domingo, 1 de fevereiro de 2015

Ernesto, o que você pensa sobre vegetarianismo/veganismo? E o que tem a dizer sobre a indústria animal e os sofrimentos que nossos animais são sucumbidos? Concorda... Descorda? Pensa em algum tipo de evolução do ser humano a partir do veganismo...?

Sou vegetariano, mas não vegano. Considero que não há razão para submeter animal nenhum a sofrimentos. Mesmo para o aproveitamento de produtos que não requeiram seu abate, como leite, ovos, mel, lã ou outros. Tem-se que criar os animais para tal sem nenhuma crueldade. Não é por razões nutricionais que sou vegetariano e sim éticas. Por isso é que não sou vegano, pois vejo que alimentos de origem animal são necessários na dieta humana. Mas não carne (isso inclui peixes). Talvez, se me ficar provado que insetos não sejam sencientes, eu os comeria. Lagostas me parecem que sejam sencientes. O que não concordo é em matar um ser senciente. Muito menos um consciente, mesmo que essa consciência seja bem primitiva. Não entendo pessoas que condenam se matar um cão ou um gato para comer, mas não um porco, uma vaca ou um frango. Para mim toda a pecuária de corte deveria ser uma atividade econômica extinta. A ciência zootécnica tem que permitir que se faça inseminação artificial em vacas para que não se gerem bezerros machos que não dariam leite. Apenas uns, para produtores de sêmen.

3 comentários:

Guiomar Baccin disse...

Se é pela ética, então o único caminho é o veganismo.
Na indústria alimentícia é enorme o número de produtos com leite e ovos.
Para "produzir" esse leite a vaca é constantemente inseminada artificialmente - entenda-se estuprada - e seu filhote é roubado para fazer baby beef. Com os ovos a tortura e sofrimento não é diferente, a maioria das galinhas nunca chega a ver a luz do sol e passa a vida toda confinada em um ambiente que é 4cm MENOR que um TABLET.
Nenhum produto de origem animal é necessário para a dieta humana. Os 90 nutrientes essenciais a vida são encontrados abundantemente no reino vegetal.

Guiomar Baccin disse...

Por favor, leia essa reportagem e descubra porquê o vegetarianismo não basta > http://www.pensandoaocontrario.com.br/2015/02/porque-o-vegetarianismo-nao-basta.html

Ernesto von Rückert disse...

Vou examinar essas considerações.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails