo modo que outros ganhadores desse prêmio, como Rees, Ayala, Barrow, Dyson, Davies e outros, o que eles mostraram é que as teorias científicas sobre a origem do Universo, da vida e do homem possuem falhas e daí, inferir que só se pode concluir que a explicação seja a interveniência divina. Isso é o que se chama de "Deus das Lacunas". Ora, não há nada que diga que, quando não se achou uma explicação, foi obra de Deus. Simplesmente não se achou. Ainda ou nunca, mas isso não implica que a explicação seja Deus. Para tal seria preciso, realmente, demonstrar, por evidências ou provas indiretas, como é que aconteceu a interveniência divina no surgimento do Universo, da vida e do homem. Isso é algo que se sabe menos ainda. Logo, pelo mesmo raciocínio dele, agora em sentido inverso, eu posso provar que tudo isso NÃO FOI CRIADO POR DEUS, porque não se achou uma explicação de como é que Deus agiu. Mas uma explicação fundamentada em evidências e provas e não em suposições ou relatos de certos livros ditos "sagrados", com a Bíblia, o Corão, o Zend Avesta, o Mahabharata, ou mesmo, os do Allan Kardec.

Explique de maneira mais simples o que são as estrelas?‎ Husky Siberiano

Estrelas são esferas de gás com massa suficiente para que a pressão no centro cause uma temperatura suficiente para desencadear reações nucleares de fusão que impeça a gravidade de continuar a contraí-la e produza uma emissão de radiação para o espaço. Elas surgem pela agregação casual do gás sideral que provoca uma semente atratora de mais gás até que a quantidade fique suficiente para acender o núcleo. Isso requer 14 milhões de kelvins de temperatura e uma massa mínima de cerca de um décimo da massa do Sol. Leia estes artigos (mas leia mesmo, tudinho), para começar a entender de astrofísica:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Estrela
http://pt.wikipedia.org/wiki/Forma%C3%A7%C3%A3o_estelar
http://pt.wikipedia.org/wiki/Protoestrela
http://pt.wikipedia.org/wiki/Evolu%C3%A7%C3%A3o_estelar

O que acha da pessoa que se diz "ateu", mas fica agradecendo à Deus, fazendo sinal da cruz ou mesmo outros ritos dos que acreditam em Deus?‎ João Vitor

Que, de fato, não são. Ou pretendem ser, mas não se desvencilharam completamente de sua crença, ou se dizem assim só para fazer farol. Quanto a apenas dizer "graças a Deus", "Deus me livre" e similares, pode ser só um hábito de linguagem tão introjetado que sai sem querer. Não está significando que, de fato, a pessoa está dando graças a Deus. É como se dissesse "felizmente".

A afirmação do Espiritismo que diz que cometas são mundos em via de formação está correta?

Não. Em absoluto. Cometas são fragmentos sólidos capturados pelo Sol ou remanescentes de sua formação que orbitam-no nos cinturões de Oort e Kuiper e, de vez em quando, são atraídos para órbitas que interceptam as dos planetas. http://pt.wikipedia.org/wiki/Cometa

Por que acha que o número de ateus no mundo é minoria?‎ Isa

Porque as pessoas simplesmente se acomodam com o que todo mundo acha e não questiona e nem busca estudar aprofundadamente para tirar suas conclusões. Além de que, em muitos lugares, ainda se hostiliza quem seja ateu, podendo até ser condenado à morte, como nos países fundamentalistas islâmicos. Há uma ideia de que ser ateu é ser devasso, desonesto, malvado e coisas assim. Não se percebe que isso não depende de crença, uma vez que há muitos crentes que são assim. Em verdade, a maioria dos ateus não é assim. Mesmo em países mais abertos, como os ocidentais, ainda há quem veja os ateus com um olhar enviesado. Nem todo mundo tem personalidade suficientemente forte para arrostar a sociedade e se declarar abertamente ateu.

Ernesto, o que você acha da carreia Psicologia?‎ K丹尺ㄥ工れ卄丹

Gosto da Psicologia como estudo da mente e seu funcionamento, associado à neurologia. Penso que todo psicólogo deveria ser médico, isto é, psicologia seria uma pós-graduação da medicina, que englobaria a psiquiatria, a neurologia, a psicologia e a psicanálise. Assim se teria o profissional completo no assunto. Porque eu vejo que diferentes profissionais atacam os problemas psíquicos dos pacientes com diferentes abordagens. Teria que haver um consenso. Não gosto disso de haver "linhas" ou "escolas" psicológicas que dão explicações diferentes para um mesmo caso. Tem-se que chegar a uma conclusão, como acontece na medicina somática. Por isso é que a Psicologia ainda é uma "protociência", do mesmo modo que a Sociologia e a Economia. Falta-lhes o "Corte Epistemológico" da Física, Química, Biologia, Geologia, Astronomia. Mas é bom, exatamente, se dedicar a ser uma pesquisadora disso, para ver se consegue chegar a uma conclusão. Acho fascinante essa área de contato da psicologia com a neurologia. Ser um pesquisador dessa área deve ser muito estimulante. Mas ser um psicólogo clínico em não acho muito interessante.

O que mais te fascina, exatas ou humanas?‎ Isa

Exatas, especialmente Matemática, Física, Cosmologia, Astronomia e Astrofísica, bem como Teoria da Relatividade e Teoria Quântica de Campos. Mas também adoro Filosofia, História, Educação, Psicologia, Neurociências, Evolução, Bioquímica Celular, Sociologia, Literatura, Música, Pintura. Só não gosto de Direito, Administração, Economia (exceto filosoficamente), Política (idem), Agropecuária, Negócios, Finanças, Comércio, Indústria,

Sou extremamente rígida quanto à educação que meu filho está tendo e terá futuramente. Tenho medo que o nível intelectual dele seja inferior ao meu, já que me considero culta e inteligente. Seus filhos herdaram o mesmo intelecto do senhor?‎ andri daudt

Sim, mas não os mesmos interesses. Tenho um filho que é veterinário e tem mestrado, mas trabalha como pesquisador da Minnesota State University em melhoramento de Soja. Minha filha é engenheira de alimentos com especialização em administração e é técnica da Receita Federal. Mas não são filosóficos como eu. São mais práticos, como a mãe deles.

O que seria um NERD para você?‎ Tata

Uma pessoa que curte estudar, aprender, desenvolver habilidades cognitivas e manuais, produzir arte. Uma pessoa extremamente curiosa e que quer saber tudo sobre tudo. Fissurada em conhecimento e que é capaz de mergulhar horas esquecidas no aprendizado de algo. Hoje em dia, especialmente em programação de computadores, mas não só. Geralmente é meio desligada do resto do mundo e introspectiva. Mas não necessariamente tímida nem misantrópica. Além do mais, a pessoa Nerd, nem sempre se sai bem na escola, pois não se importa com o conhecimento formal exigido, mas se interessa por outros assuntos. Quem estuda muito o que é exigido na escola, para tirar notas altas, é chamado CDF.

O senhor sempre foi assim tão inteligente ou veio adquirindo gosto pelo conhecimento ao longo da vida?‎ gabe

A inteligência e o conhecimento vão se aprimorando ao longo da vida, para quem os cultiva. Desde que me entendo por gente, contudo, sou uma pessoa extremamente curiosa e ávida por conhecimento, especialmente científico, filosófico e humanista, bem como domínio de habilidades artísticas (desenho e pintura), musicais (inclusive canto), literárias (prosa e poesia), manuais e cognitivas. Só não gosto de esportes nem de jogos, exceto xadrez. Ainda não experimentei fazer teatro, mas acho que me sairia bem. Dançar é que eu não tenho muito jeito. Mas estudar, sempre adorei e curto um prazer enorme. Ao longo da vida, isso tudo só foi aumentando. Mas também gosto de namorar, passear, conversar. Televisão eu quase não vejo e nunca fui de ver, exceto filmes e documentários. Nem jornal eu ligo para assistir. O que sempre fiz muito é ler e, agora, entrar na internet, onde escrevo muito. Veja meu site e meus blogs: www.ruckert.pro.br

Porque hoje em dia as pessoas, normalmente os adolescentes, não querem que os demais saibam de sua inteligência ou intelectualidade?‎ H. Souza

Porque destoariam da turma e há muita necessidade de se sentir acolhido na turma. Ser nerd, estudioso, inteligente e culto é objeto de preconceito e rejeição pela maioria. Só quem tenha uma personalidade muito forte é que aguenta o tranco. Mas há que afronte a turma e se afirme. Esses são os bravos indispensáveis.

Como foi viver em Barbacena? Voltaria à cidade?

Gostei, pois foi onde passei minha infância, adolescência e juventude. Fui para lá com dois anos e saí com 26. Estudei, namorei e me casei lá. Vim para Viçosa há 37 anos, mas saí dois anos para fazer mestrado no Rio de Janeiro, onde nasci. Não voltaria mais para Barbacena. Já perdi meus contatos. Mas gostaria de ir para outro lugar, talvez no estado do Rio, que acho o mais bonito do Brasil. Quem sabe Teresópolis ou Angra dos Reis. Ou, então sair do Brasil e ir para a Áustria, Canadá, ou Taiti.

Como funciona essa escola em Portugal que citou na resposta anterior, Ernesto?‎ Arthur

http://pt.wikipedia.org/wiki/Escola_da_Ponte
http://revistaescola.abril.com.br/formacao/formacao-inicial/jose-pacheco-escola-ponte-479055.shtml
http://educador.brasilescola.com/gestao-educacional/escola-ponte.htm

oque acha de escolas periodo integral ??! eu estudava em uma do governo aqui na minha cidade porem acabei saindo dela e fui estudar em outra meio periodo e a galera toda tava adiantada na materia :x‎ Abgail Machado ▲

Acho que todas deveriam ser assim. Mas com seriedade e exigência. Nada de "oba, oba". Sou a favor da reprovação, no esquema atual de aulas, turmas e séries. Mas acho que seria melhor o esquema da W
Escola da Ponte, de Portugal, que não tem aula, nem turma, nem série.

Então, é a favor do relacionamento aberto? Sua esposa concordaria, caso você propusesse?‎ renata

Sou a favor da possibilidade, para quem quiser. Para mim, não quero. Acho que minha mulher não aceitaria. Do mesmo modo que sou a favor da possibilidade do casamento homossexual mas não quero me casar com homem nenhum.

Você é a favor do poliamor?‎ renata

Não como algo a ser preconizado, mas perfeitamente admissível. Claro. Porque não, se todos os envolvidos estiverem de acordo? Isso evitaria muita infelicidade de se ter que fazer uma escolha quando se ama a mais de uma outra pessoa, o que é comum. O que não pode haver é ciúme nem traição. Tudo às claras, sabido e consentido. Sem problema. Sendo só dois é melhor. Mas não obrigatoriamente só dois e nem obrigatoriamente mais de dois.

E posivel uma pessoa ter tudo que tem e ainda não ser feliz?‎ Luana Azevedo

Claro. A felicidade não se relaciona às posses. Quem a coloca nisso, certamente não será feliz, porque é impossível se ter tudo. A felicidade está em sentir que se está vivendo de modo que se é amado e se esparja o bem em torno de si, contribuindo para que o mundo se torne melhor. Isso não requer a posse de nada. Aliás, quanto mais despossuído a pessoa for, mas facilmente ela será feliz, desde que tenha o mínimo para não passar fome e frio. O desprendimento é que nos torna leves para curtir a felicidade.

Você possui algum tipo de preconceito? O que fazer para combate-lo, seja o que você tem e das outras pessoas?‎ William Carreiro

Não me consta que tenha nenhum. Ou melhor, tenho preconceito contra preconceituosos e não tolero intolerantes. Mas esses eu não pretendo combater.

Já estudou a filosofia hermética?‎ Carlos Matos

Não. E tenho muita prevenção sobre tudo o que seja hermético, oculto ou esotérico. Penso que todo conhecimento, sendo bom, deve ser exposto à luz para todos aproveitarem. Por isso não aprecio a Maçonaria, os Rosacruz e similares. Além do mais as sete leis do hermetismo não são válidas.

http://ask.fm/wolfedler/answer/51623142429 Discordo, acho que agente existe pra sermos felizes ^^‎ White Label :v

Ser feliz não é o propósito da vida. Ser feliz é um desejo cuja realização não é condição para nada além dele mesmo. Mas a vida existe apenas para ser vivida. Ela não é engendrada para levar à felicidade. Não é o seu objetivo precípuo e intrínseco. Este á apenas viver para perpetuar a vida por meio da descendência. Todavia, uma vez se vivendo, feliz é melhor. Mas a felicidade não é alcançada só porque buscada. Depende de vários fatores, alguns fora do nosso controle. Todavia, se se levar a vida buscando o bem, normalmente ser-se-á brindado com a felicidade.

o senhor acredita em que algumas religiões deviam rever seus conceitos?‎ i'm broken

Acho é que todas deveria acabar. Mesmo que se creia em Deus, não é preciso ter religião. Para mim elas não são boas. São instituições muito pesadas, cheias de regras, de rituais, de templos. Não creio em Deus, mas se voltasse a crer, não seguiria religião nenhuma. Veja isto:
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=4421

Sou mt fã do senhor ^^ , Oque o senhor acha das pessoas que te " julgam " pelo jeito que você é e sua forma de pensar ?‎ Erick osh :v

O valor de uma pessoa reside em seu caráter, isto é, em suas concepções de bem e de mal e no que ela faz de bom ou de mau. Jamais em seu jeito de ser ou em suas idéias, desde que não sejam idéias malévolas, para prejudicar aos outros. Nem em seu comportamento, se também não prejudicar ninguém. Quem julga os outros por outros critérios, que não o caráter, é uma pessoa mesquinha, preconceituosa. Ou então invejosa, despeitada. Posso dizer que não tem bom caráter e que tem uma personalidade fraca. Enfim, digna de dó e completamente irrelevante.

Ernesto, o que acha da carreira policial ?‎ Larissa Vaz

Uma boa, principalmente para acabar com a corrupção que existe lá dentro. Está fazendo falta um "Serpico" em cada corporação policial, para que a polícia seja, de fato, a instituição que defende as pessoas da maldade de algumas. Mas se a maldade vier da própria polícia, como fazer? Parabéns pela escolha. Mas você passará aperto para combater o mau comportamento lá dentro.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Serpico

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Quais as chances das religiões teístas deixarem de existir?‎ Luís

Penso que com a difusão do conhecimento científico cada vez maior, bem como a redução da pobreza no mundo, assim que se passarem algumas décadas depois que não houver mais ninguém pobre e nem sem nível médio de instrução no mundo, haverá uma rápida diminuição até a extinção total das crenças religiosas. Mas isso ainda demora várias centenas de anos, ou mesmo, alguns milhares. Penso, contudo, que fatalmente ocorrerá. Sou otimista.

nossa cara , vc é gay ?‎ André Felix

Não sei de onde você pode ter tirado essa ideia. Não sou e sinto até gastura em imaginar. Mas admito perfeitamente que quem seja assuma abertamente a condição e viva feliz com ela. Isso é tão normal como qualquer das outras orientações, no caso a bi e a assexualidade, que muitos confundem com a homossexualidade, porque a pessoa não tem atração pelo sexo oposto. Nem pelo mesmo.

Você tem a impressão de que o tempo passou rápido, Ernesto? Desde quando você era criança até agora, sua vida, passou rápido?‎ Tiane Fróes

Oí Tiane! Que bom você estar aqui novamente. Saiba que tenho um carinho especial por você e te admiro muito. À medida que se vai vivendo, cada ano é uma fração menor da vida. Então parece que passa mais depressa. Inclusive porque as mudanças somáticas e psíquicas são maiores quanto mais novo se é. Na maturidade isso quase não muda. E se as circunstâncias exteriores não mudarem, como haver separação, mudança de emprego, aposentadoria ou coisas assim, parece que os dias se sucedem rapidamente, pela monotonia. Muita variação cria mais consciência de se estar vivendo e, portanto, parece que demora mais a passar. Por isso é que é bom sempre estar "inventando moda" de fazer um monte de coisas, como aprender novos idiomas, novas habilidades, mudar de atividades, passear, fazer trabalhos variados, participar de empreendimentos culturais, assistenciais e outros. Isso preencha a vida e lhe dá significado. Aposentar é o fim da picada. Mesmo que se trabalhe de graça é melhor trabalhar do que ficar à toa. É bom "caçar sarna para se coçar" e mesmo "dar murro em ponta de faca" para consertar o mundo. No meu caso, tenho boas lembranças de ter feito muita coisa e gosto de rememorá-las. Assim não acho que a vida passou rápida e sim no ritmo normal de um dia por dia.

O universo é finito?‎ Bruno Ribeiro

Ao que parece, não. Isso depende da comparação entre os parâmetros de densidade de massa e energia e da aceleração da expansão. Se o primeiro predominar, ele é finito, se o segundo, infinito. O problema é que as medidas cosmológicas são imprecisas e os valores obtidos superpõem as suas margens de erro. Todavia, os melhores valores atuais, indicam que a aceleração da expansão está vencendo o refreamento gravitacional que a massa e energia propiciam. Então ele deve ser infinito.

Eu fui ao dicionario (online) e um dos significados de crer é "Considerar como verdadeiro." Não é só pelo fato de crer que eu afirmo ser correto mas aceito a possibilidade de ser, com isto eu creio em minha hipótese logo aceito que ela pode estar correta

Esse significado da palavra crer não tem nada a ver com crer no sentido de ter uma crença. É outra acepção. Infelizmente nossa língua, como a maioria, não tem uma correspondência bijetora entre significantes e significados. Essa acepção é a mesma que a de "achar" ou "considerar". Mas eu prefiro usar "achar", do que "crer", nesse sentido, deixando "crer", para o sentido de ter uma crença, isto é, admitir a veracidade de uma proposição sem provas, isto é, "acreditar". A diferença semântica é sutil e pode trazer confusão. O bom é parafrasear, para que fique bem entendido o sentido que se está usando.

Professor,o que o senhor acha que acontece depois que morremos?Sou espírita,mais queria saber a opinião de um ateu.‎ Noob Saibot pq sim!

Deixamos de existir. Como se fossemos anestesiados, mas não retornássemos. Acaba tudo. Nem se sabe o que aconteceu.

Eu amo Física, Astronomia, e todas essas coisas relacionadas a exatas. Eu gostaria muito de fazer uma faculdade de Astrofísica, mas o que me prende, de certo modo, é que não tem campo pra isso no Brasil. Portanto, gostaria de saber se o senhor acha que compensa me especializar nisso, ou não.‎ Giu ♡

Tem campo sim. Basta que você seja bamba mesmo no assunto que você é contratada por Universidades e Institutos de Pesquisa. Sugiro fazer bacharelado em Física (e a licenciatura também), depois mestrado em astronomia, astrofísica ou cosmologia e doutorado no exterior, se conseguir. Mas meta a cara e seja a melhor da faculdade. Não se contente em aprender só o que é exigido. Vá muito além. Faça iniciação científica, seja monitora. Enfim, se mostre e se destaque.

Qual é o valor mais válido pregado por Jesus Cristo (ou atribuído a ele)?‎ Julia Peçanha

Amai-vos uns aos outros (sem exceto...) Se isso fosse praticado mesmo por todo mundo, não haveria guerras e nem exércitos, não haveria preconceitos, não haveria discórdias, não haveria crime, não haveria brigas, não precisaria haver polícia, não precisariam haver advogados e nem juízes, não precisariam haver cercas e nem fronteiras, não haveria ciúme, não haveria ódio, não haveria cobiça, não haveria preguiça, não haveria pobreza, não haveria ignorância, não haveria doentes sem assistência. Basta isso e tudo se resolve. Esse é o grande legado dele que nem seus representantes seguem.

Senhor,pode me explicar sobre a Teoria do Caos? desculpe-me estar repetindo a mesma pergunta,mais é que o mesmo tem vários,digamos,admiradores que fazem muitas perguntas,dai fica difícil o senhor me responder :(‎ Noob Saibot pq sim!

Isso demanda um pouco de pesquisa. Por enquanto, veja isto: http://pt.wikipedia.org/wiki/Teoria_do_caos

Olha, eu queria uma opinião sua, bem, eu não acredito muito em Deus, pois ele pode não ter existido, não existi provas de que ele existiu. Mas também não sei se acredito, pois também não há provas de que ele não existiu. Agora eu estou nessa duvida: Acreditar ou não? O que eu faço?‎ Sendo Erika

Estude muito. Religião, história, ciências, filosofia. Especialmente cosmologia e neurociências. Mas você vai levar uns anos para concluir. Enquanto isso fique em suspenso. Visite meus blogs e faça buscas a respeito na caixa de busca: www.ruckert.pro.br/blog e www.blogspot.com/wolfedler.

O que acha desse comentário? "Vê a terra? Não ah nenhum tipo de corda, mão que a segure, vê o sol? ele queima átomos mais na sua ciência diz que não é possível existir fogo sem oxigênio, mais o sol está iluminando o seu dia, todos os dias. E antes da suposta evolução? E antes? e antes disso tudo?"..‎ Lucas Santana

Só quem não entende nada de ciência pode falar coisas assim. A Terra e todos os planetas estão em órbita pela conjugação da inércia tangencial com a gravitação radial. Não é preciso de corda nenhuma. Todo o Universo se move pela conjugação desses dois fatores. Claro que pode existir fogo sem oxigênio. O fogo do Sol se deve a reações nucleares de fusão de hidrogênio em hélio no seu núcleo. Não é uma combustão. Antes da evolução, não haviam seres vivos, só matéria inanimada. O primeiro deles surgiu por um acaso extremamente favorável que aconteceu na Terra primitiva. Antes do surgimento do Universo não havia nada, nem "antes", pois não havia tempo, nem espaço, nem conteúdo nenhum. Aliás, mesmo quem ache que o Universo tenha sido criado por Deus, e não surgido por acaso, considera que Deus o teria criado a partir de nada pré-existente.

Como é o ensino no colégio em que você é vice-diretor?‎ Husky Siberiano

Depois do Colégio de Aplicação da UFV, que sempre foi um dos dez primeiros colocados no ranking nacional do ENEM, o meu, o Colégio Anglo, é o melhor da cidade. Além de ter um corpo docente excelente, muitos com mestrado e doutorado, é super exigente e propicia uma grande variedade de recursos para aprimorar o aprendizado. Visite o seu site: www.anglovicosa.com.br .

ernesto, seria válido eu me matar por não acreditar em vida após a morte?‎

Admito o direito ao suicídio, mas não o recomendo, em absoluto. Essa, então, é uma razão inteiramente despropositada para se suicidar. O fato de não haver prosseguimento da vida de outra forma depois da morte biológica não invalida nem um pouco que ela seja uma preciosidade ímpar que tem que ser aproveitada ao máximo, pois não vai ter repetição. A vida de cada um é única e restrita a esse breve intervalo entre o nascimento e a morte. Não há nenhuma razão para abreviá-la, antecipando a morte. Pelo contrário, devem-se envidar os maiores esforços na manutenção da saúde para prolongá-la ao máximo. Justamente para se tirar o maior proveito e fazer dela algo significativo, de modo que se possa considerar que ter existido foi motivo para deixar o mundo melhor e razão de benefício para si e para os outros.

Se seu filho quisesse entrar no ITA, deixaria ele ir estudando e tentando ou obrigaria ele a entrar com 17 anos em qualquer outra por ai?‎ Patrick Cristopher

Claro que eu não só deixaria como incentivaria ele ir tentando e estudando. Até lhe ensinaria e lhe exigiria um esforço redobrado. Ou melhor quadruplicado. Pelo menos 12 horas por dia sem refresco de fim de semana.

Se não acredita em DEUS certo ? Mais Pelo Menos Acredita Que JESUS Existe ?‎ Medellyn

Se existiu, pois há controvérsias, não existe mais, pois já morreu. E quem morre deixa de existir. Claro que, se existiu e morreu, não ressuscitou. Isso não acontece, por enquanto, pois a medicina ainda não tem essa capacidade. Muito menos no tempo em que ele vivia, se existiu. Penso que deva ter havido alguém que, posteriormente, foi identificado como o Jesus, ao qual se atribuíram feitos fantásticos. Imagino que ele deva ter sido um profeta, isto é, um líder religioso e que possa ter pregado muito do que se diz que pregou. E que, inclusive, considero muito válido e proveitoso, mesmo sabendo que ele não era deus nenhum.

porq o senhor não acredita na existencia d Deus? Não achas q o mundo foi criado tão magnifico e isso poderia ser feito só por um ser superior e com muito amor por nós humanos?‎ Margieli Rodrigues

á disse isso várias vezes. Procure nas respostas abaixo. Mas o mundo não é nada magnífico. Ele é cheio de horripilâncias. Existem doenças, existe maldade, existe feiura, existem catástrofes. Se foi um Deus que o fez, ele é bem incompetente. Aliás é essa imperfeição toda do Universo e do mundo, bem como dos seres humanos, uma das razões que me levam a achar que não existe Deus nenhum. A concepção cristã, então, é pior ainda. Como poderia um Deus bondoso exigir o sacrifício cruel de seu próprio filho para se sentir satisfeito e permitir aos homens gozarem o paraíso? Porque, simplesmente, não perdoou? Isso é que seria amar aos homens e não exigir esse sacrifício idiota de expiação. Essa é uma concepção de Deus extremamente mesquinha. Não dá para admitir que exista um ser assim. Nisso eu prefiro os muçulmanos. E prefiro a ética budista. Claro, prefiro a ética humanista e a concepção ateísta. Estou só comparando com o cristianismo.

Ernesto, a respeito do perfeccionismo. Ele é uma arte? Por exemplo, eu pinto um quadro belíssimo, bezuntado de detalhes, e cheio de subjetividades, enquanto você faz o mesmo, e pinta uma obra-prima, mas com tuas características.Então as pessoas têm essas obras como "perfeitas", e considera-se que ..‎ William Carreiro

continuando... (...) considera-se que o perfeccionismo é subjetivo. Ou o perfeccionismo é algo científico, que tenha um padrão para todos? Ou ambas as opções, depedendo da situação.
Não é isso. Perfeccionismo não é perfeição. É a atitude de sempre se procurar fazer tudo da forma mais perfeita possível. Isto é, nunca se contentar nem com o "muito bom", mas, pelo menos, com o "ótimo" e, de preferência, com o "excelente". Para isso, não se importar de ter o trabalho que tiver, levar o tempo que levar, gastar o quanto gastar. Em suma focar-se na excelência do resultado e não na economia do processo para se chegar a ele. É ser eficaz e não ligar para a eficiência. Mas o resultado tem que ser perfeito em sua própria avaliação. É não se contentar com o "Está bom assim" dos outros, se achar que não está bom. Essa atitude não é nada lucrativa, pelo contrário, costuma dar prejuízo. Mas dá a satisfação de ver uma obra perfeita em tudo o que se faz. Isso não tem preço. Isso é válido para obras de arte como também para tudo o que se fizer na vida. Para tal é preciso ter muita perseverança, nenhuma preguiça, muita paciência e, certamente, muito preparo, treinamento e talento. Tem gente que não consegue, ou por falta de tenacidade, ou por ter pressa, ou por não gostar de ter prejuízo ou por não se importar mesmo com a qualidade. Não é o meu caso. Sempre fui assim e não pretendo mudar. Mais vale um gosto do que um vintém.

como o Senhor descobriu que gostava de filosofia ou digamos filosofar ??‎ carool u.u

Meu pai era professor de História e Geografia e tinha, também, livros de Filosofia. Como eu sempre fui curioso a respeito de tudo eu ia lendo os seus livros e me encantei pela Filosofia. Então comecei a ler cada vez mais. O livro que me abriu o gosto pela Filosofia foi o "Manual de Filosofia" de Teobaldo Miranda Santos. É uma obra escolástica, mas dá para se ter uma boa ideia. Depois eu peguei os dois volumes do Huisman e Vergez. Aí li a História do Pensamento Ocidental de Bertrand Russell. Também li o Jolivet, outro tomista. Mas, então, eu era católico. Enquanto isso estudava História, Relatividade, Cosmologia, Física Quântica (e nem estava na faculdade ainda), como também neurociências e religião. Foi o que me fez ir perdendo a fé.

Você se considera um filósofo?‎ Luís

Informalmente sim. Não tenho a formação acadêmica "formal" em Filosofia, mas, desde meus 13 anos venho lendo muito sobre Filosofia. Estudando mesmo, por minha conta. Além de sempre estar refletindo e escrevendo a respeito. Discutindo e, muitas vezes, mudando meu ponto de vista. Então posso dizer que sim, mesmo que, legalmente não possa lecionar Filosofia. Minha área de treinamento no mestrado, a Cosmologia e a Relatividade Geral, bem com as Teorias Quânticas de Campo são as áreas mais filosóficas da Física e eu as escolhi exatamente por isso, já que suas aplicações práticas são quase nulas.

Ainda sobre a fé.‎ Ernesto von Rückert

Fé é uma espécie de crença. Crença é a aceitação de afirmações sem evidências ou provas, mas com indícios de plausibilidade e aceitação de sua rejeição face a revelação de novos fatos que a contradigam. Além de sempre admitir um ceticismo. Fé é uma crença sem indícios de validade, com base em sentimentos e na vontade. E a fé é convicta, não admite dúvidas. Claro que sentimentos têm tanto peso quanto a razão, na tomada de decisões. Mas a fé, como a esperança, são atitudes insustentáveis. O que é válido é a confiança, que é uma crença bem alicerçada em fortes indícios de validade. Não é, contudo, um conhecimento certo. Mas não é, também, uma mera opinião. Por exemplo, eu tenho confiança de que existe um mundo objetivo fora de minha mente, sem ter certeza disso. É o que eu chamo de convicção esclarecida. Certeza não existe, ou, pelo menos, é extremamente difícil de se ter. A fé pretende dar uma certeza sem base de apoio. Acho que a fé, como a esperança, são grandes defeitos e não virtudes.

Você é aquilo que você prega? (suas atitudes condizem com o que sai da tua boca?‎ Mr. Brown

certamente que sim. Quando não consigo, faço um grande esforço para agir como penso. Em geral é o que acontece. Sou uma pessoa perfeccionista e desprendida. Não sou eficiente, mas sou muito eficaz. Não sou econômico, mas sou magnânimo. Sou extremamente teórico e devagar. Nunca tenho pressa, nunca perco a calma, nunca me irrito nem fico impaciente. Mas sou muito perseverante. Insisto demais (não mais que 49 vezes). Não me incomodo com quase nada. Sou muito esquecido em relação aos compromissos cotidianos e às coisas práticas da vida. Mas nunca me esqueço do que aprendo em termos de conhecimento ou habilidades. Lembro-me do que aprendi há mais de 50 anos. Não tenho os "pés no chão", Vivo no "mundo da Lua". Sou fleumático. Mas não cedo em minhas convicções facilmente. Mas de modo manso. A não ser que seja convencido por razões lógicas e não por nenhuma vantagem ou praticidade. Não ligo para ter prejuízo em defender meus pontos de vista. Isso não me importa. Veja isto:
http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=125
http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=2454

Na sua opinião, quem ordenou esse ataque químico? Aproveitando esse incidente, você acha que o Oriente Médio é uma bomba prestes a explodir, principiando assim uma terceira guerra mundial? (perfil)‎ Difusão Mental

Não tenho acompanhado esse noticiário. Não vejo televisão nem leio jornal. Só leio revistas semanais. Então é que fico sabendo das coisas. Acho melhor assim, depois que baixou a poeira. Mas não acho que os conflitos do oriente médio levem a nenhuma terceira guerra mundial. Ficarão localizados, para desgraça dos pobres habitantes de lá.

Já que no caso 'DEUS' não existe, da onde o senhor acha que veio o 'amor'? :ss

Amor é um sentimento desenvolvido ao longo da evolução que se revelou eficaz para garantir o sucesso existencial da espécie, por ser uma forma de uns cuidarem dos outros. Trata-se de uma sublimação do instinto de procriação, isto é, do sexo. Mas o ultrapassa, como um desejo de cuidado não só da prole, mas uns dos outros. Daí ter surgido a amizade e o amor romântico e, até, o altruísta. Não tem nada a ver com Deus.

Você está absolutamente certo de sua existência? Em caso afirmativo, o que você sabe sobre esse "você" que existe (se é que existe alguma coisa)?‎ Diego

Não. Pode ser que eu seja um sonho de outro ser. Mas, como isso é extremamente surrealista, considero que eu exista mesmo, sem poder garantir. Me baseio no "Cogito, ergo sum" de Descartes. Da mesma forma rejeito o solipsismo por seu surrealismo, sem garantia de estar certo, mas com fortes indícios de que haja um mundo objetivo fora de mim.

rnest. Pode me falar sua opinião sobre? Perguntei no forms, mas acho que você não anda entrando muito lá.. enfim: O que você acha de vampiros? Acredita que eles existem? Acredita que eles fazem jus a imagem que a mídia nos passa? Crie sua teoria, respondendo as perguntas.‎ Sra. Lecter

Meu formspring está com um problema e eu não consigo acessar as perguntas que chega. Vampiros não existem. É apenas ficção, com base em uma lenda a respeito do príncipe que existiu mesmo, no século XV, e se chamava Vlad III, da Valáquia.

O que é a fé?‎ Husky Siberiano

Uma crença, isto é, a admissão de afirmações não evidentes nem comprovadas a respeito de algo, sem tampouco possuírem indícios de veritabilidade, por uma adesão puramente na base de sentimento e vontade, e não da razão. Crenças não há como escapar de se as admitir, mas elas têm que ter algum indício de que sejam verdadeiras, além de sempre serem consideradas provisórias e passíveis de rejeição, face a evidências ou provas em contrário. A fé, de modo diverso, não admite contestação e nem revisão. Daí, em minha opinião. o seu caráter inaceitável.

O que o senhor mais gostava na EPCAR?‎ Andreas Lucas

O nível de exigência, seriedade e compromisso com que o trabalho docente e discente era levado. O uso do método da redescoberta, com experimentos semanais realizados por duplas de alunos para induzir as leis da natureza antes que o assunto fosse abordado na classe. A extrema organização de todo o processo de ensino-aprendizagem, com muita competência e profissionalismo. A total despreocupação com o que iria cair nos vestibulares e a ênfase no que fosse necessário para o exercício profissional dos futuros oficiais. A dedicação de um semestre inteiro ao estudo de Física Moderna (relatividade, quântica, atômica, nuclear, estado sólido), que não caia em vestibular nenhum. Só faltava cosmologia e astrofísica.

O mundo está perdido,estou com medo do futuro da humanidade, cada vez mais cresce o numero de gays e lésbicas, Imagine só se no mundo só existisse gay, ou só lésbica, assim não daria continuidade a humanidade, as gerações e iria chegar uma hora que a humanidade ficaria quase extinta concorda comigo?‎ Husky Siberiano

Gays e lésbicas não causam e nem causarão a perdição do mundo, em absoluto. Eles não estão aumentando. Apenas estão se revelando, já que o preconceito está diminuindo. A proporção de homossexuais na humanidade, em todas as épocas e lugares, sempre girou em torno de 10% a 12%. Isso não extinguirá a humanidade, inclusive porque homossexuais também podem ter filhos de relações heteros (do mesmo modo que heterossexuais podem ter relações homossexuais eventuais). É salutar que as pessoas homossexuais possam viver a sua orientação sem nenhuma intolerância ou preconceito. Isso aumentará o amor e a felicidade geral do mundo, o que beneficiará a todos.

O senhor é muito ocupado, com o que?‎ Husky Siberiano

Sou vice-diretor de uma escola e meu trabalho me consome, em geral, 10 horas por dia ou mais. Muitas vezes tenho serviço para fazer em casa nos fins de semana. Sou encarregado do apoio computacional pedagógico, bem como referente ao trabalho docente. Isso me faz produzir programas e planilhas para controle da avaliação, calendário, horário, históricos escolares, currículos. Também faço a revisão de português de toda a correspondência e qualquer texto oficial do colégio, além de participar de todo o planejamento e execução das atividades de ensino. Só não mexo com a parte administrativa, empresarial e financeira da escola.

Oi Professor Rückert. Tenho uma dúvida que ninguém me tira, nem os professores da escola, de onde vem a EQUAÇÃO da Teoria da Gravitação Universal de Newton?‎ Ser Humano

Ao calcular a aceleração centrípeta da Lua em seu giro em torno da Terra, Newton viu que era uma quatro mil vezes menor do que a de queda dos corpos na Terra. Ora, 4000 é o quadrado da razão da distância à Lua pelo raio da Terra. Ele conseguiu mostrar, matematicamente, que o efeito da atração da Terra sobre os corpos em sua superfície era como se toda a massa dela se concentrasse no centro. Então pode concluir que a Lua gira em torno da Terra porque está caindo para ela, mas não cai porque tem uma velocidade lateral que a faz entrar em órbita. E que essa força que provoca a queda varia com o inverso do quadrado da distância. Depois aplicou essa hipótese para os planetas que giram em torno do Sol e conferiu que suas acelerações centrípetas em relação ao Sol variam com o inverso do quadrado de suas distâncias ao Sol. Quanto à proporcionalidade com a massa, Como ele sabia que todos os corpos caem com a mesma aceleração (Galileu mostrou isso) e havia descoberto que a aceleração é diretamente proporcional à força e inversamente proporcional à massa, isso significa que a aceleração só pode ser constante se a força for proporcional à massa do que sofre a força. Quanto a ser proporcional à massa do que exerce, ele já havia mostrado que a toda ação corresponde uma reação de mesmo valor. Então todo corpo puxa a Terra para cima com uma força igual ao seu peso. Logo o peso tem que ser proporcional à massa da Terra também. Para contemplar essas três proporcionalidades, o peso tem que ser proporcional ao produto das massas dividido pelo quadrado da distância. Para achar a constante de proporcionalidade teria que se fazer uma medida e isso foi feito em uma experiência por Cavendish, que mediu a força de gravidade entre duas massas conhecidas, determinando o valor da constante da gravitação universal e, com isso, determinando a massa da Terra.
http://en.wikipedia.org/wiki/Cavendish_experiment
http://en.wikipedia.org/wiki/Law_of_universal_gravitation
http://www.ruckert.pro.br/blog/?page_id=151
http://www.ruckert.pro.br/blog/?p=1262
http://en.wikipedia.org/wiki/Orbital_motion

Vc gosta de Estudar Economia?‎ Pedro

Depende. Gosto do aspecto social e filosófico dela, mas não do aspecto prático. Também não gosto da parte monetária. Gosto de Economia Política e de Economia como ciência da produção e distribuição de bens. Nada de dinheiro, impostos, câmbio. Gosto de elocubrar como seria uma economia anarquista, sem dinheiro e sem propriedade privada.

Eu te fiz uma pergunta e o senhor nem me respondeu! =( Será que dá para me ajudar sobre a medicina dos anos 80? Já rodei em todos lugares e não acho nada, aí vim pedir ajuda ao senhor =/‎ Letícia Liane

Desculpa. É que chegam muitas e eu vou respondendo as que eu já sei, sem pesquisar. A sua é uma que eu não saberia responder sem fazer uma boa pesquisa. Mas, infelizmente, não vou ter tempo para isso. Vê se acha na internet mesmo. Não sou muito ligado à medicina, como também ao direito. Uma pena não conseguir te responder.

Qual a opinião do senhor em relação a Teoria das Cordas, uma vez que ainda não é possível prova-la?‎ Thalles Ferreira

Meu sentimento é de que não seja válida. Não acho que a gravitação seja uma interação e nem que o espaço-tempo seja quantizado. Penso que a unificação das interações não seja viável. Mas é um sentimento meu. Como o assunto ainda é especulativo, há que se aguardar alguma forma de testá-lo, o que ainda não se descobriu como.

http://ask.fm/wolfedler/answer/62033968413 -- Nessa resposta o senhor explica o porque de existir o "crer" na ciência, porem quando se trata de uma hipótese logo algo que não é provado, para uma hipótese ser formada o seu criador tem que "crer" que ela é a resposta para sua pergunta, correto ?

Não. Ele tem que supor que seja possível e investigar se é mesmo. Ele pode ter a expectativa de que seja, mas não a crença. Crença é uma aceitação de uma verdade sem prova. Nenhum cientista aceita a validade de nenhuma hipótese não confirmada como verdadeira. Ele a considera como uma possibilidade a testar, mesmo que ache que vá passar no teste. Mas enquanto não passar, não a admite com a explicação buscada. Isso é o que aconteceu com a Relatividade Geral até o teste da curvatura dos raios de luz em torno do Sol, medida no Eclipse. Só então Einstein pode considerar que sua hipótese fosse uma teoria.

Ernesto, você acha que uma pessoa deveria seguir a carreira a qual ela tem interesse e acha que pode se tornar um bom profissional, ou seguir uma apenas pela indicação de outros em relação ao mercado de trabalho ?

Jamais recomendo que alguém escolha sua carreira pelo mercado de trabalho. Isso poderá ser fonte de grande frustração. É sumamente importante que se trabalhe no que se goste para ser feliz. E ser feliz é o que importa e não ser rico

Supondo que estamos em 1700 e eu te faço a pergunta "será possível algum dia pessoas usarem objetos que permitam a elas conversarem em tempo real, transportando suas vozes e até imagens?" qual seria a sua resposta?‎ Luís

Uma pessoa de mente aberta, como Leonardo da Vinci, responderia que qualquer coisa seria possível no futuro. Mas uma pessoa comum diria que não. Da mesma forma que não dito que o teletransporte seja impossível, apenas que é muito difícil. Muito mais difícil do que viagens intergalácticas, criação artificial de estrelas, eternização da vida e outras coisas.

Mas Ernesto, e se representar os átomos humanos como qbits? O entrelaçamento aproveita muito mais a quantia de dados gastos, pesquisei aqui e vi que 43 qbits equivale 1 terrabyte. Ou seja: 8.796.093.022.208 bits Abraços‎ Bruno da Silva

Se se conseguir manipular os qbits então é só multiplicar os 5E30 bits por 43E-12 que se terá 2E20, o que reduzirá o tempo de 169 bilhões para pouco mais de sete anos, sem compactação. O problema continua sendo que se tem que mandar, para o destino, um dispositivo entrelaçado com outro na origem, de modo que a informação de um seja replicada no outro. Mas o dispositivo tem que ser transportado fisicamente para o destino, do mesmo modo que o receptor de ondas da transmissão eletromagnética dos bits comuns. Sem contar que o dispositivo reconstrutor do corpo físico a partir das informações também tem que existir no destino. Um grande problema.

Eu esqueço muita coisa que estudo, isso é normal? Como melhorar? E também sinto dificuldade em estudar coisas que não me interesso.‎ Husky Siberiano

A solução para os dois problemas é uma só. Interessar-se pelo assunto. Senão não tem jeito. Não vai conseguir entender e nem memorizar. O segredo para se aprender qualquer coisa é querer saber por prazer. Senão não adianta. A não ser que se tenha uma força de vontade hercúlea. Mesmo assim não surte muito efeito. O cérebro rejeita por sua conta o que ele não gosta. Comece a ler livros de divulgação sobre o tema para ver se aprende a gostar e deseja saber mais aprofundadamente. Mas isso é um processo lento. Especialmente matemática que é um conhecimento cumulativo. Tente o método Kumon. Parece que dá certo.

Quais foram suas contribuições para a matemática?‎ Álvaro Tavares

Nenhuma. Nunca fiz pesquisa em matemática e não descobri novidade nenhuma. Só fiz uso da Matemática na Física, especialmente cálculo tensorial, equações diferenciais parciais, cálculo variacional, formas diferenciais, geometria diferencial, geometria riemanniana, funções especiais, variáveis complexas, álgebra linear (sobre o corpo dos complexos), além da álgebra e do cálculo elementares.

Vi a questão do teletransporte, eu acho improvável, porém, já ouvi relatos de teletransporte de pequenas partículas. E certa vez eu vi que se consideramos cada pequena parte do corpo como um bit, com uma transferência a 32 ghz, precisaria bilhões de anos para transferir-nos. Talvez qbit resolva isto‎ Bruno da Silva

Se você pensar em cada átomo do seu corpo, vai ter uns 3E27. Para especificar que tipo de átomo é, gastará 16 bits para cada um (seu símbolo, que tem duas letras). Para especificar a posição com a precisão de 1E-11 metros (que é um décimo do tamanho de um átomo), tendo três coordenadas, vai gastar, para cada um, vai gastar 37 bits por coordenada, ou seja, 111 bits. Multiplicando esses três números tem-se 111*16*3E27=5E30 bits de informação para cada pessoa. Uma transmissão de 1Tb/s vai levar 5E18s, ou seja, 169 bilhões da anos. Mesmo com alguma forma de compactação de dados, tipo zipagem, ainda que isso seja reduzido mil vezes, vai se ter 169 milhões de anos. Impraticável.

Perfil‎ Ernesto von Rückert

Nascido no Rio de Janeiro em 1949 e criado em Barbacena, radiquei-me em Viçosa, Minas, em 1976. Matemático (UNIPAC/UFV), Físico e Cosmologista (CBPF), Professor Universitário Aposentado (Física Geral, Métodos Matemáticos, Mecânica Clássica, Eletromagnetismo, Ótica, Física Quântica, Física Estatística, Relatividade Geral). Ex-Professor da EAFB, EPCAR, UNIPAC, UFSJ, UFJF e UFV (Barbacena, São João del Rei, Juiz de Fora e Viçosa). Fundador do Curso de Física, Ex-Chefe do Departamento de Física, Ex-Coordenador do Curso de Física, Ex-Pró-Reitor de Graduação, Ex-Assessor e Ex-Chefe de Gabinete do Reitor da Universidade Federal de Viçosa, (UFV). Atual Vice-Diretor do Colégio Anglo de Viçosa. Ensaísta, poeta, pintor, compositor, cantor, programador. Membro da Academia de Letras de Viçosa. Ex-Presidente da Orquestra de Câmara de Viçosa. Casado (Fátima-2ª vez), Filhos: Érika-1978, Dimitri-1981, enteados: Adla-1980, Amanda-1982, Márcio-1984, Mayra-1986. Livre pensador, cético, racionalista, humanista, estóico, epicurista, anarquista, ateísta. Atividades: Amar, conversar, ler, internetar, cantar, estudar, ensinar, pesquisar, filosofar, escrever, poetar, pintar, compor, programar.

Perfil‎ Ernesto von Rückert

Nascido no Rio de Janeiro em 1949 e criado em Barbacena, radiquei-me em Viçosa, Minas, em 1976. Matemático (UNIPAC/UFV), Físico e Cosmologista (CBPF), Professor Universitário Aposentado (Física Geral, Métodos Matemáticos, Mecânica Clássica, Eletromagnetismo, Ótica, Física Quântica, Física Estatística, Relatividade Geral). Ex-Professor da EAFB, EPCAR, UNIPAC, UFSJ, UFJF e UFV (Barbacena, São João del Rei, Juiz de Fora e Viçosa). Fundador do Curso de Física, Ex-Chefe do Departamento de Física, Ex-Coordenador do Curso de Física, Ex-Pró-Reitor de Graduação, Ex-Assessor e Ex-Chefe de Gabinete do Reitor da Universidade Federal de Viçosa, (UFV). Atual Vice-Diretor do Colégio Anglo de Viçosa. Ensaísta, poeta, pintor, compositor, cantor, programador. Membro da Academia de Letras de Viçosa. Ex-Presidente da Orquestra de Câmara de Viçosa. Casado (Fátima-2ª vez), Filhos: Érika-1978, Dimitri-1981, enteados: Adla-1980, Amanda-1982, Márcio-1984, Mayra-1986. Livre pensador, cético, racionalista, humanista, estóico, epicurista, anarquista, ateísta. Atividades: Amar, conversar, ler, internetar, cantar, estudar, ensinar, pesquisar, filosofar, escrever, poetar, pintar, compor, programar.

Acredita que o fato de um indivíduo ser satanista não requer à crença na existência de Deus?‎ Braian Robert Oliveira Batista

Não sei. Acho que se pode acreditar na existência de espíritos mas não de deuses. Espíritos seriam seres sobrenaturais, mas não onipotentes nem oniscientes. Entendo que há quem possa aceitar tal fato. Como ateu não creio nem em deuses nem em espíritos. Mas quem crê, pode ser satanista, já que satanás é um espírito, sem crer em deuses.

Acredita que algum dia existirá teletransporte? Tem algo que torne completamente impossível transportar matéria de um espaço para outro?‎ Luís

Acho muito difícil. Seria preciso um scanner que localizasse cada átomo do corpo e registrasse de que elemento, que valência, unido a que e onde estaria. Tudo isso seria transmitido por um sinal de rádio para um aparelho receptor no destino (que teria que ser levado para lá antes, sem teletransporte). Então esse aparelho reconstruiria a estrutura original, exatamente, tendo que ter os átomos disponíveies, de todos os elementos. Isso feito, o sistema seria colocado em funcionamento e, se estivesse de acordo, se destruiria o original, a não ser que se quisesse fazer uma duplicação. Isso e tão complicado que é quase impossível. Além do mais, o tempo de transporte seria o tempo da viagem da luz, que, para a estrela mais próxima, é de quatro anos. Mas o tempo de levar o receptor para lá seria grande. Em suma, quase impossível.

Professor, você já teve alunos que tiraram notas muito baixas (zero) na primeira prova e se recuperaram depois e passaram na sua disciplina? O que as universidades deveriam fazer para aumentar gradativamente o desempenho dos alunos? Que reforma educacional mudaria o rumo do país de forma definitiva?‎ Victor

Certamente que sim. Uma avaliação não é suficiente. A avaliação tem que ser continuada e compreender vários instrumentos, além das provas, como o conceito por participação e interesse e uma nota que meça o crescimento. O aumento do desempenho do estudante (que é quem estuda - aluno é o que está matriculado) se dá por vários fatores. O mais importante é a motivação para o aprendizado da matéria, que depende muito do entusiasmo e da vibração e fascinação do professor com sua própria matéria, o que cativa e estimula a turma. Não se aprende nada por que não se tenha interesse, e mais, gosto mesmo. O professor tem que ter suficiente didática para fazer a turma gostar de sua matéria. Isso é essencial e pode ser implementado nas universidades por meio de uma avaliação periódica consequente do trabalho docente por parte dos alunos e dos egressos, além de outros instrumentos avaliativos. Consequente por levar à exoneração dos reprovados, após, certamente, uma chance de melhoria. A estabilidade no emprego é uma péssima política educacional. Outra medida é a mudança do método de ensino para um método de estimulo à redescoberta por parte dos alunos. Isto é, fazer dos alunos cientistas que, de forma orientada, redescubram o assunto que têm que aprender. O professor não ensina, mas estimula a aprender. A reforma educacional tem que ser radical. Acabar com disciplinas, turmas, aulas, séries e isso tudo. O aprendizado tem que se dar por tópicos interdisciplinares a serem desenvolvidos pelos estudantes, na base de um por semana, em grupos de dois ou três, na ordem que desejarem e no ritmo que conseguirem (com um limite máximo de tempo, certamente). Com os professores integralmente disponíveis para esclarecimentos, com laboratórios, computadores e bibliotecas em grande número. Salas, não de aulas, mas de atendimento. Pequenas e com quadro, para poucos alunos, em grande número. Sem horários fixos. A aprovação se daria pelo vencimento dos projetos requeridos em defesas, como mini-teses, acompanhadas do encaminhamentos de mini-monografias sobre todos os tópicos. Com direito a repetir a defesa muitas vezes, dentro de um limite. A escola funcionando o ano todo, todos os dias, todas as horas, sem nunca fechar.

A mídia sionista pode ter exagerado alguns aspectos do nazismo, mas, de fato, o nazismo tinha a concepção da superioridade da "raça" ariana e considerava que, por isso, os alemães, que eram a maior nação ariana, teriam o direito de dominarem o mundo. E os judeus eram o seu maior obstáculo, já que eram um povo culto e mais próspero. Negros, latinos, eslavos, orientais e outros também eram considerados inferiores, mas não tão perigosos para os propósitos nazistas. Os pactos que foram feitos com a Rússia (depois traído), com a Itália e com o Japão foram todos interesseiros, mas Hitler desprezava Mussolini e os japoneses. O nazismo foi, de fato, uma catástrofe. E o pior que foi acalentado pela maioria do povo alemão, que tinha em Hitler um herói. Não foi como Stálin, outro patife, que, todavia, não contava com tanto apoio popular, mas se impôs pela força a seu próprio povo.

Quando disse que não "acredito" não estou dizendo que não concordo e sim que concordo porque "sei" que é verdadeiro e não porque "acho" que assim o seja. Em ciência não se crê em nada. Sabe-se ou não. Por exemplo, eu não "acredito" na Teoria da Evolução. Eu "sei" que é verdadeira. Mas, como sempre, em ciência, nunca se tem certeza do que se sabe. Todo conhecimento científico é provisório. Mas é o que melhor se dispõe, face aos dados disponíveis.

Sr. Ernesto, sei que é um assunto delicado, mas o que o senhor tem a dizer sobre o nazismo? Existem algumas imagens do führer interagindo com negros, e inclusive várias raças participando das tropas alemãs. Você acredita que a mídia sionista criou uma imagem falsa do nazismo? Ou foi tudo como dizem?‎ André

A mídia sionista pode ter exagerado alguns aspectos do nazismo, mas, de fato, o nazismo tinha a concepção da superioridade da "raça" ariana e considerava que, por isso, os alemães, que eram a maior nação ariana, teriam o direito de dominarem o mundo. E os judeus eram o seu maior obstáculo, já que eram um povo culto e mais próspero. Negros, latinos, eslavos, orientais e outros também eram considerados inferiores, mas não tão perigosos para os propósitos nazistas. Os pactos que foram feitos com a Rússia (depois traído), com a Itália e com o Japão foram todos interesseiros, mas Hitler desprezava Mussolini e os japoneses. O nazismo foi, de fato, uma catástrofe. E o pior que foi acalentado pela maioria do povo alemão, que tinha em Hitler um herói. Não foi como Stálin, outro patife, que, todavia, não contava com tanto apoio popular, mas se impôs pela força a seu próprio povo.

o q achas dos extraterrestres? Eles existem?‎ rui

Pode ser que sim, mas a probabilidade de extraterrestres inteligentes nos visitarem é remotíssima. Os ditos avistamentos de naves extraterrestre não possuem, nenhum, indicações de que de fato o sejam. São apenas objetos voadores não identificados. A pretensão de identificá-los como naves alienígenas não tem fundamento.

Acredita que toda pessoa no mundo tem sua "alma gêmea" ?‎ Túlio Aleffe

Não necessariamente todas. Por outro lado há quem tenha várias. Eu chamaria de "alma gêmea" alguém que seja capaz de completar outra pessoa e atender a seus anseios de identificação nos gostos, interesses, convicções. Uma pessoa por quem se sinta atração e que, reciprocamente sinta atração por si, de modo a formar um par afinado que propicie grande felicidade por seu convívio e seu amor. Isso pode acontecer em relação a várias outras pessoas. Pode ser que não se coincida de conhecer nenhuma delas, apenas uma ou mais de uma, que sejam assim. Ou pode ser que não haja ninguém assim. Como nossa sociedade só admite um relacionamento amoroso de cada vez, caso se encontre mais de uma "alma gêmea" há que se optar por uma, se ela concordar em viver esse amor. Ou, afrontar a sociedade e viver mais de um amor, se todos estiverem de acordo. Ou, não acontecendo de haver nenhuma, se contentar com alguém que preencha apenas parcialmente os anseios.

Já leu algo do Paul Feyerabend? Recentemente li alguns textos dele. alguns consigo "contra-argumentar", por exemplo a afirmação de que a ciência é basicamente anarquista. mas tem um chamado "Como defender a sociedade contra a ciência" que não consigo rebater as críticas. poderias dar uma opinião?‎ Mauricio Catanio

Há mais de vinte anos li o seu livro "Contra o Método", do qual assimilei algumas considerações que considero bem válidas. O tão propalado "método científico" é só um método de teste de hipóteses. Mas não há método de formulação de hipóteses. E esta é que é a principal atividade científica. Todos os cientistas, quando apresentam uma proposta, não contam suas tentativas frustradas. Mas são elas que fazem a ciência progredir. Treinar a ser um cientista é treinar a formular hipóteses. Isso não tem método. Sobre essa questão de "defender a sociedade contra a ciência" vou pesquisar, mas acho que é algo referente ao conceito de cientificismo. Veja este vídeo:

http://ask.fm/Perguntassobreabiblia/answer/63555952883 o que acha ?‎ PeDro Paulito

Uma resposta completamente preconceituosa e prepotente. Admito que se creia em Deus ou que se ache que a Bíblia diga a verdade. Mas não posso admitir que se diga que ateus sejam insensatos, ignorantes, mentirosos, enganadores, enganados, manipulados, porque não são. Pelo menos aqueles que se tornaram ateus, como eu, em função de seus estudos e reflexões. Ateus assim agem em busca da verdade, de toda boa fé. E estão dispostos a mudar de pensamento, caso convencidos de que se enganam. Além disso, a Bíblia não tem a sua veracidade comprovada de modo nenhum. A citação da primeira epístola de João é uma frase sem fundamento. Quem nega a divindade de Jesus não é mentiroso, mesmo que possa estar enganado, se a nega em razão de suas convicções obtidas por estudo e reflexão. Ou por ser fiel a outra fé, não cristã. Nela ele pode ser um crente sincero e não um mentiroso e, mesmo assim, achar que Jesus não seja Deus. Certamente que é anticristo, no sentido de que não acha que cristo é deus nenhum. Mas o que há de errado nisso? A crença é livre. Como nenhuma das religiões prova o que diz e nem possui evidências corroborativas, pode-se crer no que se quiser. Ou em nada disso.

A ciência alguma vez o desiludiu?‎ João Serra

Ainda não. Porque ela é humilde. Não pretende ser a dona da verdade. Sempre se dobra às evidências e provas, retificando-se quando preciso. Isso é a sua grande virtude.

A ciência alguma vez o desiludiu?‎ João Serra

Ainda não. Porque ela é humilde. Não pretende ser a dona da verdade. Sempre se dobra às evidências e provas, retificando-se quando preciso. Isso é a sua grande virtude.

A ciência alguma vez o desiludiu?‎ João Serra

Ainda não. Porque ela é humilde. Não pretende ser a dona da verdade. Sempre se dobra às evidências e provas, retificando-se quando preciso. Isso é a sua grande virtude.

Estou seguindo você faz muito tempo e gosto muito de suas respostas. Ainda pouco me equivoquei em uma resposta e recebi uma pergunta referente a diferença do espaço e do universo. Já a respondi, mas gostaria de saber sua opinião sobre isso.‎ Raquel Oliveira

Raquel. Universo "Físico" é o conjunto de tudo o que existe, existiu e existirá em todos os tempos e lugares. Espaço "Físico" é o conjunto dos lugares, isto é, das possibilidades de localização. É uma "cabência", isto é, uma capacidade de caber algo. O Universo inclui o espaço, o tempo e o conteúdo que ocupa espaço e se altera no tempo, que são matéria, radiação e campos, bem como as estruturas disso e as ocorrências que se dão com essas estruturas ou sistemas. Por extensão semântica, também se pode falar de Universos particulares, como o Universo das bibliotecas, como o conjunto de todas as bibliotecas que existem, existiram ou existirão. Da mesma forma de Espaços particulares. A diferença é que universo é um conjunto de coisas e espaço é um conjunto de possibilidades de haver coisas.
Gostei do seu Ask. Estou seguindo.

Na sua opinião , o Universo tem fim ou é infinito ?‎ Bruno Henrique

Não é uma questão de opinião e sim de conclusão a partir dos dados observacionais. E eles indicam que o Universo seja infinito. Se fosse finito, não teria um "fim", isto é, um limite. Ele seria curvo de modo que, indo-se sempre para frente, se retornaria ao lugar de partida por trás. Só que esse lugar já se teria afastado pela expansão cósmica.

O que o senhor acha sobre a Teoria do Caos?‎ Thalles Ferreira

Mais uma vez, afirmo: Em ciência não se "acha" nada. Sabe-se que seja válido ou inválido, face os conhecimentos disponíveis. E a Teoria do Caos é válida, até que se mostre que não seja por algum fato novo.

eu so ateu , se o estado é '' laico'' por que tenho que anda com sedulas de dinheiro escrito '' deus seja louvado'' e eu ir em locais publicos e ter coisas religiosas la?‎ Antonio Castelo Branco

Porque são as únicas que existem com validade no Brasil. Mas está errado. Todavia ainda não se conseguiu tirar essa frase das notas. E não será fácil, pois dependeria de uma lei e os deputados não vão aprovar, pois a maioria do eleitorado concorda.

eu so ateu , se o estado é '' laico'' por que tenho que anda com sedulas de dinheiro escrito '' deus seja louvado'' e eu ir em locais publicos e ter coisas religiosas la?‎ Antonio Castelo Branco

Porque são as únicas que existem com validade no Brasil. Mas está errado. Todavia ainda não se conseguiu tirar essa frase das notas. E não será fácil, pois dependeria de uma lei e os deputados não vão aprovar, pois a maioria do eleitorado concorda.

Existem pessoas burras?‎ Husky Siberiano

Sim, e inteligentes, como baixas, altas, gordas, magras, destras, canhotas, míopes, hipermétropes, de olhos azuis ou castanhos, de cabelos louros ou morenos, lisos ou crespos, de pele negra, branca, vermelha, parda ou amarela, de olhos puxados ou redondos, hetero, homo, bi ou assexual. São variações normais na espécie humana. Da mesma forma que muitas dessas característica podem ser modificadas, o nível de inteligência também. Pode-se emburrecer ou ficar mais inteligente, a partir do quanto se nasceu com. A questão é desafiar o cérebro, desde a primeira infância. O que se chama de inteligência é a capacidade mental de solucionar rapidamente desafios de toda ordem, com sucesso. Quem é mais custoso ou incapaz de solucionar desafios tem pouca inteligência, o que é chamado de "burro". Muitas vezes consegue com mais tempo. O inteligente consegue com menos tempo. O grau de inteligência se aprimora com a aquisição de conhecimentos e o desenvolvimento de habilidades mentais e motoras também.

o Brasil é um estado Laico?‎ Antonio Castelo Branco

Teoricamente sim. Na prática ele privilegia o cristianismo, já que há crucifixos nas repartições, no Supremo Tribunal Federal, no Congresso Nacional, nas Câmaras Municipais, nas Salas de Juri e assim por diante. Também privilegia o teísmo de qualquer modalidade, com a inscrição "Deus Seja Louvado" nas cédulas de dinheiro. Tudo isso fere a Constituição. Do mesmo modo que aulas de Ensino Religioso e não de Religiões em escolas públicas e, até mesmo, a prática de orações em escolas não confessionais. A presença de capelães nas forças armadas é outra anomalia, mormente que são, quase sempre católicos, mas, pelo menos, cristãos. Não há abertura de vaga para capelães muçulmanos, hinduístas ou budistas. Nem da Umbanda ou Candomblé.

De onde surgiu a força que deu origem ao Big Bang?‎ Husky Siberiano

Trata-se de um campo repulsivo inerente ao próprio espaço, que já surgiu com ele quando o Universo surgiu, sem ter do que provir, sem causa e sem propósito. O Big Bang não se deu por ação de uma força. O campo de expansão do Universo não é uma interação, de que uma força seria a medida da intensidade, mas uma propriedade de inchamento ou dilatação do próprio espaço, sem empurrar nada. O conteúdo do Universo fica parado mas o espaço que separa cada porção cresce. Isso é a expansão cósmica que começou no Big Bang, intensificou-se na inflação, depois se arrefeceu e agora está se acelerando de novo

O senhor tem uma opinião formada sobre as pessoas preconceituosas no geral? tanto racistas, como homofóbicos, etc‎ Lare

Sim. São pessoas mesquinhas, imbecis, execráveis, tacanhas, merecedoras de todo o desprezo e nenhuma consideração e respeito. Não importa em relação a que sejam preconceituosas. Preconceito é um vilipêndio.

Cheguei a uma conclusão estranha sobre imortalidade. Todos morremos fisicamente e espirutualmente, é um processo natural, mas existe uma forma de se tonar imortal (pelo menos enquanto houverem pessoas no mundo), é preciso apenas ensinar alguém, escrever um livro talvez, imortalidade intelectual. Min‎ Don Juan I

Exatamente. Você pode se imortalizar na História. Ter a sua biografia nas enciclopédias. Basta ter um feito memorável, uma descoberta brilhante, uma grande obra literária, musical, cinematográfica, científica, pictórica, política, humanista, ou, até, criminosa. Quem sabe ter estátuas em praças públicas, nomes de ruas em muitas cidades, quadros nos museus, mausoléu repleto de visitantes. Sua obras forem objeto de estudo nas escolas e exame nos vestibulares. Escreverem livros sobre você. Essa é a única forma de imortalidade.

Acredito em Deus, sou evangélico e talz. Mas, tem alguns ateus que tem preconceitos ou sei lá. O senhor tem? O senhor é muito inteligente, te admiro demais!‎ gasparb

Não tenho preconceito nenhum contra quem acredite em Deus. Não acho que seja burro e nem ignorante. Nem que seja desonesto. Só acho que está equivocado. Todavia não admito quem se faz de pregador da palavra de Deus para explorar e extorquir os outros, como pastores de algumas igrejas neopentecostais. Ou mesmo padres católicos. Esses são criminosos estelionatários e têm que ir para a cadeia.

Eu gosto de estudar, mas não gosto de escola. O que você me aconselha?‎ Husky Siberiano

nfelizmente o Brasil não contempla a possibilidade de se estudar por conta própria e só se submeter a exames. Uma possibilidade é você ir estudando sozinho, o que é bom pois pode, até, estudar mais coisas do que na escola. Depois você faz o supletivo do fundamental se tiver mais de 15 anos e do médio, se tiver mais de 18 anos. Se você realmente aprendeu tudo sozinho, você vai passar, inclusive no ENEM e em vestibulares.

Sobre homossexualidade: avalias da mesma forma que tatoos e piercings? Eu, por exemplo, que sou Hetero, acho feio, mas não errado, assim como o senhor avalia algumas tatoos. Mas acho que cabe aqui uma analogia á aquela famosa frase de Voltaire, trocando-se "palavras" por "atos". O senhor concorda?‎ Victor Hugo

Com a homossexualidade? Claro que concordo. Acabei de responder a respeito. Não é um comportamento errado em nada. Qual o problema? É bom, que as pessoas se amem o máximo possível. Seja quem for com quem for. Odiar é que é ruim. Ter preconceito é que é ruim. Desprezar é que é ruim. Amar sempre é bom, desde que o amor não seja possessivo nem prejudicial ao amado. Muito menos egoísta. Não tenho a menor vontade de amar ou ser amado por outro homem. Em verdade tenho gastura. Mas acho que quem gosta tem pleno direito de se expressar como queira. Mesmo que fosse meu filho ou minha filha.

"Toda perfeição é um defeito". - Voltaire. Concorda com essa frase ? Quero dizer, ela propõe um ciclo. Se a perfeição é um erro e errar é humano então somos perfeitos e isso é oque causa a nossa imperfeição. Mesmo que nos alcançemos a perfeição estaremos errando. Essa lógica é aceitável ?‎ Don Juan I

Não. A perfeição não é um erro. Pelo contrário, é uma virtude. Mas quase impossível de se alcançar. Todavia deve ser o alvo de tudo na vida. O fato de errar ser humano, absolutamente, não justifica nem perdoa o erro. Apenas diz que é possível. Mas deve ser abominado, especialmente em si mesmo. Nos outros, pode ser desculpado e perdoado, se não foi intencional e se há propósito de não ser repetido. Mas em si mesmo é indesculpável. Quem erra não deve pedir desculpa. Deve assumir o erro e suas consequências, esforçando-se por não voltar a cometê-lo. A perfeição tem que ser uma meta, como a santidade o é para quem possua religião. Não consigo admitir que alguém diga que possua uma religião mas não pretenda ser santo. Isso é uma incoerência total.

O que acha dos homossexuais?

Não acho nada. São pessoas normais como qualquer outra. A diferença entre homossexuais, heterossexuais, bissexuais e assexuais é como a que existe entre destros e canhotos. Trata-se de uma orientação inata. Mas pode também ser uma opção consciente, em discordância da orientação, igualmente legítima. Não como a opção por ser ladrão, que é criminosa. Não se constitui em defeito nenhum. Como a estatura, a cor da pele, o tipo do cabelo, a cor dos olhos. Uma variação normal.

O que você pensa a respeito do dualismo?‎ Bruno Ribeiro

Você se refere ao dualismo da mente, isto é, a concepção de que há um aspecto físico-biológico, o cérebro e um espiritual, a alma? Discordo totalmente. Para mim só há um: o físico-biológico. Alma e espírito não existem. Todo o psiquismo é produto do funcionamento do cérebro e seus anexos. Isto é, algo completamente natural, mesmo que não seja apenas material. Mas físico não é só material. Envolve matéria, campos, radiação, espaço, tempo, estruturas e ocorrências. E a mente, bem como seus atributos, são funções da matéria e sua estrutura espacial, bem como dos campos e suas ocorrências dentro do cérebro e anexos. Como também de reações químicas e impulsos elétricos. Tudo isso constitui a mente, as sensações, as percepções, a consciência, a auto-consciência, a memória, o pensamento, as emoções, o raciocínio, os sentimentos, os desejos, a vontade, as decisões, as ações, enfim, a vida psíquica. Que desaparece completamente com a parada de funcionamento do organismo que se dá na morte. Não resta nada.

O que o senhor acha sobre pessoas que tem piercings, tattoos, alargadores e coisas do tipo?‎ I'm vampire ♥

Não acho nada. Acho que cada um tem o direito de usar o adorno que quiser, como a roupa, o penteado, o calçado, joia, bijouteria, adereços. À vontade. Alguns são bonitos, outros são feios. Não faço juízo de valor, mas faço juízo estético, como se fica ou não bonito e elegante, como uma roupa, uma joia ou uma bijouteria. Não vejo que isso signifique nada a respeito da personalidade e do caráter da pessoa. Mas vejo uma qualidade. Trata-se de uma pessoa que não se importa com a opinião dos outros sobre si. E, para mim, isso é ótimo. Pessoalmente não gosto de usar. Mas meu estilo é antiquado. Não uso tênis nem camiseta de malha, muito menos com escrito. No máximo uma camisa polo. Mas prefiro de pano com botões. O que não signifique que não possa achar bonito, se for.

O que o senhor acha do argumento cosmológico de Kalam?‎

Completamente falacioso. O que ele afirma é que o tempo não poderia ser eterno para o passado, pois assim, não teria havido tempo para se vir desde o início dos tempos até hoje, e, então, hoje não existiria. Como estamos aqui, o tempo não pode ser infinito para o passado. A falácia consiste em conceber um tempo infinito para o passado como uma semi-reta com origem infinitamente deslocada para o passado. Não é isso. Um tempo infinito para o passado é um tempo que não teve origem. Qualquer momento teria um que lhe antecederia. Então não há uma origem dos tempos em momento nenhum, nem infinitamente deslocada para o passado. Mas se pode conceber uma origem móvel como sendo o momento atual, sempre avançando para o futuro. Então não há impedimento lógico para haver uma infinidade de momentos passados, já que não houve um que fosse o começo. Isso, portanto, não inviabiliza a existência do presente. Todavia, o fato de o argumento Kalam não ser válido não implica que, de fato, o tempo não tenha tido um início. A questão não é mais lógica, mas fenomenológica. Ao que tudo indica, com boa confiabilidade, é que houve, pelo menos até onde seja capaz de se observar, um momento inicial dos tempos, já que tudo começou a se expandir em um dado momento. Se o conteúdo do Universo já existisse antes da expansão, de forma imutável, o tempo não passaria.

Qual é o passo a passo da formação do universo a até sua possível extinção? Será uma sucessão infinita de big bangs e big rips?‎ Leinadv

Entendo que não. Se fosse haver um Big Crunch, então sim, a ele se seguiria um novo Big Bang e o último, que gerou este universo, teria sido antecedido pelo Big Crunch do universo antecedente. Mas o cenário do Big Rip é único, o que também implica em um Big Bang único para este universo. Poderiam haver universos paralelos, que poderiam ter cenários diferentes, alguns com Big Crunchs. Mas isso é uma suposição não confirmada. Como certo temos apenas a existência deste universo, do seu Big Bang e, muito provavelmente, do seu Big Rip.

Para você qual é o idioma mais difícil de se aprender ?‎ Azevolt

Depende do idioma de origem. Para quem fala português, de nascença, penso que seja mais difícil aprender chinês, japonês, coreano e as línguas correlatas. Mais do que indiano, persa, grego ou russo, por exemplo, que têm a estrutura semelhante às ditas indo-européias. O árabe e sua irmã o hebraico também são difíceis para nós. As mais fáceis são nossas irmãs neolatinas, como espanhol, francês, italiano, romeno, bem como o inglês, mesmo sendo germânica, já que teve muita influência do latim e do francês. Outras difíceis são as línguas africanas nativas, como zulu.

A matéria absorvida por um buraco negro vai parar aonde?‎ Leinadv

Fica em seu caroço, que é a região central, de altíssima densidade (10^84 g/cm³), às vezes chamada de "singularidade", mas não verdadeiramente puntiforme, pois nessa densidade os pressupostos da relatividade geral não mais se aplicam. O "Buraco Negro", contudo, é todo o espaço entre a singularidade e o horizonte de eventos, ou seja, a "barreira de não retorno". Em verdade ele é uma superfície imaginária, não havendo nada lá, exceto vácuo (que não é vazio, pois tem o campo gravitacional, além do elétrico e magnético, se houver). Nem sempre, contudo o caroço está parado, pois ele pode estar girando.

Ernesto, me diga sua opinião. Tenho 17 anos e estudo programação por conta própria anos, no inicio deste ano criei um site e comecei a ganhar bastante dinheiro com ele, porém, quero fazer faculdade ano que vem e ao mesmo tempo criar outra empresa. O que seria benéfico? Investir ou Faculdade?‎ Bruno da Silva

Acho perfeitamente possível você fazer as duas coisas e recomendo. Não sendo possível e tendo você bom tino empresarial, é preferível se dedicar ao empreendimento, pois o conhecimento você pode obter sem faculdade, já que, sendo patrão, você não vai exigir diploma de si mesmo.

Você não acha que as vezes ser cético demais, não nos tira um pouco de ''vida''?‎ Beatriz

De modo nenhum! Muito pelo contrário. É justamente o ceticismo que nos acicata a mergulhar na busca da verdade, pesquisando com afinco tudo que for possível e dedicando o maior esforço mental possível para extrair conclusões dos dados das observações e experimentos, a fim de que a verdade venha à luz. Essa é a maravilhosa empreita da ciência, tão fascinante como a dedicação à poesia, à música, à pintura, à dança, à escultura e a todas as artes, bem como à filosofia e à lida prática da vida, especialmente a que se dedica a consertar o mundo, a criar os filhos, a educar a juventude, a curar os enfermos e a gozar as delícias do amor.

Você não acha que as vezes ser cético demais, não nos tira um pouco de ''vida''?‎ Beatriz

De modo nenhum! Muito pelo contrário. É justamente o ceticismo que nos acicata a mergulhar na busca da verdade, pesquisando com afinco tudo que for possível e dedicando o maior esforço mental possível para extrair conclusões dos dados das observações e experimentos, a fim de que a verdade venha à luz. Essa é a maravilhosa empreita da ciência, tão fascinante como a dedicação à poesia, à música, à pintura, à dança, à escultura e a todas as artes, bem como à filosofia e à lida prática da vida, especialmente a que se dedica a consertar o mundo, a criar os filhos, a educar a juventude, a curar os enfermos e a gozar as delícias do amor.

O que acontece se dois buracos negros de mesma força gravitacional se encontram?‎ Thassia Gondek

Independentemente de suas massas, se a região interior ao horizonte de eventos de um buraco negro interceptar a mesma de outro, eles se fundirão em um único, de massa somada. Se não se interceptarem, eles orbitarão um ao outro, como um sistema binário de estrelas, tendo o centro de massa do par como o ponto focal das órbitas elípticas.

Se Deus não existe pra você, porque escreve de letra maiúscula?‎ Oeste SC

Depende. Quando uso a palavra como substantivo comum, referindo-se a qualquer deus, genericamente, grafo em minúscula. Quando uso como substantivo próprio, referindo-se ao Deus único das religiões abrahãmicas, mesmo inexistente, grafo em maiúsculas. Não é uma questão de crença, é uma questão de gramática.

Complementando a resposta das vacas.‎ Ernesto von Rückert

Se considerarmos que não se pode matar nenhum ser vivo, então não poderemos matar ratos, baratas, aranhas, pulgas, piolhos e nem bactérias. Se não pudermos matar seres sencientes, onde está a fronteira? Digamos que insetos não sejam sencientes, mas ratos seguramente o são. Não estou dizendo que considero que seja possível matar porcos e vacas e não cachorros e gatos. A questão não é tão simples. Por isso é que ainda não cheguei a uma conclusão. Apresente seus argumentos, pois ainda estou estudando o assunto. Ou talvez a diferença seria não a senciência mas a auto-consciência. Será que vacas e porcos nâo a têm? Pelo que sei, chimpanzés, bonobos, gralhas, papagaios, golfinhos e alguns outros têm auto-consciência. Mas... seria esse o critério?

Eu crio vacas, logo, eu tenho direito de criar elas para comer sua carne tendo posse de sua vida? Lembrando: Ao matar elas, matarei sem que elas tenham dor.‎ Bruno da Silva

Legalmente sim. Eticamente não sei. Ainda estou refletindo sobre isso e não cheguei a uma conclusão. A princípio acho que não é ético criar animais para comer, mas não tenho certeza. Quando eu concluir eu digo. Mas isso pode levar anos de ruminação e consultas de pareceres pró e contra. Não tenho pressa de concluir. Inclusive porque como carne, sendo, pois, incoerente comigo mesmo.

Se você pudesse ter uma conversa com algum falecido, quem você escolheria? E por quais motivos escolheu esta pessoa?‎ Bárbara Santos

Com meu pai. Adorava conversar horas a fio com ele. Discutíamos os destinos da humanidade, os sistemas políticos, religião, filosofia, educação. Ele só não entendia de Física e Matemática, pois era professor de História e Geografia. Adorava assistir com ele filmes históricos, enquanto comentávamos os fatos e os erros do roteiro. Ou ouvirmos música clássica juntos, comentando as partes.

Como o senhor acha que será o mundo daqui à 50 anos?‎ Ted

Muito parecido com o que é hoje. 50 anos é bem pouco tempo para que haja grandes mudanças. As religiões ainda existirão, os países ainda existirão, mais ou menos os mesmos. A fome ainda existirá. A Sida também, mesmo que se ache uma vacina e uma cura, mas só para os ricos. O mesmo digo do câncer. Certamente teconologias serão aperfeiçoadas e novas aparecerão. Mas o essencial ainda continuará como é: existirão ricos e pobres. Acho que algumas coisas piorarão, como a criminalidade e a corrupção. Isso vai melhorar, mas antes vai chegar a um nível crítico que levará as pessoas a reagir com veemência. Então, dentro de uns 500 anos, melhorará. O aquecimento global acho que ainda vai aumentar, mas depois diminuirá, não por ação humana, mas porque é um ciclo da natureza, que o homem perturba, mas não altera tanto assim. Em suma, ainda não será o tempo de todos criarem vergonha na cara. Os espertalhões ainda controlarão o mundo. Sou otimista em relação ao progresso da humanidade, mas numa perspectiva de milhares de anos.

Considera o anarquismo uma utopia?‎ Mari, 1697.

Se utopia for entendido como algo inalcançável, o anarquismo não é uma utopia. Se se entende por utopia um ideal a ser buscado a longo prazo, sim, é uma utopia que se realizará dentro de alguns séculos ou poucos milênios, por evolução da humanidade. Mas, com um esforço consciente, pode chegar em poucos séculos. Há que, primeiro, criar condições para que governos, dinheiro, propriedade, fronteiras, exércitos, polícia e tudo isso deixem de existir, não por decreto, mas por falta de necessidade. Para tal há que se extinguir a pobreza e a grande riqueza pessoal, a ignorância, a doença, as religiões (pode-se, contudo, crer em deus), os crimes, a preguiça e a cobiça.

Na época da sua primeira graduação, como descobriu e amadureceu a ideia do seu TCC (Monografia)?‎ Filho do ☈ei •

Quando eu fiz graduação (de 1968 a 1971) não havia monografia de conclusão de curso.

Como é que seria a Educação anarquista? Ela continua na mesma de professores e alunos? Porque se pensarmos bem, o professor é um meio de autoridade. E deve haver igualdade no anarquismo.‎ Luiz Gustavo

Não. É completamente diferente. Os professores são conselheiros. Não existe aula, nem série, nem provas. Existem temas a serem aprendidos em estudos em grupo orientados pelos professores em espaços comunitários da escola, que é toda ela uma biblioteca e laboratórios. Os conselheiros, por interação com os estudantes, confirmam se eles aprenderam e registram o tópico vencido. Até que se complete tudo o que for preciso. Cada um no seu ritmo, sem hora de entrar e de sair. A escola fica aberta ininterruptamente. Os conselheiros ficam por conta só dela, Aprende-se tudo, inclusive horticultura, corte e costura, mecânica de carros, eletrotécnica, marcenaria, além das matérias acadêmicas, da educação do caráter, da educação afetiva e, até, a fazer sexo como se deve.

Boa noite, professor! Aproveitando a pergunta sobre ler vários livros ao mesmo tempo: o senhor acha válido para alguém que esteja estudando para o vestibular (como é o meu caso), estudar vários assuntos paralelamente? Estudando física, intercalar vetores, eletricidade e óptica, por exemplo. Sua res‎ Camila Misa

Desde que você feche um tópico, não há problema. É até bom, no meu entendimento. Desde que, é claro, você esteja recapitulando. Pela primeira vez há uma sequência lógica indispensável.

Você acredita que o anarquismo deve ser colocado no mundo por meio de uma "revolução mundial" ou por meio de evolução?‎ Luiz Gustavo

O anarquismo não pode ser implantado por uma revolução porque, nesse caso, os vencedores teriam que ter autoridade sobre os vencidos, para que eles não derrubassem a revolução. E autoridade é algo contrário aos princípios anarquistas. O anarquismo só pode ser alcançado por evolução e rebeliões.

É possível existir vida sem o carbono como base?‎ Lucas Rodrigues

teoricamente sim, mas bem improvável, já que o melhor candidato seria o Silício, que, todavia é bem mais pesado. Tanto que não existe uma "Química Orgânica" e nem uma "Bioquímica" do Silício, como há do carbono, mesmo com compostos produzidos artificialmente e não em organismos.

Qual é a sua opinião sobre as questões que envolvem um possível processo de separação dos estados sulistas?‎ Diego Schroeder

Em verdade acho que quanto mais fragmentado for o mundo em países, melhor. O Brasil deveria se dividir em um monte de países pequenos, até menores do que os estados federativos atuais. Mas todos unidos por algo semelhante à Comunidade Européia, O mesmo eu digo em relação aos Estados Unidos e os demais países. Como aconteceu na Iugoslávia e na União Soviética. Mas essa União não deveria ser regional e sim mundial. Para mim é a melhor maneira de se chegar à anarquia, isto é, à abolição total dos estados, governos e fronteiras.

Tem como transformar energia em matéria?‎ Lucas Rodrigues

De modo nenhum. Energia é um atributo dos sistemas físicos. Matéria é uma modalidade de entidade constituinte do Universo. Pertencem a categorias diferentes. O que se pode é transformar energia em massa e vice-versa e matéria em radiação e vice-versa. Quanto uma partícula se aniquila com sua anti-partícula elas se transformam em dois fótons de radiação, cuja energia equivale às massas das duas partículas. Da mesma forma é possível fazer surgir um par de partícula e antipartícula a partir de dois fótons cujas energias sejam suficientes para formar a massa das partículas. Não existe energia que não seja uma propriedade de uma entidade. Ela não existe sozinha. Como não existe tamanho, peso ou temperatura que não seja de algo. Não se pode comprar dois metros ou dois quilos de coisa nenhuma.

É bom ou ruim ler dois livros ao mesmo tempo?‎ Lucas Santana

Acho ótimo. Eu leio uns quatro ou cinco em paralelo ao longo de um mês, dando uma média de um por semana. É bom para confundir e, assim, obrigar o cérebro a relembrar do que ficou para trás. Isso aumenta a inteligência e a capacidade memorizativa. É o inverso da lei do menor esforço, que é péssima para o desenvolvimento da inteligência.

segunda fez 2 anos que eu e o menino (unico) q amei, terminamos. Ele mora na capital de sp, e eu interior, mas ele ja veio aqui com os pais. eu tinha 13 anos na época, e ele 16, agr to c 15 e ele 18, não sei se devemos reatar, quando fui pra la ele demonstrou gostar de mim, luto por ele ou não?pfvr‎ capirota

segunda fez 2 anos que eu e o menino (unico) q amei, terminamos. Ele mora na capital de sp, e eu interior, mas ele ja veio aqui com os pais. eu tinha 13 anos na época, e ele 16, agr to c 15 e ele 18, não sei se devemos reatar, quando fui pra la ele demonstrou gostar de mim, luto por ele ou não?pfvr‎  capirota

"Não sinta-se importante porque elogiaram a sua beleza. Sinta-se importante quando elogiarem o seu caráter, beleza não é capaz de mudar o mundo." O que o senhor acha dessa frase? Concorda? Fale um pouco sobre.‎ Larissa pietra

Integralmente. É o que eu venho sempre dizendo. Não só a beleza, mas, mesmo, a inteligência, a cultura e a riqueza são valores menos importantes para a sociedade do que o caráter. Daí a necessidade que vejo de que a educação formal se debruce com prioridade sobre a educação do caráter, em relação á instrução para exames vestibulares e o Enem, por exemplo. Inclusive é papel da escola educar os pais dos alunos, pois muitos contrariam o que a escola preconiza em termos de formação do caráter.

A violência na sociedade brasileira possui solução ?‎ Lucas Felix

Sim. Em três frentes: Primeira: rigor policial e jurídico. Penas mais severas a serem cumpridas integralmente, com trabalhos e sem regalias. Segunda: redução do desequilíbrio sócio-econômico e aumento geral da prosperidade, com eliminação tanto da pobreza quanto da riqueza exagerada. Terceira; educação ampla e elevada para todos, incluindo o aspecto obrigatório de formação do caráter. Se isso for aplicado gradativamente, em menos de cem anos o problema é resolvido. Mas tem que começar agora e sem esmorecimento.

Professor, sei que tu não é conselheiro amoroso mas por favor me dá uma ajuda? O que fazer quando em um relacionamento o teu namorado anda te tratando mal a toa, sendo grosso, se irritando facilmente com pouca coisa mas ainda diz que te ama. Sei que já tens mais experiencia na vida, então.. :/‎ .

Absolutamente ele não te ama. Ele só que ser amado por você. Não quer perder esse amor, mas não retribui. Quem ama é gentil, amável, educado, atencioso, solícito, cortês, especialmente com a pessoa amada. Faz de tudo para lhe agradar e desculpa alguma desatenção. Não acho que compense manter uma relação amorosa nessas bases. Há outras pessoas no mundo que hão de lhe amar de verdade e não egoisticamente.

por que o senhor nao responde coisas relacionadas a drogas ? ja perguntei umas 5x oq acha da maconha‎ Dimba

Acho que as drogas, todas, inclusive álcool e tabaco, são extremamente prejudiciais à saúde. Todavia acho que todos têm a liberdade de se suicidar, rápida ou lentamente. A questão é o problema social. O tabaco não traz problema social imediato muito grande, porque ele não altera o comportamento. Mas prejudica os não fumantes, não só pelo cheiro, mas por poder causar câncer ao se inalar sua fumaça exalada pelos outros. Mas o tabaco causa um grande dano à saúde pública por causa da incidência de câncer que provoca. O álcool provoca danos sociais grandes, como atropelamentos, ferimentos e mortes por brigas. A maconha, a cocaína, a heroína, o LSD e outras provocam danos sociais maiores ainda. Se os danos fossem só ao usuário, problema dele. Mas acho que é preciso proteger a sociedade. A liberalização do uso de drogas, mesmo da maconha, no meu entendimento, seria maléfica no cômputo geral. Para mim o álcool e o tabaco também deveriam ter a venda controlada. O tabaco, para mim, deveria ser abolido totalmente, com o fechamento das fábricas e o extermínio das plantações. Para não provocar muito desemprego, isso poderia ser gradual, digamos em dez anos. Seriam cortados todos os incentivos e empréstimos para financiar a lavoura do tabaco, ao mesmo tempo que se sobretaxaria qualquer cigarro, charuto ou fumo exorbitantemente, para que fosse caríssimo. O prejuízo que o tabaco faz à saúde pública, sendo estancado, mais do que compensaria a redução da arrecadação dos impostos dessa atividade. Sem contar que o que mais importa não é o aspecto econômico, mas a saúde das pessoas.

Defina ''ponto material''‎ Wen Wierzba

Trata-se de um corpo cujas dimensões sejam desprezíveis em relação ao tamanho da trajetória descrita por seu movimento. Por exemplo a Terra em sua órbita em torno do Sol, mesmo que ela tenha 13 mil quilômetros de diâmetro. Mas a sua órbita tem 1 bilhão de quilômetros de comprimento.

Poderia explicar sobre corrente alternada...‎ Jordines Ros

Toda corrente elétrica é um movimento de cargas não aleatório, isto é, de tal modo que há um fluxo global resultante ao longo de um tempo e um deslocamento maiores do que os devido apenas à agitação térmica. Quanto ele acontece com um sentido de avanço permanente, a corrente é dita contínua, mesmo que variável. Quanto ele se dá com inversão e reversão consecutivas de sentido, ela é dita alternada. De modo geral, a corrente alternada de transmissão de potência elétrica, isto é, para acionamento de dispositivos elétricos, é de forma senoidal, com uma frequência definida. No caso da rede pública de fornecimento de energia elétrica, no Brasil, ela é de 60 Hertz. Há, correntes alternadas com modulação não senoidal, como as estabelecidas nas antenas de rádio de amplitude modulada e, mesmo, com frequência variável, como nas antenas de rádio de frequência modulada, telefonia celular, televisão e outras. Na corrente alternada, o sentido do movimento dos portadores de carga, que nos metais são os elétrons de valência, inverte com o dobro da frequência, isto é, numa corrente de 60Hz os elétrons mudam o sentido do movimento 120 vezes por segundo. Isto quer dizer que a polaridade de uma tomada de CA munda de positiva para negativa 120 vezes por segundo em cada polo, ficando oposta no outro. Durante esse tempo, um elétron se desloca cerca de um centésimo de milímetro para frente e para trás, no fio. Mas isto se refere à velocidade líquida de deriva, que é cerca e 1 mm/s. A velocidade devido à agitação térmica é da ordem de 1000 km/s. completamente aleatória, com um trajeto médio de décimos de milionésimos de milímetro.

muito obrigada pela felicitação.e mais uma coisa: realmente existe essa de que tal universidade é melhor que outra? moro em Goiânia e pretendo fazer na federal daqui (até mesmo por questões financeiras), mas alguns dizem que a UNB é melhor no quesito 'humanas'.‎ Jordana Flores

(continuando...) vale a pena me esforçar para adentrar em tal ~unb~?
A UNB, realmente é melhor em História (a primeira do Brasil). Se for possível, faça lá. Mas se não, faça em Goiânia mesmo e, depois, faça mestrado e doutorado em Brasília, já com bolsa de estudos. O importante é que você, pessoalmente, vá bem além do exigido e se destaque como uma estudante excelente e não só boa. Se dedique à Monitoria, à Iniciação Científica e, principalmente, estude em vários livros e não só no adotado. Meta a cara mesmo. Sejo o expoente da turma. Assim você será recomendada pelos professores para o mestrado com louvor. Converse muito com os professores fora da aula para se aprofundar além do que é dado. Inquira-os durante as aulas e não deixe passar nada sem ter entendido a fundo. Nunca se contente apenas em passar e nem só em saber tudo o que seja dado. Vá bem além. Assim é que se forma uma historiadora ou uma professora de grande destaque. E, principalmente, escreva. Abra um Blog e escreva artigos com suas opiniões sobre fatos históricos. Provoque celeumas. Polemize. Mas com embasamento. Escreva apostilas, ensine aos outros. Seja um destaque na turma.
http://guiadoestudante.abril.com.br/blogs/melhores-faculdades/os-12-melhores-cursos-de-historia-do-brasil/

Em sua concepção; todas as ações humanas são voltadas para algo que lhes proporcione alguma espécie de retorno, Ainda que seja por secreta satisfação pessoal?‎ Pedre ®

Não acho. Mesmo considerando as ações livres, pois as feitas por coação não entram nesse cômputo, acho que muita gente faz muita coisa de modo completamente altruísta e, até, com prejuízo, aborrecimento ou insatisfação, simplesmente por dever ou por piedade. Porque "tinha que fazer" ou porque "quis fazer", mesmo a contragosto, isto é, sem o menor prazer.

Qual o caminho da intelectualidade?‎ Ans

er muito, muito mesmo. Demais. Mas não se fixar num assunto só. Ser eclético: artes, cultura, humanidades, ciências. E exercitar a inteligência com a matemática, os enigmas, os desafios lógicos. Escutar música clássica, buscando conhecer. Assistir filmes importantes do cinema e ler sobre eles. Ler romances notáveis e pesquisar a biografia dos autores. E escrever sobre tudo isso. Escrever é importantíssimo. Abra um blog e vá escrevendo. Ensinar também é ótimo. Mas isso leva tempo. Portanto, é difícil alguém se poder dizer intelectual antes de uns 35 ou 40 anos de idade.

Ernesto, pretendo cursar história e lecionar. no entanto, sabemos que o professor não é muito valorizado, principalmente quando se trata da área de humanas (é o que vejo). mas indo ao ponto, o que sugere que eu faça, isto é, que cursos me aprofundar após minha graduação? qual seguimento?‎ Jordana Flores

só por curiosidade, meus pais são meio receosos e meus professores abominam essa ideia de lecionar. eu fico até amedrontada tem hora, apesar de um tanto de certeza quanto a minha escolha.
Você diz que professores abominam a ideia de lecionar? Que tipo de professor e esse? Lecionar é uma das atividades mais relevantes em uma sociedade. Mais do que a medicina, o direito, a engenharia, a política, o comércio, a agricultura. Vale muito mais ser professor do que qualquer outra coisa, em termos de benefício para a humanidade. Para também ter um bom salário, você deve fazer a licenciatura, com o que já é professora, mas também deve fazer mestrado e doutorado, para ser professora universitária e historiadora. Ou conseguir lecionar em bons colégios particulares, que pagam bem. Ou passar em um concurso para uma escola federal, mesmo do Ensino Médio. História é um assunto fascinante. Há muito o que levantar que ainda é obscuro na História do Brasil, que requer muita pesquisa historiográfica. E História é uma excelente disciplina para abrir a mente da juventude e denunciar os males que, ao longo do tempo, os detentores do poder têm perpetrado contra o povo. Mas não da forma fanática de alguns esquerdistas xiitas, mas numa abordagem serena e imparcial. O mesmo com relação às religiões. O professor de História é que pode apresentar todas as religiões sob todos seus aspectos, para que a juventude possa escolher com conhecimento a qual se filiar, ou a nenhuma. Pode abordar ética e cidadania e outros temas transversais e tirar da moçada essa fixação só no que cai no vestibular e no ENEM. Te congratulo pela ótima escolha.

Tem pretensão de responder suas perguntas acumuladas ou elas simplesmente não te interessaram?‎ Álvaro Tavares

Muitas interessam, e muito. Mas terei que fazer uma triagem por absoluta falta de tempo. Nem adianta pretender responder todas, pois o influxo de perguntas cresce geometricamente e o efluxo de respostas, aritmeticamente. E não dá para eu dedicar mais de uns 90 minutos por dia a isso.

http://www.superradio.com.br/site/biblia-com-mais-de-1500-anos-e-descoberta-e-preocupa-vaticano-saiba-o-motivo/ o senhor poderia me explicar se o conteúdo é real?‎ Ivan

É preciso aguardar mais investigações isentas, isto é, nem cristãs nem islâmicas. De qualquer modo, é muito interessante. Sempre tive um pé atrás com Saulo de Tarso e nunca, nem quando era católico, aceitei bem a divindade de Jesus, muito menos essa história de redenção. De qualquer modo, mesmo essas afirmativas são consignações de mitos, como o de Adão e Eva.

Como chegar a ideia de heliocentrismo, sem utilizar do telescópio?‎ Elba Lauki

Pegue duas massas bem diferentes, de forma cilíndrica bem polida, prenda uma na outra por um cordão e as ponha para girar sobre uma mesa horizontal bem lisa. Você verá que a menor gira em torno da maior (em verdade em torno do centro de massa, que é muito mais próximo da maior). Como se pode saber o quanto o Sol é maior do que a Terra sem telescópio, já se sabia que ele fica 400 vezes mais longe da Terra do que a Lua e já se sabia que a Lua tem um quarto do diâmetro da Terra, como também já se sabia o diâmetro da Terra (posso mostrar como se acha isso tudo, mas é demorado explicar). Como os diâmetros aparentes do Sol e da Lua são quase idênticos, se pode concluir que o Sol é cem vezes maior do que a Terra em diâmetro, ou seja um milhão de vezes maior em volume. Mesmo que se considere uma densidade menor do que a da Terra (de fato, é um terço) sua massa deve ser bem maior (330.000 vezes). Então se pode concluir que o sistema Terra Sol, considerando que estejam soltos no espaço mas presos por sua atração, gira de tal modo que o Sol fica fixo e a Terra orbita. Esse raciocínio não foi feito por Galileu, mas por Newton, que nasceu no ano em que Galileu morreu, e que deve muito a ele e a Descartes, por sua geometria analítica que fundamentou o cálculo infinitesimal, inventado por Newton (e também por Leibiniz), necessário para deduzir a Lei da Gravitação Universal.

Qual sua concepção sobre Pragmáticos e Idealistas?‎ Deisy Héllen

Abomino o pragmatismo. O idealismo, como corrente filosófica que concebe uma realidade das ideias também não se sustenta. Mas o idealismo como postura de vida, isto é, como norma de ação visando o aperfeiçoamento da sociedade e das pessoas, para mim é o que se tem que adotar, sem se preocupar com a utilidade imediata, as vantagens ou, mesmo, a eficiência. Também não sou adepto do positivismo nem do racionalismo cartesiano. Prefiro o criticismo, o ceticismo e o fisicalismo. Mas não gosto de ser rotulado e nem acho válido ser adepto fiel de nenhuma corrente filosófica em particular, pois isso implica em concordar com todos suas propostas, o que impede uma postura eclética, como penso que é bom que seja, isto é, analisar tudo e reter o que seja bom de cada corrente.

A maioria dos átomos que compõem os humanos foi produzida em estrelas?‎ André Vareiro

Exceto os de hidrogênio, já que temos muito pouco hélio, todo o restante (oxigênio, nitrogênio, carbono e os metais) foram produzidos no interior das estrelas que, depois que explodiram, os espalharam pela galáxia. Desse material se formaram estrelas de segunda geração, como o Sol, de cujo material se formou a Terra e tudo o que há nela, inclusive nós. O hidrogênio e o hélio foram os únicos elementos formados antes das estrelas e galáxias, durante o Big Bang.

O que tem a dizer sobre a Revolução Russa e do poder dos Bolcheviques?‎ Braian Robert Oliveira Batista

A derrubada da monarquia foi um fato positivo. Mas sua substituição pela ditadura do proletariado, com a vitória do bolchevismo, não foi algo bom. Acho que se poderia ter aproveitado a oportunidade e se instalado, na Rússia, uma anarquia comunista, segundo a proposta de Kropotkin. Ou, pelo menos, um socialismo democrático e não estatal e de partido único. Além da fragmentação maior da Rússia, ao invés da formação da União Soviética. As diversas repúblicas soviéticas seriam nações não estatais, sem governo político, mas apenas administrações locais coletivistas. Isso aconteceu na Ucrânia por um breve período, bem como na Espanha.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Revolu%C3%A7%C3%A3o_Ucraniana
http://pt.wikipedia.org/wiki/Anarquismo_na_Espanha

Ernesto, quais são os movimentos do Sol e quais são seus principais aspectos?‎ André Vareiro

O Sol orbita o centro da Galáxia num período de 250 milhões da anos, a 26.000 anos-luz de seu centro. Além disso gira em torno de si num período variável de 25 dias no equador até 36 dias nos polos, uma vez que não é rígido.
http://www.enchantedlearning.com/subjects/astronomy/sun/rotation.shtml

Qual o pior defeito da sociedade?‎ Mari, 1697.

Criar obstáculos para a realização dos três ideais da Revolução Francesa: liberdade, igualdade, fraternidade. Todo mundo deve poder fazer tudo o que quiser, desde que não prejudique os outros, a sociedade e a natureza. Mas a sociedade, com sua moral tacanha, impede muita coisa completamente lícita. Bem como impõe restrições a muita gente por sua condição econômica, educacional, étnica, religiosa ou outra, contrariando o princípio da igualdade. Não uma igualdade imposta, mas uma igualdade de oportunidades, que cada um aproveita ou não, segundo suas capacidades. E, finalmente, o egoísmo que obsta a fraternidade, criando classes sociais e promovendo a concentração de benesses para poucos em detrimento de muitos.

de acordo com a teoria evolucionista,viemos de um certo ancestral comum,mas pq existe pessoas de diferentes tons de pele? como branco dos olhos azuis e negro dos olhos escuros?‎ Deninho lerdo

Isso já é uma diferenciação evolutiva dentro da espécie humana, que não chegou a ser tão grande a ponto de se constituir uma nova espécie. Lembre-se que a evolução é uma ramificação e não uma substituição. O fato de terem surgidos seres humanos brancos não acarretou que os negros deixassem de existir. Do mesmo modo com os mongóis.

~ O namorado curtindo baile funk sem a companheira , o que voce pensa a respeito disso ?‎ ♔Thaiis Kelly♔

Depende do que o casal tenha acertado entre si. Se combinaram que esse tipo de evento seria para ser feito apenas em conjunto, não está certo, mas se se concederam a liberdade de cada um ir a qualquer lugar sozinho, não tem problema.

As pessoas: que fumam e produz um cheiro de cigarro que incomoda a outros; As que botam musica alta e incomoda; As que são a favor do casamento gay; As que comem A carne que destrói a amazônia; Tem moral para reclamar de nudistas que querem exercer seu direito natural de andar nu?‎ animadruga1

Thiago: Ninguém "bota" música, nem alta nem baixa e sim "põe" música alta. Mas isso é o de menos. Ser a favor da possibilidade do casamento entre homossexuais não é nenhuma imoralidade nem é anti ético. Comer carne, também não é imoral, apesar de poder não ser ético. Nudistas devem ter o direito de andar nus, caso queiram, pois a proibição disso é uma norma da moral que não faz sentido, já que não fere a ética, pois não é prejudicial a ninguém. Todavia fere o costume e não é um ponto que valha a pena insistir em contestar, já que o uso de roupas não constitui em atitude anti ética. Além de ser mais higiênico e estético. Nas praias e piscinas, contudo, não há razão para ser impedido,

O que acha sobre os suicidas ?‎ .

Deploro que tenham desistido de viver, pois a vida é uma preciosidade de singularidade ímpar, que jamais se repetirá para cada um. Um grande privilégio. Todavia considero um direito inalienável o de se suicidar, mesmo que não o recomende, em absoluto. Por pior que se esteja levando a vida, exceto, talvez, quando se esteja submetido a torturas ou a uma enfermidade incurável e extremamente dolorosa, penso que viver seja preferível, mesmo na miséria, na prisão ou desamado, pois isso é reversível. E sempre se pode, pelo menos, pensar, o que é a segunda coisa melhor de se fazer na vida.

o que te levou a ser cosmólogo ?‎ bea

Escolhi a Cosmologia para meu mestrado por ser a parte mais filosófica da Física. A que lida com as questões mais obscuras e difíceis de se obter resposta. A outra, que também muito me atrai, é Teoria Quântica de Campos. Tenho uma índole teórica e não gosto de coisas práticas para estudar, mesmo que goste de trabalhos manuais. Mas, se eu fosse um engenheiro, seria um inventor, para desenvolver novos dispositivos e processos e nunca um aplicador de conhecimentos já existentes. Adoro é investigar o que não se sabe. Não me importo se tem ou não utilidade. Acho que a curiosidade pelo funcionamento do mundo é como uma atividade artística. Um pesquisador em Física Pura é como um compositor de sinfonias ou um pintor não figurativo. Ou como um arquiteto do tipo do Gaudí. Trabalha com o que não serve para nada, como é o caso de se saber como surgiu, se estrutura e evolui o Universo. Mas é fascinante. Enquanto isso, também estudo muita Física e Matemática para ensinar para os Físicos Aplicados e Engenheiros.

Qual das seguintes áreas tem mais chance de ter um pesquisador agraciado com um nobel no futuro : Cosmologia,Astrofísica,Mecânica Estatística ou Teoria De Campos e pq?‎ Vitor Barbosa

Teoria de Campos. É o que está sendo mais investigado, especialmente as tentativas de unificação da gravitação com as outras interações. Em minha opinião, a gravitação não é uma interação, mas se se conseguir mostrar que seja, será um grande trunfo. É o caso de quem conseguir provar que a teoria das supercordas seja correta.

Qual a sua opinião sobre a homeopatia?‎ Carolina Gaspar

Vejo que a questão de provocar a cura pelo acionamento do sistema imunológico com o uso de doses reduzidas do agente provocador da doença pode funcionar a longo prazo, como uma vacina, para males crônicos, mas não para problemas agudos. Por outro lado, o processo de dinamização por fracionamento e sucussão não tem a menor validade. O que acho interessante é a preocupação global com o estado da pessoa e não apenas com a doença. Mas isso pode e deve acontecer com a medicina de modo geral e não apenas a homeopática. Todavia, acho que a medicina baseada em evidências, dita alopática, é mais eficaz. Acho perigoso as pessoas confiarem nos tratamentos homeopáticos e ficarem cada vez piores em doenças agudas.

você acha que toda igreja evangélica rouba ?‎ bea

Não. Mas algumas sim. Acho que o dízimo, mesmo no catolicismo, é uma expropriação indevida. Entendo que todos os serviços religiosos devam ser gratuitos e quem trabalha nas igrejas deve o fazer voluntariamente, inclusive os pastores, padres e bispos, que teriam um outro trabalho para se sustentar. E as despesas dos templos seriam custeadas por doações voluntárias, do mesmo modo que o custo de suas construções. Na verdade, acho que não é preciso haver templo nenhum para qualquer tipo de culto. Ele pode ser feito ao ar livre. Para mim as comunidades de pessoas que seguem alguma religião devem ser anárquicas. Certamente que o melhor é não haver nenhuma.

ateus acreditam em demonios ?‎ bea

Ateísmo é a descrença em Deus. Mas se estende, normalmente, a toda realidade sobrenatural, como espíritos, alma, anjos, demônios e elementais. Ateus, portanto, em geral, não acreditam nisso.

Qual a sua contribuição para o mundo?‎ Husky Siberiano

Ter aberto a mente de mais de cinco mil alunos que passaram por mim, para que eles se maravilhem com o entendimento do funcionamento da natureza. Ter formado suas concepções no sentido libertário, tolerante, inquiridor, curioso, cético, reflexivo, magnânimo. Ter tido e criado dois filhos. Ter aberto a mente de milhares de pessoas que leem minhas postagens em meus blogs e sites de relacionamento, como este. Ter montado uma fabulosa biblioteca para doar ao povo. Ter ajudado a muita gente com bolsas de estudo e ensinamentos gratuitos. Ter acolhido e ajudado a cuidar de muitos cachorros abandonados. Ter divulgado o ateísmo e o anarquismo como concepções ideais para a humanidade e mostrado que são atitudes sérias, dignas, honestas, virtuosas e, principalmente, verdadeiras.

Física em teoria é uma maravilha rs (: concorda?

Sem dúvida nenhuma. Mas não em teoria e sim, de fato, isto é, na prática. É fascinante estudar como o mundo natural funciona em seu âmago, que é do que cogita a Física. Mesmo que não tenha utilidade nenhuma. Só saber é um grande prazer.

Quais seus argumentos contra o niilismo ?‎ Cássio Câmara Albuquerque

O niilismo considera que, não havendo Deus, não há ética, ou seja, tudo seria válido. Não é verdade. A ética não se fundamenta em divindade nenhuma e sim na consideração de que a humanidade seja gregária e, portanto, a ação de cada um não pode ser prejudicial aos outros, nem à sociedade e nem à natureza, à qual estamos simbioticamente unidos. Claro que isso tem que ser analisado, pois, às vezes, um mal menor pode ser justificado por um bem maior. A liberdade existe para tudo exceto para o que causa prejuízo.

Sobre relatividade, o que aconteceria se viajassem com velocidade v exatamente igual a c? Um viajante espacial voltaria para a terra antes de sua viagem inicial, por exemplo?‎ João Vitor

Isso não é possível para nenhum sistema que possua massa. Mas se acontecesse, o tempo não passaria para essa pessoa, isto é, ela se locomoveria instantaneamente. Mas não retrocederia no tempo. Apenas não avançaria.

O fato de existir grades e portões em todas as propriedades não te dá uma impressão de "cidade prisioneira"?‎ Marcos Farias

De fato. Isso é horrível. Para mim tudo deveria ser aberto. E não deveria haver residência particular. Só coletivas. Nem lojas. Só grandes mercados distribuição de produtos gratuitos. É o que eu chamo de comunitarismo ou coletivismo anárquico. Uma beleza! Nada é de ninguém e tudo é de todos. Sem propriedade, sem dinheiro, sem governo, sem leis, sem crime, sem estado, sem fronteiras.

Ernesto, sou estudante de física bacharelado, e tenho uma afinidade especial pela física teórica e computacional, porém, ainda não paguei nenhuma matéria de simulações computacionais ou programação. Você acha que seria melhor focar as eletivas do meu curso na área da matemática, ou da programação?‎ pedro victor bulhoes

Programação. Mas não linguagens voltadas para a área administrativa e financeira e sim científica, como lisp, matlab e, mesmo, assembler.